Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Procedimentos facilitadores de transição

646 views

Published on

Procedimentos facilitadores de transição

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Procedimentos facilitadores de transição

  1. 1. Daniel Fernandes Joel Ildefonso Ricardo Mendonça
  2. 2. Realizamos este trabalho no âmbito da disciplina de Psicologia, em que temos como temas principais: “Novas competências profissionais e Procedimentos facilitadores de transição”. Introdução
  3. 3. Novas competências profissionais: A preparação para a transição de atividade profissional; Utilização das novas tecnologias; O desenvolvimento da autonomia: capacidade de iniciativa, facilidade relacional e comunicativa, capacidade de resolução de problemas, capacidade de trabalho em equipa, criatividade.
  4. 4. O conhecimento é visto como um conhecimento técnico (adquirido sobre algo), prático (saber como o aplicar) e teórico (saber sobre para depois o aplicar); uma competência que é considerada pré-requisito para a obtenção de trabalho, e que está fundamentada na educação. Dessa forma, é importante que se compreendam os pilares da educação, para que exista um melhor saber/aplicar esse conhecimento, no nosso caso, conhecimento desportivo. Procedimentos facilitadores de transição: Conhecimento do meio empresarial
  5. 5. Para qualquer emprego é necessário ter bases (formação). Todos tendem a procurar empregos de acordo com o seu perfil. Com o nível de ensino elevado, de acordo com as estatísticas, leva aos indivíduos a arranjarem um bom emprego, sendo o mercado de trabalho muito competitivo pelos indivíduos mais classificados. No nosso caso, como técnicos de apoio à gestão desportiva, existem alguns tipos de emprego. Exploração de Ofertas de Emprego
  6. 6. Neste procedimento é necessário bem estar e entreajuda. No contacto com profissionais, ou seja, pessoas com mais experiência e conscientes das suas responsabilidades, é necessário desde o inicio a criar um bem estar de modo a criar uma maior integração na empresa. Contudo, o bom relacionamento torna-se uma mais valia: Aumento do conhecimento com indivíduos mais experientes. Aumento da Autoestima. Auto iniciativa . Melhor resolução de problemas. Contacto com Profissionais
  7. 7. No estágio têm se a oportunidade de assimilar a teoria e a prática, aprender as pequenas parcelas da profissão, para assim conhecer a realidade do dia-a-dia. À medida que o estagiário tem contacto com as tarefas que o estágio lhe proporciona, começa então a assimilar tudo aquilo que tem aprendido e o que vai aprender. Visto a nossa experiência como estagiários, inicialmente apenas tínhamos conhecimento sobre alguma teoria adquirida neste curso. Pós estágio, evoluímos muito devido à prática. Estágio
  8. 8. A entrevista é uma conversa bilateral onde são discutidas as condições, conhecimentos e motivações do futuro empregado para ser contratado. Para qualquer entrevista de emprego é necessário, logo de início, causar uma boa impressão. Para tal, o individuo deve-se mostrar confiante, interessado, motivado, responsável, persistente, educado… Preparação para a Entrevista
  9. 9. O CurriculumVitae é muito importante para obtenção de um emprego e para tal, deve estar devidamente organizado e atualizado. É necessário, na sua elaboração, os seguintes requisitos para que a empresa o ache relevante: • Direto, curto (máximo 3 páginas), verídico, sem erros ortográficos, o grau de elaboração do CV deve ser diretamente proporcional ao nível de satisfação do emprego a que se candidata… Elaboração do CurriculumVitae
  10. 10. A carta de apresentação é o primeiro contacto com o potencial empregador. Antes da empresa ler o currículo, ou ver os projetos que constam no portefólio, o recrutador avalia o individuo através da sua nota introdutória. Por isso, a mesma deve cumprir dois objetivos: fazer com que o empregador fique curioso para ler o CV e fazer com que o futuro empregado agende uma entrevista de emprego. Carta de Apresentação
  11. 11. Com a conclusão deste trabalho sobre a emergência das novas competências profissionais, sobre o Conhecimento do meio empresarial e todas as suas competências como o estágio, preparação para a entrevista, CurriculumVitae, entre outras, ficámos a saber todos os procedimentos destas novas competências essenciais para uma boa entrada no mundo empresarial, dentro e fora da nossa área vocacional. Conclusão

×