A Gerência Intuitiva

942 views

Published on

Palestra apresentada no Seminario de Gerenciamento de Projetos da UFRJ Universidade Federal do RJ

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
942
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
8
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

A Gerência Intuitiva

  1. 1. SEGRAC – Núcleo de Pesquisa em Ciências da Engenharia Escola Politécnica da Universidade Federal do Rio de Janeiro -CT– Bloco A – 2º andar - Cidade Universitária – Rio de Janeiro – RJ http://www.segrac.poli.ufrj.br – segrac@poli.ufrj.br A GERÊNCIA INTUITIVA DE UM GERENTE INCONSISTENTE <ul><li>Aluno Abraão Dahis </li></ul><ul><li>(Espaço e Expressão) [email_address] </li></ul><ul><li>Arquiteto, Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos (SEGRAC/UFRJ) </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>Orientador Lysio Séllos (SEGRAC/POLI/UFRJ) [email_address] </li></ul><ul><li>Engenheiro Civil, D.Sc. </li></ul>
  2. 2. “ Tudo na vida é vivido em níveis e alcançado em etapas.” Ed Cole, Orador americano . <ul><li>Objetivo do artigo: </li></ul><ul><li>Apresentar um paralelo entre as experiências de um administrador, que gerencia sua empresa a 20 anos de forma intuitiva, com alguns processos de gerenciamento do guia PMBok 2004, do PMI – Project Management Institute. </li></ul>
  3. 3. “ E o problema é que, se você não arrisca nada, corre um risco ainda maior.” Erica Jong. Escritora americana . <ul><li>Apresentação </li></ul><ul><li>O avanço tecnológico por estas duas décadas, acarretou mudanças em vários paradigmas e confirmação de outros. Hoje não podemos dispensar estas conquistas pois, sem estas ferramentas, não alcançaremos mais patamares necessários no mesmo espaço de tempo que nos é imprescindível. </li></ul>
  4. 4. “ Nada de esplêndido jamais foi realizado, exceto por aqueles que ousaram acreditar que algo dentro deles era superior às circunstâncias.” Bruce F. Barton (1886-1967). Empresário, autor e político americano. <ul><li>Metodologia de 20 anos: </li></ul><ul><ul><li>Levantamento de Dados, </li></ul></ul><ul><ul><li>Estudo Preliminar, </li></ul></ul><ul><ul><li>Ante-projeto </li></ul></ul><ul><ul><li>Projeto Final </li></ul></ul><ul><li>Metodologia atual PMI: </li></ul><ul><ul><li>44 Processos do Guia PMBoK ambientados em 5 grupos integrados: Iniciação, Planejamento, Execução, Controle e Finalização. </li></ul></ul>
  5. 5. “ Nunca sabemos se uma linha é torta, até que colocamos uma linha reta ao seu lado” Sócrates, (470-399 a.C.) Filósofo grego . <ul><li>Os objetivos do gerenciamento </li></ul><ul><li>P ara se alcançar o sucesso de um projeto, é necessário que os objetivos previstos sejam alcançados. E, para tal, é essencial realizarem-se “Pit Stops” ao longo desta “corrida” pois poderemos avaliar e retraçar nosso plano estratégico, comparando os dados com os da Linha de Base, feita na linha de largada da “Prova”. </li></ul>
  6. 6. “ Não o que o homem é, apenas o que ele faz é patrimônio que não poderá perder jamais.” Friedrich Hebbel (1813-1863). Poeta e dramaturgo alemão. Os “Stakeholders” – Os envolvidos Todos os envolvidos no projeto devem ter suas expectativas e necessidades formuladas, anotadas, entendidas e prontas para serem atendidas quando dos resultados do projeto
  7. 7. “ Já que você tem que pensar de qualquer forma, pense grande.” Donald John Trump, empreendedor americano. <ul><li>- D eve-se evitar objetivos genéricos </li></ul><ul><li>- A ação e os controles devem estar nas mãos do Gerente </li></ul><ul><li>- U tilizar termos que gerem motivação </li></ul><ul><li>- D efinir medidas para saber que o objetivo foi alcançado </li></ul><ul><li>- D eterminar recursos necessários para alcance do objetivo </li></ul><ul><li>- S ubdividir o objetivo em partes menores para facilitar </li></ul><ul><li>- O objetivo a alcançar será benéfico para o ambiente ? </li></ul><ul><li>- I maginar o projeto hipotéticamente concluído e retroceder </li></ul><ul><li>- A dotar um modelo que priorize a excelência </li></ul><ul><li>- T er fé. Acreditar que é possível. </li></ul><ul><li>Aspectos a serem observados: </li></ul>
  8. 8. “ O mundo odeia mudanças. No entanto, é a única coisa que tem trazido progresso.” Charles Franklin Kettering (1876-1958). Co-fundador da Delco Eletronics. <ul><li>Os riscos e as precauções preventivas </li></ul><ul><li>Metas e objetivos mal definidos ou não compreendidos </li></ul><ul><li>Muitas atividades e pouco tempo para realizá-las </li></ul><ul><li>Informações insuficientes, inadequadas e inconsistentes </li></ul><ul><li>Estimado à “sentimento”, de forma intuitiva </li></ul><ul><li>Os produtos finais não foram bem definidos </li></ul><ul><li>Falta de habilidades técnicas e outras da equipe </li></ul><ul><li>Falta de padrões de trabalho ou negligenciamento </li></ul><ul><li>Espectativas desalinhadas com a realidade do projeto </li></ul><ul><li>Não considerar os eventos do meio impactando o escopo </li></ul><ul><li>Não considerar questões político-culturais que prejudiquem projeto </li></ul>
  9. 9. “’ Preciso fazer algo’ resolverá mais problemas do que ‘Algo precisa ser feito’.” Glenn Van Ekeren <ul><li>A qualidade de um projeto </li></ul>O velho ditado de que a qualidade esta nos olhos de quem vê, é verdadeiro. A qualidade sempre acaba sendo medida pelo cliente. O objetivo de um gerente de projetos é entender os requerimentos e as expectativas do cliente - e então, atendê-los.
  10. 10. “ O que quero saber antes de tudo não é se fracassaste, mas se soubestes aproveitar teu fracasso.” Abraham Lincoln, (1809-1865). Presidente americano. <ul><li>Quando crianças, os adultos nos dizem para não cometermos erros, mas querem dizer quanto a erros que nos ameaçam a vida. Achamos que se referem a qualquer erro e evitamos então errar e, por vezes a tentar fazer, com medo de errar. </li></ul><ul><li>Os erros são auxílios inestimáveis ao sucesso! </li></ul><ul><li>Os erros </li></ul>
  11. 11. “ Não importa até onde você tenha trilhado o caminho errado, volte.” Provérbio turco <ul><li>As habilidades de um gerente </li></ul>- tomar decisões - analisar problemas - enfrentar mudanças - buscar soluções criativas - utilizar o lógico e o intuitivo - desenvolver a capacidade de visão de conjunto - capacidade de leitura do meio ambiente - administrar recursos, processos e pessoas - capacidade de ser, agir e pensar no lugar do outro
  12. 12. “ A maior revolução de nossos tempos é a descoberta de que ao mudar as atitudes internas de suas mentes, os seres humanos podem mudar os aspectos externos de suas vidas.” William James, psicólogo e filósofo amerciano (1842-1910) <ul><li>Hoje, executivos de algumas multinacionais, européias, norte-americanas e de algumas empresas brasileiras, estão sendo treinados no uso de técnicas orientais para desenvolver a intuição e a meditação. </li></ul>
  13. 13. “ São as ações dos homens e não as palavras que expressam seus mais profundos pensamentos.” John Lackes <ul><li>O empresário-gerente ou gerente-empresário </li></ul>As &quot;novas&quot; habilidades gerenciais estão sendo exigidas para desenvolver um espírito empreendedor nas organizações, públicas ou privadas, onde todos sintam-se responsáveis em construir um ambiente de trabalho que acreditem. É a síndrome da pequena empresa como ideal de administração de empresas. As grandes que se cuidem!
  14. 14. “ Uma pergunta pode ser mais importante que a resposta.” Walcir Carrasco, Escritor brasileiro. <ul><li>Paralelos: Experiência x Processos PMBoK </li></ul><ul><li>Termo de Abertura do Projeto </li></ul><ul><li>Declaração do Escopo Preliminar do Projeto </li></ul><ul><li>Plano de Gerenciamento do Projeto </li></ul><ul><li>Planejar Contratações </li></ul><ul><li>Criar EAP – Estrutura Analítica do Projeto </li></ul><ul><li>Estimativa de Duração de cada Atividade </li></ul><ul><li>....... ao 44º Processo? </li></ul>
  15. 15. <ul><li>Referências: </li></ul><ul><li>SEGRAC- NÚCLEO DE PESQUISA EM CIENCIAS DA ENGENHARIA – http://www.segrac.poli.ufrj.br - acessado em 24/09/2006. </li></ul><ul><li>PARREIRA, FERNANDO L., (2003) artigo publicado no jornal O Tempo. Minas Gerais. Brasil </li></ul><ul><li>AGUIAR, MAURICIO. artigo Gerenciando Objetivamente, produzido especialmente para a Developers Magazine pelo ISLIG-RIO. Rio de Janeiro. Brasil </li></ul><ul><li>LUZ, DANIEL C. (2002) – Insight 2 . Editora DVS Ltda. São Paulo, Brasil. </li></ul>“ Nunca lhe deram oportunidades? Mas já pensou em criá-las por si mesmo? As pessoas estão sempre culpando as circunstâncias pelo o que são. Eu não acredito em circunstâncias. As pessoas que vão para a frente neste mundo são as que se levantam, procuram pelas circunstâncias que querem e, se não as encontram, as criam.” George Bernard Shaw (1856-1950. Dramaturgo irlandês.

×