Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
JORNALAriel Aguiar, Estevão Espindola, Rafael Xavier, Thiago Pedruzzi e Yves MunizAbril/12
História do Jornal - Antecessores✤   Acta Diurna na Roma Antiga, 59 AC.✤   Tipao na China (entre oficiais da corte, durante...
História do Jornal:             O Jornal na Era Moderna✤   A prensa, inventada por Johann Gutenberg em 1447, inaugurou a e...
História do Jornal:            O Jornal na Era Moderna✤   1639: Primeira prensa na América colonial.✤   1645: O jornal mai...
História do Jornal:       O Jornal na Era ModernaO volume e a atualização de informações na Internet não têmparalelo, mas ...
MaterialUtilizado na maioria das publicações de grande circulação, o papeljornal é o tipo de papel mais barato e simples d...
Formatos✤   Standard: É a medida mais utilizada nos grandes jornais, pois aproveita o    máximo da área da chapa de impres...
Exemplos de FormatosStandard        Tabloide                   Berlinense
Dados do Jornal no Brasil     Fonte: Mídia Dados 2011 - ANJ, ADI Brasil, ADJORI, ABRE, Anuário de Mídia 2011, JOVEdataTota...
Perfil dos Leitores de Jornal                      Fonte: Mídia Dados 2011 - Ipsos/Marplan 9 Mercados                     ...
Circulação                               Fonte: IVC 2011                Rankingdos20jornaisdemaiorcirculaçãonoBrasil      ...
Índice de Leitura por Capital        Fonte: Mídia Dados 2011 - Ipsos/Marplan 9 Mercados     Cidade                        ...
Penetração do meio Jornal no Brasil                       Fonte: Mídia Dados 2011 - Ipsos/MarplanSegundo pesquisa do      ...
Investimento em Jornal     Fonte: Projeto Inter-Meios - Jan a Dez/2011 | *Valor Tabela, sem considerar descontos negociado...
CrossMedia                               JORNAL FÍSICO:✤   O jornal físico não é linear. Não é interativo e tem um visual ...
CrossMedia                             JORNAL DIGITAL:✤   O jornal digital também não é linear. É interativo, participativ...
Adaptação do Jornal à era digitalCom a popularização da internet nos anos 90, ojornal impresso teve que se adaptar para nã...
Adaptação do Jornal à era digitalO jornalismo digital representa uma revolução no modelo deprodução e distribuição das not...
Afinal... Será o fim do jornal               impresso?                    As opiniões são divergentes:Alguns acreditam que...
Como incentivar novos leitores?✤   Jornais gratuitos;✤   Servir de plataforma para outras mídias;✤   Melhorar o conteúdo; ...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Trabalho de Convergência de Mídias - Jornal

1,262 views

Published on

Apresentação do nosso trabalho de convergência de mídias sobre o meio Jornal

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Trabalho de Convergência de Mídias - Jornal

  1. 1. JORNALAriel Aguiar, Estevão Espindola, Rafael Xavier, Thiago Pedruzzi e Yves MunizAbril/12
  2. 2. História do Jornal - Antecessores✤ Acta Diurna na Roma Antiga, 59 AC.✤ Tipao na China (entre oficiais da corte, durante o final da Dinastia Han, nos séculos II e III AC).✤ O Kaiyuan Za Bao ("Boletim da Corte") da Dinastia Tang, entre 713 e 714.✤ Em 1556, o governo da República de Veneza publicou o mensal Notizie scritte (boletins manuscritos utilizados para distribuir notícias políticas, militares e econômicas para as cidades italianas).✤ Nenhuma dessas publicações, entretanto, cumprem com os critérios clássicos para serem considerados jornais, já que tipicamente não eram feitos para o grande público, sendo restritos a uma gama de tópicos específico.
  3. 3. História do Jornal: O Jornal na Era Moderna✤ A prensa, inventada por Johann Gutenberg em 1447, inaugurou a era do jornal moderno.✤ O primeiro jornal considerado é o Relation aller Fürnemmen und Gedenckwürdigen Historien, impresso a partir de 1605 por Johann Carolus em Estrasburgo, Alemanha.✤ Subsequentemente vieram outros jornais na Europa como: ★ França (Gazette em 1631) ★ Bélgica (Nieuwe Tijdingen em 1616) ★ Inglaterra (o London Gazette, fundado em 1665, ainda hoje publicado como diário oficial do Judiciário).✤ Em 1766, a Suécia tornou-se o primeiro país a aprovar uma lei que protegia a liberdade de imprensa.
  4. 4. História do Jornal: O Jornal na Era Moderna✤ 1639: Primeira prensa na América colonial.✤ 1645: O jornal mais antigo do mundo ainda em circulação, o Post-och Inrikes Tidningar, é publicado na Suécia.✤ 1851: Fundação da Reuters.✤ Década de 1870: Charles Stewart Parnell usa o Freeman’s Journal para promover as causas de seu Partido Nacionalista Irlandês.✤ 1880: Aparecem as primeiras fotografias em jornal.✤ 1900: Vladimir Lênin funda o Iskra, em Leipzig, Alemanha. Esse jornal revolucionário veio a ser um importante veículo de propaganda comunista.
  5. 5. História do Jornal: O Jornal na Era ModernaO volume e a atualização de informações na Internet não têmparalelo, mas isso não decretou o fim da relevância dos jornais.Os jornais em papel continuam sendo um veículo popular e poderosono relato e análise dos eventos que afetam nossas vidas.A WAN (Associação Mundial de Jornais) calcula que um bilhão depessoas em todo o mundo lêem um jornal todos os dias!
  6. 6. MaterialUtilizado na maioria das publicações de grande circulação, o papeljornal é o tipo de papel mais barato e simples do mercado. É um papelnão revestido e por isso ele absorve bem a tinta, sua superfície varia deacordo com o tipo de produto pretendido, gerando a possibilidade deimpressão em mais de 1 cor.Sua gramatura varia de 50 a 70g e pode ser fabricado em rolos (paraprensas rotativas) ou em folhas lisas (para prensas planas).
  7. 7. Formatos✤ Standard: É a medida mais utilizada nos grandes jornais, pois aproveita o máximo da área da chapa de impressão das máquinas offset. Nesse formato a mancha gráfica da página, área onde se imprime textos e imagens, mede 52,5 x 29,7 cm.✤ Tabloide: Formato utilizado para cadernos especiais encartados nos grandes jornais e alguns jornais que são distribuídos em ruas, sendo que este formato é resultado da divisão do formato Standard em duas partes (metade da altura). Nesse formato, a página possui uma mancha gráfica de 26,5 x 29,7 cm.✤ Berliner: Formato criado na Europa e introduzido recentemente no mercado nacional, sendo que sua utilização vem crescendo por questão de economia e praticidade para o leitor. É um pouco mais alto que o tabloide e esse formato traz um melhor aproveitamento do papel, sendo a mancha gráfica de por página de 24,5 x 40cm.
  8. 8. Exemplos de FormatosStandard Tabloide Berlinense
  9. 9. Dados do Jornal no Brasil Fonte: Mídia Dados 2011 - ANJ, ADI Brasil, ADJORI, ABRE, Anuário de Mídia 2011, JOVEdataTotal de títulos: 4.056Total de títulos diários: 652Títulos auditados pelo IVC: 113 121IVC: O Instituto Verificadorde Circulação é uma entidade 222nacional e oficial, sem fins 322lucrativos, responsável pelaauditoria de circulação dos 2.411principais jornais e revistas e,mais recentemente, sites doBrasil, considerada a principal 939referência neste segmento.
  10. 10. Perfil dos Leitores de Jornal Fonte: Mídia Dados 2011 - Ipsos/Marplan 9 Mercados Classe D Classe A Mulheres X Homens 7% 10% 49 51 0 100 Classe C Classe B 43% 40%25 23 21 19 14 10 8 5 0 10 a 14 15 a 19 20 a 29 30 a 39 40 a 49 50 a 64 65+
  11. 11. Circulação Fonte: IVC 2011 Rankingdos20jornaisdemaiorcirculaçãonoBrasil Título Estado Média*de*Circulação1 Super*notícia Minas*Gerais 300.8522 Folha*de*São*Paulo São*Paulo 283.7823 O*Globo Rio*de*Janeiro 264.2904 O*Estado*de*São*Paulo São*Paulo 239.8185 Extra Rio*de*Janeiro 234.3416 Zero*Hora Rio*Grande*do*Sul 187.3557 Diário*Gaúcho Rio*Grande*do*Sul 162.5808 Meia*Hora Rio*de*Janeiro 154.1869 Correio*do*Povo Rio*Grande*do*Sul 152.39210 Daqui Goiás 151.73511 Dez*Minutos Amazonas 99.28312 Agora*São*Paulo São*Paulo 94.94813 Expresso*da*Informação Rio*de*Janeiro 92.22614 Lance! Rio*de*Janeiro 90.21915 O*Amarelinho São*Paulo 89.65916 Estado*de*Minas Minas*Gerais 72.92917 A*Tribuna Espírito*Santo 64.07018 Correio*Braziliense Distrito*Federal 58.03219 O*Dia Rio*de*Janeiro 57.35820 Valor*Econômico São*Paulo 57.287
  12. 12. Índice de Leitura por Capital Fonte: Mídia Dados 2011 - Ipsos/Marplan 9 Mercados Cidade Índice de Leitura Porto Alegre 70% leem jornais Belo Horizonte 66% leem jornais Rio de Janeiro 59% leem jornais Brasília 49% leem jornais Curitiba 39% leem jornais Salvador 36% leem jornais Recife 35% leem jornais São Paulo 33% leem jornais Fortaleza 23% leem jornais
  13. 13. Penetração do meio Jornal no Brasil Fonte: Mídia Dados 2011 - Ipsos/MarplanSegundo pesquisa do TV 97%Marplan o jornal é oquarto meio mais Rádio 80%consumido pelos Mídia Externa 59%Brasileiros Jornal 47% Internet 41% Revista 39% TV Paga 26% Cinema 15% 0 100
  14. 14. Investimento em Jornal Fonte: Projeto Inter-Meios - Jan a Dez/2011 | *Valor Tabela, sem considerar descontos negociadosTotal de investimentos em 2011*: Mídia Exterior R$ 28.454.349.403,81 3% Rádio Televisão 4% 64% TV Paga No cenário de investimento 4% por meios o Jornal fica na Internet segunda colocação. 6% Cinema e Guias não apresentaram 1% de Revista 7% participação na categoria e por este motivo não estão no gráfico ao lado. Jornal 11%
  15. 15. CrossMedia JORNAL FÍSICO:✤ O jornal físico não é linear. Não é interativo e tem um visual estático. É tátil. Não possui uma hierarquia. Sua linguagem pode ser mais formal ou não, variando de acordo com o público alvo, como Zero Hora e Diário Gaúcho. Nem sempre transmite credibilidade. É um meio imersivo pois o usuário se utiliza de muita concentração para ler e entender o conteúdo publicado.
  16. 16. CrossMedia JORNAL DIGITAL:✤ O jornal digital também não é linear. É interativo, participativo e colaborativo. Tem um visual que pode apresentar movimento, como por exemplo, jornais em flash. Não possui uma hierarquia. Sua linguagem também varia de acordo com o público alvo, como Zero Hora e Diário Gaúcho. Nem sempre transmite credibilidade. É um meio imersivo pois o usuário tem que se concentrar para ler, entender as notícias e não se distrair com outras informações na tela. Apresenta conteúdo multimídia como por exemplo vídeos, áudios, infográficos e hiperlinks.
  17. 17. Adaptação do Jornal à era digitalCom a popularização da internet nos anos 90, ojornal impresso teve que se adaptar para não perderespaço, e percebeu que estava diante de um quadronovo e que é preciso investir em novas tecnologiaspara acompanhar o ritmo das mudanças. Hoje, as mais importantes companhias jornalísticasno mundo possuem versões digitais de seusprincipais produtos editoriais e a tendência é queestas empresas ampliem seus investimentos nosetor de mídias interativas.A entrada de jornais na Internet inaugura um novoveículo de comunicação que reúne características detodas as outras mídias e que tem como suporte asredes mundiais de computadores. 
  18. 18. Adaptação do Jornal à era digitalO jornalismo digital representa uma revolução no modelo deprodução e distribuição das notícias. O papel vai cedendo lugara impulsos eletrônicos que podem viajar a grandes velocidadespela informação. As primeiras experiências de jornalismo digital se deram nosEstados Unidos, nos anos 80, e em 1993 apenas 20 jornaisestavão online, todos esses sendo norte-americanos.Hoje o jornal ganha formas diferentes, como nos tablets ecelulares, permitindo a comodidade do leitor de poder acessaraonde quiser seu exemplar e sem o consumo do papel, ajudandotambém a natureza. O jornal não perdeu lucro com apopularização digital, o que gerava lucro e ainda gera são osanúncios que independente do formato continuam nos jornais,porém agora mais interativos.Um exemplo de "novo" jornal são os blogs e mini blogs, algunsjornais postam chamadas de noticias em blogs como no Twitter,atraíndo seus leitores para sua página online. Nas páginas dosjornais ainda é possivel que o leitor compartilhe e envie oconteúdo para seus amigos, divulgando o jornal cada vez mais.
  19. 19. Afinal... Será o fim do jornal impresso? As opiniões são divergentes:Alguns acreditam que os jornais convencionais não sobreviverão aopróximo século. Tudo será digitalizado e até a televisão, como nós aconhecemos, deixará de existir. Outros afirmam que a Internet não representa uma ameaça àspublicações impressas e que nenhuma tecnologia, por mais avançadaque seja, vai superar a comodidade e o conforto que um jornal ourevista em papel proporciona aos leitores.
  20. 20. Como incentivar novos leitores?✤ Jornais gratuitos;✤ Servir de plataforma para outras mídias;✤ Melhorar o conteúdo; “O jornal impresso nem chegou ao Brasil”

×