Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Discalculia

7,689 views

Published on

Published in: Education
  • Be the first to comment

Discalculia

  1. 1. Você sabe o que é<br />
  2. 2. Diagnosticando a Discalculia<br />Os sintomas como,confusão para conceitos numéricos ou capacidade de contar corretamente, podem aparecer já na Educação Infantil. <br />O diagnóstico normalmente é feito após o final do 2º ano, pois antes disso,não ocorre suficiente instrução formal em matemática. <br />Quando associada a alto QI, a Discalculia pode aparecer tardiamente, uma vez que a criança pode ser capaz se desenvolver quase no mesmo nível de seus colegas. <br />http://www.crda.com.br/v1/index_pag.asp?id=6<br />A Discalculia é um distúrbio neurológico que afeta a habilidade com números. É um problema de aprendizado independente, mas pode estar também associado à dislexia. Tal distúrbio faz com que a pessoa se confunda em operações matemáticas, conceitos matemáticos, fórmulas, seqüência numéricas, ao realizar contagens, sinais numéricos e até na utilização da matemática no dia-a-dia. <br />http://www.brasilescola.com/doencas/discalculia.htm<br />Crda: Centro de Referência em Distúrbio de Aprendizagem<br />
  3. 3. Também é de grande importância ressaltar que o distúrbio neurológico que provoca a Discalculia não causa deficiências mentais como algumas pessoas questionam. O discalcúlico pode ser auxiliado no seu dia-a-dia por uma calculadora, uma tabuada, um caderno quadriculado, com questões diretas e, se ainda tiver muita dificuldade, o professor ou colega de trabalho pode fazer seus questionamentos oralmente para que o problema seja resolvido. O discalcúlico necessita da compreensão de todas as pessoas que convivem próximas a ele, pois encontra grandes dificuldades nas coisas que parecem óbvias. <br />Algumas dicas: · Permitir o uso de calculadora;· Usar caderno quadriculado;· Fazer provas oralmente, desenvolvendo as expressões mentalmente e ditando para que alguém as transcreva;· Prestar atenção no processo utilizado pela criança, o tipo de pensamento que ela usa para resolver um problema;· Incentivar a visualização do problema, com desenhos e depois internamente.<br />http://www.brasilescola.com/doencas/discalculia.htm<br />
  4. 4. .<br />Dicas para o professor:<br />· Não force o aluno a fazer as lições quando estiver nervoso por não ter conseguido;· Explique a ele suas dificuldades e diga que está ali para ajudá-lo sempre que precisar;· Proponha jogos na sala;· Não corrija as lições com canetas vermelhas ou lápis;· Procure usar situações concretas, nos problemas<br />

×