Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Como preparar seu time para receber feedback - Scrum Gathering Rio 2017

470 views

Published on

Apresentação realizada por Mariana Graf no Scrum Gathering Rio 2017.

Published in: Leadership & Management
  • Hello! Get Your Professional Job-Winning Resume Here - Check our website! https://vk.cc/818RFv
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here

Como preparar seu time para receber feedback - Scrum Gathering Rio 2017

  1. 1. Como preparar seu time para receber feedback Mariana Graf | mariana@taller.net.br
  2. 2. Sou a Mari Graf :) ❖ People ❖ Facilitadora ❖ Consultoria, cursos e treinamentos ❖ Atuo em comunidades
  3. 3. O que é feedback?
  4. 4. Por que fazer feedback?
  5. 5. Como preparar as pessoas e a si mesmo para receber feedback
  6. 6. Primeiro precisamos mostrar as vantagens de receber bem um feedback
  7. 7. Comece identificando o feedback em rótulos Como podemos definir se um feedback está certo ou errado?
  8. 8. Conteúdo além do rótulo Pergunte: De onde vem o feedback? Para onde vai esse feedback?
  9. 9. O que nos atrapalha no âmbito das relações? Existem mais emoções em jogo.
  10. 10. Três gatilhos: o que bloqueia o feedback? 1) Gatilhos de verdade 2) Gatilhos de relacionamento 3) Gatilhos de identidade
  11. 11. Olhando para si mesmo, como eu estou me atrapalhando?
  12. 12. “Falar sobre erro é como falar sobre verdade - gera discordância, contestação e pouco aprendizado. Desperta medo de punição e insiste em uma resposta. Ninguém quer ser culpado, principalmente de maneira injusta, então nossa energia é direcionada para nossa defesa.” (Douglas Stone)
  13. 13. A dificuldade em ver: os pontos cegos
  14. 14. Feedback numa visão de sistemas “Sistema é um conjunto de componentes interdependentes ou em interação que formam um todo complexo. Cada parte do sistema influencia os demais, e modifica uma parte do sistema causando um efeito em todo o conjunto. Times e relacionamentos são sistemas.”
  15. 15. Por que é tão difícil receber feedback?
  16. 16. Neurociência Uma das principais funções cerebrais ligadas à sobrevivência é o gerenciamento da aproximação e afastamento: nos aproximamos do que é bom e nos afastamos do que é ruim.
  17. 17. A amígdala cerebelar e nosso sistema de segurança
  18. 18. Tipos de temperamento De acordo com o pesquisador Jerome Kagan, existem quatro tipos de temperamento: tímido, ousado, otimista e melancólico - e cada um deles é resultado de um padrão diferente de atividade cerebral.
  19. 19. Precisamos entender que cada pessoa responderá de forma diferente aos variados tipos de feedbacks O pesquisador Richard Davidson descobriu que o tempo que sustentamos emoções positivas ou que nos recuperamos de emoções negativas podem variar, entre os indivíduos, cerca de 3000%.
  20. 20. Nada é imutável
  21. 21. O que é inteligência emocional?
  22. 22. "...capacidade de identificar os nossos próprios sentimentos e os dos outros, de nos motivarmos e de gerir bem as emoções dentro de nós e nos nossos relacionamentos." (Goleman, 1998)
  23. 23. Como usar a inteligência emocional ao nosso favor? “A mente emocional tem uma lógica associativa: elementos que simbolizam uma realidade ou que de alguma forma lembrem essa realidade são, na mente emocional, a própria realidade.”
  24. 24. Aprendendo com um feedback perturbador
  25. 25. Desfazendo distorções ❖ Esteja preparado(a) e atento(a) ❖ Vacine-se contra o pior ❖ Observe o que está acontecendo
  26. 26. Precisamos considerar em nossas relações que:
  27. 27. Nós não controlamos como os outros nos veem
  28. 28. “Enquanto defendemos bravamente nosso ponto de vista, em geral deixamos de questionar um ponto crucial sobre o qual se baseia nossa posição no diálogo: eu estou certo, você está errado.”
  29. 29. Você vai cometer erros
  30. 30. Você tem intenções complexas
  31. 31. Nosso papel é ajudar nossos colegas a olharem para si mesmos
  32. 32. Questione as certezas ❖ "O que a outra pessoa realmente disse ou fez?" ❖ "Qual foi o impacto disso sobre você?" ❖ "Com base nesse impacto, o que você está deduzindo sobre a intenção da outra pessoa?"
  33. 33. Ainda não há concordância com o feedback recebido/dado?
  34. 34. Aqui vai um título maior Obrigada! … perguntas? Mariana Graf | mariana@taller.net.br Twitter | @marianagraf Linkedin| linkedin.com/in/marianagraf

×