Rodrigo Rotsen Junqueira
Administrador de Empresas
MBA Gestão de Negócios
Pós Graduado Finanças
Reguladores :                 Intermediadores :

Conselho Monetário Nacional     Instituições Financeiras
          (CMN) ...
Renda Variável
                                      • Indexados (IBOV, IBX, etc.)
                                      •...
• Caderneta de Poupança
– Risco: baixo
– Rendimento: baixo (TR + 6% a.a.)
– Período de remuneração: a cada 30 dias
– IR: i...
• Certificado de Depósito Bancário (CDB)
– Risco: baixo
– Rendimento: % do CDI
– Período de remuneração: diário
– IR: Vari...
• Fundos de Investimento
– Concentração de recursos financeiros para
aplicação
– São divididas e vendidas em cotas
– Aplic...
Fundo de Investimento: Referenciado-DI
Retorno: Buscam acompanhar o CDI (Inflação – IPCA ou IGPM ).
Risco: muito baixo, nã...
Fundo de Investimento: Referenciado- Crédito Privado
Retorno: Buscam prêmios adicionais associados as qualidades dos crédi...
Fundo de Investimento: Multimercados Com Renda
Variável
Retorno: usam como comparativo o CDI (custo de oportunidade) porém...
Fundo de Investimento: Ações de liquidez: Ativos e
Setoriais
Retorno: Tentam bater algum índice de ações.
Risco: alto, mas...
- IOF regressivo sobre rendimentos de aplicações por períodos menores
que 30 dias.

- Regressivo para todos os fundos meno...
• Títulos do Governo
– São ativos de renda fixa
– Captação de recursos para financiar a dívida pública
– Financia outras a...
• Tesouro Direto

· LTN - Letras do Tesouro Nacional: títulos com rentabilidade definida (taxa
fixa) no momento da compra....
• Tesouro Direto

· NTN-B – Nota do Tesouro Nacional – série B: título com rentabilidade
vinculada à variação do IPCA, acr...
• Ações de Empresas S/A
– São negociadas no Mercado de Ações
– Negociação ocorre na Bolsa de Valores
– Transações feitas p...
São títulos representativos da menor fração do capital social de uma
  empresa

  O acionista é um co-proprietário da empr...
Cia. Brasileira de Liquidação e Custodia
Empresa S/A                                                   Empresa S/A
       ...
Instituições que efetuam, com exclusividade, a intermediação
                             financeira
                     ...
Supervisionada pela CVM;
Propicia liquidez nos negócios;
Obedece regras rígidas;
Responsabilidade de fixação de preço just...
À Vista          A Termo          Derivativos           Futuros
   (Ações)          (Ações)           (Opções)          (C...
• Análise Fundamentalista
  - Procura identificar o valor das empresas, através da
  análise do balanço, da economia e pro...
Na hora de tomar a decisão ......

Diversificação
    •Balancear a carteira com intuito de reduzir os riscos
Stock Picking...
"Se você não se sentir confortável em ser dono de alguma coisa por
dez anos, então não o seja nem por dez minutos.” WB

“A...
Novembro 2009   rjunqueira1@hotmail.com
Investimentos Pessoais
Investimentos Pessoais
Investimentos Pessoais
Investimentos Pessoais
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Investimentos Pessoais

1,608 views

Published on

Aprenda e entenda como investir, todas as principais modalidades de investimento.
Torne você mesmo seu gestor de fundos.
Estou a disponibilidade para eventuais dúvidas e convites para palestra !

Published in: Economy & Finance, Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,608
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
63
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Investimentos Pessoais

  1. 1. Rodrigo Rotsen Junqueira Administrador de Empresas MBA Gestão de Negócios Pós Graduado Finanças
  2. 2. Reguladores : Intermediadores : Conselho Monetário Nacional Instituições Financeiras (CMN) Bancárias Banco Central do Brasil Instituições Financeiras Não (BACEN) Bancárias Comissão de Valores Instituições Não Financeiras Mobiliários (CVM)
  3. 3. Renda Variável • Indexados (IBOV, IBX, etc.) • Setoriais • Ativos Fundos: • Líquidos • Referenciados DI, Pré, Inflação e • Ilíquidos (3ª. Linha) câmbio • Renda Fixa • Juros + Inflação • Juros + Inflação + Crédito Multimercados • Balanceados • Sem RV Sem Alavancagem • Sem RV Com Alavancagem • Com RV Sem Alavancagem • Com RV Com Alavancagem • Poupança • Capital Protegido • CDB, LH, CRI • Títulos de dívida externa e • Tesouro Direto Câmbio
  4. 4. • Caderneta de Poupança – Risco: baixo – Rendimento: baixo (TR + 6% a.a.) – Período de remuneração: a cada 30 dias – IR: isento – Taxas: isento – Liquidez: imediata – Garantia de R$ 60 mil por CPF – Paga pouco mais que a inflação – Mais atraente quando os juros (SELIC) caem – Recursos utilizados para financiar o mercado imobiliário
  5. 5. • Certificado de Depósito Bancário (CDB) – Risco: baixo – Rendimento: % do CDI – Período de remuneração: diário – IR: Varia de 15% a 22,5% no momento de resgate, dependendo do período de investimento. – Liquidez: imediata – Pré e pós-fixado – Financia CDC, capital de giro de empresas, compra de bens e serviços, etc
  6. 6. • Fundos de Investimento – Concentração de recursos financeiros para aplicação – São divididas e vendidas em cotas – Aplicações em: • Títulos do Governo • Renda Fixa • Renda Variável – Risco, rendimento e liquidez: variam – IR: 15% à 22,5% sobre o lucro – Taxa de administração: varia conforme a instituição e o tipo de fundo.
  7. 7. Fundo de Investimento: Referenciado-DI Retorno: Buscam acompanhar o CDI (Inflação – IPCA ou IGPM ). Risco: muito baixo, não faz nenhum investimento adicional que possa gerar risco de taxas. Dica: Sofrem com taxa de administração alta. As vezes apenas compra alguns CDBs de bancos de 1ª linha para cobrir a taxa de administração e rentabilizar 100% do CDI líquido.* Fundo de Investimento: Referenciado- Pré Retorno: Buscam acompanhar taxas Pré-fixadas de prazo médio. Risco: baixo, variação nas taxas de juros advindas do CoPoM, risco de inflação, mercado externo. Dica: Sofrem com taxa de administração alta. Sofrem volatilidade de marcação a mercado ao longo do tempo. * Liquido é sempre antes de imposto de renda do resgate
  8. 8. Fundo de Investimento: Referenciado- Crédito Privado Retorno: Buscam prêmios adicionais associados as qualidades dos créditos de empresas com dívidas emitidas (debêntures, CCBs, FIDCs, etc.) Risco: Moderado, corre risco de taxas de juros e inadimplências de empresas Dica: Sofrem menos com taxa de administração alta. Correm risco de empresas, porém bem menor do que ações, pois trata-se de renda fixa/dívida. Famosos fundos de Bonds americanos. Tende a crescer muito no Brasil nos próximos anos. Fundo de Investimento: Multimercados Sem Renda Variável Retorno: Buscam superar vários índices de mercado (Selic, CDI, Inflação, cambio, etc.) utilizando-se de várias técnicas avançadas. Risco: baixo, variação nas taxas de juros advindas do CoPoM, risco de inflação, mercado externo. Dica: Operam TUDO menos ações. Ótima escolha, mas é preciso confiar na qualidade/competência do gestor. Cuidado: Fundos que possuem alavancagem (são poucos) podem gerar não só perdas significativas, mas também aportes adicionais.
  9. 9. Fundo de Investimento: Multimercados Com Renda Variável Retorno: usam como comparativo o CDI (custo de oportunidade) porém correm riscos de bolsa, juros, câmbio, crédito, derivativos, etc. Risco: alto, opera em vários mercados distintos Dica: fundos Long-short não direcionais são boas opções para momentos de stress, os direcionais devem ter comprovada competência do gestor. Cuidado: Alavancagem é ainda mais perigosa nesse tipo de fundo. A perda total (100%) dessa classe, pode dar-se em horas! E ainda necessitar de aportes adicionais. Fundo de Investimento: Ações (indexados) Retorno: Buscam acompanhar índices de bolsas: Ibovespa, IBX-50, IBX-100, FGV100. Risco: alto, ações liquidas são as primeiras a sofrer nas crises, são as que o gestor vai conseguir vender primeiro, tem muita volatilidade. Dica: Como são fundos “Passivos”, praticamente pilotados por computadores, a taxa de administração deve ser muito baixa.
  10. 10. Fundo de Investimento: Ações de liquidez: Ativos e Setoriais Retorno: Tentam bater algum índice de ações. Risco: alto, mas com grandes chances de gerar ganhos adicionais na escolha de bons nomes. Dica: O gestor faz toda a diferença, boas análises de empresas e metodologias quantitativas são os motes mais encontrados Cuidado: é difícil encontrar gestores que agreguem valor (“alpha-positivo”) recorrentemente num período longo de tempo (como esse tipo de investimento requer) Fundo de Investimento: Ações Outros (Ilíquidas) e Private Equity (participações) Retorno: Altíssimo Risco: Altíssimo ações ilíquidas (ou participações em empresas) são as quem mais sofrem em crises, o gestor só vai conseguir vender em um patamar normalmente muito punitivo (quando/se conseguir). Dica: Hoje é o investimento mais sofisticado do mercado, de extremo grau de complexidade, e necessariamente de longuíssimo prazo. Para investir e esquecer!
  11. 11. - IOF regressivo sobre rendimentos de aplicações por períodos menores que 30 dias. - Regressivo para todos os fundos menos ações, recolhido semestralmente (maio e novembro) ou no resgate: 22.5% resgate em até 6 Meses 20% de 6 meses a 1 ano 17.5% de 1 ano a 2 anos 15% maior que 2 anos Fundos de ações a alíquota é de 15%
  12. 12. • Títulos do Governo – São ativos de renda fixa – Captação de recursos para financiar a dívida pública – Financia outras ações do governo – Investimentos a partir de R$ 100,00 – Diretamente via o Tesouro Direto ou via bancos – Remuneração: varia com a SELIC ou Indexadas
  13. 13. • Tesouro Direto · LTN - Letras do Tesouro Nacional: títulos com rentabilidade definida (taxa fixa) no momento da compra. Você sabe antes quantos reais vai ganhar. Forma de pagamento: no vencimento; · LFT - Letras Financeiras do Tesouro: títulos com rentabilidade diária vinculada à taxa de juros básica da economia (taxa média das operações diárias com títulos públicos registrados no sistema SELIC, ou, simplesmente, taxa Selic) Forma de pagamento: no vencimento; · NTN-C – Notas do Tesouro Nacional – série C: títulos com rentabilidade vinculada à variação do IGP-M, acrescida de juros definidos no momento da compra. Ideal para formar poupança de médio e longo prazo, garantindo seu poder de compra. Forma de Pagamento: semestralmente (juros) e no vencimento (principal);
  14. 14. • Tesouro Direto · NTN-B – Nota do Tesouro Nacional – série B: título com rentabilidade vinculada à variação do IPCA, acrescida de juros definidos no momento da compra. Ideal para formar poupança de médio e longo prazo, garantindo seu poder de compra. Forma de Pagamento: semestralmente (juros) e no vencimento (principal); · NTN-B Principal – Nota do Tesouro Nacional – série B: título com rentabilidade vinculada à variação do IPCA, acrescida de juros definidos no momento da compra. Não há pagamento de cupom de juros semestral e é ideal para formar poupança de médio e longo prazo, garantindo seu poder de compra. Forma de Pagamento: no vencimento (principal); · NTN-F – Nota do Tesouro Nacional – série F: título com rentabilidade prefixada, definida no momento da compra. Forma de Pagamento: semestralmente (juros) e no vencimento (principal).
  15. 15. • Ações de Empresas S/A – São negociadas no Mercado de Ações – Negociação ocorre na Bolsa de Valores – Transações feitas por meio das Sociedades Corretoras
  16. 16. São títulos representativos da menor fração do capital social de uma empresa O acionista é um co-proprietário da empresa, ou seja, participa nos resultados Uma ação não tem prazo de resgate Pode ser comprada ou vendida a qualquer momento Observações: Valor Se a empresa ou a economia vai bem ou mal Tipo Ordinária (ON) - Direito a voto Preferencial (PN) - Preferência na distribuição dos lucros Classe Indicada por uma letra após o tipo (PNA, PNB, etc) Ps: Todo acionista tem direitos! (Ex. Dividendos, Subscrições, Juros sobre K próprio, etc)
  17. 17. Cia. Brasileira de Liquidação e Custodia Empresa S/A Empresa S/A CBLC Corretora Corretora Investidor Investidor Corretora
  18. 18. Instituições que efetuam, com exclusividade, a intermediação financeira (Cliente x Bolsa). Compra ações de empresas com dois objetivos : • Valorização da ação (ganho de capital) e ou • Distribuição de lucros (dividendos). Custos : • Corretagem • Emolumentos • Taxa de Custódia • Imposto de Renda
  19. 19. Supervisionada pela CVM; Propicia liquidez nos negócios; Obedece regras rígidas; Responsabilidade de fixação de preço justo; Respeitam o mercado livre e aberto e Registra transferência de propriedade dos títulos e valores mobiliários. Existem ÍNDICES que são “termômetros” de mercado (Ex: IBOVESPA, IBX)
  20. 20. À Vista A Termo Derivativos Futuros (Ações) (Ações) (Opções) (Commodities) Capital Social Compra a Prazo São direitos de Acordo entre Envolve Caixa Não envolve compra ou venda 2 partes, que Não tem prazo caixa de uma ação a um obriga uma a de resgate Tem prazo de preço de exercício vender e outra Débito em D+3 vencimento durante um prazo a comprar em Pode liquidar : estabelecido uma data futura Antecipado ou (vencimento) (dólar, juros) por decurso de Call ou Put prazo
  21. 21. • Análise Fundamentalista - Procura identificar o valor das empresas, através da análise do balanço, da economia e projetando resultados futuros para a empresa em questão. • Análise Técnica - Procura identificar o comportamento da evolução dos preços de determinada ação, através de fórmulas matemáticas e estatísticas.
  22. 22. Na hora de tomar a decisão ...... Diversificação •Balancear a carteira com intuito de reduzir os riscos Stock Picking •Escolher as ações com melhores perspectivas Antecipação do Mercado (Timing) •Otimizar os movimentos de compra para LP Flexibilidade nas trocas •Estar atento para novas opções de investimento Informações sólidas e embasadas •Qualidade na análise feita sobre a empresa Calcular custos reais e nominais •Comparar, controlar e projetar custos
  23. 23. "Se você não se sentir confortável em ser dono de alguma coisa por dez anos, então não o seja nem por dez minutos.” WB “A sobrevivência no mercado financeiro, às vezes implica em bater rapidamente em retirada.” GS "Wall Street é o único lugar aonde as pessoas chegam num Rolls- Royce para ouvir conselhos de pessoas que usam o metrô.” GS “Qual a força mais poderosa do Universo ? ... Os juros compostos.” AE "O risco vem de você não saber o que está fazendo.” CW "O mercado acionário é feito para transferir dinheiro dos apressados para os pacientes.“
  24. 24. Novembro 2009 rjunqueira1@hotmail.com

×