1                              Faculdade Fortium   Curso de Sistema de InformaçãoSISTEMAS, ORGANIZAÇÃO & MÉTODOS   ESTRUTU...
2                                                    IntroduçãoEstrutura Organizacional       A estrutura organizacional d...
3       Uma terceira função é o controle social pelo qual o comportamento dos outros é influenciado e regulado. Ocontrole ...
4Metodologia de desenvolvimento, implementação e avaliação da estrutura organizacional      No desenvolvimento de uma estr...
5   •   nível estratégico;   •   nível tático; e   •   nível operacional.Níveis de abrangência da estrutura organizacional...
6Figura 1: Componentes, condicionantes, níveis de influência e níveis de abrangência da estrutura organizacional.        C...
7políticas administrativas, pois estas têm a função básica de estabelecer as premissas e orientações principais quedevem s...
8Sistema de decisões      O sistema de decisões sustenta o processo decisório dos executivos, o qual corresponde a uma sis...
9Nível tático de influência: tem por finalidade otimizar determinada área de resultado.Nível operacional de influência: o ...
10   •   qualidade intrínseca da estrutura organizacional;   •   conhecimento que os executantes possuem sobre ela;   •   ...
10   •   qualidade intrínseca da estrutura organizacional;   •   conhecimento que os executantes possuem sobre ela;   •   ...
10   •   qualidade intrínseca da estrutura organizacional;   •   conhecimento que os executantes possuem sobre ela;   •   ...
10   •   qualidade intrínseca da estrutura organizacional;   •   conhecimento que os executantes possuem sobre ela;   •   ...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Aula 03 estrutura-organizacional1

2,957 views

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,957
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
51
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Aula 03 estrutura-organizacional1

  1. 1. 1 Faculdade Fortium Curso de Sistema de InformaçãoSISTEMAS, ORGANIZAÇÃO & MÉTODOS ESTRUTURA ORGANIZACIONAL
  2. 2. 2 IntroduçãoEstrutura Organizacional A estrutura organizacional deve ser delineada de acordo com os objetivos e as estratégias estabelecidas, ouseja, a estrutura organizacional é uma ferramenta básica para alcançar as situações almejadas pela empresa. A estrutura organizacional é o instrumento básico para a concretização do processo organizacional. Organização da empresa é a ordenação e o agrupamento de atividades e recursos, visando ao alcance dosobjetivos e resultados estabelecidos. •A estrutura organizacional representa a organização. •As rotinas e os procedimentos administrativos representam os métodos. •As funções administrativas exercidas pelos executivos das empresas são apresentadas, de forma interligada. Planejamento ------ Organização ______ Direção _______ Controle Quando a estrutura organizacional é estabelecida de forma adequada, ela propicia para a empresa algunsaspectos: •identificação das tarefas necessárias ao alcance dos objetivos estabelecidos; •organização das funções e responsabilidades; •informações, recursos e feedback aos executivos e funcionários; •medidas de desempenho compatíveis com os objetivos; e •condições motivadoras para a realização das tarefas estabelecidas.Estrutura formal e estrutura informal Estrutura formal, objeto de grande parte de estudo das organizações empresariais, é aquela deliberadamenteplanejada e formalmente representada, em alguns aspectos, pelo organograma. Estrutura informal Estrutura informal é a rede de relações sociais e pessoais que não é estabelecida ou requerida pela estrutura-formal. Surge da interação social das pessoas, o que significa que se desenvolve, espontaneamente, quando aspessoas se reúnem. A abordagem na estrutura informal está nas pessoas e em suas relações, enquanto a estrutura formal dáênfase a posições em termos de autoridades e responsabilidades. Os líderes de grupos informais surgem por várias causas. Algumas dessas causas são: idade, antiguidade,competência técnica, localização no trabalho, liberdade de se mover na área de trabalho e uma agradável ecomunicativa personalidade. Cada executivo deve saber quem é o líder informal de seus subordinados e trabalhar com essa pessoa, afim de assegurar que essa liderança esteja acompanhando os objetivos da empresa em vez e antagonizá-los. Os grupos informais surgem e persistem porque eles satisfazem aos desejos de seus membros. Essesdesejos são determinados pelos próprios membros do grupo. Um desejo que parece ser sentido por todos os gruposé a necessidade de perpetuar sua cultura, e isto é uma importante função de toda estrutura informal. Uma segunda função do grupo informal é a comunicação. A fim de atender a seus desejos e conservar seusmembros informados do que está havendo que possa afetar a satisfação de suas necessidades e expectativas, ogrupo desenvolve sistemas e canais de comunicação.
  3. 3. 3 Uma terceira função é o controle social pelo qual o comportamento dos outros é influenciado e regulado. Ocontrole social é interno e externo. O controle interno é dirigido no sentido de fazer os membros do grupo surgirem aatuarem em conformidade com sua cultura, enquanto o controle externo é dirigido para os que estão fora do grupo,tais como o governo, o sindicato ou determinados grupos informais. O executivo deve saber que a pressão docontrole externo pode ser bastante forte, tal como quando ocorre uma greve. Portanto, é importante que os objetivos e interesses dos grupos informais estejam integrados com os daempresa. O ideal é haver perfeita interação da estrutura formal com a informal. Principais vantagens da estrutura informal: •proporcionar maior rapidez no processo decisório; •reduz distorções existentes na estrutura formal; •complementa a estrutura formal; •reduz a carga de comunicação dos chefes; e •motiva e integra as pessoas da empresa. As principais desvantagens da estrutura informal são: •provoca desconhecimento da realidade empresarial pelas chefias; •dificuldade de controle; e •possibilidade de atrito entre as pessoas. Fatores que condicionam o aparecimento de grupos informais: •os interesses comuns •a interação provocada pela própria estrutura formal; •os defeitos na estrutura formal; •os períodos de lazer; e •a disputa pelo poder.Estrutura formal A estrutura formal é representada pelo organograma da empresa.Elaboração da estrutura organizacional Estrutura organizacional é o instrumento administrativo resultante da identificação, análise, ordenação eagrupamento das atividades e dos recursos das empresas, incluindo o estabelecimento dos níveis de alçada e dosprocessos decisórios, visando o alcance dos objetivos estabelecidos pelos planejamentos das empresas. A estrutura organizacional é bastante dinâmica, principalmente quando são considerados seus aspectosinformais provenientes da caracterização das pessoas que fazem parte de seu esquema de funcionamento. O planejamento organizacional, segundo o autor, deverá estar voltado para os seguintes objetivos: a) Identificar as tarefas físicas e mentais que precisam ser desempenhadas. b) Agrupar as tarefas em funções. c) Proporcionar aos executivos e funcionários de todos os níveis hierárquicos da empresa: • Informações e outros recursos necessários para trabalhar de maneira eficaz quando possível • Medidas de desempenho que sejam compatíveis com os objetivos e as metas empresariais.Tipos de estrutura organizacional Os diferentes tipos são os resultados da forma de departamentalização (funcional, clientes, produtos,territorial, por projetos, matricial etc.).
  4. 4. 4Metodologia de desenvolvimento, implementação e avaliação da estrutura organizacional No desenvolvimento de uma estrutura organizacional, devem-se considerar seus componentes,condicionantes, níveis de influência e níveis de abrangência. Entre os fatores internos que influenciam a natureza da estrutura organizacional da empresa, contam-se(Drucker, 1962, II, p. 24): • a natureza dos objetivos estabelecidos para a empresa e para seus executivos e funcionários; • as atividades operacionais exigidas para alcançar esses objetivos; • a sequência de passos necessária para proporcionar os produtos e serviços que os funcionários e clientes desejam ou necessitam; • as funções administrativas a desempenhar; • as limitações da habilidade de cada profissional na empresa, além das limitações tecnológicas; • as necessidades sociais dos executivos e funcionários da empresa; e • o tamanho da empresa. Visando o delineamento da estrutura organizacional, Vasconcellos (1972, p. 145) apresenta seus componentes,condicionantes e níveis de influência, para os quais se podem acrescentar os níveis de abrangência, com asnecessárias adequações das quatro partes integrantes citadas.Componentes da estrutura organizacional São três os componentes: • sistema de responsabilidades – resultado da alocação das atividades – constituído por: - departamentalização; - linha e assessoria; e - descrição das atividades (especialização do trabalho). • Sistema de autoridades – resultado da distribuição do poder – constituído por: - amplitude administrativa ou de controle; - níveis hierárquicos; - delegação; e - centralização ou descentralização • Sistema de comunicações – resultado da interação entre as unidades organizacionais – constituído por: - o que, por que, como, quando, quanto, de quem e para quem comunicar. Pode-se considerar mais um sistema componente da estrutura organizacional: o sistema de decisão ( oresultado da ação sobre as informações). Drucker (1962, II, p. 11), conisdera três análises para determinar aestrutura organizacional necessária: • análise das atividades; • análise das decisões; e • análise das relações entre as unidades organizacionais.Condicionantes da estrutura organizacional • objetivos estratégicos e políticos estabelecidos pela empresa; • ambiente da empresa; • evolução tecnológica e tecnologia aplicada na empresa; e • recursos humanos, considerando suas habilidades, capacitações e níveis de motivação e de comprometimento para com os resultados da empresa.Níveis de influência da estrutura organizacional
  5. 5. 5 • nível estratégico; • nível tático; e • nível operacional.Níveis de abrangência da estrutura organizacional • nível empresa; • nível da UEN – Unidade Estratégica de Negócios; e • nível da corporação. Fator humano Fator ambiente externo Sistema de responsabilidades Sistema de autoridades • Departamentalização • Amplitude de controle • Linha e Assessoria • Nível hierárquico • Descrição das atividades • Delegação • Centralização e descentralização Níveis de influência • Estratégico • Tático • Operacional .................................................. Níveis de abrangência • Empresa • UEN • Corporação Sistema de decisões Sistema de Comunicações • Dado • O que comunicar • Informação • Por que comunicar • Conhecimento • Como comunicar • Decisão • Quando/ Quanto comunicar • Ação • De quem/Para quem Fator objetivos, estratégias e Fator tecnologia políticas
  6. 6. 6Figura 1: Componentes, condicionantes, níveis de influência e níveis de abrangência da estrutura organizacional. Considerações básicas sobre os componentes, condicionantes, níveis de influência e níveis de abrangênciada estrutura organizacional.Sistema de responsabilidades Responsabilidade é a atuação profissional de qualidade nos trabalhos e de busca de resultados, com ousem cobrança por parte de terceiros. A quantidade de responsabilidade pela qual o subordinado tem de prestar contas determina a quantidade deautoridade que deve ser delegada. Outro aspecto é que permanece na responsabilidade a obrigação do indivíduo aquem ela foi atribuída, ou seja, a responsabilidade não se delega. Os aspectos básicos do sistema de responsabilidade são: a) Departamentalização b) Linha e assessoria c) Atribuições das unidades organizacionaisSistema de autoridades Autoridade é o direito estabelecido de se designar o que – e, se necessário, como, por quem, quando equanto – deve ser realizado em sua área de responsabilidade na empresa. Observa-se, ao se descer do nível hierárquico mais alto para o nível hierárquico mais baixo, a amplitude daautoridade vai diminuindo até chegar ao limite mínimo. A autoridade formal representa a estabelecida pela estrutura hierárquica da empresa, e pode ser delegadapelo superior hierárquico imediato. A autoridade informal é uma espécie de “autoridade adquirida” a qual e desenvolvida por meio de relaçõesinformais entre as pessoas da empresa, que o fazem voluntariamente e por deferência a sua posição ou status. Blau e Scott (1962, p.44), após uma revisão de diversas pesquisas, concluíram que o chefe que é leal aseus subordinados tem maiores possibilidades de estabelecer uma autoridade informal eficaz e, consequentemente,maior possibilidade de influenciar seus subordinados. Miranda e MacDowell (1968, p. 56) apresentam dois tipos de exercício de autoridade: • O exercício singular de autoridade é aquele em que o poder de se fazer obedecer e o direito de comandar são exercidos por um só indivíduo; e • O exercício múltiplo de autoridade ocorre quando o poder de se fazer obedecer e o direito de comandar são exercidos por uma equipe. Nessa hipótese, o poder pertence à equipe, mas a função é dividida entre seus membros. Devem-se enumerar, também, as teorias básicas sobre a origem da autoridadeque foram apresentadas porKoontz e O”Donnell (1973, p. 48): • teoria formal da autoridade: a origem da autoridade na empresa deve obedecer a uma hierarquia; • teoria de aceitação da autoridade: aceitação das ordens, desde que sejam compreendidas e estejam dentro das funções do subordinado; • teoria da competência: a autoridade pode provir de qualidade pessoais e de competência técnica. Os tipos de autoridade são: • a autoridade hierárquica segue as linhas de comando estabelecidas pela estrutura organizacional da empresa. • A autoridade funcional corresponde à autoridade estabelecida pelas funções exercidas pelas unidades organizacionais. A autoridade funcional deve ser muito bem estabelecida pela empresa para evitar possíveis problemas deduplicidade de comando. O ideal é a autoridade funcional estar correlacionada apenas ao estabelecimento de
  7. 7. 7políticas administrativas, pois estas têm a função básica de estabelecer as premissas e orientações principais quedevem ser respeitadas pelas unidades organizacionais envolvidas e, até, por toda a empresa. Os aspectos básicos do sistema de autoridades são: a) Delegação b) Centralização e descentralização c) Níveis hierárquicos d) Amplitude de controleSistema de comunicações Comunicação é o processo interativo em que dados, informações, consultas e orientações sãotransacionados entre pessoas, unidades organizacionais e agentes externos à empresa. No sistema de comunicações deve ser considerado: • o que deve ser comunicado; • como deve ser comunicado; • quando deve ser comunicado; • de quem deve vir a informação; • para quem deve ir a informação; • por que deve ser comunicado; e • quanto deve ser comunicado. A capacidade par exercer influência em uma empresa depende, em parte, da eficácia de seus processos decomunicação. Na transmissão de informações, deve-se considerar a interferência denominada ruído, que compreendequalquer coisa que se mova no canal que não sejam os sinais ou mensagens reais desejados pelo emissor. Portanto, nesse momento, dve-se verificar até que ponto a forma da estrutura organizacional atende àsnecessidade de comunicação na empresa. Aspectos básicos do sistema de comunicação nas empresas. a) Esquemas de comunicação: • Formal, que é conscientemente planejado, facilidade e controlado, segue a corrente de comando numa estrutura hierárquica; e • Informal, que surge espontaneamente nas empresas, em relação às necessidades de seus membros. Na realidade, a comunicação informal pode ser ruim para a empresa , quando, por exemplo, propaga muitosboatos, ou ser boa, quando facilita a ajuda entre seus membros. b) Fluxos de comunicação: • horizontal, realizado entre unidades organizacionais diferentes, mas do mesmo nível hierárquico; • diagonal ou transversal, realizado entre unidades organizacionais e níveis diferentes; e • vertical, realizado entre níveis hierárquicos diferentes, mas da mesma área de atuação. c) Custo da comunicação: a análise da transmissão das informações mostra que está é muito maiscustosa do que se poderia pensar, não tanto devido às de apoio necessárias, mas principalmente em função dotempo que ela absorve e das demoras que acarreta. (Litterer, 1970, p.82). d) Subsistema de procedimentos: é o resultado da definição das formas pelas quais as atividades são desenvolvidas (métodos utilizados) e suas inter-relações (seqüências, dependências e tramitações).
  8. 8. 8Sistema de decisões O sistema de decisões sustenta o processo decisório dos executivos, o qual corresponde a uma sistemáticaestruturada e descritiva de uma futura situação, que pode ser verdadeira ou falsa, em função dos elementos que otomador da decisão tem acesso e que lhe permitem ter visão factual da situação presente e futura. • a decisão deve ser tomada no nível mais baixo possível e o mais perto possível da cena de ação. • a decisão deve ocorrer sempre em nível que assegure a consideração plena de todos os objetivos e atividades afetados.Condicionantes da estrutura organizacionalFator humano De acordo com Simeray (1970, p.90), o coeficiente humano que pondera a qualidade da estruturaorganizacional é resultado dos fatores: • o valor das pessoas, podendo ser consideradas a sua ética, a sua postura de atuação, os seus relacionamentos etc.; • o conhecimento que elas possuem da estrutura organizacional; e • sua motivação para fazê-la funcionar da melhor forma possível.Fator ambiente externo: analisar o processo de relacionamento entre a empresa e seu ambiente externo.Fator objetivos, estratégias e políticas • Objetivo é o alvo ou situação que se pretende alcançar. • Estratégia é a definição do caminho mais adequado para alcançar o objetivo. • Política é o parâmetro ou orientação para a tomada de decisão.Fator tecnologia • Evolução tecnológica é o processo gradativo e acumulativo dos conhecimentos que têm influência direta ou indireta sobre os negócios, produtos e serviços de um conjunto de empresas. • Tecnologia é o conjunto de conhecimentos que são utilizados para operacionalizar, de forma otimizada, as diversas atividades da empresa.Níveis de influência da estrutura organizacional Nível estratégico Planejamento estratégico Nível tático Planejamento tático Nível operacional Planejamento operacionalFig 2: Tipos de planejamento nas empresasNível estratégico de influência: processo administrativo que possibilita ao executivo estabelecer o rumo a serseguido pela empresa, visando obter um nível de otimização na relação da empresa com seu ambiente.
  9. 9. 9Nível tático de influência: tem por finalidade otimizar determinada área de resultado.Nível operacional de influência: o planejamento operacional pode ser considerado como a formalização,principalmente por meio de processos formais, das metodologias de desenvolvimento e implementaçãoestabelecidas.Níveis de abrangência da estrutura organizacional • Nível empresa, o estudo e a análise da estrutura organizacional estão considerando toda a empresa, tenha ela um ou mais negócios em seu contexto de atuação no mercado. • Nível de abrangência da UEN – Unidade Estratégica de Negócio a amplitude de análise da estrutura organizacional é realizada em termos de unidade estratégica de negócio. • Nível de abrangência da corporação considera-se a administração corporativa, a qual congrega mais de uma unidade estratégica de negócio.PLANO DE IMPLANTAÇÃO DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL Pode-se afirmar que um problema de estrutura organizacional acarreta sempre um problema humano: o depreenchimento dos cargos, o qual deve ser resolvido, primeiramente, sob seu aspecto teórico; e depois, abstraindo-se das características pessoais, procura-se enquadrar as qualidades e aptidões das pessoas às responsabilidades eàs autoridades de cada cargo. O Manual de organização procura eliminar duplicidade de esforços, funções desnecessárias e atritos,possibilita melhor coordenação entre as diferentes atividades, atende à especialização, contribuindo para diminuir oserros e colocando os atos de decisão mais próximos dos problemas. O plano de implantação. Deve considerar três aspectos: • a mudança na estrutura organizacional; • o processo de implantação; e • as resistências que podem ocorrer.Mudança na estrutura organizacionalAlguns aspectos que devem ser considerados no processo de mudança na estrutura organizacional: • ter ciência de que a estrutura organizacional mais adequada depende da atual; • atentar para a necessidade de antecipar forças restritivas e propulsoras que podem ter influência no processo; • a importância dos profissionais que trabalham na empresa; • a importância do planejamento da mudança, para evitar ou minimizar possíveis problemas maiores em sua efetivação; • antes de efetivar a mudança, identificar e analisar o problema, bem como o que será mudado e quais as variáveis a serem consideradas.Processo de implantação ( princípios de participação) • análise e aprovação pela diretoria da empresa (aspectos conceituais) • análise e aprovação pelos responsáveis da várias unidades organizacionais (aspectos conceituais e, principalmente, descritivos); • implantação efetiva com forte treinamento; e • acompanhamento e avaliação do processo.Resistências que podem ocorrer Antes de analisar, com mais detalhes, os vários aspectos inerentes às resistências que podem ocorrer,deve-se lembrar que o rendimento de uma estrutura organizacional depende de quatro fatores (Simeray, 1970,p.84):
  10. 10. 10 • qualidade intrínseca da estrutura organizacional; • conhecimento que os executantes possuem sobre ela; • capacitação dos executantes aos trablhos a serem executados; e • motivação dos executantes.Avaliação da estrutura organizacional É um procedimento pelo qual se verifica o que a estrutura organizacional tem de bom e ruim. Para tanto,devem-se fazer (Vasconcellos, 1972, p. 64): • levantamento e análise estrutural; • estabelecimento de alternativas da estrutura organizacional para a empresa; e • delineamento da estrutura ideal. Pode-se reforçar a avaliação verificando-se o desempenho da empresa em termos de: • resultados apresentados; • problemas evidenciados; e • nível de satisfação dos executivos e funcionários da empresa.Etapas da avaliação da estrutura organizacional: Levantamento, Análise e Avaliação.Políticas para avaliação da estrutura organizacional • ter estrutura organizacional adequada aos mercados existentes; • ter estrutura organizacional adequada às novas tecnologias; • ter estrutura organizacional descentralizada no processo decisório e centralizada no sistema de controle; e • ter estrutura organizacional voltada para resultados.Bibliografia• CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à Teoria Geral da Administração. 6. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2000.• KWASNICKA, Eunice Laçava. Introdução à Administração, 5ª Ed Atlas.
  11. 11. 10 • qualidade intrínseca da estrutura organizacional; • conhecimento que os executantes possuem sobre ela; • capacitação dos executantes aos trablhos a serem executados; e • motivação dos executantes.Avaliação da estrutura organizacional É um procedimento pelo qual se verifica o que a estrutura organizacional tem de bom e ruim. Para tanto,devem-se fazer (Vasconcellos, 1972, p. 64): • levantamento e análise estrutural; • estabelecimento de alternativas da estrutura organizacional para a empresa; e • delineamento da estrutura ideal. Pode-se reforçar a avaliação verificando-se o desempenho da empresa em termos de: • resultados apresentados; • problemas evidenciados; e • nível de satisfação dos executivos e funcionários da empresa.Etapas da avaliação da estrutura organizacional: Levantamento, Análise e Avaliação.Políticas para avaliação da estrutura organizacional • ter estrutura organizacional adequada aos mercados existentes; • ter estrutura organizacional adequada às novas tecnologias; • ter estrutura organizacional descentralizada no processo decisório e centralizada no sistema de controle; e • ter estrutura organizacional voltada para resultados.Bibliografia• CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à Teoria Geral da Administração. 6. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2000.• KWASNICKA, Eunice Laçava. Introdução à Administração, 5ª Ed Atlas.
  12. 12. 10 • qualidade intrínseca da estrutura organizacional; • conhecimento que os executantes possuem sobre ela; • capacitação dos executantes aos trablhos a serem executados; e • motivação dos executantes.Avaliação da estrutura organizacional É um procedimento pelo qual se verifica o que a estrutura organizacional tem de bom e ruim. Para tanto,devem-se fazer (Vasconcellos, 1972, p. 64): • levantamento e análise estrutural; • estabelecimento de alternativas da estrutura organizacional para a empresa; e • delineamento da estrutura ideal. Pode-se reforçar a avaliação verificando-se o desempenho da empresa em termos de: • resultados apresentados; • problemas evidenciados; e • nível de satisfação dos executivos e funcionários da empresa.Etapas da avaliação da estrutura organizacional: Levantamento, Análise e Avaliação.Políticas para avaliação da estrutura organizacional • ter estrutura organizacional adequada aos mercados existentes; • ter estrutura organizacional adequada às novas tecnologias; • ter estrutura organizacional descentralizada no processo decisório e centralizada no sistema de controle; e • ter estrutura organizacional voltada para resultados.Bibliografia• CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à Teoria Geral da Administração. 6. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2000.• KWASNICKA, Eunice Laçava. Introdução à Administração, 5ª Ed Atlas.
  13. 13. 10 • qualidade intrínseca da estrutura organizacional; • conhecimento que os executantes possuem sobre ela; • capacitação dos executantes aos trablhos a serem executados; e • motivação dos executantes.Avaliação da estrutura organizacional É um procedimento pelo qual se verifica o que a estrutura organizacional tem de bom e ruim. Para tanto,devem-se fazer (Vasconcellos, 1972, p. 64): • levantamento e análise estrutural; • estabelecimento de alternativas da estrutura organizacional para a empresa; e • delineamento da estrutura ideal. Pode-se reforçar a avaliação verificando-se o desempenho da empresa em termos de: • resultados apresentados; • problemas evidenciados; e • nível de satisfação dos executivos e funcionários da empresa.Etapas da avaliação da estrutura organizacional: Levantamento, Análise e Avaliação.Políticas para avaliação da estrutura organizacional • ter estrutura organizacional adequada aos mercados existentes; • ter estrutura organizacional adequada às novas tecnologias; • ter estrutura organizacional descentralizada no processo decisório e centralizada no sistema de controle; e • ter estrutura organizacional voltada para resultados.Bibliografia• CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à Teoria Geral da Administração. 6. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2000.• KWASNICKA, Eunice Laçava. Introdução à Administração, 5ª Ed Atlas.

×