Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Tema bastante atual, o interesse pela proteína relacionada àoncologia deve-se ao fato de, entre tantos avanços na ciência ...
• A proteína 53 (p53) é produto da transcrição do genesupressor tumoral p53, situado no braço curto do cromossomo17 (regiã...
Forma funcionalmente ativa: estrutura moleculartetramérica (com quatro subunidades básicas idênticas quese juntam) [5].A p...
Domínios, localização e funçõesDomínio                Localização                FunçãoDomínio de             Localizado n...
p53 ativa genes                  Suprime a ação dep53 verifica a eventual       Lesão     envolvidos no                   ...
Células com o                                    Não ocorre a parada do ciclo celular ou                     Alteração sig...
Bibliografia[1] http://seer.ucg.br/index.php/estudos/article/viewFile/564/449, acessado em10 de novembro de 2012[2] Explic...
Proteina p53
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Proteina p53

11,010 views

Published on

Alessandra Mayumi Honda e Julia Pacheco Fanton

  • Be the first to comment

Proteina p53

  1. 1. Tema bastante atual, o interesse pela proteína relacionada àoncologia deve-se ao fato de, entre tantos avanços na ciência e namedicina, ainda haver muito em aberto no que diz respeito aosurgimento, desenvolvimento e controle de tal patologia. O quejá se sabe se torna, assim, a esperança de um ponto de partidapara descobertas de mecanismos de controle e prevenção docâncer.
  2. 2. • A proteína 53 (p53) é produto da transcrição do genesupressor tumoral p53, situado no braço curto do cromossomo17 (região p13.1) [1]. Figura 1: Centrômero ou constrição primária é a região estrangulada do cromossomo que o divide em dois braços: o curto e o longo [2].•A proteína p53, assim denominada devido à sua massamolecular: 53 quilodáltons (kD), é uma fosfoproteína(proteína que contem ácido fosfórico [3]) nuclear constituídapor 393 aminoácidos [1].•Seu código PDB é 1TUP [4].
  3. 3. Forma funcionalmente ativa: estrutura moleculartetramérica (com quatro subunidades básicas idênticas quese juntam) [5].A proteína p53 é conhecida como “guardiã do genoma”em decorrência de seu funciona mento tanto comosensor de danos no DNA e como no auxilio ao sistemade reparo [1].A p53 apresenta quatro regiões com funções distintas,chamadas domínios da proteína [1].
  4. 4. Domínios, localização e funçõesDomínio Localização FunçãoDomínio de Localizado na É responsável por regular atransativação extremidade amino- decodificação de genes (em proteínas) terminal (N-terminal) e que atuam na parada do ciclo celular e compreendido entre os na rota de apoptose (suicídio celular aminoácidos 28 e 42 programado [6]).Quatro domínios de Entre os aminoácidos Possibilitam a ligação de p53 em sítiosligação ao DNA na 102 e 292 específicos do DNAregião centralDomínio de Na extremidade carboxi- Responsável pela formação detetramerização. terminal (C-terminal), tetrâmeros de p53, que é a forma mais entre os aminoácidos 319 ativa (selvagem ou wild-type) em a 360 transativaçãoDomínio regulatório. Na extremidade carboxi- Ligar-se ao domínio central de ligação terminal (C-terminal), ao DNA, impedindo a interação desta entre os aminoácidos 364 região com promotores de genes a 393. relacionados com a supressão e morte celular programadaTabela 1: Domínios, suas funções e localização na p53 [1]
  5. 5. p53 ativa genes Suprime a ação dep53 verifica a eventual Lesão envolvidos no genes com açãoocorrência de mutações na extensa mecanismo de anti-apoptóticasequencia do genoma apoptoseMutação passível de correçãop53 selvagem se acumulano núcleo celular Causas de Mutações: replicação defeituosa doAtiva outros genes e DNA, lesões por agentesdetermina a parada do ciclo físicos, químicos oucelular até que se finde o biológicosreparo do DNA
  6. 6. Células com o Não ocorre a parada do ciclo celular ou Alteração significativagene p53 o disparo do mecanismo de apoptose da proteína p53mutado Formas mutadas da proteína Não ocorre o reparo do interagem com a proteína selvagem. DNA nem a apoptose. Veja mais em: •http://www.yout ube.com/watch?v Impedimento da supressão tumoral Essas células tendem a =w5bPn_f_nWI&f acumular mutações eature=related •http://www.yout ube.com/watch?v Clones de células com DNA mutado se =n_VDMKpxaXw proliferam rapidamente, gerando tumores &feature=related
  7. 7. Bibliografia[1] http://seer.ucg.br/index.php/estudos/article/viewFile/564/449, acessado em10 de novembro de 2012[2] Explicação contida na figura do cromossomo:http://www.virtual.epm.br/cursos/genetica/htm/base.htm, acessado em 10 denovembro de 2012[3]http://medicosdeportugal.saude.sapo.pt/glossario/fosfoproteina_ou_fosfoproteido, acessado em 10 de novembro de 2012[4] http://www.rcsb.org/pdb/explore/explore.do?structureId=1tup, acessado em10 de novembro de 2012 [5] http://www.inca.gov.br/rbc/n_48/v03/pdf/revisao3.pdf, acessado em 10 denovembro de 2012[6] http://www.miniweb.com.br/ciencias/artigos/Apoptose.html, acessado em10 de novembro de 2012Imagem do cromossomo:http://bioglossario2.wikispaces.com/file/view/Centromero.jpg/64596570/Centromero.jpg, acessado em 10 de novembro de 2012Figuras das proteínas: http://www.ebi.ac.uk/thornton-srv/databases/cgi-bin/pdbsum/GetPage.pl?pdbcode=1tup, acessado em 10 de novembro de 2012

×