Metodologia de planejamento para Aplicativos

1,346 views

Published on

Um metodologia dinâmica e completa com o passo a passo para se criar um aplicativo mobile de sucesso. Com ela os primeiros e mais importantes cases brasileiros foram ao ar. Nela apresento os seguintes tópicos: - Necessidades do mercado corporativo. - Necessidades humanas e o interesse das pessoas. - Premissas básicas para o planejamento de escopo. - Market Survey. - Personas e Jornada do Cliente. - Scrum para mobile apps? - Marketing para divulgação.

Published in: Business
  • Be the first to comment

Metodologia de planejamento para Aplicativos

  1. 1. Metodologia de Planejamento Aplicativos Móveis Alex Ivonika
  2. 2. Quem é o gordinho que vos fala?
  3. 3. Por que o Brasil é uma potência mundial no mobile?
  4. 4. 96%dos lares tem celular. Fonte: Kantar Wolrdpanel
  5. 5. +55.000.000de smartphones Fonte: Kantar Wolrdpanel
  6. 6. 98smartphones são vendidos por MINUTOno Brasil
  7. 7. 4 em cada 10 brasileiros já possuem acesso a internet móvel We are social Fonte: We are social
  8. 8. 95%das novas conexões de banda larga são MOBILE Fonte: Telebrasil
  9. 9. 0:58 1:01 1:32 1:35 1:55 2:25 2:26 3:10 3:25 França Japão Reino Unido Coréia do Sul China EUA Brasil México Argentina Média de uso diário de internet móvel (em horas) Fonte: We are social
  10. 10. 2biem vendas online feitas pelo MOBILE Nilsen The Mobile Consumer: A Global Snapshot. Gartner e Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico
  11. 11. Perfil dos consumidores mobile no Brasil
  12. 12. Fonte: Nilsen Brasil Entre os jovens, as mulheres usam mais. Já nos adultos, os homens são mais ativos.
  13. 13. Fonte: Nilsen Brasil 73% 14% 8%
  14. 14. Fonte: Nilsen Brasil Celulares sem sistema operacional devem permanecer com 20% de share para os próximos anos
  15. 15. Fonte: Nilsen Brasil $$$A $$B $C 13% 45% 39%
  16. 16. 33%usam como principal meio de acesso a internet Fonte: Nilsen Brasil
  17. 17. Smartphone é o dispositivo mais popular para assistir TV. Fonte: eMarketer
  18. 18. 98%dos brasileiros que tem internet móvel usam APPs Fonte: Yahoo!
  19. 19. Fonte: Nilsen Brasil Tabletsaté 1000 reaisrepresentam 87% do mercado brasileiro.
  20. 20. Fonte: Nilsen Brasil Quando mais usamos? Micro tédio Ao acordar Antes de dormir
  21. 21. 27 apps instalados em média Fonte: Nilsen Brasil
  22. 22. “Tá, mas como devemos pensar apps neste cenário?”
  23. 23. Sobre as pessoas
  24. 24. São as pessoas que estão em movimento, não os devices.
  25. 25. Pense mobile para o público BRASILEIRO, entendendo as NOSSAS necessidades.
  26. 26. Não são usuários, são pessoas.
  27. 27. Necessidades Não desejos
  28. 28. Premissas Básicas Market Survey Casos de Uso Definição de Valores
  29. 29. Premissas
  30. 30. #necessida O que você espera como retorno do projeto: 1. Abrangência ou nicho? 2. Rentabilidade é prioridade? 3. Renovar ou criar propriedade? 4. Alguma ideia do budget disponível? PREMISSAS
  31. 31. #necessida Definir com clareza qual é o assunto do seu aplicativo. PREMISSAS
  32. 32. #necessida Com quem vamos falar? É fundamental conhecer bem suas características e peculiaridades. PREMISSAS Faixa etária Hábitos sociais Classe social Momentos de uso Dados demográficos Conteúdo
  33. 33. #necessida A partir das definições anteriores é possível determinar as plataformas de atuação. 1. iOS (iPhone e/ou iPad). 2. Android (Smartphone e/ou Tablet). 3. Windows (Phone e/ou Desktop). 4. Facebook. PREMISSAS
  34. 34. MarketSurvey
  35. 35. #necessida Levantamento de mercado que tem carácter imparcial visando ferramentar os próximos passos de planejamento: 1. Pesquisa de aplicativos do mesmo assunto; 2. Pesquisas formais ou informais com pessoas; 3. Levantamento de tendências. Entre outras. MARKET SURVEY
  36. 36. Casos de Uso
  37. 37. #necessida Personificação de seu target. CASOS DE USO
  38. 38. #necessida O que são os casos de uso? São estórias que visam contextualizar o target definido em relação ao tema / assuntos do projeto. CASOS DE USO
  39. 39. #necessida CASOS DE USO Estas estórias são criadas respondendo algumas perguntas: onde? quando? ação de? entrega?
  40. 40. #necessida CASOS DE USO entrega? As entregas correspondem ao tipo de conteúdo ou serviço que o app será capaz de entregar.
  41. 41. #necessida#exemplo João da Silva Brasileiro - 45 anos Torcedor do Vitória - BH No restaurante enquanto janta com a esposa No horário do jogo pelo campeonato Querer saber o resultado de uma partida Ter resultado dos jogos em tempo real
  42. 42. #necessida CASOS DE USO As entregas são a matéria- prima do aplicativo. A união das entregas relacionadas deverão formar os Blocos de Interesse do conteúdo/serviço.
  43. 43. #necessida CASOS DE USO Exemplo de Blocos de Interesse =+ Clubes do Coração Cobertura Ao Vivo Conteúdo Histórico Integraçã o Social
  44. 44. Valores
  45. 45. #necessida A partir dos Blocos de Conteúdo é possível determinar os principais Valores de entrega do aplicativo. MARKET SURVEY VALORES Clubes do Coração Cobertura Ao Vivo Conteúdo Histórico Integração Social
  46. 46. #necessida Os Valores devem possuir, obrigatoriamente, relação entre si para que possa formar um Propósito de Valor coerente. MARKET SURVEY VALORES Clubes do Coração Cobertura Ao Vivo Conteúdo Histórico Integração Social
  47. 47. #propostadevalor Um aplicativo de cobertura sobre o campeonato de futebol com resultados das partidas em tempo real e que promova a integração social através do Facebook.
  48. 48. Agora é a hora de detalhar o escopo e definir as funcionalidades no detalhe.
  49. 49. O processo mínimo de definição das funcionalidades pelos especialistas exige: 1. Benchmark. 2. Análise de concorrência. 3. Levantamento de tendências. 4. Pilares de conteúdo. 5. Definição de funcionalidades. Definição de escopo
  50. 50. UX UI DEV QA
  51. 51. UX UI DEV QA
  52. 52. Android iOS
  53. 53. Hero Screen
  54. 54. UX UI DEV QA
  55. 55. UX UI DEV QA Scrum
  56. 56. O trabalho não acaba começa quando a produção termina.
  57. 57. UX UI DEV QA Scrum
  58. 58. “Ative seu app!”
  59. 59. Os metadados valem ouro.
  60. 60. Estratégia de PR
  61. 61. Facebook Google Ad Words Ad Network Twitter Social Media QR Code
  62. 62. Dependendo do seu projeto, publicidade não é só via digital.
  63. 63. Por fim... Ideias são boas, mas nada se compara ao poder de uma boa execução.
  64. 64. facebook.com/alexivonika ou no LinkedIn. Dúvidas? Comentários? Sugestões?

×