Veja de onde vem o dinheiro do INSS para pagar as nossas aposentadorias, auxílio doença e pensões!

6,602 views

Published on

Published in: News & Politics, Travel
  • Be the first to comment

Veja de onde vem o dinheiro do INSS para pagar as nossas aposentadorias, auxílio doença e pensões!

  1. 1. MPS – Ministério da Previdência Social SPS – Secretaria de Políticas de Previdência Social RESULTADO DO REGIME GERAL DE PREVIDÊNCIA SOCIAL – RGPS EM ABRIL/2008 BRASÍLIA, MAIO DE 2008
  2. 2. VALORES REAIS
  3. 3. RESULTADO NO MÊS
  4. 4. Arrecadação Líquida, Benefícios Previdenciários e Resultado Previdenciário do RGPS – Abril/07, Março/08 e Abril/08 Resultado do Regime Geral de Previdência Social – Em R$ milhões de Abril 2008 - INPC – Fonte: INSS (fluxo de caixa ajustado pelo sistema Informar). Elaboração: SPS/MPS. Obs.1: O item 4 (despesa com benefícios assistenciais e EPU) não entra no cálculo do resultado previdenciário, pois estes benefícios, embora operacionalizados pelo INSS, são pagos com recursos do Tesouro Nacional.
  5. 5. Arrecadação Líquida, Despesa com Benefícios Previdenciários e Resultado Previdenciário, segundo a clientela urbana e rural (2006 a 2008) (Em Abril de cada ano) Fonte: Fluxo de Caixa INSS; Informar/INSS Elaboração: SPS/MPS Resultado do Regime Geral de Previdência Social – Em Abril - R$ milhões de Abril 2008 – INPC
  6. 6. Arrecadação Líquida e Pagamento de Benefícios, segundo a Clientela Urbana e Rural – Abril/2008 – Em R$ bilhões de Abril/2008 – INPC - Fonte: Fluxo de Caixa INSS; Informar/INSS Elaboração: SPS/MPS Urbana A. L. / P. B. = 98,8% Rural A. L. / P. B. = 14,6%
  7. 7. RESULTADO ACUMULADO NO ANO
  8. 8. Arrecadação Líquida, Benefícios Previdenciários e Resultado Previdenciário do RGPS – Acumulado Jan a Abr em 2007 e 2008 Resultado do Regime Geral de Previdência Social – Em R$ milhões de Abril/2008 - INPC – Fonte: INSS (fluxo de caixa ajustado pelo sistema Informar). Elaboração: SPS/MPS. Obs.1: O item 4 (despesa com benefícios assistenciais e EPU) não entra no cálculo do resultado previdenciário, pois estes benefícios, embora operacionalizados pelo INSS, são pagos com recursos do Tesouro Nacional. Obs. 2: Em virtude de um aperfeiçoamento metodológico na extração dos dados, efetuado em abril deste ano, os valores de 2006 passaram a conter a abertura relativa a “Sentenças Judiciais – Justiça Estadual”, antes incluídos no valor de benefícios “Pagos pelo INSS”.
  9. 9. Arrecadação Líquida, Benefícios Previdenciários e Resultado Previdenciário, segundo a clientela urbana e rural (2006 a 2008) Fonte: Fluxo de Caixa INSS; Informar/INSS. Elaboração: SPS/MPS. Resultado do Regime Geral de Previdência Social – Acumulado até Abril - R$ milhões de Abril/2008 – INPC –
  10. 10. Arrecadação Líquida, Benefícios Previdenciários e Resultado Previdenciário do RGPS considerando as Renúncias Previdenciárias destinadas à Previdência Social – Acumulado 2008 Resultado do Regime Geral de Previdência Social – Em R$ milhões de Abril de 2008 - INPC – Fontes: SPS/MPS; SPOA/MPS; INSS; DATAPREV; MDIC; MF. Elaboração: SPS/MPS. * Valores de massa salarial realizados até 2006, projetados para 2008 de acordo com a grade de parâmetros SPE/MF; valores de repasse da STN realizados até 2007 e projetados para 2008 com base no crescimento dos impostos sobre faturamento (PIB + IER). O valor de 2007 ainda não consideram os efeitos da LC nº 123 (vigência a partir de 01/07/2007). ** Valores realizados até 2006 e projetados para 2008 de acordo com o crescimento da massa salarial (grade de parâmetros SPE/MF). *** Valores realizados até 2007 e projetados para 2008 de acordo com o crescimento estimado das exportações (MDIC).
  11. 11. Arrecadação Líquida e Pagamento de Benefícios, segundo a Clientela Urbana e Rural – Acumulado até Abril/2008 – Em R$ bilhões de Abril/2008 - INPC – Fonte: Fluxo de Caixa INSS; Informar/INSS. Elaboração: SPS/MPS. Urbana A. L. / P. B. = 95,9% Rural A. L. / P. B. = 12,0%
  12. 12. TENDÊNCIAS DA ARRECADAÇÃO, DESPESA E DÉFICIT
  13. 13. Arrecadação Líquida da Previdência Social nos últimos 25 meses – Em R$ bilhões de Abril/08 - INPC – Obs.: A partir de janeiro de 2008, não existe recolhimento da CPMF. Fonte: INSS (fluxo de caixa ajustado pelo sistema Informar). Elaboração: SPS/MPS.
  14. 14. Arrecadação Corrente X Recuperação de Créditos nos últimos 25 meses – Em R$ bilhões de Abril/08 - INPC – Obs.: A partir de janeiro de 2008, não existe recolhimento da CPMF. Fonte: INSS (fluxo de caixa ajustado pelo sistema Informar). Elaboração: SPS/MPS.
  15. 15. Transferências a Terceiros nos últimos 25 meses – Em R$ milhões de Abril/08 - INPC – Fonte: INSS (fluxo de caixa ajustado pelo sistema Informar). Elaboração: SPS/MPS.
  16. 16. Despesa com Benefícios Previdenciários nos últimos 25 meses – Em R$ bilhões de Abril/08 - INPC – Fonte: INSS (fluxo de caixa ajustado pelo sistema Informar). Elaboração: SPS/MPS.
  17. 17. Benefícios Pagos pelo INSS X Sentenças Judiciais nos últimos 25 meses – Em R$ bilhões de Abril/08 - INPC – Fonte: INSS (fluxo de caixa ajustado pelo sistema Informar). Elaboração: SPS/MPS.
  18. 18. Déficit da Previdência Social nos últimos 25 meses – Em R$ bilhões de Abril/08 - INPC – Obs.: A partir de janeiro de 2008, não existe recolhimento da CPMF. Fonte: INSS (fluxo de caixa ajustado pelo sistema Informar). Elaboração: SPS/MPS
  19. 19. VALORES NOMINAIS
  20. 20. Arrecadação Líquida, Benefícios Previdenciários e Resultado Previdenciário do RGPS – Abril/07, Março/08 e Abril/08 Resultado do Regime Geral de Previdência Social – Em R$ milhões correntes – Fonte: INSS (fluxo de caixa ajustado pelo sistema Informar). Elaboração: SPS/MPS. Obs.1: O item 4 (despesa com benefícios assistenciais e EPU) não entra no cálculo do resultado previdenciário, pois estes benefícios, embora operacionalizados pelo INSS, são pagos com recursos do Tesouro Nacional.
  21. 21. Fontes: SPS/MPS; SPOA/MPS; INSS; DATAPREV; MDIC; MF. Elaboração: SPS/MPS. * Valores de massa salarial realizados até 2006, projetados para 2008 de acordo com a grade de parâmetros SPE/MF; valores de repasse da STN realizados até 2007 e projetados para 2008 com base no crescimento dos impostos sobre faturamento (PIB + IER). O valor de 2007 ainda não consideram os efeitos da LC nº 123 (vigência a partir de 01/07/2007). ** Valores realizados até 2006 e projetados para 2008 de acordo com o crescimento da massa salarial (grade de parâmetros SPE/MF). *** Valores realizados até 2007 e projetados para 2008 de acordo com o crescimento estimado das exportações (MDIC). Arrecadação Líquida, Benefícios Previdenciários e Resultado Previdenciário do RGPS considerando as Renúncias Previdenciárias potencialmente destinada à Previdência Social – Abril/08 Resultado do Regime Geral de Previdência Social – Em R$ milhões correntes –
  22. 22. Arrecadação Líquida, Benefícios Previdenciários e Resultado Previdenciário do RGPS considerando as Renúncias Previdenciárias destinadas à Previdência Social – Acumulado 2008 Resultado do Regime Geral de Previdência Social – Em R$ milhões correntes – Fontes: SPS/MPS; SPOA/MPS; INSS; DATAPREV; MDIC; MF. Elaboração: SPS/MPS. * Valores de massa salarial realizados até 2006, projetados para 2008 de acordo com a grade de parâmetros SPE/MF; valores de repasse da STN realizados até 2007 e projetados para 2008 com base no crescimento dos impostos sobre faturamento (PIB + IER). O valor de 2007 ainda não consideram os efeitos da LC nº 123 (vigência a partir de 01/07/2007). ** Valores realizados até 2006 e projetados para 2008 de acordo com o crescimento da massa salarial (grade de parâmetros SPE/MF). *** Valores realizados até 2006 e projetados para 2008 de acordo com o crescimento estimado das exportações (MDIC).
  23. 23. Resultado do Regime Geral de Previdência Social – Em R$ milhões correntes – Arrecadação Líquida, Benefícios Previdenciários e Resultado Previdenciário do RGPS – 2007, Acum. Jan a Abr/07 e Acum. Jan a Abr/08 Fonte: INSS (fluxo de caixa ajustado pelo sistema Informar). Elaboração: SPS/MPS. Obs.1: O item 4 (despesa com benefícios assistenciais e EPU) não entra no cálculo do resultado previdenciário, pois estes benefícios, embora operacionalizados pelo INSS, são pagos com recursos do Tesouro Nacional.
  24. 24. BENEFÍCIOS EMITIDOS (ESTOQUE)
  25. 25. Quantidade de Benefícios Emitidos – RGPS – Abril/2007, Março/2008 e Abril/2008 – Fontes: Anuário Estatístico da Previdência Social - AEPS; Boletim Estatístico da Previdência Social – BEPS. Elaboração: SPS/MPS. Obs.: Os benefícios assistenciais, embora operacionalizados pelo INSS, estão sob a responsabilidade do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome
  26. 26. Entre dezembro de 2000 e abril de 2008, a quantidade de benefícios previdenciários e acidentários emitidos pela Previdência aumentou 26,9%, passando de 17,5 milhões para 22,2 milhões. Evolução da Quantidade de Benefícios Emitidos pela Previdência Social – Em milhões de benefícios - 2000 a 2007 (dezembro), 2008 (Abril) Fontes: Anuário Estatístico da Previdência Social - AEPS; Boletim Estatístico da Previdência Social – BEPS. Elaboração: SPS/MPS. Obs.: Os benefícios assistenciais, embora operacionalizados pelo INSS, estão sob a responsabilidade do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome
  27. 27. Valor Médio Real dos Benefícios Pagos pela Previdência Social (2001 a 2008) – Em R$ de Abril/2008 (INPC) – Média de Janeiro a Abril de cada ano – O valor médio real dos benefícios Previdenciários atingiu R$ 586,60, na média de janeiro a abril de 2008, o que representou um crescimento real de 18,6% em relação ao mesmo período de 2001. Variação: +18,6% Fontes: Anuário Estatístico da Previdência Social - AEPS; Boletim Estatístico da Previdência Social – BEPS. Elaboração: SPS/MPS. Obs.: Inclui apenas os benefícios previdenciários e acidentários
  28. 28. Fontes: DATAPREV, SUB, SINTESE. Elaboração: SPS/MPS. Obs.: A existência de benefícios com valores inferiores ao salário mínimo deve-se ao desmembramento de pensões e ao pagamento de benefícios como o salário-família, o auxílio suplementar, o auxílio acidente e o abono de permanência. Cerca de 66,2% dos benefícios pagos pela Previdência Social em Abril/08 possuíam o valor de até um salário mínimo, o que representa um contingente de 17,4 milhões de beneficiários diretos. 601,7 mil pessoas: < 1SM 16,8 milhões de pessoas: 1SM Distribuição de Benefícios Emitidos, segundo faixas de Valores - Em Pisos Previdenciários (Posição em Abril/2008) - 0,0% 0,0% 0,2% 1,8% 3,4% 5,5% 7,2% 13,2% 66,2% 2,4%
  29. 29. Fontes: DATAPREV, SUB, SINTESE. Elaboração: SPS/MPS. Obs.: A existência de benefícios com valores inferiores ao salário mínimo deve-se ao desmembramento de pensões e ao pagamento de benefícios como o salário-família, o auxílio suplementar, o auxílio acidente e o abono de permanência. Em abril/08, cerca de 46,2% dos benefícios pagos pelo RGPS na área urbana possuíam o valor de até um salário mínimo, o que representa um contingente de 6,8 milhões de beneficiários diretos. 554,1 mil pessoas: < 1SM 6,2 milhões de pessoas: 1SM Distribuição de Benefícios Urbanos Emitidos, segundo faixas de Valores - Em Pisos Previdenciários (Posição Abril/2008) - 0,1% 0,1% 0,3% 3,1% 5,9% 9,5% 12,4% 22,3% 42,4% 3,8%
  30. 30. Fontes: DATAPREV, SUB, SINTESE. Elaboração: SPS/MPS. Obs.: A existência de benefícios com valores inferiores ao salário mínimo deve-se ao desmembramento de pensões e ao pagamento de benefícios como o salário-família, o auxílio suplementar, o auxílio acidente e o abono de permanência. Em abril/08, cerca de 99,2% dos benefícios pagos pelo RGPS na área rural possuíam o valor de até um salário mínimo, o que representa um contingente de 7,5 milhões de beneficiários diretos. 43,7 mil pessoas: < 1SM 7,4 milhões de pessoas: 1SM Distribuição de Benefícios Rurais Emitidos, segundo faixas de Valores - Em Pisos Previdenciários (Posição abril/2008) - 0,0% 0,6% 98,6% 0,6% 0,0% 0,0% 0,0% 0,0% 0,1% 0,0%
  31. 31. Fontes: DATAPREV, SUB, SINTESE. Elaboração: SPS/MPS. Obs.: A existência de benefícios com valores inferiores ao salário mínimo deve-se ao desmembramento de pensões e ao pagamento de benefícios como o salário-família, o auxílio suplementar, o auxílio acidente e o abono de permanência. Em abril/08, cerca de 99,5% dos benefícios assistenciais possuíam o valor de até um salário mínimo, o que representa um contingente de 3,1 milhões de beneficiários diretos. 3,9 mil pessoas: < 1SM 3,1 milhões de pessoas: 1SM Distribuição de Benefícios Assistenciais Emitidos, segundo faixas de Valores - Em Pisos Previdenciários (Posição Abril/2008) - 0,0% 0,5% 99,4% 0,1% 0,0% 0,0% 0,0% 0,0% 0,0% 0,0%
  32. 32. BENEFÍCIOS CONCEDIDOS (FLUXO)
  33. 33. Quantidade de Benefícios Concedidos – RGPS – Abril/2007, Março/2008 e Abril/2008 Fontes: Anuário Estatístico da Previdência Social - AEPS; Boletim Estatístico da Previdência Social – BEPS. Elaboração: SPS/MPS.
  34. 34. Quantidade de Benefícios Concedidos pela Previdência Social (2000 a 2008) – Em milhares de benefícios - Acumulado de Janeiro a Abril de cada ano - Fontes: Anuário Estatístico da Previdência Social - AEPS; Boletim Estatístico da Previdência Social – BEPS. Elaboração: SPS/MPS.

×