Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Indian Museum / Museu do Indio

231 views

Published on

[Projeto aprovado no INEPAC]
Design for the Indian Museum at Rio de Janeiro.
UM CENTRO VIVO PARA CULTURA INDÍGENA BRASILEIRA

A proposta para o o prédio do antigo Museu do Índio reconhece e consolida o prédio como um ícone da resistência cultural indigena na história de nosso País. E vai além: a partir deste espaço, qualquer pessoa poderá acessar, com todos os seus sentidos, a cultura indigena e seus desdobramentos.

Se pretende estabelecer um espaço com usos que dialoguem com o contexto local, regional e internacional, servindo de suporte para difusão e produção da cultura indígena e apoio para indios que estejam em trânsito na cidade, tendo este espaço como um entreposto, um local de abastecimento, produção de informação e descanso.

Tal qual uma oca, o novo espaço vai abrigar todos os usos inerentes ao dia-a-dia do indio dentro de uma espaço protegido: produção e transmissão de conhecimento, conferências, produção, exibição e comercialização de utensílios, produção de comida, descanso e local de encontro. Estes usos estão dispostos de acordo com a dinâmica do entorno da edificação (próximo ao estádio do Maracanã): usos mais públicos no térreo, usos mais protegidos nos pavimentos superiores. Desta forma temos a seguinte distribuição:

Térreo
1. Produção e consumo de comida
2. Produção, exibição e comercialização de utensílios
3. Administração do espaço, banheiros públicos, área de serviço e apoio

Segundo andar
4. Centro de Pesquisa, Mídia e Documentação: Biblioteca, Pesquisa Sonora, Sala de Mídia, Acervo, Sala de Leitura/aula
5. Administração do espaço, banheiros públicos e apoio.

Cobertura
6. Grande Oca: Espaço para conferências, cursos, atividades coletivas, descanso (em redes espalhadas pela oca)
7. Terraço externo: a Oca se abre para o terraço, como uma grande varanda, permitindo vislumbrar a Quinta da Boa Vista e o Maracanã.
8. Banheiros públicos e apoio.

Os usos foram dispostos buscando minima interferência na espacialidade interna do prédio. Mantivemos grande parte das paredes e seus vãos, revestimentos e elementos metálicos (escada de acesso), minimizando impacto nas obras e no custo da intervenção. Adicionamos escada de incêndio e elevador para garantir melhor mobilidade e segurança. Externamente, a edificação deverá ser restaurada de forma a manter os registros do tempo.

A Grande Oca será executada em estrutura de bambú laminado, com cobertura em lona tensionada. Sua estrutura leve e ambientalmente responsável, permitirá alcançar grandes vãos sem comprometer a estrutura do prédio. Do térreo à cobertura, o novo espaço adotará todos os preceitos de sustenabilidade, como os índios.

Published in: Government & Nonprofit
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

×