Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Reynolds Cata Rankia Funds Experience Lisbon

119 views

Published on

Reynolds Cata Rankia Funds Experience Lisbon: bodega Reynolds

Published in: Economy & Finance
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Reynolds Cata Rankia Funds Experience Lisbon

  1. 1. BEM VINDOS À NOSSA CASA NO ALTO ALENTEJO
  2. 2. CARTA DE PRIVILÉGIOS AOS REYNOLDS PELO REI DE PORTUGAL
  3. 3. - Para que seja livre e possa livremente negociar tratar comprar e vender em todos os Reinos e senhorios de Portugal. - Que possa uzar e gozar da primeira mão qualquer genero de Fazendas Bens e Mercadorias. - Que poderá trazer armas ofensivas e defensivas de dia e de noite nao fazendo com estas o que nao deve. - As pessoas que nao lhes guardarem seus privilegios incorrao na pena de 2$000 para a Piedade 50 cruzados para o Hospital Real 20 para a parte ofendida e suspensão de seus oficios ate nova merce. - Que nao possa ser preso se nao em homenagem na sua casa. CARTA DE PRIVILÉGIOS A THOMAS REYNOLDS CONCEDIDA EM 1833 POR O REI DE PORTUGAL
  4. 4. PIONEIROS Desde 1833 os irmãos Thomas e Robert Reynolds, cruzaram o Alentejo Português e a Extremadura Espanhola à procura de cortiça para as suas fábricas. Foram os pioneiros do fabrico da rolha moderna utilizada em Bordéus e Borgonha e aprenderam o método Francês para melhorar a qualidade dos vinhos no Alentejo.
  5. 5. John Quinta do Carmo Robert R Reynolds Wine Growers Rafael Mouchão OS PRIMEIROS PRODUTORES REYNOLDS
  6. 6. WINE GROWERS, AGRICULTORES E VITICULTORES
  7. 7. WINE GROWERS A casa Reynolds iniciava, na segunda metade de 1800, a sua ligação à viticultura, mantida nas gerações seguinte e produzindo alguns ícones do sector.   O vasilhame declarado por Robert Reynolds na altura pode ser um valioso indicador da sua produção vinícola: 88.520 litros entre tonéis, pipas, barris e cascos. No jornal A Voz de Estremoz de 1898 é anunciada a atribuição a Robert Reynolds de uma medalha na Exposição Internacional de Lisboa, pela qualidade dos seus vinhos. No mesmo ano, é também anunciado que Robert Reynolds vendia o “tinto e o branco” a 60 e 80 réis, além dos vinhos tipo Bourgogne. Viticultores (só produziam vinhos da sua uva)
  8. 8. PRIMEIRA VINHA REYNOLDS EM PORTUGAL
  9. 9. VINHA ACTUAL - HERDADE FIGUEIRA DE CIMA
  10. 10. A VINHA É UM JARDIM CUIDADO COM MIMO
  11. 11. O TERROIR DO ALTO ALENTEJO As nossas vinhas entre 400 e 800 metros de altitude
  12. 12. ALICANTE BOUSCHET - A CASTA DOS REYNOLDS - Foi introduzida em Portugal a finais do século XIX pelos irmãos Robert e John Reynolds. - Procuravam substituir a Touriga Nacional, que utilizarão no norte para seus licorosos. - Foram os produtores borgonheses, clientes das suas rolhas, que lhe ofereceram esta casta. - A casa Reynolds incorpora, ainda hoje, cerca de 70% desta casta nos seus vinhos.
  13. 13. - Criada por o francés Henry Bouschet no sul de França. - Trata-se de um clone da antiga Garnacha Mediterrânica Espanhola e Petit Bouschet. - Nunca se adaptou bem ao clima e terroir francês. HISTÓRIA DO ALICANTE BOUSCHET - Cachos Grandes, com formato tronco cónico, alados e muito fechados. - Bagos de uva negros - polpa corada de vermelho (Casta Tintureira)
  14. 14. O ALICANTE BOUSCHET NO ALTO ALENTEJO - O Alto Alentejo tem condições de solo e de clima que conferem a esta casta um perfil enológico ímpar e a tornam numa das mais importantes da região. - Invernos frios, verões quentes e secos, solos pouco profundos e inférteis com pouca disponibilidade de água ao longo de todo o ciclo.
  15. 15. CARACTERÍSTICAS SENSORIAIS DO ALICANTE BOUSCHET -Na boca mostram uma enorme concentração de taninos, num conjunto fresco de estrutura imponente e de grande longevidade. -Alicante Bouschet produz vinhos de cor profunda e de grande intensidade, com aromas com notas de hortelã, algum eucalipto, azeitonas pretas e chocolate preto.
  16. 16. PARRAS DE ALICANTE BOUSCHET - A Família Reynolds aperfeiçoou o cultivo de Alicante Bouschet através dos anos nas herdades de D. Joao, Mouchão e Quinta do Carmo. - Outros membros da familia continuam a utilizar a casta como base dos seus vinhos, por exemplo: Mouchão e Dona Maria.
  17. 17. PRIMEIRA ADEGA REYNOLDS Herdade de Dom João, Casa Branca, Alto Alentejo.
  18. 18. ACTUAL ADEGA DA CASA REYNOLDS Herdade da Figueira de Cima, Arronches, Alto Alentejo
  19. 19. RUA DO MONTE FIGUEIRA DE CIMA
  20. 20. REYNOLDS - UM CHÂTEAU NO ALTO ALENTEJO Os bagos de uva introduzem-se, sem pisar, em balseiros de carvalho francês, para sua fermentação durante um longo período.
  21. 21. A PARCERIA ADEGA REYNOLDS COM SEGUIN MOREAU A famosa tanoaria francesa fornece os balseiros para a fermentação dos vinhos Reynolds. As barricas são fabricadas especialmente para as diferentes castas, utilizadas na segunda fermentação.
  22. 22. ADEGA REYNOLDS
  23. 23. SALA DE BARRICAS
  24. 24. GARRAFEIRA REYNOLDS - A cultura do tempo
  25. 25. REYNOLDS PREMIUM Marca Carlos Reynolds - 7ª Geração
  26. 26. REYNOLDS SUPER PREMIUM Marca Julian Reynolds - 6ª Geração
  27. 27. REYNOLDS ICONS Marca Gloria Reynolds - 5ª Geração
  28. 28. REYNOLDS TRIBUTE Robert Reynolds - 2ª e 3ª Gerações
  29. 29. PASSADO Thomas Robert Robert R Carlos Gloria
  30. 30. PRESENTE E FUTURO

×