Realismo

704 views

Published on

  • Be the first to comment

Realismo

  1. 1. REALISMO Prof.: Adriano Rodrigues
  2. 2. • A segunda metade do Séc. XIX foi marcada pelas teorias Marxistas sobre as produções capitalistas; • A invenção da fotografia; • O desenvolvimento da litografia, segundo Benjamin (1993); • A teoria psicanalítica Freudiana do inconsciente; • A figura do Flaneur e na arte; • O desenvolvimento do Realismo. Segundo definição de Peixoto: Flaneur é um personagem do final do Séc. XIX, era o indivíduo que vivia na rua como se estivesse em casa, fazendo dos cafés as sua sala de visitas e das bancas de jornal a sua biblioteca.
  3. 3. Jean-François Millet • Pintor Paisagista; • Influenciado pelo romantismo ajudou a formar a escola de Barbizon; • Ficou conhecido como o Pintor Camponês;
  4. 4. O Ângelus
  5. 5. Jean-François Millet, As Respigadeiras 1857
  6. 6. Jean-François Millet, A natureza sendo o mais importante, 1866. 29.2 x 41.9 cm
  7. 7. Semeando Batatas
  8. 8. Fiandeira
  9. 9. Gustave Courbet • Estudou em escola religiosa, porém não seguiu essa vocação; então entrou em contato com a litogravura e leitura política; • Mudou de Ornans para Paris aos 24 anos para viver de sua arte; • Com repulsa do idealismo romântico e burguesia da época, engaja na pintura que viria a se chamar “Realista”;
  10. 10. • Aos 31 anos de idade Courbet participa do salão oficial de Paris já com pintor Realista; nessa exposição seu trabalhos desagradam muito a crítica por pintar pessoas comuns em cenas do cotidiano da cidade; em três principais obras: • 1ª O Enterro em Ornas, • 2ª Os quebradores de Pedras e • 3ª O Retorno da feira de Flagey;
  11. 11. O Enterro em Ornans, 1849, óleo sobre tela 314 x 663 cm
  12. 12. Os Quebradores de Pedras, 1849, óleo sobre tela, 45 x 54, 5 cm
  13. 13. Gustave Courbet, Camponeses de Flagey voltando da feira, 1850-55, óleo sobre tela, 260 x 275 cm.
  14. 14. Em 1855 aos 36 anos Gustave Courbet chega a ao ápice de sua carreira com a rejeição oficial de seus trabalhos pelo salão; Assim Courbet escreve o manifesto Realista faz História ao realizar a 1ª exposição individual e a cobrar ingresso de quem quiser visitar;
  15. 15. Gustave Courbet – Courbet com o Cão Negro. 46 x 56 cm, 1842.
  16. 16. Gustave Courbet, Depois do Jantar em Ornans. 1848-49 óleo sobre tela 195X 217 cm.
  17. 17. Bom dia Sr. Courbet
  18. 18. Goustave Courbet, Retrato de Baudelaire, 1848, óleo sobre tela, 314 x 663 cm
  19. 19. Gustave Courbet, Interior do meu Ateliê, uma Alegoria Real, Resumo de Sete Anos da Minha Vida de Artista, 1854-55, óleo sobre tela, 260 x 597 cm.
  20. 20. Aos 57 anos Courbet volta para sua cidade natal (Ornans) e é exilado na Suíça, aos 58 anos falece de cirrose hepática;
  21. 21. Édouard Manet • Amigo de Courbet, foi pintor crítico às políticas de governo burguesas; • Depois de Courbet, foi artista que mais pintou temas sociais relativos aos indivíduos frutos das grandes cidades (bêbados, mendigos, meretrizes e ...)
  22. 22. Édouard Manet, Lê Déjeuner sur I’herbe (Almoço sobre a relva) 1863, 208 x 264 cm.
  23. 23. Eduard Manet, O Velho Músico, 1862, óleo sobre tela, 187 x 248 cm
  24. 24. Édouard Manet– Olímpia
  25. 25. A Bar at the Folies Bergere, 1881
  26. 26. O Tocador de Pífaro

×