Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Pythonbrew

469 views

Published on

Pythonbrew - Como instalar e usar múltiplos Pythons e múltiplos ambientes de desenvolvimento Python independentes em uma mesma máquina.

Published in: Technology
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Pythonbrew

  1. 1. Pythonbrew Múltiplas versões do Pythone múltiplos ambientes de desenvolvimento na mesma máquina Victor Oliveira da Silva
  2. 2. Pythonbrew● Permite instalar diferentes versões do Python na $HOME do usuário● Pythons completamente isolados entre si e do sistema● Trabalha com o virtualenv, mas com uma sintaxe própria (e fácil) de utilização
  3. 3. Instalando Pythonbrew● Instalar as seguintes dependências * – sudo apt-get install curl build-essential libbz2-dev libsqlite3-dev zlib1g-dev libxml2-dev libxslt1-dev libreadline5 libreadline-gplv2-dev libgdbm-dev libxml2 libssl-dev tk-dev libgdbm-dev libexpat1-dev libncursesw5-dev● Executar os seguintes comandos no terminal – cd ~ – curl -kL http://xrl.us/pythonbrewinstall | bash● Editar o arquivo ~/.bashrc e adicionar o seguinte trecho no final dele: – [[ -s $HOME/.pythonbrew/etc/bashrc ]] && source $HOME/.pythonbrew/etc/bashrc * Testado no Ubuntu 12.10
  4. 4. Confirmando instalação● Feche o terminal e abra uma nova seção dele● Navegue para sua pasta $HOME – cd ~● Digite o seguinte comando – pythonbrew --version
  5. 5. Versões disponíveis do Python● Importante: todos comandos do pythonbrew funcionarão apenas quando se estiver na pasta $HOME do usuário, então, antes, sempre digite – cd ~● Para visualizar as versões de Python disponíveis, digite – pythonbrew list -k
  6. 6. Instalando um Python● Escolha um Python disponível (2.7.3 nesse exemplo), e instale-o com o seguinte comando – pythonbrew install 2.7.3
  7. 7. Usando Pythons do Pythonbrew● Uso temporário (até fechar o terminal) – pythonbrew use 2.7.3● Uso permanente – pythonbrew switch 2.7.3● Voltar a usar o Python do sistema – pythonbrew off
  8. 8. Instalando outro Python
  9. 9. Listando Pythons instalados● Comando – pythonbrew list
  10. 10. Consultar qual o Python ativo● Comando – which python
  11. 11. Remover algum Python● Comando – pythonbrew uninstall 2.7.3
  12. 12. Preparação para criar ambientes virtuais● Comando – pythonbrew venv init
  13. 13. Criando ambientes virtuais● “Use” a versão desejada do Python e execute o comando – pythonbrew venv create meu_ambiente_virtual
  14. 14. Criando ambientes virtuais (2)● Dois ambientes com Python 2.7 e outro com 3.3
  15. 15. Listando ambientes virtuais● Comando – pythonbrew venv list
  16. 16. Usando ambientes virtuais ● “Entrar” em um ambiente* (antes, deve-se estar “usando” o python correspondente ao ambiente em questão): – pythonbrew venv use nome_do_ambiente ● Instalar bibliotecas Python em um ambiente: entre no ambiente e instale as bibliotecas normalmente ● “Sair” de um ambiente ativo: – deactivate ● Remover um ambiente – pythonbrew venv delete nome_do_ambiente* Para entrar em um ambiente, sempre deve-se sair de qualquer outro ambiente que esteja ativo
  17. 17. Instalando Django 1.2 no ambiente 2_7_A
  18. 18. Instalando Django 1.4 no ambiente 2_7_B
  19. 19. Os ambientes são isolados e independentes
  20. 20. Listar pacotes instalados em um ambiente virtual● “Entre” o ambiente e execute o comando – pip freeze
  21. 21. Salvar lista de pacotes para instalá- los em outro ambiente
  22. 22. Instalar pacotes em um ambiente a partir da lista gerada anteriormente● “Entre” no ambiente alvo e execute: – pip install -r requirements.txt
  23. 23. Referências● http://pypi.python.org/pypi/pythonbrew/● http://suvashthapaliya.com/blog/2012/01/sandboxed- python-virtual-environments/● https://github.com/utahta/pythonbrew/issues/81

×