Dinâmica da litosfera

10,657 views

Published on

Descrição sobre a dinâmica da litosfera com breve explicação sobre a estrutura interna da Terra e os elementos envolvidos na dinâmica da litosfera, como o tectonismo e o vulcanismo.

1 Comment
4 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
10,657
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
192
Actions
Shares
0
Downloads
234
Comments
1
Likes
4
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Dinâmica da litosfera

  1. 1. DINÂMICA DA LITOSFERA
  2. 2. INTERIOR DA TERRA O interior da Terra atingetemperaturas de 6000ºC. O calorinterno do planeta foi geradoinicialmente durante sua formaçãoe é constantemente gerado pelaação de elementos radioativoscomo urânio, tório, e potássio.
  3. 3. As partes mais velhas da crostaterrestre têm até 4,6 bilhões de anos.Mas boa parte da superfície é novo,tendo menos de 100 milhões de anos;O planeta possui camadas comdiferentes temperaturas, formas eestados.
  4. 4. • Crosta (de 0 a 100 km)• Manto (de 30 a 2900 km)• Núcleo (de 2900 a 6400 km)
  5. 5. NÚCLEO• Pode chegar a 6000º C de temperatura.• Feito de elementos mais pesados como ferro e níquel.• Núcleo externo é líquido e o núcleo interno é sólido.• Responsável pelo magnetismo da Terra.
  6. 6. MANTO• É feito de magma – rocha derretida.• As temperaturas do manto variam de 100ºC próximo à crosta até 3500ºC próximo ao núcleo.• As erupções vulcânicas trazem o magma do manto para a crosta terrestre.
  7. 7. CROSTA• A crosta tem em média 35 km de espessura, mas pode chegar a 100 km, dependendo de onde se encontra.• Formadas de Rochas sólidas, é onde ocorrem as ações humanas.• Pode chegar a 100ºC.
  8. 8. O MOVIMENTO DOS CONTINENTES
  9. 9. ALFRED WEGENER• Descobriu que grandes estruturas geológicas em diferentes continentes pareciam ter ligação.• Suspeitou que os continentes se movimentavam sobre o manto.• Propôs um modelo de união e separação de todos os continentes (Pangea).
  10. 10. PANGEA = TODA TERRA PANTHALASSA = TODO MAR
  11. 11. PANGEA – EVIDÊNCIAS• Concordância entre os litorais (América do Sul e África)• Sistemas de montanhas comuns em diferentes continentes.• Presença de fósseis de determinadas espécies em regiões da África e Brasil.
  12. 12. . PROBLEMA: Não Conseguiu explicar o mecanismos de movimentação dos continentes.
  13. 13. TECTONISMO DE PLACAS• A litosfera, camada mais rígida, formada de rochas sólidas é fragmentada em 12 placas que deslizam, convergem ou se separam umas em relação às outras à medida que se movem sobre o manto, menos resistente e líquido.
  14. 14. A Teoria das Placas descreve omovimento das placas, sua motivação e adistribuição de muitas feições geológicastais como cadeias de montanhas,estruturas no fundo do mar e a presençade vulcões e terremotos.
  15. 15. lito s fera convecção lenta, de grande escala (cm/ano)
  16. 16. OS TRÊS TIPOS BÁSICOS DE LIMITES DE PLACAS SÃO:• LIMITES DIVERGENTES – AS PLACAS AFASTAM-SE E UMA NOVA LITOSFERA OCEÂNICA É CRIADA.• LIMITES CONVERGENTES – AS PLACAS JUNTAM-SE E UMA DELAS É RECICLADA, RETORNANDO AO MANTO.• LIMITES TRANSFORMANTES – AS PLACAS DESLIZAM HORIZONTALMENTE UMA EM RELAÇÃO À OUTRA.
  17. 17. LIMITES DIVERGENTES
  18. 18. O MAR VERMELHO (A) E O GOLFO DA CALIFORNIA (B) SÃORIFTES QUE SE ENCONTRAM NUM ESTÁGIO AVANÇADO DEEXPANSÃO. NESSES CASOS OS CONTINENTES JÁ SESEPARARAM O SUFICIENTE PARA QUE O NOVO ASSOALHOOCEÂNICO PUDESSE SER FORMADO AO LONGO DO EIXO DEEXPANSÃO E OS VALES EM RIFTE FOSSEM INUNDADOS PELOOCEANO.
  19. 19. LIMITES CONVERGENTESConvergência Oceano-Continente Convergência Oceano-Oceano Convergência Continente-Continente
  20. 20. LIMITES TRANSFORMANTES• LIMITES TRANSFORMANTES SÃO ZONAS ONDE AS PLACAS DESLIZAM UMA EM RELAÇÃO AS OUTRAS SEM DIVERGÊNCIA OU CONVERGÊNCIA, E PORTANTO, SEM CRIAÇÃO OU DESTRUIÇÃO DA LITOSFERA.
  21. 21. DOBRAS E FALHAS As placas ao movimentarem-se entre sicausam a deformação das rochaspresentes nas zonas junto às suasfronteiras. Esta deformação pode ser frágil(falhas) ou dúctil (dobras).
  22. 22. formação deEXEMPLOS DE DOBRASdobras
  23. 23. Cordilheiras dos Andes: Limitesconvergentes das placasde Nazca a Placa Sul-americana. Himalaia : limites convergentes entre as placas Indo-Australiana e Eurásia.
  24. 24. TIPOS DE FALHA FALHA NORMAL
  25. 25. VULCÕES E TERREMOTOS
  26. 26. PRINCIPAIS PLACAS TECTÔNICAS
  27. 27. VULCANISMO
  28. 28. TECTONISMO: TERREMOTO E MAREMOTO
  29. 29. TERREMOTO E MAREMOTOOBS: Em poucos segundos, o planeta faz lembrar ao ser humano que a noção de“Terra Firme” é uma ilusão.O QUE É UM TERREMOTO?É uma onda sísmica, ocasionada pela ruptura das rochas litosféricas, tal rupturalibera as tensões acumuladas resultantes dos movimentos das placas tectônicasumas contra as outras, definidas como forças: Convergentes, Divergentes,Longitudinais ou transformantes.
  30. 30. Elementos de um terremotoEPICENTRO ONDASSÍSMICAS Profundidade FocalHIPOCENTRO
  31. 31. O QUE É UM MAREMOTO• São ondas marinhas gigantescas produzidas por terremotos no fundo do mar ouerupções vulcânicas submarinas. Muitas vezes chamadas erroneamente ondas demaré.• Maremoto também é conhecido no mundo inteiro sob a designação japonesa deTSUNAMI ou como onda marinha sísmica.
  32. 32. TERREMOTO E MAREMOTOS NA ÁSIALimites das placas Indo-Australiana e Eurasiana
  33. 33. Terremoto, Magnitude 9.0 (Richter) com epicentro na costa oeste da ilha de Sumatra, na Indonésia nodomingo, 26 Dezembro de 2004
  34. 34. A FORÇA DO TSUNAMI NO TEMPO E NO ESPAÇO
  35. 35. Simulação da formação das ondas gigantes
  36. 36. Conseqüências: erosão do litoral
  37. 37. A grande onda
  38. 38. 1 23 4
  39. 39. Conseqüências: transformações da paisagem 12/04/2004 02/01/2005

×