29/09/2011 - 9h às 12h30 - TI nacional e os projetos do ministério da defesa - José Luiz Villaça Oliva

1,287 views

Published on

29/09/2011 - 9h às 12h30 - TI nacional e os projetos do ministério da defesa - José Luiz Villaça Oliva

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

29/09/2011 - 9h às 12h30 - TI nacional e os projetos do ministério da defesa - José Luiz Villaça Oliva

  1. 1. COMANDO DA AERONÁUTICA Projetos do Ministério da Defesa envolvendo simulação Brigadeiro do Ar José Luiz Villaça Oliva Diretor de Tecnologia da Informação da Aeronáutica (DTI)
  2. 2. COMANDO DA AERONÁUTICA Conhecer alguns dos principais Projetos de Simulação na FAB , que visam a maior segurança e o adequado preparo de seus combatentes. OBJETIVO
  3. 3. COMANDO DA AERONÁUTICA 1. Simuladores na FAB 2. Visão Prospectiva da Simulação ROTEIRO
  4. 4. COMANDO DA AERONÁUTICA 1. Simuladores na FAB 2. Visão Prospectiva da Simulação ROTEIRO
  5. 5. COMANDO DA AERONÁUTICA
  6. 6. Link Trainer Origem: Construído e patenteado por Edwin Albert Link, em 1929. 2ª Guerra Mundial - seleção de candidatos a piloto. Instrutores avaliavam o potencial do candidato em “voos” seguros, no solo. Simuladores na FAB
  7. 7. Simuladores na FAB Link Trainer
  8. 8. Simuladores na FAB Link Trainer
  9. 9. Link Trainer Simuladores na FAB
  10. 10. Link Trainer No Brasil: utilizado pelos Cadetes na Escola de Aeronáutica dos Afonsos e no 2º GT na Base Aérea do Galeão, no final da década de 40. Simuladores na FAB
  11. 11. T-27 ( Tucano ) Utilizado pelos Cadetes da Academia da Força Aérea, em Pirassununga-SP, além de pilotos e instrutores de outros países, para o treinamento de emergências e de voo por instrumentos. Simuladores na FAB
  12. 12. T-27 ( Tucano ) Simulador de voo Simuladores na FAB
  13. 13. Simuladores na FAB A-1 Utilizado pelas Unidades Aéreas de Caça e de Reconhecimento do Sul e Sudeste para simular missões básicas, de emergência e emprego de armamento.
  14. 14. Simuladores na FAB A-1
  15. 15. Simuladores na FAB A-1 1º Simulador de aeronave da FAB a utilizar cenário visual.
  16. 16. Simuladores na FAB A-1
  17. 17. F-5M Categorizado como um FULL MISSION TRAINER é utilizado na FAB por Unidades Aéreas de Caça do Sul, Sudeste e Norte. Simuladores na FAB
  18. 18. Simulador da Aeronave F-5M Simuladores na FAB
  19. 19. Simulador da Aeronave F-5M Simuladores na FAB
  20. 20. A-29 (Super -Tucano) Similar ao FULL MISSION TRAINER da aeronave F-5, é amplamente utilizado pela FAB, seja para a instrução dos Aspirantes a Oficial ou para o treinamento das missões dos pilotos de caça das Unidades Aéreas do norte e do centro-oeste do país. Simuladores na FAB
  21. 21. A-29 (Super -Tucano) Simuladores na FAB
  22. 22. Simulador da Aeronave A-29 (Super -Tucano) Simuladores na FAB
  23. 23. Simulador da Aeronave A-29 (Super -Tucano) Simuladores na FAB Cenário visual desenvolvido pelo CCA-SJ
  24. 24. Simuladores na FAB Simulador da Aeronave A-29 Cenário visual desenvolvido pelo CCA-SJ
  25. 25. C-105 (AMAZONAS) Da categoria FULL FLIGHT SIMULATOR LEVEL D , é considerado como um dos mais completos simuladores da atualidade. Este simulador atende ao treinamento dos pilotos de transporte em todo o leque das missões atribuídas à referida aeronave. Simuladores na FAB
  26. 26. Simulador da Aeronave C-105 AMAZONAS Simuladores na FAB
  27. 27. Simulador da Aeronave C-105 AMAZONAS Simuladores na FAB
  28. 28. Sistema KONUS Simuladores na FAB Sistema de Artilharia Antiaérea (KONUS) - O simulador de artilharia antiaérea é utilizado pelas Companhias de Antiaérea de Auto-Defesa.
  29. 29. Sistema KONUS Simuladores na FAB Simulador de Artilharia Antiaérea (KONUS)
  30. 30. Sistema KONUS Simuladores na FAB Simulador de Artilharia Antiaérea (KONUS)
  31. 31. P-3 ORION Simulador tático – simula as consoles dos operadores de equipamentos eletrônicos Simuladores na FAB
  32. 32. Consoles de Operadores – P-3 Simuladores na FAB
  33. 33. Simuladores na FAB Console de Operador – P-3
  34. 34. Sistema MARTE Simuladores na FAB Simulador de nível tático onde apresenta resultados de embates entre duas ou mais Forças Aéreas oponentes, para fins didáticos. “ Jogos de Guerra” para a Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR) – oferece um ambiente simulado para a aplicação do Processo de Planejamento do Comando.
  35. 35. Sistema MARTE Simuladores na FAB Visualização do exercício Azuver 2010, mostrando missões, corredores e radares
  36. 36. Sistema MARTE Simuladores na FAB Portal de resultados do exercício Azuver
  37. 37. Sistema MARTE e Simulador do A-29 Simuladores na FAB
  38. 39. COMANDO DA AERONÁUTICA 1. Simuladores na FAB 2. Visão Prospectiva da Simulação ROTEIRO
  39. 40. Projetos Futuros Visão Prospectiva da Simulação <ul><li>AH-2 – Simulador do helicóptero de combate Sabre (Mi-35M) </li></ul>
  40. 41. Projetos Futuros Visão Prospectiva da Simulação H-X BR – Simulador do helicóptero de transporte EC-725
  41. 42. Projetos Futuros Visão Prospectiva da Simulação <ul><li>TRUCK – Simulador de veículos pesados e extrapesados </li></ul>
  42. 43. Projetos Futuros Visão Prospectiva da Simulação <ul><li>KC-X – Simulador da aeronave de transporte tático/logístico e reabastecimento em voo KC-390; </li></ul>
  43. 44. Projetos Futuros Visão Prospectiva da Simulação <ul><li>FX-2 – Simulador da aeronave de caça </li></ul><ul><li>T-X – Simulador da aeronave para treinamento. </li></ul>F/A-18E (Super Hornet) Estados Unidos JAS-39 Gripen NG Suécia Rafale França
  44. 45. Cenários Visuais Visão Prospectiva da Simulação A FAB continuará realizando a confecção dos cenários visuais de todos os seus simuladores, sendo auto-sufuciente na produção dessa tecnologia, buscando a integração entre os mesmos.
  45. 46. Cenários Visuais Atualmente a FAB possui uma área superior a 1.000.000 Km ² de cenários virtuais das regiões de Natal-RN, Boa Vista-RR, Porto Velho-RO e Campo Grande-MS, com seus relevos, rios, lagos, estradas, aeródromos e objetos 3D de edificações, torres, aeronaves, blindados, antenas, etc. Visão Prospectiva da Simulação
  46. 47. Interoperabilidade (HLA) Foi definido no GT-Simuladores, sob a coordenação do MD, a utilização da arquitetura HLA (High Level Architecture) para a futura integração entre os simuladores da Força Aérea, do Exército e da Marinha, de forma a permitir o adestramento / treinamento dos militares das três Forças em missões conjuntas. Visão Prospectiva da Simulação
  47. 48. Os simuladores fazem parte da Força Aérea desde a sua criação, e assim continuarão, contribuindo com a segurança de voo, com o treinamento adequado em equipamentos de grande complexidade, bem como na análise das decisões táticas e estratégicas. Hoje e num futuro próximo, uma Força Armada sem simuladores está fadada a riscos desnecessários, à falta de preparo e, certamente, à derrota. Visão Prospectiva da Simulação
  48. 49. COMANDO DA AERONÁUTICA 1. Simuladores na FAB 2. Visão Prospectiva da Simulação ROTEIRO
  49. 50. COMANDO DA AERONÁUTICA Conhecer alguns dos principais Projetos de Simulação na FAB , que visam a maior segurança e o adequado preparo de seus combatentes. OBJETIVO
  50. 51. COMANDO DA AERONÁUTICA Muito obrigado! Projetos do Ministério da Defesa envolvendo simulação

×