Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Educação Financeira nas Empresas

616 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Educação Financeira nas Empresas

  1. 1. Educação Financeira nas Empresas
  2. 2. “A má gestão no uso do dinheiro pelos colaboradores é segundo estatisticas a maior causa de disturbios de humor e depressão, provocando uma baixa acelerada da produtividade.” (Rudi Ribeiro) Este programa tem o objetivo de: 1 - REDUZIR O ABSENTEÍSMO E O PRESENTEÍSMO 2 - ENSINAR A SAIR DAS DÍVIDAS 3 - AUMENTAR A PRODUTIVIDADE 4 - ORIENTAR ONDE APLICAR O DINHEIRO​​​ ​
  3. 3. Programa de Educação Financeira nas Empresas Porque tratar desse tema dentro da corporação ? Porque as pessoas de maneira geral são atraídas pela facilidade de crédito e pelo forte apelo ao consumo, e elas na maioria da vezes não conseguem planejar sua vida financeira, e consequentemente, acabam endividadas e sem saber como superar essa situação cada vez mais comum nos dias de hoje. O Percentual de endividamento e inadiplencia tem crescido a uma média de 25% nos últimos dois anos. E cerca de mais de 65% da população esta comprometida. Tem sido motivo de notícias quase que diárias no Rádio, Televisão e Jornais. O impacto do descontrole financeiro atinge não somente a pessoa endividada, mas a todos ao seu redor: familia, amigos e empresa. O rendimento dessa pessoa tende a diminuir, seu emocional e seu fisico acabam sendo prejudicados com crises de estresse, depressão, ansiedade e baixa auto-estima. O resultado é claro na empresa, o mal relacionamento com outras áreas, departamentos, e colegas, dificultam o desempenho, perde o profissional e perde a empresa, a produtividade despenca e ai começam as demissões e o desequilibrio do processo produtivo. A empresa acaba por perder o colaborador e todo investimento feito nele como profissional. Então, porque não dar aos colaboradores a oportunidade de se reeducar financeiramente e voltar a ser produtivo ?
  4. 4. Qualidade de vida Cada vez mais ao longo dos tempos o incentivo das empresas na qualidade de vida de seus colaboradores, e no bem estar de seus familiares, tem sido uma preocupação. A redução do absenteísmo e do presenteísmo, além do aumento da produtividade tem movido os gestores no sentido de obter dos colaboradores uma capacitação mais efetiva e duradoura podendo faze-los sentir a realização pessoal e profissional. É com esse foco que investir na reeducação financeira de sua equipe, torna-se uma ação eficaz nas mudanças tão necessárias ao trabalhador. Os resultados são percebidos no próprio ambiente de trabalho, como a redução do absenteísmo e do presenteísmo, o aumento da produtividade, a melhora no clima relacional e o fortalecimento do vínculo com a organização. Mudança cultural Quando se fala em Educação Financeira, entende-se que os trabalhadores não foram instruidos sobre como lidar com suas próprias finanças durante a formação acadêmica e profissional. A base do processo de reeducação financeira está na mudança de antigos hábitos e comportamentos em relação ao uso do dinheiro. Com o Programa de Educação Financeira nas Empresas, os trabalhadores aprendem a estabelecer objetivos claros e a definir estratégias, mudando sua relação com o dinheiro.
  5. 5. E a empresa, por sua vez, contribui para a criação de uma nova geração de pessoas independentes e educadas financeiramente, ao mesmo tempo em que melhora o desempenho de seus colaboradores. Metodologia O Programa de Educação Financeira nas Empresas é embasado em Metodologia , que foi idealizada a partir de uma abordagem comportamental do tema. O objetivo, na prática, é oferecer motivação e instrumentos concretos para que as pessoas possam reavaliar sua relação com o dinheiro e encontrar, por méritos próprios, os caminhos para sua independência financeira. 3 PILARES 4 MOVIMENTOS Fundamentada nesses treis pilares e 4 movimentos, a Metodologia combate o analfabetismo financeiro ao desenvolver competências fundamentais para que as pessoas aprendam a lidar com as questões financeiras, com segurança e consciência: Saber Diagnosticar, Saber Sonhar, Saber Orçar e Saber Poupar.
  6. 6. Quando os colaboradores tomarem contato com os ensinamentos propostos pela Metodologia e aplicá-los às situações e necessidades impostas pela vida prática, as pessoas podem ampliar o conhecimento sobre finanças pessoais de forma a transformar seu comportamento e seus hábitos com relação ao uso do dinheiro, tornando-se pessoas despreocupadas e confiantes em seus planos pessoais, podendo com isso crescer em sua produtividade profissional, adquirindo com o seu equilibrio financeiro e profissional o atingimento do seu bem-estar pessoal e social. Material de apoio A aplicação do Programa de Educação Financeira para Empresas é realizada em parceria com os gestores da organização, a partir da definição de um cronograma prévio de ações. Para direcionar as atividades desenvolvidas com os colaboradores, o Programa conta com um diversificado material de apoio: o livro Dinheiro Cai do Céu, que apresenta os fundamentos básicos necessários para a conquista dos sonhos e objetivos; 4 Planilhas em excel que auxilia os colaboradores a identificar para onde está indo o seu dinheiro; manual de treinamento em Educação Financeira e uma video –aula para que os treinandos possam assistir em casa, relembrando assim conceitos e práticas para encontrar os caminhos para reconquistar o equilíbrio financeiro, mesmo com dívidas. Integração com a família O Programa de Educação Financeira também tem o compromisso de tratar o tema “Educação Financeira” além do âmbito corporativo , e poder levar os ensinamentos para os familiares dos colaboradores, criando um ciclo virtuoso, empresa, colaborador e família, desenvolvendo em todos a real e verdadeira prosperidade e o equilibrio financeiro.
  7. 7. Fases de implantação 1. Reunião com os responsáveis pelo RH e direção para definir o cronograma de ações. 2. Criação de uma comunicação eficaz para mobilizar a participação dos colaboradores, para o atingimento dos objetivos do Programa. 3. Aplicação de teste geral para os colaboradores, a fim de identificar o perfil financeiro de cada um. 4. Palestra de Sensibilização para os colaboradores sobre Educação Financeira. 5. Realização do Curso Prático de Educação Financeira, duração de 4 horas. 6. 4 reuniões de 1 hora cada, para tirar dúvidas após o curso. 7. Após 60 dias de Aplicação do Programa, avaliação do grupo.
  8. 8. “A reeducação financeira de sua equipe, além de melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores, sem dúvida provocará em todos o crescimento produtivo pessoal e profissional”. Formação Acadêmica •Jornalismo com ênfase em Relações Públicas FUNDAÇÃO CÁSPER LÍBERO – SÃO PAULO. •Administração de Empresas ESCOLA SUPERIOR DE ADM.DE EMPRESAS DR. CLOVIS SALGADO - MOGI DAS CRUZES – SÃO PAULO. Especializações •ESAB - Intervenção Psicológica na Ótica da Psicanálise •ESAB – Psicologia Social •INTERNATIONAL COACH ASSOCIATION – Personal Coach •INSTITUTO D’SOP – Coach / Educador Financeiro •AMERICAN PNL INSTITUTE – Practitioner em PNL •CEGOC – Técnicas de Gerenciamento •INSTITUTO HOLOS - Curso de Formação Profissionalização e Certificação Internacional em Coaching, Mentoring e Holomentoring® do Sistema ISOR® •MCB DO BRASIL – Administração e Gestão de Pessoas •ADVB – Comunicação e Relações Humanas •INSTITUTO DALE D’CARNEGIE – Técnicas de Relacionamento •ESEPD – Análise Técnica de Administração e Rotinas •INSTITUTO ISAC EFRAIM – Psicologia Aplicada à Gestão Especializações Interpessoais • UNIVERSIDADE DE AL-AZHAR - Cairo / Egito - 1994 Cursos e Treinamentos extra-curriculares livres, com ênfase em teologia e no uso da mente. •UNIVERSIDADE DO CAIRO - Cairo / Egito - 1994 Cursos e Treinamentos extra-curriculares livres, com ênfase em filosofia e no estudo da mente. •CRISTO PARA AS NAÇÕES - BH / Brasil - 2005 Curso de Especialização em Teologia. Atividades Profissionais Atuais RÁDIO TERRA AM – 1330 – SÃO PAULO - Participante do Programa Jornal da Terra, como Colunista em Comportamento e Educação Financeira, no quadro Dinheiro & CIA., dando dicas e orientações aos ouvintes. JORNAL ITAPEVI EM FOCO – ITAPEVI – SÃO PAULO - Colunista de Comportamento e Educação Financeira na coluna Dinheiro & CIA Rudi Ribeiro Palestrante, Escritor Educador e Terapeuta Financeiro
  9. 9. “Agradeço o seu interesse em obter conhecimento através de meus treinamentos e palestras. Tenho certeza que será propiciado a todos, estímulos de mudanças, que provocarão o crescimento pessoal e profissional. Portanto, se sua empresa acredita que pode melhorar, motivar e aumentar a produtividade de seus colaboradores, este é o treinamento certo para você contratar.

×