Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Sobre a informação

1,129 views

Published on

A informação na web

Published in: Technology
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Sobre a informação

  1. 1. Reflexões sobre a informação na web Aldo de Albuquerque Barreto
  2. 2. A informação e suas tecnologias: conceitos  Informática: ciência que visa o tratamento da informação usando um computador e procedimentos de processamento de dados  Ciberespaço - é um espaço de comunicação que prescinde a necessidade de uma presença física para um relacionamento de troca de informação  Informação digital - é uma forma de documento com um nova escrita digital, permitindo interligar elementos de um texto a outros textos armazenados em um sistema ou rede de informações como a Internet em um ambiente de ciberespaço
  3. 3. Os três tempos da informação
  4. 4. Ciberespaço potencializa a sociedade da informação •A Sociedade da InformaçãoA Sociedade da Informação é uma utopia técnica - quer que a informação esteja disponível para acesso a todos os habitantes da referida sociedade. •Informação  disponibilidade  USO
  5. 5. A sociedade do conhecimento é uma esperança •Quando os habitantes da Sociedade da informação podem apropriar a informação  proveito próprio e para o desenvolvimento de sua realidade temos uma sociedade do conhecimento. • •Apropriar  interiorizar Conhecimento
  6. 6. APROPRIAÇÃO DA INFORMAÇÃOAPROPRIAÇÃO DA INFORMAÇÃO •Se relaciona aos atos cognitivos do indivíduo quando assimila a informação em sua consciência •O conteúdo da mensagem deve atingir espaços semânticos na consciência do receptorreceptor, com a aceitação da informação recebida.
  7. 7. APROPRIAÇÃO DA INFORMAÇÃO
  8. 8. Qual é o lugar o conhecimento • O conhecimento se realiza na consciência do receptor • O conhecimento é subjetivo; diferenciado para cada pessoa • O conhecimento é um fluxo de eventos que acontecem a partir da interatuação do usuário com a informação
  9. 9. Quem operacionaliza a coisa toda? •Cabe aos profissionais que lidam com os estoques de informação transformar a sociedade da informação na maior sociedade do conhecimento possívelpossível
  10. 10. Gestão da Informação: precisa conhecer os usuários e a relevância e prioridade dos documentos • RELEVANTE : tudo aquilo que possui a condição de utilidadeutilidade, que é a qualidade das coisas materiais e imateriais em satisfazer nossas necessidades.nossas necessidades. • PRIORIDADE : é a qualidade do quequalidade do que está ou deve virestá ou deve vir em primeiro lugarem primeiro lugar; uma necessidade que vem em primeiro lugar na nossa relação de necessidades
  11. 11. A informação boa é a que queremos e precisamos no momento
  12. 12. Tecnologia da informação estabeleceu um outro regime de informação Os espaços de informação são agora estoques de conteúdos em fluxos. A velocidade das trocas entre os estoques e os receptores se realizam em tempo real, no entorno, do tempo zero.  mudou omudou o FluxoFluxo e ose os documentosdocumentos 
  13. 13. Com a Informática e telecomunicação: surgem os documentos digitais e um novo regime de informação • Agora todos podem se colocar frente ao grande arquivo da humanidade e viajar com instrumentos infinitamente mais corretos que os astrolábios da navegação marítima. • Não se trata de uma desordem que se instalou, mas de uma nova ordem, outro regime de informação que facilita a disponibilidade, acesso e uso dos doccumentos
  14. 14. Documentos fechadosDocumentos fechados convencionais em papel  são documentos tradicionais  conteúdos estão formatados,  por um imperativo sua estrutura, seu formato. O formato define o território. São os documentos de narrativa contínua onde o sentido do conteúdo vai sem interrupção até um final. determinado pela forma. Exemplos livros, artigos de periódicos impressos, imagens acabadas, históricos, legais, contratuais, patentes concedidas, etc.
  15. 15. Documentos abertosDocumentos abertos (documentos digitais ) •são documentos que estão sempre, em acabamentoem acabamento, ou apesar de acabados, podem ter a sua narrativanarrativa modificada. • Permitem um diálogo com o gerador ou uma participação de outros no seu acabamento. •São conversacionais São exemplos deste tipo de objetos as escrituras em formato digital em estoques eletrônicos e que
  16. 16. Documentos abertos  um espaço sem território definido O espaço da informação não está mais preso a um lugar determinado pelo formato físico O espaço do documento define uma nova relação da Informação com o usuário e o tempo
  17. 17. O ciberespaço define um outro tempo para o documento - usuário Esta condição permite uma vizinhança universal. Meu colega com quem tenho afetividade informacional, está ou na sala ao lado ou na Finlândia. A velocidade na troca de informação é a mesma. A assimilação da informação no ciberespaço acontece em um ponto do presente. Uma soma de todos os tempos um tempo místico. Une passado presente futuro
  18. 18. enunciados em um tempo novo A rapidez textualiza a velocidade de uma nova escrita que vem com outro traço: uma escrita com intenção em se aproximar da oralidade. A postagem é um enunciado que materializa a escrita como ato de conversação. (dialogo) Um outro tempo além do tempo tradicional  tempo da simultaneidade
  19. 19. Documentos digitais permitem Jogos de informação • Os documento emem formato digital são conversacionais. • Enunciados palestrantes, subvertem a estrutura da linguagem , pois agregam a escrita elementos de vídeo, som e imagem. • O linguagear digital tem uma liberdade onde nenhuma linguagem comanda a outra.
  20. 20. Enunciar é postar uma mensagem Postar significa pôr em num lugar  Postar é colocar enunciados em um jogo, quando um discurso é lançado ao outro para formação do dialogo na narrativa total Forma-se uma nova escrita quando este linguagear é inscrito em formato digital
  21. 21. Uma conversação individualizada Os enunciados dos jogadores trazem uma ação comunicativa na dinâmica das palavras trocadas  um estado em cada enunciador se envolve com a escrita em sua própria maneira.  Na conversação digital a escrita admite vivências afetivas de cada jogador.
  22. 22. Como serão os documentos de amanhã Uma nova economia de publicação e distribuição de documentos modifica a disponibilidade e uso da informação indicando que, no futuro, a maior parte dos documentos serão em formato digital
  23. 23. Gerência de documentos interconectados O conteúdo nunca é total em uma narrativa digital com textos em entrelaçados. A significação fica com a sua percepção "adiada" até que se complete o caminho percorrido. Existe enorme dificuldade de gestão desta informação.
  24. 24. Há que harmonizar habilidades passadas e o fazer do futuro A maior parte dos documentos de amanhã, seus estoques e sua transferência, será digital. A grande indagação é como serão os profissionais da informação de amanhã ou se estarão preparados por aprendizado, para harmonizar esta gestão de documentos e ir onde já estão indo seus usuários.
  25. 25. Aldo de Albuquerque Barreto • Email: aldobar@globo.com • URL: http://aldo.barreto.name • TWITTER: http://twitter.com/aldoibct • DataGramaZero : http://www.dgz.org.br/

×