Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Ebook - Como minimizar prejuízos referentes a acidose e micotoxinas do seu rebanho?

328 views

Published on

Ebook - Como minimizar prejuízos referentes a acidose e micotoxinas do seu rebanho?

Published in: Health & Medicine
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Ebook - Como minimizar prejuízos referentes a acidose e micotoxinas do seu rebanho?

  1. 1. | Conte�do www.minerphos.com.br |
  2. 2. Acidose ruminal � uma doen�a metab�lica geralmente aguda, causada pela ingest�o de gr�os ou outros alimentos altamente ferment�veis em grandes quantidades. A acidose ruminal nada mais � que a produ��o excessiva de �cidos (�cidos graxos vol�teis e �cido l�tico) no r�men. O maior problema dessa acidifica��o � a mortalidade dos protozo�rios e parte das bact�rias, os quais s�o essenciais para o equil�brio da microbiota (flora) ruminal (VECHIATO et al, 2008). Em ruminantes a secre��o de tamp�es fosfato e, principalmente, bicarbonato, pela saliva � um processo importante para a manuten��o do pH do flu�do ruminal dentro de limites fisiol�gicos compat�veis com a manuten��o da fermenta��o e a sa�de de vacas leiteiras. Esta doen�a ocorre devido a ingest�o elevada de concentrados (ra��o), ocasionando uma queda no pH ruminal quando estes animais n�o tem uma dieta equilibrada, com a devida ingest�o de fibra fisicamente efetiva e o uso de tamponantes, faz com que aumentam significativamente as chances destes animais n�o desenvolverem uma acidose ruminal. Sinais cl�nicos como ingest�o de terra, casca de �rvore, laminite e COMO MINIMIZAR PREJU�ZOS REFERENTES A ACIDOSE E MICOTOXINAS DO SEU REBANHO?
  3. 3. COMO MINIMIZAR PREJU�ZOS REFERENTES A ACIDOSE E MICOTOXINAS DO SEU REBANHO? cascos avermelhados s�o sugest�veis de acidose ruminal, tamb�m s�o caracter�sticas deste quadro de acidose ruminal, animais que diminuem ingest�o de mat�ria seca e oscila��o ou queda em produ��o de leite. Os preju�zos econ�micos s�o grandes, pois, � comum que haja uma queda na produ��o de leite devido a menor ingest�o da dieta total, altera��es na composi��o do leite (leite �cido) podem levar a perda de uma ou mais ordenhas comprometendo o or�amento da propriedade. A preven��o consiste em utilizar uma dieta balanceada com inclus�o de tamponantes. Os tamponantes como o bicarbonato de s�dio, �xido de magn�sio, carbonato de c�lcio, extratos de algas marinhas (lithothamnium) est�o sendo utilizados cada vez mais na nutri��o de bovinos com intuito de prevenir casos de acidose ruminal. A adi��o de tamponantes � dieta afeta positivamente o consumo de mat�ria seca. A resposta em aumento de consumo � inclus�o de tamponantes � aguda. Cada mat�ria prima tamponante age por um determinado tempo. O bicarbonato � respons�vel pelo tamponamento inicial, carbonato
  4. 4. de c�lcio e �xido de magn�sio garantem tamponamento ruminal por um per�odo de tempo maior realizando o tamponamento secund�rio e o extrato de alga marinha (lithothamnium) � respons�vel pelo tamponamento final sendo o de dura��o mais prolongada garantindo uma menor oscila��o do pH ruminal entre um trato e outro. As micotoxinas, est�o presentes em grande parte dos alimentos ofertados para os animais, podendo estar presente na ra��o, silagem e nas pastagens. Micotoxinas ocasionam diversos problemas relacionados a reprodu��o, nutri��o, imunidade, produ��o de leite e qualidade do leite. A presen�a elevada de micotoxinas aumentam significativamente o n�mero de c�lulas som�ticas (CCS) na composi��o do leite, podendo gerar casos de mastite no rebanho e afetar negativamente a produ��o. Fatores relacionados a reprodu��o como morte embrion�ria e cistos ovarianos podem estar ligados as micotoxinas, nutricionalmente micotoxinas afetam a ingest�o de mat�ria seca pelos animais. As principais micotoxinas encontradas hoje s�o as aflatoxinas, fumonisinas, zearalenona, deoxinivalenol (DON), ocratoxinas e toxina T2. COMO MINIMIZAR PREJU�ZOS REFERENTES A ACIDOSE E MICOTOXINAS DO SEU REBANHO?
  5. 5. Pensando em diminuir a quantidade de micotoxinas provenientes da lavoura, principalmente atrav�s da silagem, ressaltamos a import�ncia em fazer o manejo adequado de cada cultura, fazendo aplica��o de fungicidas, rota��o de culturas, controle de ervas daninhas, controle de insetos, colheita no momento certo, compacta��o adequada, veda��o do silo mais r�pido poss�vel e remover a forragem estragada e mofada para reduzir o risco de contamina��o. O uso de adsorvente de micotoxinas demonstra diversos benef�cios atrav�s de pesquisas, como: aumento da produ��o de leite, aumento no teor de gordura do leite, aumento da ingest�o de mat�ria seca e melhoramento da digestibilidade de fibras da dieta, redu��o do intervalo entre partos, melhora na fertilidade dos animais, melhora imunit�ria, queda no valor de (CCS) e diminui��o de problemas hep�ticos e digestivos. Pensando assim a Minerph�s Nutri��o Animal elaborou um produto inovador e exclusivo no mercado com amplo espectro de a��o, atuando na redu��o de casos de acidose e controle de micotoxinas. Possui mat�rias primas sin�rgicas para melhorar o tamponamento e cont�m adsorvente de micotoxinas. COMO MINIMIZAR PREJU�ZOS REFERENTES A ACIDOSE E MICOTOXINAS DO SEU REBANHO?
  6. 6. M-SEG TAMPONANTE ADS COMO MINIMIZAR PREJU�ZOS REFERENTES A ACIDOSE E MICOTOXINAS DO SEU REBANHO?
  7. 7. Composi��o: C�lcio (Min) ............................................................................ 180 g/kg C�lcio (Max) ........................................................................... 200 g/kg Magn�sio (Min) ...................................................................... 110 g/kg S�dio (Min) ............................................................................... 54 g/kg Antioxidante (Min) .............................................................. 400 mg/kg Adsorvente de Micotoxinas (Min)............................................ 50 g/kg Lithotanium (Min) .................................................................. 250 g/kg Consumo indicado do produto de 100 a 200g por animal dia ou conforme orienta��o do nutricionista. Efetivo no controle do pH ruminal pois � um produto composto por diferentes mat�rias primas efetivas no tamponamento do r�men. Seguran�a alimentar devido a presen�a do adsorvente de micotoxinas em sua formula��o, sendo hoje o adsorvente de micotoxinas mais completo do mercado, capaz de combater as principais micotoxinas presente nas dietas de bovinos, garantindo melhora na resposta imunit�ria do rebanho. COMO MINIMIZAR PREJU�ZOS REFERENTES A ACIDOSE E MICOTOXINAS DO SEU REBANHO?
  8. 8. SOBRE A MINERPH�S H� mais de tr�s d�cadas investindo em pesquisa e inova��o, a Minerph�s oferece um portf�lio completo em produtos de nutri��o e sa�de animal com foco em resultados! QUALIDADE SUPERIOR INOVA��O SUSTENTABILIDADE ASSIST�NCIA T�CNICA RESULTADOS COMPROVADOS Voc� pode saber mais em: www.minerphos.com.br COMO MINIMIZAR PREJU�ZOS REFERENTES A ACIDOSE E MICOTOXINAS DO SEU REBANHO?

×