Successfully reported this slideshow.
Your SlideShare is downloading. ×

Gnuteca / BiblioSUS: Capacitação sobre indexação de documentos segundo a Metodologia LILACS_ mar. 2022

Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Loading in …3
×

Check these out next

1 of 21 Ad

Gnuteca / BiblioSUS: Capacitação sobre indexação de documentos segundo a Metodologia LILACS_ mar. 2022

Download to read offline

Projeto Gnuteca / BiblioSUS: Capacitação sobre indexação de documentos segundo a Metodologia LILACS para o sistema Gnuteca.
Data: 15/03/2022
Apresentação: Sueli Suga

Projeto Gnuteca / BiblioSUS: Capacitação sobre indexação de documentos segundo a Metodologia LILACS para o sistema Gnuteca.
Data: 15/03/2022
Apresentação: Sueli Suga

Advertisement
Advertisement

More Related Content

Slideshows for you (17)

Similar to Gnuteca / BiblioSUS: Capacitação sobre indexação de documentos segundo a Metodologia LILACS_ mar. 2022 (20)

Advertisement

More from http://bvsalud.org/ (20)

Recently uploaded (20)

Advertisement

Gnuteca / BiblioSUS: Capacitação sobre indexação de documentos segundo a Metodologia LILACS_ mar. 2022

  1. 1. Introdução à indexação de documentos segundo a Metodologia LILACS Sueli Mitiko Yano Suga Supervisora de Fontes de Informação Referenciais Produção de Fontes de Informação BIREME/OPAS/OMS 15 Março 2022 TC95 – Projeto GNUTECA (15 e 22 de Março de 2022)
  2. 2. Por que continuar a indexar? Talvez a melhor pergunta seja: Por que indexar bem um documento? Porque... Ajuda o leitor a compreender o tema do documento Facilita a recuperação precisa Ajuda a refinar uma pesquisa Otimiza o tempo do pesquisador Dá visibilidade à produção científica Gera indicadores confiáveis às análises baseadas em descritores Representa fielmente a quantidade de documentos indexados sob cada descritos ligado a uma categoria
  3. 3. O que as secretarias de Estado e do Município oferecerem à sociedade em termos de produção científica e técnica? Livros Teses e Dissertações Artigos de periódicos Periódicos científicos Divulgação científica Especialistas em diversas áreas Grupos de Pesquisa Análise técnica e científica Bases de dados Recursos educacionais Eventos Dados de pesquisa Aplicativos e sistemas Redes de colaboração E mais!
  4. 4. E quem são os interessados nesse conhecimento? Quem as secretarias querem atender? Gestores de políticas públicas Profissionais do mercado Estudantes e pesquisadores Universida de Empresas de P&D População Agencias de fomento a pesquisa Comunida de internacio nal Agencias de noticias
  5. 5. Se restringimos à área de saúde, a quem queremos atender e o que e como oferecemos? Usuário • Estudantes e Pesquisadores? • Profissionais de saúde? • A própria universidade? • Gestores em saúde pública? • Pacientes e familiares? Tipo de informação • Prevenção? • Diagnóstico? • Terapias? • Políticas? • Econômicas?... Forma de Acesso • Impresso? • Internet? • Aplicativo? • Flash drive?... Tipo de estudo • Meta-análises? • Ensaios clínicos? • Indicadores de saúde do país? • Relatórios técnicos de avaliação? • Guias de prática clínica? • Relatos de casos? • Legislação e material normativo? • Material educacional?... Formatos de apresentação • Artigos de periódicos? • Livros? • Teses? • Relatórios técnicos? • Atas de reunião? • Eventos? • Portais de internet? • Comunidades virtuais? • Vídeos? • Panfleto? • Imagens? • Infográficos? • Relatórios estatísticos? • Dados crus?.... Idioma • Espanhol? • Guarani? • Português? • Inglês?... Linguagem • Científica? • Técnica? • Orientações para usuários/client es de serviços de saúde?...
  6. 6. Por que isso é importante para a indexação? Necessidade de informação do usuário • Produção científica e técnica • Indicadores bibliométricos • Dados crus para reuso • Qualidade e confiabilidade da informação Especificidades da área de conhecimento • Linguagem técnica • Tipos de estudos • Vocabulário técnicos • Métodos específicos Ferramentas e recursos utilizados no processo • Repositórios • Vocabulários institucionais • Bases internacionais • Vocabulários específicos de áreas do conhecimento • Profissionais disponíveis Resultados necessários à universidade • Memoria institucional • Divulgação e visibilidade da produção • Medição da produção Influenciamnaqualidadedaindexação
  7. 7. Princípios • Concordância – Seguir fielmente as definições, diretrizes e regras das notas de indexação e a hierarquia dos descritores do DECS. • Coerência - Aplicar consistentemente as regras de indexação, ou seja, os descritores deverão ser usados sempre da mesma forma. • Imparcialidade – Abster-se de emitir avaliações ou opiniões enfocando todos os assuntos em todos os seus aspectos de forma imparcial e sem preconceitos.
  8. 8. Princípios • Especificidade - Atingir o maior grau de especificidade possível. • Multiplicidade - Atribuir a cada documento tantos descritores quantos forem necessários para descrevê-lo em todos seus aspectos relevantes. • Fidelidade - Reproduzir fielmente o conteúdo do documento para que o usuário encontre facilmente o documento de seu interesse. • Bom Senso - Omitir dados irrelevantes e não pertinentes, sem sacrificar a imparcialidade, especificidade, multiplicidade ou veracidade.
  9. 9. Características da indexação LILACS: • Procedimento guiado pelo manual de indexação de documentos para LILACS • Uso de vocabulário controlado DeCS para descrever todos os tópicos discutidos • Tipos de descritores: – Primários e secundários – Pré-codificados – “Limites” – Tipo de Publicação - campo específico; – Qualificadores – Aspectos temáticos do documento • Arranjo hierárquico – especificidade; • Coordenação de descritores
  10. 10. Procedimento de indexação 1. Leitura Técnica 2. Identificação de temas indexáveis 3. Tradução para Descritores 4. Aplicação de descritores conforme o Manual de indexação de documentos para LILACS
  11. 11. 2. Identificação de palavras sugestivas ou temas indexáveis Título: • Níveis de hemoglobina e prevalência de anemia em gestantes atendidas em unidades básicas de saúde, antes e após a fortificação das farinhas com ferro. Objetivo: • ...este estudo teve como objetivo avaliar os níveis de hemoglobina e a prevalência de anemia em gestantes, antes e após a fortificação das farinhas com ferro, com vistas a contribuir para aumentar o conhecimento do impacto dessa intervenção e proporcionar uma base de referência sobre a evolução do problema em Maringá, PR. Espera-se também que os resultados subsidiem o aperfeiçoamento dos programas locais de prevenção e controle da anemia em gestantes, incluindo as intervenções de enfermagem no pré-natal.
  12. 12. 2. Identificação de temas indexáveis Título: • Níveis de hemoglobina e prevalência de anemia em gestantes atendidas em unidades básicas de saúde, antes e após a fortificação das farinhas com ferro. Analisando com mais detalhes para ajudar na tradução dos termos indexáveis em descritores: • Níveis de hemoglobina • Prevalência de anemia • Fortificação de farinhas com ferro .
  13. 13. Vocabulário controlado DeCS • 4 idiomas: português, espanhol, inglês e francês • 3 tipos de índices: alfabético, permutado e hierárquico • Polihierarquia • Precoordenação • Categorias específicas: – Saúde Pública – Vigilância Sanitária – Homeopatia – Ciência e Saúde • http://decs.bvsalud.org/
  14. 14. Descritores - tipos • Descritores primários – usados de forma coordenada (combinação de dois ou mais termos) para representar o ponto focal de um documento. Exemplo mais usados: Doenças, Órgãos, Organismos (bactérias,vírus, etc), Drogas, Terapias, Funções. Descritores secundários - Complementam ou qualificam um descritor primário. Alguns exemplos: prevalência, tipos de estudos, técnicas, natureza da doença (crônica, aguda, etc.)
  15. 15. 3. Tradução dos temas identificados em descritores de assunto Título: • Níveis de hemoglobina e prevalência de anemia em gestantes atendidas em unidades básicas de saúde, antes e após a fortificação das farinhas com ferro. Analisando com mais detalhes para ajudar na tradução dos termos indexáveis em descritores: • Níveis de hemoglobina • Prevalência de anemia • Fortificação de farinhas com ferro HEMOGLOBINAS ANEMIA FERROPRIVA FARINHA ALIMENTOS FORTIFICADOS FERRO NA DIETA
  16. 16. 3. Tradução dos temas identificados em descritores de assunto Título: • Níveis de hemoglobina e prevalência de anemia em gestantes atendidas em unidades básicas de saúde, antes e após a fortificação das farinhas com ferro. Analisando com mais detalhes para ajudar na tradução dos termos indexáveis em descritores: • Níveis de hemoglobina • Prevalência de anemia • Fortificação de farinhas com ferro . HEMOGLOBINAS/análise ANEMIA FERROPRIVA/epidemiologia FARINHA ALIMENTOS FORTIFICADOS FERRO NA DIETA
  17. 17. Descritores Precodificados Termos que definem conceitos pré-determinados pelo sistema de indexação e que se encontram em quase todos os documentos. Servem para delimitar o âmbito de uma pesquisa, gênero, faixa etária, ou período cronológico. Na recuperação os pré-codificados aparecem como “limites”.
  18. 18. Termos usados para descrever o formato (mais que o conteúdo) do documento. Estão relacionados com o desenho da pesquisa, exemplo: o Revisão (em geral cita as bases de dados pesquisadas e outros dados); Relatos de Casos (descreve os dados dos pacientes, ex. idade, sexo, etc.) A importância da indexação dos TPs é delimitar a pesquisa. Por exemplo, um pesquisador tem interesse apenas por artigos de revisão da literatura em um determinado assunto. Descritores Tipos de Publicação (TP)
  19. 19. Tipo de Publicação x Descritor de Assunto Alguns Tipos de Publicação possuem descritores correspondentes. Portanto, deve-se ter em mente se está sendo analisado o Tipo de Publicação como formato ou como assunto. Para diferenciar os descritores de assunto possuem a terminação “como assunto” Um artigo com o tema “metodologia para ensaios clínicos randomizados”, deverá ser indexado com o descritor de assunto: Ensaios Clínicos Controlados Aleatórios como Assunto.
  20. 20. Muito obrigada!

×