Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Realismo

785 views

Published on

  • Be the first to comment

Realismo

  1. 1. REALISMO Prof.: Adriano Rodrigues
  2. 2. • A segunda metade do Séc. XIX foi marcada pelas teorias Marxistas sobre as produções capitalistas; • A invenção da fotografia; • O desenvolvimento da litografia, segundo Benjamin (1993); • A teoria psicanalítica Freudiana do inconsciente; • A figura do Flaneur e na arte; • O desenvolvimento do Realismo. Segundo definição de Peixoto: Flaneur é um personagem do final do Séc. XIX, era o indivíduo que vivia na rua como se estivesse em casa, fazendo dos cafés as sua sala de visitas e das bancas de jornal a sua biblioteca.
  3. 3. Jean-François Millet • Pintor Paisagista; • Influenciado pelo romantismo ajudou a formar a escola de Barbizon; • Ficou conhecido como o Pintor Camponês;
  4. 4. O Ângelus
  5. 5. Jean-François Millet, As Respigadeiras 1857
  6. 6. Jean-François Millet, A natureza sendo o mais importante, 1866. 29.2 x 41.9 cm
  7. 7. Semeando Batatas
  8. 8. Fiandeira
  9. 9. Gustave Courbet • Estudou em escola religiosa, porém não seguiu essa vocação; então entrou em contato com a litogravura e leitura política; • Mudou de Ornans para Paris aos 24 anos para viver de sua arte; • Com repulsa do idealismo romântico e burguesia da época, engaja na pintura que viria a se chamar “Realista”;
  10. 10. • Aos 31 anos de idade Courbet participa do salão oficial de Paris já com pintor Realista; nessa exposição seu trabalhos desagradam muito a crítica por pintar pessoas comuns em cenas do cotidiano da cidade; em três principais obras: • 1ª O Enterro em Ornas, • 2ª Os quebradores de Pedras e • 3ª O Retorno da feira de Flagey;
  11. 11. O Enterro em Ornans, 1849, óleo sobre tela 314 x 663 cm
  12. 12. Os Quebradores de Pedras, 1849, óleo sobre tela, 45 x 54, 5 cm
  13. 13. Gustave Courbet, Camponeses de Flagey voltando da feira, 1850-55, óleo sobre tela, 260 x 275 cm.
  14. 14. Em 1855 aos 36 anos Gustave Courbet chega a ao ápice de sua carreira com a rejeição oficial de seus trabalhos pelo salão; Assim Courbet escreve o manifesto Realista faz História ao realizar a 1ª exposição individual e a cobrar ingresso de quem quiser visitar;
  15. 15. Gustave Courbet – Courbet com o Cão Negro. 46 x 56 cm, 1842.
  16. 16. Gustave Courbet, Depois do Jantar em Ornans. 1848-49 óleo sobre tela 195X 217 cm.
  17. 17. Bom dia Sr. Courbet
  18. 18. Goustave Courbet, Retrato de Baudelaire, 1848, óleo sobre tela, 314 x 663 cm
  19. 19. Gustave Courbet, Interior do meu Ateliê, uma Alegoria Real, Resumo de Sete Anos da Minha Vida de Artista, 1854-55, óleo sobre tela, 260 x 597 cm.
  20. 20. Aos 57 anos Courbet volta para sua cidade natal (Ornans) e é exilado na Suíça, aos 58 anos falece de cirrose hepática;
  21. 21. Édouard Manet • Amigo de Courbet, foi pintor crítico às políticas de governo burguesas; • Depois de Courbet, foi artista que mais pintou temas sociais relativos aos indivíduos frutos das grandes cidades (bêbados, mendigos, meretrizes e ...)
  22. 22. Édouard Manet, Lê Déjeuner sur I’herbe (Almoço sobre a relva) 1863, 208 x 264 cm.
  23. 23. Eduard Manet, O Velho Músico, 1862, óleo sobre tela, 187 x 248 cm
  24. 24. Édouard Manet– Olímpia
  25. 25. A Bar at the Folies Bergere, 1881
  26. 26. O Tocador de Pífaro

×