Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Identidade visual indo alem do logo

1,439 views

Published on

Projeto de Identidade Visual - Indo além do logo

Published in: Design
  • Be the first to comment

Identidade visual indo alem do logo

  1. 1. RENATO MELO – 2015 IDENTIDADE VISUAL INDO ALÉM DO LOGO
  2. 2. Após criação do logo e aplicação de materiais, o primeiro passo é construir a comunicação visual de maneira harmônica com os objetivos do branding.
  3. 3. #PARTE 1 TIPOLOGIA
  4. 4. 1 – Fuja das fontes com cara de comum; 2 – Escolha uma fonte de personalidade! 3 – Zele pelo entendimento.
  5. 5. Agência: Fischer, Justus Cliente: Santa Casa de Misericórdia
  6. 6. Não há restrição do estilo! Há bom senso e conhecimento dos objetivos e posicionamento da marca. Não precisa usar serifa para banco só para “forçar” uma seriedade.
  7. 7. #PARTE 2 KERNING E TRACKING
  8. 8. O Kerning é uma técnica para você ajustar dois caracteres de uma fonte escolhida. Basicamente, se trata de ajustar os espaços entre os caracteres de maneira que a leitura seja mais funcional e agradável ou visualmente simétrico.
  9. 9. Não utilize sempre a matemática! O visual (óptico) se sobrepõe à matemática e a simetria.
  10. 10. Observe este exemplo!
  11. 11. Está tudo alinhado, mas... O que há de errado com o triângulo e o círculo?
  12. 12. E agora? Alguma mudança?
  13. 13. O círculo e o triângulo foram levemente ampliados, saindo do alinhamento sem causar distorção.
  14. 14. Ao contrário do Kerning (irregular), o Tracking vai alterar o espaçamento por palavras ou blocos, deixando o mesmo espaço entre os caracteres. TRACKING
  15. 15. Qual dos exemplos possui maior espaçamento?
  16. 16. Nenhum! O tracking organiza os blocos a fim de evitar ilusões de ótica.
  17. 17. Eu tenho DNA ESAMC (normal) Eu tenho DNA ESAMC Eu tenho DNA ESAMC Eu tenho DNA ESAMC Eu tenho DNA ESAMC
  18. 18. #NA PRÁTICA NIVEA X KERNING
  19. 19. A Nivea é uma empresa centenária. No seu primeiro ano, em 1911, seu produto Nivea Creme foi um sucesso mundial.
  20. 20. Cenário Nivea 2011: •€5 bilhões de faturamento; •€3,5 bilhões de valor de marca; •Mais de 20 mil funcionários; •Presença em mais de 170 países; E como qualquer empresa desse tamanho, o crescimento traz a famosa síndrome do “não temos identidade”.
  21. 21. Cenário Nivea 2011: As tentativas de ajustes não funcionou bem, causando o que eles chamaram de “esquizofrenia visual”. Chamaram então o designer Yves Béhar para resolver a situação.
  22. 22. Ele se basea então no primeiro produto da marca e na sua evolução. Desde 1925 a cor e estilo são bem similares.
  23. 23. O conceito de minimalismo foi trazido até mesmo para as tampas
  24. 24. Só uma coisa não mudou... O Kerning “NI”
  25. 25. Os outros pares de letra compensam a distância de maneira óptica, criando um espaçamento maior entre o N e o I
  26. 26. #PARTE 3 SÍMBOLOS E ÍCONES
  27. 27. Para as últimas Olimpíadas em Londres, o logo possui integração de elementos: Anéis Olímpicos e o Ano (2012). Além disso, o 2012 pode ser lido como LR, sigla de Londres
  28. 28. Também foram criados os Pictogramas para cada modalidade
  29. 29. Já no Brasil... Polêmica
  30. 30. Na Rússia, Copa 2018, os elementos não ficaram tão claros. Briefing: Utilizar a silhueta do troféu, além de refletir a essência russa, que foi transmitida a partir da rica tradição artística e a história de inovação do país, especialmente em relação à corrida espacial
  31. 31. A opção aprovada mistura uma série de ícones do país: os ovos Fabergé, a praça vermelha e a Catedral de Saint Basil, por exemplo.
  32. 32. Mas... Não ficou tão claro e virou piada, igual ao da Copa no Brasil
  33. 33. #PARTE 4 MORFOLOGIA
  34. 34. Esta é uma tabela da percepção humana: A – Proteção B – Armadilha C - Frescor MORFOLOGIA DOS SINAIS A B C
  35. 35. Esta é uma tabela da percepção humana: D – Pendurar E – Crescimento F – Suporte/Balança MORFOLOGIA DOS SINAIS D E F
  36. 36. Esta é uma tabela da percepção humana: G – Ponto de Partida H – Ponto de Chegada MORFOLOGIA DOS SINAIS G H
  37. 37. Tabela Morfologia 1 Sinais e Símbolos – Adrian Frutiger MORFOLOGIA DOS SINAIS
  38. 38. #PARTE 5 CÓDIGO CROMÁTICO
  39. 39. CÓDIGO CROMÁTICO PRIMÁRIAS O disco de cores é composto por 12 cores SECUNDÁRIAS TERCEÁRIAS
  40. 40. O disco de cores é composto por 12 cores e 96 nuances
  41. 41. frio quente Uma cor pode parecer fria ou quente, dependendo também da relação estabelecida entre ela e as demais cores.
  42. 42. Quente e Frio = imã Os opostos se atraem. Cor quente + Cor quente se esfriam Cor fria + Cor quente se exaltam
  43. 43. Cores Análogas •Analogia significa semelhança; •As cores análogas são semelhantes em sua composição; •É um degradê formado entre uma cor primária e uma secundária.
  44. 44. Cores Complementares •É a cor "negativa" de qualquer cor, como os negativos de fotografia. •No Photoshop, basta dar um Ctrl+I
  45. 45. Você pode também observar no Círculo Cromático
  46. 46. Para: 10.11 até às 18h30 via e-mail Nossa Prévia é um jogo! Jogo do Kerning. 1)Acesse: http://type.method.ac/ 2)No Word, cole um print de cada uma das 10 etapas 3)No final, coloque o print da sua nota final
  47. 47. ESTA AULA ESTÁ DISPONÍVEL EM: renatomelo.com.br/slides ou no grupo do Facebook: bit.ly/gruporenato

×