O USO DA MODELAGEM MATEMÁTICA COMO ESTRATÉGIA FACILITADORA
                   PARA O ENSINO DA MATEMÁTICA


              ...
De acordo com essa afirmação, podemos analisar que a partir do momento onde o aluno
observa que a matemática pode ser enco...
exponencial e logaritmo. Já nos modelos avançados obtiveram-se com equações diferencias
ordinária e podem ser usadas em cu...
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS


BURAK, D: Formação dos pensamentos algébrico e geométrico: uma experiência com a
modelagem ma...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Artigo de Modelagem Matemática

8,655 views

Published on

Published in: Travel, Business
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
8,655
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
124
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Artigo de Modelagem Matemática

  1. 1. O USO DA MODELAGEM MATEMÁTICA COMO ESTRATÉGIA FACILITADORA PARA O ENSINO DA MATEMÁTICA BIANCA DA CONCEIÇÃO PALHETA LUCIANO SILVA DE FREITAS STERPHANY NAIANA CAVALCANTE DOS ANJOS teiahta06@hotmail.com RESUMO Este artigo aborda sobre modelagem matemática, à qual tem o propósito de demonstrar o quanto é importante o uso da modelagem para facilitar o ensino da matemática. Pois desperta aquele desejo de aprendizagem e de motivação do aluno. A tendência pode ser guiada por vários temas de estudos em que podem ser utilizados gráficos, tabelas, equações, etc. para estabelecer os dados do objeto de estudo. Palavras-chaves: fácil aprendizagem, MODELAGEM EM CONTEXTO A modelagem matemática é um processo envolvido na obtenção de um modelo matemático, em que ela pode ser expressa através de situações que usam a linguagem da matemática. Atribuindo a modelagem ao estudo de diversas situações, além de facilitar a aprendizagem do aluno, estimula o interesse do mesmo na busca do conhecimento. Como diz D'Ambrosio (1989): Os modelos matemáticos são formas de estudar e formalizar fenômenos do dia a dia. Através da modelagem matemática o aluno se toma mais consciente da utilidade da matemática para resolver e analisar problemas do dia-a-dia. Esse é um momento de utilização de conceitos já aprendidos. É uma fase de fundamental importância para que os conceitos trabalhados tenham um maior significado para os alunos, inclusive com o poder de torná-los mais críticos na análise e compreensão de fenômenos diários. (p. 3)
  2. 2. De acordo com essa afirmação, podemos analisar que a partir do momento onde o aluno observa que a matemática pode ser encontrada também fora da sala de aula e passa a ver a matéria em seu cotidiano, pode-se perceber que o aprendiz se sente ainda mais motivado em aprender o assunto que estar sendo relacionado à matemática. USANDO A MODELAGEM COMO INSTRUMENTO DE ESTUDO Sabemos que para facilitar o ensino da matemática, é necessário que busquemos outras formas de aprendizagem. Portanto devemos explorar ao máximo tudo o que estar em nossa volta e associar o mesmo à matemática. Pois, como pontua Burak (1992, p. 62) a Modelagem Matemática “constitui-se em um conjunto de procedimentos cujo objetivo é construir um paralelo para tentar explicar matematicamente, os fenômenos presentes no cotidiano do ser humano, ajudando-o a fazer predições e tomar decisões,” e proporciona ao aluno aprender matemática de forma contextualizada, integrada e relacionada a outros conhecimentos. Como exemplo, em relação ao um estudo feito com as abelhas, que foi objeto de estudo de um grupo de 5 professores do ensino médio, no curso de especialização realizado em Guarapuava (PR) em 1982, foram levantadas várias questões em relação à modelagem, como a dança das abelhas, geometria dos alvéolos, viscosidade do mel, posicionamento das colméias, produção e comercialização do mel, dinâmica da população das abelhas, polinização, etc. Os alvéolos são construídos pelas abelhas que tem a forma de um prisma hexagonal regular aberto numa extremidade e formando um ápice triédrico na outra face, esses alvéolos são suas casas na forma de recipientes aglomerados de cera que se propagam um ao lado do outro. Elas são utilizadas para o armazenamento de todo o mel produzido e para o desenvolvimento das abelhas. Para que elas sejam agrupadas uns ao lado do outro, é necessário que o ângulo interno do alvéolo seja divisor de 360°. Em relação à geometria dos alvéolos, cada um é projetado de maneira que se encaixa perfeitamente nas extremidades com outros três alvéolos, onde eles são distribuídos no favo de forma horizontal. Para a dinâmica de uma colméia, foram utilizados vários métodos matemáticos para saber qual era a população de abelhas, onde nos modelos iniciais usaram-se um conteúdo especifico de matemática do ensino médio como seqüências, equações da reta, funções potência,
  3. 3. exponencial e logaritmo. Já nos modelos avançados obtiveram-se com equações diferencias ordinária e podem ser usadas em cursos iniciais de calculo no ensino superior. Analisando-se a colméia, a postura de uma rainha chega a 3000 mil ovos por dia em que essa quantidade depende da área disponível para postura dos ovos, da qualidade genética da rainha e das condições florais e climáticas onde se encontra a colméia. Se a rainha diminuir a quantidade de ovos, as operárias da colméia promovem o desenvolvimento de uma nova rainha. A rainha velha é desalojada e ela é acompanhada por 10.000 operarias em que o crescimento de uma nova população em uma nova colméia se da pelos seguintes dados: a postura da rainha é constantemente de 2000 ovos por dia, o período entre a postura e o nascimento das abelhas é de 21 dias e a vida media de uma operaria é de 40 dias. Podemos concluir que a matemática quando ela é estudada com auxílio de outros objetos de estudo, como a modelagem matemática, ela facilita a aprendizagem do aluno na matemática. Portanto é essencial que as escolas passem a utilizar esses tipos de métodos, pois assim o rendimento escolar do aluno em relação à matemática terá um aumento significativo.
  4. 4. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS BURAK, D: Formação dos pensamentos algébrico e geométrico: uma experiência com a modelagem matemática. Beatriz S. D'Ambrosio. COMO ENSINAR MATEMÁTICA HOJE? BASSANEZI, Rodney Carlos: Ensino-aprendizagem com Modelagem Matemática; 2004

×