Apresentação Theory Of Constraints

373 views

Published on

Published in: Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
373
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
9
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Apresentação Theory Of Constraints

  1. 1. BLack Bean Management Theory Of Constraints março.2014
  2. 2. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Apresentação Renato Zachi, Consultor Empresarial, Pós-graduado pela Fundação Getúlio Vargas, especialista em Mapeamento, Análise e Melhoria de Processos de Negócios, atuando em grandes empresas nacionais e multinacionais. Principais competências e conhecimentos: • Leader Coach Training; • Mapeamento (metodologia EPC, BPMN, IDEF0 e Fluxograma), análise e melhoria de processos; • Construção de Cadeia de Valor; • BPM (Business Process Management); • TOC (Theory of Constraints); • Lean; • Six Sigma; • Metodologia PDCA; • Metodologia ServPro / Blue Print - mapeamento, análise e melhoria de serviços e processos de atendimento; • Estratégia do Oceano Azul - estratégia empresarial; • Gerenciamento Ágil de Projetos - Metodologia SCRUM; • Metodologia PSM (Practical Software and System Measure) na elaboração de indicadores de desempenho.
  3. 3. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Apresentação
  4. 4. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat O que é a TOC? DOR DE CABEÇA
  5. 5. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat DOR DE GARGANTA O que é a TOC?
  6. 6. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat DOR NO PEITO O que é a TOC?
  7. 7. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat EXAMINOU O CORPO TODO PNEUMONIA O que é a TOC?
  8. 8. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat • Quais são os sintomas (efeitos)? • Exames (sangue, urina, radiografia...) • Entender os sintomas e identificar a doença (causa) • Corrigir a causa e não o efeito O que é a TOC?
  9. 9. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Conceito • Filosofia de negócios introduzida por Eliyahu M. Goldratt no seu livro A Meta, de 1984; • Princípios científicos e do raciocínio lógico para guiar organizações humanas; • A TOC é baseada em um conjunto de princípios básicos axiomas; • Restrição que limita a performance do sistema (a organização em questão) em relação à sua meta; • Restrições internas e restrições externas, ou de mercado; • Ao longo do tempo a restrição pode mudar.
  10. 10. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Conceito 1° Premissa Todo sistema possui uma meta e um conjunto de condições necessárias que precisam ser satisfeitas para atingi-la. Meta “Se você não sabe para onde vai, qualquer caminho serve...” Exemplos: “Fazer mais dinheiro, agora e no futuro” “Prover segurança para a população” “Diminuir a poluição no meio ambiente”
  11. 11. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Conceito 2° Premissa Qualquer sistema é mais do que apenas a soma de suas partes.  Não matematicamente;  Não refere-se aos ótimos locais resultarem no ótimo global. • As ligações entre os elos são tão (ou mais) importantes que os próprios elos. • Os problemas mais sérios de um sistema ocorrem nas interfaces entre os componentes, não necessariamente dentro deles.
  12. 12. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Conceito Diretoria Compras & Estoque Produção Distribuição Marketing & Vendas Engenharia Financeiro & Contabilidade
  13. 13. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Conceito 3° Premissa Pouquíssimas variáveis (talvez apenas uma) limitam o desempenho de um sistema num dado instante.  São as restrições do sistema. • É impossível controlar um sistema com muitas variáveis independentes.  Especialmente num ambiente complexo e incerto. • Ter poucas restrições possibilita:  Flexibilidade para gerenciar e controlar a organização.  Previsibilidade no comportamento do sistema.
  14. 14. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Conceito • Como uma corrente, um sistema é tão forte quanto seu elo mais fraco. • Goldratt chama o elo mais fraco de restrição do sistema:  É o fator que limita, ou restringe, o sistema de atingir sua meta  Física: Gargalo (máquinas, locais, processos, pessoas, dinheiro, ...)  Não Física (políticas, regulamentos, medidas, mercado, ...) • Reforçar qualquer elo que não seja o mais fraco NÃO aumenta a resistência da corrente. • Reforçar o elo mais fraco aumenta imediatamente a resistência da corrente.  Até o nível do próximo elo mais fraco.
  15. 15. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Ferramenta/ Processo de Raciocínio 1. Determinar os limites, ou fronteiras, do sistema em questão:  Conceitual, não física;  Linha imaginária que separa o interior do exterior. 2. Definir a meta do sistema:  “Fazer dinheiro, agora e no futuro” 3. Determinar quais são os fatores críticos de sucesso: • Condições necessárias para atingir a meta  Vantagem competitiva  Clientes satisfeitos  Funcionários capacitados e motivados 4. Aplicar “Os 5 Passos de Focalização”.
  16. 16. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat 1. Identificar a restrição  O que limita o desempenho do sistema agora?  Está dentro ou fora?  Se puder ser quebrada sem muito investimento, faça-o agora! 2. Decidir como explorar a restrição  Conseguir obter o máximo da restrição, sem investimento adicional  Mudar o modo de operação para proteger a restrição 3. Subordinar tudo à decisão acima  A restrição é quem dita o ritmo do sistema  Todas as outras partes do sistema devem suportar a restrição  Focar os esforços nas coisas que ajudam a maximizar o desempenho atual 4. Elevar a restrição  Aumentar a capacidade (realizar investimentos no lugar certo) 5. Se a restrição for quebrada, voltar para 1  Não deixar que a inércia cause uma restrição no sistema! Ferramenta/ Processo de Raciocínio
  17. 17. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat 1. O que mudar?  Onde estamos? Se não soubermos, um mapa não adianta coisa alguma  Quais são os problemas raízes? 2. Para o que mudar?  Para onde vamos? Se não soubermos, qualquer caminho serve, mas não há garantia alguma de que chegaremos “onde queríamos”.  Qual é a meta? De que políticas e métricas precisamos para que as partes contribuam para atingir a meta? 3. Como causar a mudança?  Como faremos a viagem? Qual roteiro nos trará os melhores e mais rápidos resultados?  Construir soluções simples e poderosas, de maneira intuitiva e metódica, com a colaboração das diversas áreas da empresa 4. Como garantir a melhoria contínua?  Como não parar no tempo e no espaço? Como não sucumbir à inércia?  Ser uma organização que aprende Ferramenta/ Processo de Raciocínio
  18. 18. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Exemplo O Supermercado XPTO, após uma grande negociação com seus fornecedores, passou a praticar uma política de descontos e promoções, beneficiando seus clientes. Dois meses após esta nova política, o gerente tem notado um aumento nas reclamações dos clientes e diminuição no volume de vendas. O que pode estar acontecendo de errado nesta Empresa?  Após observar a situação, o gerente entendeu que as filas e o tempo de espera para pagar as compras, estavam deixando os clientes insatisfeitos e com isso eles não voltavam mais a comprar.  Para resolver este problema, o gerente aumentou o número de caixas para pagamento.  Os problemas relatados sumiram por aproximadamente duas semanas, quando os níveis de vendas voltaram a normalidade. Quando isso aconteceu, os problemas votaram a aparecer, com clientes cada vez mais insatisfeitos e reclamações mais “contundentes”.
  19. 19. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Exemplo Vamos analisar alguns pontos: Pontos Positivos  Preços competitivos  Política de descontos  Promoções a cada hora do dia Pontos Negativos  Demora no atendimento (média 10 min por cliente)  Filas nos caixas  Reclamações  Vendas em queda
  20. 20. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Exemplo Demora Atendimento Fila nos Caixas Reclamações Vendas em queda Promoções de hora em hora – atualizações no sistema são lentas, obrigando os caixas solicitarem auxílio aos supervisores, para liberar o preço anunciado e não o preço que está no sistema . EFEITOS CAUSA / RESTRIÇÃO Corrigir o sistema para que as atualizações de preços sejam realizadas em tempo real Conversando com os caixas
  21. 21. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat RESUMO Israel/EUA Eliyahu M. Goldratt “A Meta”, 1984 1. O que mudar? 2. Para o que mudar? 3. Como causar a mudança? 1. Identificar 2. Explorar 3. Subordinar 4. Elevar 5. Voltar a 1 (inércia!) • Manufatura, Logística • Cadeia de Suprimentos • Marketing, Vendas • Gerenciamento de Projetos • TI, Operações, Educação • Hospital, Governo • Vida pessoal OrigemAplicações Processo de Melhoria Contínua Estratégia & Tática TOC
  22. 22. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Sugestão de Leitura A TOC - Teoria das Restrições - é indiscutivelmente reconhecida como um dos métodos de gestão mais eficazes da atualidade. Criada pelo Dr. Eli Goldratt - autor do best-seller “A Meta” e descrito como “guru da indústria” pela Fortune Magazine e “gênio” pela Business Week - e que nos últimos 30 anos tem proporcionado resultados excepcionais na indústria, serviços, varejo, distribuição e gerenciamento de projetos. Método de Intervenção e Melhoria Contínua com foco nas restrições.
  23. 23. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Sugestão de Leitura
  24. 24. Theory Of Constraints blackbeanmanagementyourbestchoicetobegreat Contato 11 98233 6064 renato.zachi renato.zachi@gmail.com /pub/renato-zachi/22/31b/884 h t t p : / / b l a c k b e a n m a n a g e m e n t . w e b n o d e . c o m

×