Successfully reported this slideshow.
Your SlideShare is downloading. ×
Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Ad
Upcoming SlideShare
Dr. sergio muller
Dr. sergio muller
Loading in …3
×

Check these out next

1 of 27 Ad

More Related Content

Similar to Profa. dra. geciane_porto (20)

More from BVS Rede de Informação e Conhecimento – SES/SP Centro de Documentação (20)

Advertisement

Recently uploaded (20)

Profa. dra. geciane_porto

  1. 1. PARQUE TECNOLÓGICO Ribeirão Preto
  2. 2. Ribeirão Preto • Cerca de 600.000 habitantes • IDH = 0,855 • 10 º maior PIB no estado de São Paulo, 30 º no Brasil • Boa infraestrutura logística: – entroncamento aero-rodo-ferroviário – Presença de um porto seco • Ambiente propício para desenvolvimento de ramos industriais ligados ao setor da saúde; • Empresas incubadas nos diferentes segmentos da biotecnologia, TI e CIS • Concentração de empresas de equipamentos médico, hospitalares e odontológicos – APL EMHO: – Mais de 60 empresas; – Aproximadamente 2000 empregos.
  3. 3. USP - Ribeirão Preto • Área total: 5,686,368 m² • 8 unidades de ensino e pesquisa (Faculdade e Escolas) • 7.201 estudantes de graduação • 3.106 estudantes de pós-graduação • 12.473 outros estudantes* • 990 Professores • 160 de depósitos de patentes • Pesquisa – 4% da Produção científica brasileira em revistas indexadas pelo ISI é realizadas no Campus de Ribeirão Preto *Residência, Aprimoramento, MBA, Especialização
  4. 4. USP - Ribeirão Preto • FMRP – Fac. de Medicina • EERP - Escola de Enfermagem • FCFRP – Fac. de Ciências Farmacêuticas • FORP – Fac. de Odontologia • Entidades Associadas – Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina: – Centro das Ciências da Imagem e Física Médica e Radioterapia. – Fundação Hemocentro; – CEMEL – Centro de Medicina Legal • FFCLRP – Fac. de Filosofia, Ciências e Letras – Biologia; Física Médica; Química; Informática Biomédica; Matemática aplicada a Negócios; Psicologia; Pedagogia; Ciências da Informação e Documentação • FEARP - Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade • FDRP - Faculdade de Direito • EEFERP - Escola de Educação Física
  5. 5. FIPASE • Fundação Municipal reconhecida como ICT – Instituto de Ciência e Tecnologia (criada em 17/08/2001) • Unidades Organizacionais • SUPERA - Incubadora de Empresas de Base Tecnológica • CEDINA- Centro de Desenvolvimento e Inovação Aplicada em Equipamentos Médico-Hospitalares e Odontológicos. • Gestora do APL – EMHO • Desenvolvimento da indústria de equipamentos e produtos da área de saúde • Gestora do Parque Tecnológico
  6. 6. Evolução
  7. 7. Áreas Prioritárias Biotecnologia Fármacos Materiais e equipamentos médicos, hospitalares e odontológicos Tecnologia da Informação Bioenergia Cosméticos
  8. 8. Modelo de Atuação
  9. 9. Benefícios para empresas Período de concessão de 20 anos Lei de Incentivo à Inovação - Benefícios Fiscais Municipais Política Pró-Parques do Governo do Estado (Decreto n º 53.826 16/12/2008) Incentivos Fiscais à Inovação – Lei do Bem Fomento à Inovação (FINEP, CNPq, BNDES, FAPESP, etc.) Previsão de cobrança de R $ 4,00/m² por mês Proximidade com a USP (networking, laboratórios de pesquisa, mão de obra qualificada)
  10. 10. Fase I
  11. 11. SUPERA  SUPERA Campus e Hemocentro (2011):  23 empresas apoiadas;  Faturamento total das empresas: R$ 1,1 milhão;  Captação total das empresas: R$ 6,4 milhões;  77 postos de postos de trabalho criados.  Melhor Incubadora de Empresas da Região Sudeste de 2010.  Supera Educa: Melhor projeto de empreededorismo de 2012  SUPERA - Parque vai abrigar 60 empresas incubadas e mais pre-incubadas e hotel de projetos.
  12. 12. CEDINA  Centro de Desenvolvimento e Inovação Aplicada em Equipamentos Médico-Hospitalares e Odontológicos.  Serviço de P&D;  Serviço de apoio a cooperação;  Consulta técnica;  Ensaios e calibração;  Consulta às normas.
  13. 13. Fase I – já iniciada • Construção da SUPERA e CEDINA – Entrega dos prédios em julho de 2013; • Previsão de lançamento do Edital de seleção para a instalação de empresas. – Primeiro semestre 2013
  14. 14. Inicio das Obras Julho 2012
  15. 15. SUPERA (out 2012 – termino jul 2013) Outubro 2012
  16. 16. CEDINA (out 2012 – termino jul 2013) Outubro 2012
  17. 17. Fase II
  18. 18. Fase II Área total 300.000 m² Área para instalação de empresas 144.325,15 m²
  19. 19. Modelo de Governança e Gestão – Convenio entre a USP, Agencia USP de Inovação, Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto e FIPASE • FIPASE – Entidade Gestora – Regimento Interno – Fase de Credenciamento Definitivo junto a Secretaria de Desenvolvimento do Estado de São Paulo
  20. 20. Modelo de Governança e Gestão Conselho Estratégico 4 membros USP 4 membros Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto (incluindo 1 representante da FIPASE – entidade gestora, entidades empresariais) + membros convidados da Secretaria do Desenvolvimento Econômico , Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo Presidente Conselho Estratégico USP, vice-presidente empresário
  21. 21. Modelo de Governança e Gestão Conselho de Direção Técnico-Científica 1 Representante Entidade Gestora (responsável pela operação do Parque) 1 Representante USP, podendo ser o Agente Executivo da USP; 1 Representante indicado pelo Conselho Estratégico.
  22. 22. Modelo de Governança e Gestão Conselho Estratégico Agente Executivo USP Entidade Gestora Conselho de Direção Técnico- Científica
  23. 23. Modelo de Governança e Gestão Conselho Estratégico Diretrizes e critérios de seleção e concessão de uso de área às empresas; Análise do mérito das solicitações das âncoras tecnológicas; Acompanhamento e apoio às atividades da gestora; Planejamento do Parque Tecnológico; Deliberação sobre casos omissos. FIPASE Agência USP de Inovação Recolhimento da taxa administrativa e taxa de ocupação de área das empresas; Promoção em conjunto com a ENTIDADE GESTORA, de ações que apoiem a implantação, consolidação e manutenção do Parque Tecnológico; Cumprimento dos regulamentos ambientais, construtivos e de acesso e utilização do campus da USP RP; Promoção do desenvolvimento do projeto científico-tecnológico do Parque Tecnológico; Promoção, juntamente com a Agência USP de Inovação, da colaboração entre Empresas Residentes e grupos de pesquisa; Processo de licitação para concessão do uso de espaços para as Empresas Residentes; Prospecção de empresas; Apoio à colaboração entre Empresas Residentes e grupos de pesquisa da USP; Apoio à seleção e ao processo de concessão de uso de áreas do Parque Tecnológico; Estrutura de dados e telefonia aos edifícios da USP cedidos à entidade gestora; Divulgação e fortalecimento da imagem do empreendimento; Colaboração para a divulgação institucional e o fortalecimento; Projetos de captação de recursos; Sistema de acompanhamento de informações das Empresas Residentes; Colaboração com a gestão administrativa do Parque Tecnológico. Disseminação de informações de interesse das Empresas Residentes.
  24. 24. Dificuldades Encontradas • Tempo de sensibilização e convencimento de todos os atores • Alternância dos gestores públicos (reitor, secretario, prefeito...) • Definição do modelo jurídico-administrativo • Financiamento do projeto integral.
  25. 25. Próximos Passos • Prospecção de empresas; • Auxílio em elaboração de projetos para avaliação do Conselho de Direção Técnico-Científica; • Licenciamento Ambiental; • Infraestrutura Urbana; • Projetos Centro Empresarial e Núcleo Administrativo. • Projeto do CEDINA - Biotec
  26. 26. Cooperações Internacionais • Convênio SUPERA e Incubadora de Sheffield – Reino Unido; • BIN – Business Innovation Network; – Em 2013 o evento do BIN acontecerá em Ribeirão Preto • Red Emprendia.
  27. 27. Obrigado pela atenção! FIPASE – Fundação Instituto Polo Avançado da Saúde Rua Visconde de Abaeté, 339 – Ribeirão Preto/SP Tel/fax: 55 16 3911-3250 / 3911-3256 parque@fipase.org.br www.fipase.org.br Profa. Dra. Geciane Porto Conselho Estratégico do Parque Tecnológico geciane@usp.br 16 3602 3914

×