Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Baltasar e Blimunda

31,015 views

Published on

Trabalho integrado no Projecto de Educação para a Saúde, 12º A2

Published in: Education
  • Be the first to comment

Baltasar e Blimunda

  1. 1. Baltasar e Blimunda O amor verdadeiro Professora Ana Cristina Matias Kush LesCrooge, nº15 Marina Amorim, nº17 12ºA2 Escola Secundária Dr. Jorge Correia – Tavira Ano lectivo 2009-10 Disciplina de Português, 12º ano Trabalho integrado no Projecto de Educação para a Saúde /Projecto Curricular da turma 12º A2
  2. 2. Baltasar <ul><li>Sete-Sóis </li></ul>Disciplina de Português 12º
  3. 3. Blimunda <ul><li>Sete-Luas </li></ul>Disciplina de Português 12º
  4. 4. O auto-de-fé Disciplina de Português 12º
  5. 5. O padre Bartolomeu Lourenço de Gusmão e a Passarola Disciplina de Português 12º
  6. 6. O casal real Disciplina de Português 12º D. João V D. Maria Ana de Áustria
  7. 7. Resumo ao longo dos capítulos Disciplina de Português 12º Memorial do Convento , de José Saramago
  8. 8. IV <ul><li>Baltasar Sete-Sóis regressa Lisboa, maneta de Guerra. </li></ul><ul><li>Neste capítulo é descrito o percurso de Baltasar até Lisboa e em Lisboa. </li></ul>
  9. 9. V <ul><li>Baltasar, Blimunda e o padre Bartolomeu Lourenço travam conhecimento num auto-de-fé. </li></ul><ul><li>Ritual de casamento privado e à margem da lei. Relação amorosa entre Baltasar e Blimunda </li></ul>
  10. 10. VI <ul><li>Baltasar conhece o projecto da passarola e é convidado a trabalhar nele. </li></ul>
  11. 11. VIII <ul><li>Blimunda revela o seu segredo a Baltasar. </li></ul>IX Baltasar regressa a Mafra com Blimunda.
  12. 12. X <ul><li>Blimunda é apresentada à família de Baltasar. </li></ul>XI O padre Bartolomeu pede a Blimunda para recolher vontades.
  13. 13. XII <ul><li>O padre Bartolomeu Lourenço encomendou a Blimunda duas mil vontades dos homens e mulheres. </li></ul>
  14. 14. XVI <ul><li>A Passarola fica pronta. </li></ul><ul><li>Acontece o primeiro voo da passarola. </li></ul>XVII – XXII Baltasar e Blimunda regressam a Mafra. Baltasar trabalha nas obras do convento . Deslocam-se uma vez a Monte Junto para averiguar do estado da passarola.
  15. 15. XXIII <ul><li>Baltasar regressa sozinha a Monte Junto para ver como está a passarola. </li></ul><ul><li>Inadvertidamente, a passarola levanta voo com Baltasar no seu interior </li></ul>XXIV Baltasar não voltou para casa. Blimunda inicia a sua demanda em busca de Baltasar
  16. 16. XXV <ul><li>Blimunda não desiste de procurar o homem a quem jurou amor eterno: Baltasar </li></ul><ul><li>Ao fim de nove anos e à sétima vez que volta a passar por Lisboa, vê-o pela última vez num auto-de-fé. As suas vontades reencontram-se e unificam-se no corpo de Blimunda </li></ul>
  17. 17. As vivências amorosas entre Baltasar e Blimunda e sua comparação com a actualidade As uniões de facto são cada vez mais comuns. Os casais não pensam tanto no casamento. Conheceram-se, apaixonaram-se e foram viver juntos, ou seja, esta não foi uma união contratual e não se casaram. O casamento era ainda sagrado. Existiam, ainda, casamentos contratuais, onde não existia amor. A actualidade O amor de Baltasar e Blimunda Na época (século XVIII)
  18. 18. Não há a preocupação com a conservação da virgindade e esta já não é tão importante. As relações sexuais no primeiro encontro são consideradas normais Tiveram relações no dia em que se conheceram Apenas depois do casamento aconteciam as primeiras relações físicas. A virgindade era conservada até ao dia do casamento A actualidade O amor de Baltasar e Blimunda Na época (século XVIII)
  19. 19. A mulher e o homem são semelhantes e no casal não há diferença. O homem já desempenha e realiza trabalhos em casa. Marido e mulher têm os mesmos direitos e deveres. Encontravam-se em pé de igualdade, não havia distinção por serem de sexos diferentes. A mulher era obrigada a obedecer ao homem e não tinha, praticamente, direitos. Existia uma grande diferenciação entre o marido e a mulher. A actualidade O amor de Baltasar e Blimunda Na época (século XVIII)
  20. 20. Homem e mulher podem desempenhar os mesmos trabalhos (exceptuando raras excepções). Trabalham de igual forma na construção da passarola. A mulher trabalhava em casa ou não trabalhava, enquanto o homem ganhava o dinheiro para a família. A actualidade O amor de Baltasar e Blimunda Na época (século XVIII)
  21. 21. Disciplina de Português 12º Baltasar e Blimunda já se encontravam avançados para a época. Conclusão
  22. 22. Disciplina de Português 12º Fim Professora Ana Cristina Matias Kush LesCrooge, nº15 Marina Amorim, nº17 12ºA2 Trabalho integrado no Projecto de Educação para a Saúde /Projecto Curricular da turma 12º A2 Escola Secundária Dr. Jorge Correia – Tavira Maio 2010

×