Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Biomecanica dos tendões e ligamentos

24,574 views

Published on

  • Be the first to comment

Biomecanica dos tendões e ligamentos

  1. 1. Biomecânica dos Tendões e Ligamentos Alexandre Carlos Rosa, Ft.
  2. 2. Rede vascular Células: Fibroblasto Estruturas extracelular: colágeno, substância de base Rede neural: mecanor-receptores Nutrição, metabolismo Síntese de matriz Suporte de carga e tensão Percepção motora e sensorial Visco-elastico <ul><li>guiar movimento </li></ul><ul><li>transmitir carga </li></ul><ul><li>Estabilizar articulação </li></ul>Estrutura Mecânica Função
  3. 3. Morfologia dos Tendões e Ligamentos <ul><li>Proteoglicano – Stress / Shear </li></ul><ul><li>GAG – Compressão </li></ul><ul><li>Fibronectina – Adesão Cels. Matriz </li></ul><ul><li>Fibras elásticas – Absorção de Choques </li></ul><ul><li>Sulfato de Condroitina – Carga Tensil </li></ul><ul><li>Água </li></ul><ul><li>Colágeno </li></ul><ul><ul><li>Tipo I </li></ul></ul><ul><ul><li>Tipo III, IV, V, VI </li></ul></ul>
  4. 4. Diferenças entre tendões e ligamentos Cargas tensionais em uma direção principal e em direções secundarias Cargas tensionais unidirecionais Fibras paralelas e outras entrelaçadas Fibras ordenadas paralelamente 90% colágeno do tipo I 10 % colágeno do tipo III 99% colágeno tipo I 1% colágeno do tipo III Ligam duas estruturas ósseas Ligam o músculo ao osso Ligamentos Tendões
  5. 5. Resposta mecânica de tendões e ligamentos á deformação Curva de estresse-deformação <ul><li>A – Toe </li></ul><ul><li>B – Linear </li></ul><ul><li>C – Microfalha </li></ul><ul><li>D – falha total </li></ul>
  6. 6. Comportamento mecânico dos tendões e ligamentos Visco-elasticidade <ul><li>Viscosidade – Capacidade da estrutura de se adaptar a uma determinada carga </li></ul><ul><ul><li>Comportamento dominante sob baixas cargas </li></ul></ul><ul><li>Elasticidade – Capacidade da estrutura de se alongar e voltar a posição inicial de maneira não linear. </li></ul><ul><ul><li>Comportamento dominante sob altas cargas </li></ul></ul>
  7. 7. Comportamento mecânico dos tendões e ligamentos Rigidez,comprimento e deformação <ul><li>Quanto maior a secção transversa maior é a força necessária para causar a falha mecânica </li></ul><ul><li>Quanto mais longo o tendão maior vai ser o alongamento necessário para causar a falha mecânica </li></ul>
  8. 8. Fatores que afetam as propriedades biomecânicas dos tendões e ligamentos <ul><li>Maturação e envelhecimento </li></ul><ul><ul><li>N o e qualidade de cross links </li></ul></ul><ul><ul><li>Diâmetro da fibrila de colágeno </li></ul></ul><ul><li>Gravidez e Pós-parto </li></ul><ul><ul><li>Frouxidão ligamentar </li></ul></ul><ul><li>Diabete Mellitus </li></ul><ul><ul><li>hiperviscosidade </li></ul></ul><ul><li>AINES </li></ul>
  9. 9. Fatores que afetam as propriedades biomecânicas dos tendões e ligamentos <ul><li>Alteração sob condições estresse mecânico </li></ul><ul><ul><li>Imobilização </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>diminuição na força e rigidez </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>aumento no metabolismo </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>diminuição do n o e qualidade de cross links </li></ul></ul></ul><ul><li>Esteróides </li></ul><ul><ul><li>Uso continuo leva a falha na ligação com os ossos </li></ul></ul><ul><ul><li>Aumento da rigidez á carga máxima </li></ul></ul>
  10. 10. Fatores que afetam as propriedades biomecânicas dos tendões e ligamentos <ul><li>Uso excessivo </li></ul><ul><ul><li>microfalhas </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>tendinites e lesões ligamentares </li></ul></ul></ul><ul><li>Cargas súbitas vs cargas lentas e progressivas </li></ul><ul><li>Exercício excêntrico vs concêntrico </li></ul>

×