Jornalismo 2.0 e Monitoramento de mídias sociais (introdução)

314 views

Published on

Introdução e roteiro teórico para a aula dentro do Curso de Especialização "Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais" da Estácio/Fatern.

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
314
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
5
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Jornalismo 2.0 e Monitoramento de mídias sociais (introdução)

  1. 1. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociaishttp://www.delicious.com/alexandre.honorio alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  2. 2. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais Jornalismo 2.0 Tendências, ferramentas e práticas para um jornalismo hipermoderno e hipermediadohttp://www.delicious.com/alexandre.honorio alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  3. 3. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  4. 4. O que esperar desta aula?Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  5. 5. O que esperar desta aula? • Será dividida em quatro etapas. A primeira será constituída de um breve panorama acerca das idéias e teorias que alicerçam a idéia de um Jornalismo afeito aos novos ambientes/entornos de interação;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  6. 6. O que esperar desta aula? • Será dividida em quatro etapas. A primeira será constituída de um breve panorama acerca das idéias e teorias que alicerçam a idéia de um Jornalismo afeito aos novos ambientes/entornos de interação; • Para a segunda etapa, apresentaremos alguns exemplos desta articulação entre a prática jornalística e a reconfiguração interativo- comunicativa a cargo das tecnologias em redes;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  7. 7. O que esperar desta aula? • Será dividida em quatro etapas. A primeira será constituída de um breve panorama acerca das idéias e teorias que alicerçam a idéia de um Jornalismo afeito aos novos ambientes/entornos de interação; • Para a segunda etapa, apresentaremos alguns exemplos desta articulação entre a prática jornalística e a reconfiguração interativo- comunicativa a cargo das tecnologias em redes; • A terceira etapa será dedicada à apresentação de algumas ferramentas e técnicas que contribuam para a ampliação das possibilidades de manejo pelo profissional de comunicação dos fluxos de informação que deixam as diferentes redes;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  8. 8. O que esperar desta aula? • Será dividida em quatro etapas. A primeira será constituída de um breve panorama acerca das idéias e teorias que alicerçam a idéia de um Jornalismo afeito aos novos ambientes/entornos de interação; • Para a segunda etapa, apresentaremos alguns exemplos desta articulação entre a prática jornalística e a reconfiguração interativo- comunicativa a cargo das tecnologias em redes; • A terceira etapa será dedicada à apresentação de algumas ferramentas e técnicas que contribuam para a ampliação das possibilidades de manejo pelo profissional de comunicação dos fluxos de informação que deixam as diferentes redes; • A quarta e última etapa será dedicada à realização de atividades de avaliação dos conteúdos apresentados;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  9. 9. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  10. 10. Uma breve linha do tempo...Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  11. 11. Uma breve linha do tempo... http://www.idfive.comEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  12. 12. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  13. 13. Jornalismo: 2.0? Antes, a Web 2.0...Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  14. 14. Jornalismo: 2.0? Antes, a Web 2.0... • Até pouco tempo, a Web era um ambiente de interação árido e, não raro, sem maiores atrativos...Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  15. 15. Jornalismo: 2.0? Antes, a Web 2.0... • Até pouco tempo, a Web era um ambiente de interação árido e, não raro, sem maiores atrativos... • O que caracteriza a chamada Web 2.0 é a ascensão do atributo da interatividade: a presença do usuário como parte do processo de comunicação;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  16. 16. Jornalismo: 2.0? Antes, a Web 2.0... • Até pouco tempo, a Web era um ambiente de interação árido e, não raro, sem maiores atrativos... • O que caracteriza a chamada Web 2.0 é a ascensão do atributo da interatividade: a presença do usuário como parte do processo de comunicação; • A Web 2.0 levou sociabilidade à Internet e seus diferentes processos/ produtos...Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  17. 17. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  18. 18. Jornalismo: 2.0?Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  19. 19. Jornalismo: 2.0? “O principal atributo daqueles que sobreviveram à transição da Web 1.0 na direção da era de uma Web 2.0 foi o fato de terem abraçado o potencial da web de estimular a ascensão de uma inteligência coletiva” Tim O’Reilly, 2005Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  20. 20. Jornalismo: 2.0? Antes, a Web 2.0... • Na Web 2.0 há a transformação de como se manifesta o fluxo da informação: de “um-muitos” para “muitos-muitos”; • Nesta nova configuração, aqueles que interagem com este ambiente deixam de ser consumidores e se transformam em usuários ativos cujo foco primordial é a proximidade... • Se a Web 2.0 levou sociabilidade à Internet, é porque refletiu as componentes social, colaborativa e criativa inerentes a seus usuários;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  21. 21. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  22. 22. Crises e audiências... Consumidor, usuário ou produsuário?Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  23. 23. Crises e audiências... Consumidor, usuário ou produsuário? “O jornalismo enfrenta contemporaneamente uma crise completamente diferente de qualquer outra: sua audiência tornou-se mais ativa e composta por consumidores que buscam, mais que as omissões ou limitações à informação, um acesso direto a ela” Axel Bruns, “Blogs, Wikipedia, Second Life & Beyond”, 2010Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  24. 24. segunda-feira, 20 de agosto de 12
  25. 25. segunda-feira, 20 de agosto de 12
  26. 26. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  27. 27. Jornalismo: 2.0? Um jornalismo reconfiguradoEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  28. 28. Jornalismo: 2.0? Um jornalismo reconfigurado • Uma vez que a Web 2.0 é uma consequência da reconfiguração do ambiente de interação, podemos afirmar que o jornalismo acompanha tal tendência;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  29. 29. Jornalismo: 2.0? Um jornalismo reconfigurado • Uma vez que a Web 2.0 é uma consequência da reconfiguração do ambiente de interação, podemos afirmar que o jornalismo acompanha tal tendência; • O Jornalismo 2.0 deve, portanto, acompanhar os princípios de uma web liberta, plural e afeitar à diversificação das práticas expressivo- comunicativas (LEMOS; LEVY, 2010, p. 45);Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  30. 30. Jornalismo: 2.0? Um jornalismo reconfigurado • Uma vez que a Web 2.0 é uma consequência da reconfiguração do ambiente de interação, podemos afirmar que o jornalismo acompanha tal tendência; • O Jornalismo 2.0 deve, portanto, acompanhar os princípios de uma web liberta, plural e afeitar à diversificação das práticas expressivo- comunicativas (LEMOS; LEVY, 2010, p. 45); • Assim, ao jornalista igualmente imerso neste ambiente diverso, complexo e plural, resta reconhecer que sua prática é parte dos tensionamentos ora em curso e seu ofício é essencial para, de um lado, interpretar o que se manifesta neste entorno e, por outro, reconhecer os diferentes atores envolvidos em tal processo;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  31. 31. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  32. 32. Gatekeeping e a tradição no informar...Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  33. 33. Gatekeeping e a tradição no informar... ColetaEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  34. 34. Gatekeeping e a tradição no informar... Coleta Jornalistas obtêm informações reconstituem os eventos em notíciaEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  35. 35. Gatekeeping e a tradição no informar... Coleta Jornalistas obtêm informações reconstituem os eventos em notíciaEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  36. 36. Gatekeeping e a tradição no informar... Coleta Difusão Jornalistas obtêm informações reconstituem os eventos em notíciaEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  37. 37. Gatekeeping e a tradição no informar... Coleta Difusão Jornalistas obtêm A notícia é informações submetida a uma reconstituem os curadoria editorial eventos em notícia fechadaEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  38. 38. Gatekeeping e a tradição no informar... Coleta Difusão Jornalistas obtêm A notícia é informações submetida a uma reconstituem os curadoria editorial eventos em notícia fechadaEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  39. 39. Gatekeeping e a tradição no informar... Coleta Difusão Avaliação Jornalistas obtêm A notícia é informações submetida a uma reconstituem os curadoria editorial eventos em notícia fechadaEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  40. 40. Gatekeeping e a tradição no informar... Coleta Difusão Avaliação Jornalistas obtêm A notícia é Feita a partir das informações submetida a uma cartas ou contato reconstituem os curadoria editorial direto com os eventos em notícia fechada veículosEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  41. 41. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  42. 42. Jornalismo e interpelação colaborativa... Uma nova ordem colaborativo-produtiva...Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  43. 43. Jornalismo e interpelação colaborativa... Uma nova ordem colaborativo-produtiva... conteúdoEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  44. 44. Jornalismo e interpelação colaborativa... Uma nova ordem colaborativo-produtiva... como produtor conteúdoEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  45. 45. Jornalismo e interpelação colaborativa... Uma nova ordem colaborativo-produtiva... como produtor conteúdo como usuárioEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  46. 46. Jornalismo e interpelação colaborativa... Uma nova ordem colaborativo-produtiva... como produtor conteúdo interpelação como usuárioEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  47. 47. Jornalismo e interpelação colaborativa... Uma nova ordem colaborativo-produtiva... como produtor conteúdo interpelação conteúdo como usuárioEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  48. 48. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  49. 49. Novos padrões para um novo informar...Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  50. 50. Novos padrões para um novo informar... Observação A informação está disponível para todos e todos podem com ela interagirEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  51. 51. Novos padrões para um novo informar... Observação A informação está disponível para todos e todos podem com ela interagirEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  52. 52. Novos padrões para um novo informar... Observação Coleta A informação está Por não ser uma disponível para todos e commodity, a informação todos podem com ela pode ser avaliada por interagir todosEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  53. 53. Novos padrões para um novo informar... Observação Coleta A informação está Por não ser uma disponível para todos e commodity, a informação todos podem com ela pode ser avaliada por interagir todosEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  54. 54. Novos padrões para um novo informar... Observação Coleta Difusão A informação está Por não ser uma Avaliação contínua por disponível para todos e commodity, a informação todos e sua difusão todos podem com ela pode ser avaliada por torna-se um processo interagir todos igualmente contínuoEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  55. 55. Novos padrões para um novo informar... Observação Coleta Difusão A informação está Por não ser uma Avaliação contínua por disponível para todos e commodity, a informação todos e sua difusão todos podem com ela pode ser avaliada por torna-se um processo interagir todos igualmente contínuoEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  56. 56. Novos padrões para um novo informar... Observação Coleta Difusão Avaliação Discussão e a A informação está Por não ser uma Avaliação contínua por possibilidade de disponível para todos e commodity, a informação todos e sua difusão interagir com todos podem com ela pode ser avaliada por torna-se um processo informação comentá-la interagir todos igualmente contínuo com outrosEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  57. 57. Novos padrões para um novo informar... Observação Coleta Difusão Avaliação Discussão e a A informação está Por não ser uma Avaliação contínua por possibilidade de disponível para todos e commodity, a informação todos e sua difusão interagir com todos podem com ela pode ser avaliada por torna-se um processo informação comentá-la interagir todos igualmente contínuo com outrosEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  58. 58. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  59. 59. Jornalismo: 2.0: práticas e ferramentas... Tecnologias, adaptação e jornalismo...Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  60. 60. Jornalismo: 2.0: práticas e ferramentas... Tecnologias, adaptação e jornalismo... • Um dos principais desafios que o jornalismo enfrenta em nossos dias diz respeito à descentralização e a paralelização dos processos informacionais;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  61. 61. Jornalismo: 2.0: práticas e ferramentas... Tecnologias, adaptação e jornalismo... • Um dos principais desafios que o jornalismo enfrenta em nossos dias diz respeito à descentralização e a paralelização dos processos informacionais; • Há um consenso: a liberação do polo de emissão, a substituição da lógica “selecione, então publique” por “publique, então selecione” e a diversificação de canais de interação colaborativa exigem do profissional de comunicação uma busca qualitativa pelos novos atributos do informar contemporâneo;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  62. 62. Jornalismo: 2.0: práticas e ferramentas... Tecnologias, adaptação e jornalismo... • Um dos principais desafios que o jornalismo enfrenta em nossos dias diz respeito à descentralização e a paralelização dos processos informacionais; • Há um consenso: a liberação do polo de emissão, a substituição da lógica “selecione, então publique” por “publique, então selecione” e a diversificação de canais de interação colaborativa exigem do profissional de comunicação uma busca qualitativa pelos novos atributos do informar contemporâneo; • Como assinala Ramón Salaverria (2000), o profissional de comunicação tem o desafio de compreender os limites impostos tanto pelas tecnologias quanto pelo entorno de interação que criam;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  63. 63. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  64. 64. Redes e noticiabilidadeEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  65. 65. Redes e noticiabilidade “[A convergência jornalística é] um processo multidimensional que afeta o âmbito tecnológico, empresarial, profissional e editorial dos meios de comunicação, resultante da integração de ferramentas, espaços, métodos de trabalho e linguagens anteriormente desregulados, de forma que os jornalistas elaboram conteúdos que se distribuem através de múltiplas plataformas, mediante as linguagens próprias de cada uma” Ramón Salaverría, 2008Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  66. 66. segunda-feira, 20 de agosto de 12
  67. 67. segunda-feira, 20 de agosto de 12
  68. 68. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  69. 69. Redes e noticiabilidade... A imagem ao lado foi tirada momentos antes do terremoto de 2010 que devastou o Haiti. Foi, dentre outras formas de expressão, responsável por levar as primeiras informações da tragédia para o mundo...Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  70. 70. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  71. 71. Redes e noticiabilidadeEstratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  72. 72. Redes e noticiabilidade • Em 2011, um estudo verificou que no Reino Unido e Alemanha 95% dos profissionais de comunicação recorriam às redes sociais para buscar informação;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  73. 73. Redes e noticiabilidade • Em 2011, um estudo verificou que no Reino Unido e Alemanha 95% dos profissionais de comunicação recorriam às redes sociais para buscar informação; • 88% dos entrevistados afirmaram que difundiam as informações e os conteúdos por eles produzidos através das mesmas redes sociais que alimentaram suas pesquisas;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  74. 74. Redes e noticiabilidade • Em 2011, um estudo verificou que no Reino Unido e Alemanha 95% dos profissionais de comunicação recorriam às redes sociais para buscar informação; • 88% dos entrevistados afirmaram que difundiam as informações e os conteúdos por eles produzidos através das mesmas redes sociais que alimentaram suas pesquisas; • Desta forma, a expressão hoje é atravessada pelos diferentes processos e formas colaborativas de produção comunicativa que superaram o modelo do broadcasting;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  75. 75. segunda-feira, 20 de agosto de 12
  76. 76. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  77. 77. O viés colaborativo contemporâneo...Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  78. 78. O viés colaborativo contemporâneo... “Toda tecnologia ao mesmo tempo rearranja padrões de associação humana e cria efetivamente um novo ambiente que é talvez muito sentido, mas não muito notado, nas relações e padrões sensoriais. (...) Toda tecnologia tem suas próprias regras (...) e determina todos os tipos de arranjos em diferentes esferas.” Marshall McLuhan, 1965Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  79. 79. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  80. 80. Notícia: um processo contínuo...Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  81. 81. Notícia: um processo contínuo... • A principal constatação se pretendemos discutir a dinâmica contemporânea entre informar e seu entorno hipertecnológico é perceber a notícia como algo inacabado, um processo contínuo;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  82. 82. Notícia: um processo contínuo... • A principal constatação se pretendemos discutir a dinâmica contemporânea entre informar e seu entorno hipertecnológico é perceber a notícia como algo inacabado, um processo contínuo; • Para o profissional da comunicação, especialmente o jornalista, seu futuro reside na compreensão do novo equilíbrio estabelecido entre o fluxo hipertecnológico-informativo e qual papel desempenhará;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  83. 83. Notícia: um processo contínuo... • A principal constatação se pretendemos discutir a dinâmica contemporânea entre informar e seu entorno hipertecnológico é perceber a notícia como algo inacabado, um processo contínuo; • Para o profissional da comunicação, especialmente o jornalista, seu futuro reside na compreensão do novo equilíbrio estabelecido entre o fluxo hipertecnológico-informativo e qual papel desempenhará; • O profissional de comunicação é, contemporaneamente, alguém que precisa estar afeito às diferentes escalas de produção/recepção que suas audiências detêm;Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  84. 84. segunda-feira, 20 de agosto de 12
  85. 85. segunda-feira, 20 de agosto de 12
  86. 86. segunda-feira, 20 de agosto de 12
  87. 87. Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  88. 88. Novas dinâmicas e padrões...Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12
  89. 89. Novas dinâmicas e padrões... “Não podemos compreender as dinâmicas das hipermídias se as isolamos dos processos que enredam os antigos modelos midiáticos. Se alguém decide analisar um blog ou qualquer outra experiência hipermidiática está obrigado a fazê-lo a partir dos velhos meios informacionais” Carlos Scolari, 2008Estratégias de Comunicação em Mídias Sociais alexandre.honorio@ufpe.br | @AlexandreNormansegunda-feira, 20 de agosto de 12

×