fevereiro . março 2013 • edição 46 . ano IX                                       www.sbebm.org.br                        ...
Hélio Ribeiro Loureiro e                                                 Lea Bos Duarte    entrevista    22h30 quando vi o...
que partiu e para aquele que ficou, tra-      mos, terrestres, assassinatos em esco-rá a certeza de quem em memória de um ...
autor espírita    Joanna    de Ângelis    Espírito de elevadíssimas aquisições espirituais, Joanna de Ângelis    é a guia ...
gestão socioambiental                                                                                       CIEDE         ...
aniversário da FERGS                                                                                 março.2013           ...
educação     TROCA                                                                       mediúnica         TROCA          ...
Psicografias dia do trabalhador    O Caminho da Paz                            guntaram-lhe:                              ...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Mensageiro 46

487 views

Published on

O Mensageiro
O Mensageiro é um informativo publicado bimestralmente pela Sociedade Beneficente Espírita Bezerra de Menezes desde 2004. Com tiragem atual de 5mil exemplares, o Mensageiro é distribuido gratuitamente em nossa Casa e aborda assuntos que fazem parte da vida dos espíritas. Também conta um pouco da biografia e obras de autores espíritas, horários de cursos e atendimentos, além de belas mensagens psicografadas enviadas por nossos amigos da espiritualidade no dia do trabalhador.

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
487
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Mensageiro 46

  1. 1. fevereiro . março 2013 • edição 46 . ano IX www.sbebm.org.br Sociedade Beneficente Espírita Bezerra de Menezeso poder da PRECE pelos desencarnados“(...) O benefício da prece realizada aos aparente) e disse às irmãs: Lázaro não quais, desencarnados recebiam precesdesencarnados é como um copo d”água morreu, apenas dorme! Instantes depois, sob forma de homenagens. “Através dofresca para quem tem sede. Como um co- Jesus chamou Lázaro com sua voz vibran- nosso pensamento os desencarnados re-bertor para quem tem frio (...)” Com es- te. E retornando ao corpo físico, Lázaro cebem as nossas melhores ou piores vi-tas palavras, o jurista espírita carioca Hélio acordou vitorioso da morte. Esta passa- brações. As melhores funcionam comoRibeiro Loureiro deu início à sua exposição gem mostra que é pelo pensamento que bálsamo. As piores os perturbam.”entitulada O Poder da Prece, que aconte- nos ligamos aos entes queridos que já se Cartas Consoladoras e malas prontasceu neste sábado (16), às 20h no auditó- perceberam na grande viagem de retorno – Após relatar emocio-rio da SBEBM para cerca de400 pessoas. O benefício da prece realizada aos nantes episódios sobre as cartas consoladorasMomentos antes, o público desencarnados é como um copo psicografadas por Fran-recebeu uma mensagem es-colhida por Hélio e extraída d’água fresca para quem tem sede. cisco Candido Xavier, o palestrante relembrouda obra Religião dos Espíritos Como um cobertor para quem tem frio. que ouvia de uma amiga(Editora FEB, 376 páginas di- espírita que lutava contratada por Emmanuel e psicografada por um câncer maligno, a seguinte frase fre- ao mundo espiritual (...)”Francisco Cândido Xavier, reproduzida na quentemente: “Estou de malas prontas!”página a seguir. Allan Kardec e as “Reuniões da Sau- (...) Um dia perguntei porque ela repetia dade”- Dono de vasto repertório de his- tanto aquela frase. Minha amiga respon-Jesus em Betânia - Dando continuidade, tórias espíritas, o presidente da Casa de deu que estava se desapegando do planoHélio - que integra a Associação Jurídico Batuíra (RJ), contou que Allan Kardec - na matérial. Havia designado seus bens paraEspírita do Brasil - recordou a passagem época em que era membro da Sociedade herdeiros através de testamento, passadoem que Jesus visita os irmãos Lázaro, Parisiense de Estudos Espíritas – reinven- seu cargo de dirigente espírita para umaMarta e Maria em Betânia, próximo de tou o Dia de Finados (02/11), ao criar a colega e aguardava a hora do embarqueJerusalém: “(...) Neste dia. Jesus encon- “Reunião da Saudade”. Encontros nos para o plano espiritual. Certo dia, eramtrou Lázaro cataléptico (estado de morteAutor espírita 92 anos da fergs estudo da doutrinaConheça mais sobre Comemorações do Confira as datas e horáriosJoanna de Ângelis aniversário da Federação de retorno das atividades
  2. 2. Hélio Ribeiro Loureiro e Lea Bos Duarte entrevista 22h30 quando vi o espírito dela entrar em minha casa dizendo: “Viu, e nem doeu! Minutos após recebi um telefonema me avisando sobre o sua partida. Minha ami- ga havia embarcado definitivamente e passou ali para desperdir-se.(...) Desencarne coletivo em Santa Maria e o amparo de Maria de Nazaré Prosseguindo, o palestrante falou sobre o desencarne coletivo das vítimas da tragé- dia de Santa Maria, passando slides com uma mensagem sobre Maria de Nazaré: (...) Sabemos que o trabalho social de Ma- espíritos e não encontrei uma recepção aqueles que partiram. Aos homens deve ria de Nazaré veio em favor destes jovens. sobre este assunto na igreja de Roma. ser dada a função de julgar os homens. A obra Memórias de um Suicida de Yvone Quantas vezes visitou o RS e qual sua Aqueles que possuem um conhecimen- A. Pereira” relata o trabalho magnífico e opinião sobre o movimento espírita to espiritual, e a nós espíritas, é dada a incansável que os espíritos fazem em fa- gaúcho? função de orar e de consolar pelos que vor dos que sofrem! Um carinho grande Mais de dez vezes. Tenho muita afinida- ficaram por aqueles que partiram. que Dona Yvone Pereira tem por nós. de com a vibração do Sul.. Sinto-me em Houveram rumores de que alguns A mentora, ao escrever um artigo que casa! O movimento espírita aqui é mui- familiares das vítimas da tragédia consta no livro “Maria de Nazaré”, nos to atuante, realizam um trabalho muito em Santa Maria estariam expressan- conta que o amor de Maria é tão grande, grande de atendimento e divulgação. do ideias suicidas. Como o senhor que dela saem eflúvios de carinho, como vê esta questão à luz da doutrina Sobre a perda de entes queridos tão ondas de amor que cobrem toda a terra espírita? divulgada durante a tragédia em como um manto. Este manto abençoado A saudade doentia e a vã tentativa de Santa Maria, como o senhor analisa da misericórdia é distribuído para com encontrar com o ser que partiu, através este acontecimento tão impactante? todos nós, desencarnados e encarnados da pratica do suicídio é uma grande porta A doutrina espírita nos ensina que a per- Nossa querida e doce mãe, que nos am- falsa. Pois estas pessoas não irão encon- da dos entes queridos é uma das maio- para, abençoa e socorre. trar, em hipótese alguma, o ser que o an- res provas pela qual o espírito no mundo tecedeu. passa. É uma dor inenarrável! Mas a ela Entrevista também nos ensina que o espírito é imor- Não irá encontrar porque o suicídio leva tal e dentro da certeza da imortalidade, a pessoa a um patamar espiritual bem Como aconteceu seu contato com a inicia-se um processo de autoconsolo. abaixo do que aquele que partiu de uma doutrina espírita? Nos consolamos quanto temos a certeza forma natural, ou seja: não provocou a Através da dor, quando meu pai desen- plena, total e convicta de que eles não própria morte. Então não vai acontecer carnou eu tinha 18 anos. Nesta época, morreram. aquilo que o suicida esperava que seria meu professor de Física do um encontro. Devemos O autoconsolo é um colégio - José Raul Tei- processo de cons- O amor não trabalhar ostensiva- mente para esclarecer xeira – presenteou-me com o Evangelho Se- trução do indivíduo diante da dor? acaba nunca! E os familiares, trazendo gundo o Espiritismo. Logo após o trauma as pessoas que a certeza da imortalida- de da alma e a afastan- Teve alguma passa- gem por outras reli- da dor do luto, inicia- se para os que tem o se amam vão se do qualquer pensamen- giões? conhecimento espírita, reencontrar de to sobre suicídio. Era católico pratican- te, mas médium, tive o processo de aceita- ção. Daí o consolo ínti- forma natural. Não Esta expectativa do reencontro com en- o conflito de ver e ouvir mo basta e com a cer- se sabe quando, tes queridos através mas o reencontro teza da imortalidade do suicídio seria uma acompanhada da fé expectativa fantasio- espírita que é a comu- acontecerá.” sa, surreal? nicabilidade entre os Há muita fantasia por dois planos na vida: Desencarnados e en- trás disto tudo. Mas carnados se comunicam! Neste particular o amor não acaba nunca! E as pessoas da tragédia de Santa Maria, percebemos que se amam vão se reencontrar de for- que houve um momento de bastante co- ma natural. Não se sabe quando, mas o moção popular e um dedo acusatório em reencontro acontecerá. Para aqueles que busca de culpados, quando na verdade ficaram resta o trabalho no bem. A labor- a preocupação principal deve ser com o terapia: fazer algo em memória do ente consolo dos que ficaram e da oração para querido. Isto trará conforto para aquele2
  3. 3. que partiu e para aquele que ficou, tra- mos, terrestres, assassinatos em esco-rá a certeza de quem em memória de um las, conflitos religiosos que geraramfilho(a) está sendo feita uma obra de so- inúmeros desencarnes coletivos. Quecorro aos que sofrem. Esta é uma oportu- mensagem pode nos deixar sobre Tragédia em Santa Marianidade valiosa de se chegar à harmonia, este tema?paz e tranquilidade! Na verdade estes acontecimentos já esta- Espíritas soltaram balões vam previstos para um período de transi-São Francisco de Assis se referia a O auditório do Abrigo Espírita Oscar José Pi- ção planetária. Não existe um momentomorte como: “nossa amiga irmã mor- than ficou lotado, no sábado à noite, para estanque, que sinalize um processo rege- o Momento de Oração, Reflexão, Esclare-te”. O que poderia nos falar sobre a renacional. É um processo natural e de cimento e Consolo, promovido pela Uniãomorte à luz da doutrina espírita?A morte na verdade na verdade é uma forma natural devemos assistir estes de- Municipal Espírita de Santa Maria. O encon-passagem, é uma continuação da vida em sencarnes coletivos. Jesus afirmou: “Não tro teve participação da equipe de unificação haverá uma mentira que não venha à da Federação Espírita do Rio Grande do Suloutro estágio aonde o corpo físico não é tona.” Então temos que praticar o Evan- (Fergs) e do grupo Arte e Luz. O evento pro-mais necessário. A pessoa continua com os gelho à luz do conhecimento espírita para piciou reflexão baseada na doutrina espírita emesmos sentimentos, com as mesmas tris- um momento de oração às vítimas da tragé-tezas, alegrias, desejos, frustrações e ob- que na hora de dar nosso testemunho, dia, seus familiares e amigos.viamente necessitando também de ajuda. tenhamos condições de dizer que somos uma página viva do Evangelho. Em cada cadeira do auditório, foi fixado umNossa ajuda como encarnados para com balão branco. O convite era que cada par-os desencarnados funciona através do Fale-nos sobre o Poder da Prece ticipante direcionasse seus sentimentos parapensamento. O pensamento deve ser algo No filme Nosso Lar, há uma cena em que todos que sofrem com o acidente. No esta-que construa e não algo que vá destruir uma garota desencarnada recém chega- cionamento do abrigo, os balões foram sol-ou ferir. Quando a saudade se torna doen- da na colônia espiritual, assiste através de tos. Ontem de manhã, integrantes da Uniãotia, paranoica, traz consequências cruéis Municipal Espírita e da Fergs fizeram a leitura uma tela a imagem da mãe orando em fa-para aqueles que partiram. do Evangelho em frente à Kiss. vor dela. É a prece intercessória! De umaNos últimos anos a humanidade foi valia muito grande, a todo os desencar- Matéria publicada no Diário de Santa Mariaexpectadora de furações, tsunamis, nados, que sentem alívio na hora em que em 04/02/2013terremotos, acidentes aéreos, maríti- lhes dirigimos preces em seu favor. Ante os que partiramNenhum sofrimento, na Terra, será talvez caíram, varados de saudade, carregando Rejubilam-se com as tuas vitórias nocomparável ao daquele coração que se no seio o esquife dos próprios sonhos; os mundo interior e consolam-te nas horasdebruça sobre outro coração regelado e que tatearam, gemendo, a lousa imóvel, amargas para que te não percas no frioquerido que o ataúde transporta para o e os que soluçaram de angústia, no adito do desencanto.grande silêncio. dos próprios pensamentos, perguntando, Tranquiliza, desse modo, os companhei-Ver a névoa da morte estampar-se, ine- em vão, pela presença dos que partiram... ros que demandam o Além, suportandoxorável, na fisionomia dos que mais ama- Todavia, quando semelhante provação te corajosamente a despedida temporária,mos, e cerrar-lhes os olhos no adeus in- bata à porta, reprime o desespero e di- e honra-lhes a memória, abraçando comdescritível, é como despedaçar a própria lui a corrente da mágoa na fonte viva da nobreza os deveres que te legaram.alma e prosseguir vivendo... oração, porque os chamados mortos são Recorda que, em futuro próximo que ima-Digam aqueles que já estreitaram de en- apenas ausentes e as gotas de teu pranto ginas, respirarás entre eles, comungando-contro ao peito um filhinho transfigurado lhes fustigam a alma como chuva de fel. lhes as necessidades e os problemas,em anjo da agonia; um esposo que se Também eles pensam e lutam, sentem e porquanto terminarás também a própriadespede, procurando debalde mover os choram. Atravessam a faixa do sepulcro viagem no mar das provas redentoras...lábios mudos; uma companheira, cujas como quem se desvencilha da noite, mas, E, vencendo para sempre o terror da mor-mãos consagradas à ternura pendem ex- na madrugada do novo dia, inquietam-se te, não nos será lícito esquecer que Jesus,tintas; um amigo que tomba desfalecente pelos que ficaram... Ouvem-lhes os gritos o nosso Divino Mestre e Herói do Túmulopara não mais se erguer, ou um semblante e as súplicas, na onda mental que rompe Vazio, nasceu em noite escura, viveu entrematerno acostumado a abençoar, e que a barreira da grande sombra e tremem os infortúnios da Terra e expirou na cruz,nada mais consegue exprimir senão a dor cada vez que os laços afetivos da reta- em tarde pardacenta, sobre um monteda extrema separação, através da última guarda se rendem à inconformação ou se empedrado, mas ressuscitou aos cânticoslágrima! voltam para o suicídio. da manhã, no fulgor de um jardim.Falem aqueles que, um dia, se inclina- Lamentam-se quanto aos erros pratica-ram, esmagados de solidão, à frente de dos e trabalham, com afinco, na regene-um túmulo; os que se rojaram em prece ração que lhes diz respeito. Emmanuelnas cinzas que recobrem a derradeira re- Estimulam-te à prática do bem, partilhan- Livro: Religião dos Espíritoscordação dos entes inesquecíveis; os que do-te as dores e as alegria. Francisco C. Xavier - FEB SOC. BEN. ESPÍRITA BEZERRA DE MENEZES 3
  4. 4. autor espírita Joanna de Ângelis Espírito de elevadíssimas aquisições espirituais, Joanna de Ângelis é a guia do médium do Divaldo Franco e entidade à qual é atri- buída a autoria da maior parte das suas obras psicografadas. Sua obra é composta por dezenas de livros, em diversos idiomas, ver- sando sobre temas existenciais, filosóficos, religiosos, psicológi- cos e transcendentais. Destacam-se as da Série Psicológica, com- posta por mais de uma dezena de livros, nos quais ela estabalece uma ponte entre a Doutrina Espírita e as modernas correntes da Psicologia, em especial a transpessoal e junguiana. SÓROR JUANA INÉS DE LA CRUZ - Joanna renasce em 1651 Um Espírito Amigo na pequenina San Miguel Nepantla, a uns 80 km da Cidade do Joanna de Ângelis integrou a equipe do Espírito de Verdade México. Adotou o nome religioso Sóror Juana Inês de La Cruz. quando do trabalho de implantação da Doutrina Consoladora Cercada por inúmeros livros, Juana estudava, escrevia poemas, em nosso plano. ensaios, dramas, peças religiosas e música sacra. Era conhecida e No livro “Após a Tempestade”, em sua última mensagem, admirada por todos, sendo os seus escritos popularizados não só Joanna faz uma referência a esta tarefa nos seguintes termos: entre os religiosos, como também entre os estudantes e mestres “Quando se preparavam os dias da Codificação Espírita, quando das Universidades de vários lugares. Se imortalizou também por se convocavam trabalhadores dispostos à luta, quando se anun- defender o direito da mulher de ser inteligente, capaz de lecionar ciavam as horas preditas, quando se arregimentavam seareiros e pregar livremente. para Terra, escutamos o convite celeste e nos apressamos a ofe- recer nossas parcas forças, quanto nós mesmos, a fim de servir, SÓROR JOANA ANGÉLICA DE JESUS - Em 1761, na cidade de na ínfima condição de sulcadores do solo onde deveriam cair as Salvador (Bahia), Joanna de Ângelis retorna agora como Joana sementes de luz do Evangelho do Reino.” Angélica, filha de uma abastada família. Aos 21 anos de idade Após a compilação e organização elaborada por Allan Kardec, ingressa como franciscana no Convento da Lapa, com o nome chegaram à edição final de O Evangelho Segundo o Espiritismo, de Sóror Joana Angélica de Jesus, fazendo profissão de Irmã das duas mensagens de Joanna de Ângelis, modestamente assinadas Religiosas Reformadas de Nossa Senhora da Conceição. Foi irmã, como “Um Espírito Amigo”. No capítulo 9, item 7, intitulada “A escrivã e vigária, sendo que em 1815, tornou-se Abadessa. No Paciência”, psicografada em Havre, 1862 e no capítulo 18, itens dia 20 de fevereiro de 1822, defendendo corajosamente o Con- 13 e 15, intitulada “Dar-se-á Àquele que Tem”, na cidade de vento, assim como a honra das jovens que ali moravam, foi as- Bordéus, também em 1862. sassinada por soldados que lutavam contra a Independência do Brasil. Encarnações passadas Dentre todas encarnações de Joanna de Ângelis, foram permiti- das a divulgação em nosso plano de apenas quatro, todas marca- Principais obras das pela humildade e o heroísmo: • Dimensões da Verdade - 1965 • Messe de Amor - 1964 JOANA DE CUSA - Joana era esposa de Cusa, procurador de He- • Leis Morais da Vida - 1976 rodes Antipas, o Tetrarca, governador da Galiléia nos tempos de • Jesus e a atualidade- 1989 Jesus. Seu esposo não compartilhava de sua fé naquele Homem • O homem integral- 1990 especial, e portanto, tornou-se fonte de infortúnios e sofrimentos • Plenitude - 1991 para Joana. • Momentos de Saúde - 1992 Esquecendo o conforto da nobreza material, dedicou-se aos fi- • O Ser Consciente- 1993 lhos de outras mães, ocupou-se com os mais subalternos afaze- • Autodescobrimento - 1995 res domésticos, para que seu filhinho tivesse pão. Trabalhou até • Desperte e seja feliz- 1996 a velhice. Já idosa, com os cabelos embranquecidos, foi imolada • Vida: Desafios e Soluções - 1997 em Roma, por não renunciar à sua fé em Jesus, sendo então sa- • Amor, imbatível amor- 1998 crificada numa fogueira junto a seu filho. • O Despertar do Espírito- 2000 • Jesus e o evangelho a luz da psicologia profunda- 2000 UMA DISCÍPULA DE FRANCISCO DE ASSIS - Francisco de Assis • Triunfo Pessoal - 2002 é um dos temas preferidos por Joanna de Ângelis, muitas vezes • Conflitos Existenciais - 2005 citado em suas obras, ele é tema frequente de palestras, semi- • O Amor como Solução - 2006 nários e workshops de Divaldo Franco. Há informações de que • Iluminação Interior - 2006 Joanna teria vivido na época de Francisco, sendo possível que • Encontro com a paz e a Saúde - 2007 tenha sido uma das seguidoras de Clara de Assis (1193 à 1252), • Em Busca da Verdade - 2009 fundadora da Ordem das Clarissas. • Psicologia da Gratidão” - 20114
  5. 5. gestão socioambiental CIEDE O CIEDE - Ciclo Introdutório ao Estudo da Doutrina Espírita visa levar aos interessadosSBEBM participará o conhecimento básico sobre temas funda- mentais para o entendimento do espiritismo.do JardinAção MATRÍCULAS CIEDE - 1º SEMESTRE - 2013No dia 24/03 das 10h às 17h no Jardim Botânico de Porto Alegre, acontece o Jardi- Local: Auditório 2nAção, envolvendo diversas entidades em prol da qualidade de vida no planeta. O 2ª-feira (noite) - 18/03 das 19h às 21hingresso é solidário (1kg de alimento não perecível). A SBEBM faz parte da progra-mação, compartilhando a Exposição e Ações para convivência solidária sustentável. 4ª-feira (tarde) 20/03 das 16h30 às 18hEm caso de chuva, o evento será cancelado. Mais informações jbea@fzb.rs.gov.br . Sábado (manhã) 23/03 das 10h30 às 12h A Hora do PRÉ-REQUISITOS PARA A INSCRIÇÃO: • Vagas limitadas Planeta e • A inscrição deverá ser feita especifica- mente no dia de escolha para estudo. semana com INÍCIO DAS AULAS - 2013 palestras Local: Auditório 1 • 2ª-feira (noite) 01/04 - 19h30 à 21h especiais • 4ª-feira (tarde): 03/04 - 16h30 à 18h • Sábado (manhã) 06/04 -10h30 às 12hMais uma vez, nossa Casa participará da mobilização Hora do Planeta, queacontecerá no dia 23/03, das 20h30 às 21h30. Na ocasião, milhões de pessoas aoredor do mundo irão apagar as luzes em um ato simbólico contra o aquecimento esdeglobal e os problemas ambientais que a humanidade enfrenta.No decorrer da semana de 18 à 23/03 as palestras terão como tema: Destruição INÍCIO DAS AULAS - 2013necessária, destruição abusiva e compromisso com o planeta. • 2ª-feira (tarde) 04/03 - 16h15 à 17h45 • 2ª-feira (noite) 04/03 - 19h30 à 21hCampanha de Poesias • 4ª-feira (tarde): 06/03 - 16h15 à 17h45Natureza para o Mundo • 5ª-feira (manhã) 07/03 10h30 às 12h (grupos G1, G2, G3, G4 e G5)de Regeneração • Sábado (manhã) 09/03/2012 (grupos 1, 2, 3, 4, 5 e 6)Regulamento: 1º horário 8h30 à 10h1 – Objetivo da campanha – esta campanha de poesias é uma promoção da Gestão 2º horário 10h30 à 12hSocioambiental e não objetiva competição e/ou premiação, mas a participação esensibilização dos frequentadores da Sociedade Beneficente Espírita Bezerra deMenezes. EVANGELIZAÇÃO2 – Do tema – “Natureza para o Mundo de Regeneração.”3 – Dos participantes – Poderão participar os frequentadores, trabalhadores e sócios INSCRIÇÕESda Sociedade Beneficente Espírita Bezerra de Menezes (SBEBM). As inscrições para a Evangelização podem4 – Das inscrições e participação – Os candidatos poderão participar obedecendo ser realizadas aos sábados, na sala 310, dasum limite de até três trabalhos (poesias). As inscrições estarão abertas, de 23 de 14h30 às 16h.março a 30 de maio de 2013 e deverão ser entregues na Secretaria da SBEBM emenvelope com identificação do autor e endereçado a Gestão Socioambiental ou pore-mail: ambiental@sbebm.org.br INÍCIO DAS AULAS - 20135 – Dos trabalhos - Só serão aceitos poesias inéditas, até três por pessoa. • Sábado (tarde) 09/03/2012A responsabilidade na utilização de todo ou qualquer bem de titularidade de ter- • Sábado (tarde) 10/03/2012ceiros, cabe inteira e exclusivamente aos participantes da campanha, isentando aSociedade Beneficente Espírita Bezerra de Menezes e a Gestão Socioambiental so- O conteúdo programático da Evangelizaçãobre a mesma. para o ano de 2013 já está disponível para6 – Da exposição dos trabalhos: As poesias serão expostas a partir do dia 15 de download no site www.sbebm.org.brjunho de 2013 no painel na SBEBM e igualmente publicadas no Blog da GestãoSocioambiental: http://ambientalsbebm.blogspot.com.br/Os trabalhos farão parte do acervo da Gestão Socioambiental e não serão devolvi- e-mail Setor ESDEdos, podendo ser revisados e expostos em outros eventos. sistematizado@sbebm.org.br SOC. BEN. ESPÍRITA BEZERRA DE MENEZES SOC. BEN. ESPÍRITA BEZERRA DE MENEZES 5
  6. 6. aniversário da FERGS março.2013 Palestrasfoto: DECOM/FERGS doutrinárias BEM-AVENTURADOS OS AFLITOS - de 01/03 a 02/03 • Justiça das aflições BEM-AVENTURADOS OS AFLITOS - de 04/03 a 09/03 • Causas atuais e anteriores das aflições BEM-AVENTURADOS OS AFLITOS - de 11/03 a 16/03 • Instruções dos Espíritos: bem e mal sofrer FERGS completa 92 anos COMPROMISSO COM O PLANETA - de 18/03 a 23/03 Para comemorar os 92 anos de atividade da Federação • Destruição necessária e destruição abusiva. Compromisso Espírita do Rio Grande do Sul – Fergs, aconteceu, na sede com nosso Planeta. da mesma, em 16 de fevereiro de 2013, o Seminário Co- memorativo, com Maria Helena Marcon, da Federação BEM-AVENTURADOS OS AFLITOS - de 25/03 a 30/03 Espírita do Paraná. O tema abordado foi “Personagens • Resignação da Boa Nova”. A mesa foi formada com a presidente da Fergs, Maria Elisabeth Barbieri, os vice-presidentes, Rosi Possebom – Atendimento Fraterno Doutrinária; Lea Bos Duarte – Unificação; e Lorenzo Ne- ves – Administrativa, além da expositora Maria Helena. pelo Diálogo Rosi proferiu a prece de abertura e Maria Elisabeth deu as boas-vindas aos participantes. Em sequência, Caroline Abreu cantou O Cântico de Maria – Magnífica, de Charles Gounod e Ave Maria de Franz Peter Schubert. Maria Helena, coordenadora do Programa Momento Es- pírita, da federativa paranaense, ofereceu, à presidente da Fergs, uma coleção de DVDs “Momento Espírita Ani- mação”. Em seguida iniciou sua fala ressaltando os es- forços dos primeiros cristãos, oferecendo um reencontro com fatos sublimes, inspirados pelos ensinamentos de Jesus, que fazem transcender os limites da sensibilidade humanizada. Aos fatos narrados, Maria Helena contem- porizava relacionando-os com o trabalho atual, para que o exemplo dos personagens da Boa Nova sirva para o dia a dia dos atuais trabalhadores da Seara de Cristo. Assim, O Atendimento Fraterno pelo Diálogo recebe fraternal- ela ressaltou a grande honra de ser trabalhador, apesar mente aquele que busca o Centro Espírita, dando-lhe a das dificuldades e limitações, pois Jesus confia em nós. oportunidade de expor, livremente e em caráter privativo e sigiloso, suas dificuldades e necessidades. Em sua fala, Maria Helena relatou passagens do Evan- gelho. Enfatizou que o momento atual é de trabalho e Acolhe de forma fraterna e solidária, dentro dos princí- tolerância e que o trabalhador deve ter claro o que busca pios do Evangelho, à luz da Doutrina Espírita, ouvindo e entender que as vitórias e fracassos fazem parte da fra- e orientando com respeito, atenção e humildade aquele gilidade humana. Desta forma, é nas vibrações do amor que deseja fazer uma visita e/ou integrar-se às ativida- que o cristão encontrará seu caminho. O Seminário apre- des do Centro Espírita, procura ajuda espiritual, busca sentado por Maria Helena baseia-se no livro de sua auto- informação ou estudo, necessita de assistência, orienta- ria “Personagens da Boa Nova”. ção doutrinária ou amparo, tem interesse em conhecer a doutrina e o trabalho espírita. A festa fraterna foi encerrada com os agradecimentos da presidente da Fergs à palestrante, com desejos de conti- Este Atendimento ocorre nos seguintes dias e horários: nuar a união na luta da Seara, aprendendo como viver e • Segunda-feira: 19h às 21h como sofrer com o Evangelho. Agradeceu ainda a todos • Terça-feira: 13h às 15h os participantes e, principalmente, a presença de Hélio • Quarta-feira: 19h às 21h Ribeiro, representante do Conselho Espírita do Estado do • Quinta-feira: 13h às 15h Rio de Janeiro. • Sábado: 9h às 12h66
  7. 7. educação TROCA mediúnica TROCA Início das aulas 3ª feira: 05/03 - 9h às 10h30 de livros 4ª feira: 06/03 - 19h30 às 21h 5ª feira: 07/03 - 14h30 às 16h 6ª feira: 08/03 - 19h30 às 21h Traga seu livro espírita usado Sábado: 09/03 - 17h às 18h30 e troque por outro! Sábado - dia 09 conte mais de março das 15 às 19h Gosta de livros espíritas? Que tal trabalhar na biblioteca? Nossa biblioteca precisa de voluntários em vários turnos e dias da semana. Os interessados podem deixar o contato na biblioteca ou marcar O Recanto Conte mais retoma as entrevista com o coordenador atividades no dia 12/03 das 19h30 às Roberto Drummer. 20h30 Coral Carta ao trabalhador e/ou assistido INSCRIÇÕES - 2013 As inscrições e testes para participar do O Conselho Deliberativo de nossa Casa apresenta um novo mural que se en- Coral em 2013 vão acontecer na seguinte contra no andar térreo, incluindo uma caixa de sugestões, críticas e elogios. data/horário, no auditório 2. Quem desejar, pode avaliar por escrito os atendimentos recebidos, e se quiser resposta, pode deixar seu nome e contato (telefone ou e-mail). • 06/04/2013 às 13h30 Sempre preocupados com atendimentos humanizadores e fraternais, deseja- mos a todos muita luz e muita paz! Presidência do Conselho Deliberativo Boa idade Ana e Lélio REINÍCIO DAS ATIVIDADES As atividades do grupo da Boa Idade emBazar Amor Perfeito 2013 já tem data e horário, confira: • 06/03/2013 das 14h30 às 15h45 na sala Multiuso 1 Em benefício das obras assistenciais e de manutenção da nossa Casa! BAZAR Colabore doando: CDs, louças, artesanato, REINÍCIO DAS ATIVIDADES roupas, calçados e brinquedos. O bazar volta às atividades a partir do dia 09/03/2013 das 14h às 19h. Seu gesto de amor será perfeito para ajudar a quem tanto precisa! SOC. BEN. ESPÍRITA BEZERRA DE MENEZES SOC. BEN. ESPÍRITA BEZERRA DE MENEZES 7 7
  8. 8. Psicografias dia do trabalhador O Caminho da Paz guntaram-lhe: Codificação para que amanhã possa ser cha- O Mestre Amigo caminhava junto ao lago - Encontrastes a paz? mado “homem novo”, “homem habitante de Genezaré e meditava a respeito da de um mundo de regeneração”. Respondeu ele com voz fraca: vida. Estacando o passo, chamou os seus Podeis sim, querido irmão, fazer tudo dife- - “Durante esta caminhada, a da vida, apóstolos e lhes disse: - Que pensais vós rente, corrigir os possíveis defeitos e almejar a paz foi construída, mas a caminhada da Paz? a luz N’Aquele que está mais alto e que vela ainda é longa.” Responderam-lhe: “Não sabemos.” com muito carinho por ti. Abri os vossos co- Calando-se Jesus, perguntaram-lhe: rações para que o amor do infinito das altu- Jesus falou: Havia um homem que cami- - Onde está a paz, Mestre? ras envolva todo o teu ser e assim confiante nhava em um bosque e meditava na vida, Jesus disse: “Em lugar nenhum. A paz é na misericórdia do Pai siga adiante amando e pensava nas muitas guerras que havia o resultado da vida, do bem que se faz cada vez mais, perdoando cada vez mais, enfrentado, e pensava de si para consigo: e do amor que nos move! sendo mais fraternos, mais caridosos com onde há paz? E seguindo o seu caminho, Muita Luz e muita Paz todos que se achegarem a ti. E, assim, esta- disse a um que passava: rás dando passos firmes na direção de Jesus. - Olá! Muita luz! Assim seja! - Olá, respondeu-lhe o estranho. - Onde encontro a paz? Luz e Paz! O alvorecer de 2013 já se O homem achou estranho, pensou e res- faz sentir em vossos corações e todos estão tendo a oportunidade de viver a Irmãos! pondeu-lhe: vida neste planeta de provas e expia- Um novo ano começa e novas responsabi- - No fim das guerras. E foi-se. lidades com ele. É preciso refletir, é preciso ções. Mas a partir de então, deste novo Seguindo mais adiante, encontrou outro ano, desta nova era, enquanto estás modificar determinados conceitos e buscar viajante e perguntou-lhe o mesmo e a imerso neste escafandro físico, aprovei- na responsabilidade da tarefa o vosso melhor muitos outros. As respostas foram as mais tai a oportunidade para fazer diferente, sentimento, a vossa melhor postura no que diversas: no casamento, na paternidade, para arrancar os espinhos da mágoa, tange à assiduidade e ao comprometimento. no nascimento, na morte e assim suces- do orgulho, da vaidade, do egoísmo Vocês sabem que não lhes falta amparo em sivamente. De repente, sentiu-se cansado que machucam tanto os corações. todas as horas do dia. Aquele que é impre- e parou ante um imenso despenhadeiro e É hora de deixar a flor da esperança vidente, que não faz do orar e vigiar rotina olhando viu uma cidade. Amou sua bele- crescer, organizar as vossas atividades, de luz em sua vida está tirando de si a res- za. Desceu e a conheceu, mas já a beleza aquietar a mente e o coração, recolher ponsabilidade do cuidado pessoal e, muitas não foi a mesma que do alto da monta- sim, na prece e na meditação, e conti- vezes, culpa a tarefa pela consequência de nha. nuar, cada vez mais, lendo as Obras da suas atitudes. O amparo nunca lhes falta, Ajuntou-se às oficinas de porém, cada um precisa fazer sua parte para trabalho, casou-se e viveu que tudo seja de acordo com o programado. o resto dos seus dias. No Orem mais, observem seus pensamentos e dia da sua passagem à tenham confiança! Nós os amamos e cuida- pátria espiritual, antes mos sempre! Luz e Paz! da morte física, per- MENSAGEIRO é uma publicação bimestral da Sociedade Beneficente Espírita Bezerra de Menezes. Av. Nova York, 686 - Porto Alegre/RS - CEP 90550-070 Fone: (51) 3343.0625 . www.sbebm.org.br Projeto gráfico: Departamento Administrativo - Setor de Comunicação (comunicacao@sbebm.org.br) Textos: Simone Núñez Reis | Revisão: Berenice Feistauer Coan8 Tiragem: 5000 exemplares | Data do primeiro exemplar: 01/10/2004.

×