Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Capítulo II:Cultura e Tempo (História, cultura e tempo).

3,975 views

Published on

Slide da apresentação do capítulo : Cultura e Tempo.

Referências:
BOULOS JÚNIOR, Alfredo. História sociedade & cidadania. Edição reformulada, 6º ano. 2º Edição. São Paulo: FTD, 2012.

Published in: Education
  • Be the first to comment

Capítulo II:Cultura e Tempo (História, cultura e tempo).

  1. 1. UNIDADE1 CAPÍTULO2
  2. 2.  Cultura é tudo que é produzido pelo ser humano, ou resultado do seu trabalho e de seu pensamento. EXISTEM COISAS, QUE SÃO PRODUZIDAS PELO HOMEM, E PODEM SER DENOMINADAS COMO: • CULTURA MATERIAL • CULTURA IMATERIAL PODEM SER MEDIDAS, VISTAS, PESADAS Figura 1: Brinquedo Figura 2: Iphone AQUILO QUE É PRODUZIDO PELO SER HUMANO, MAS NÃO É PALPÁVEL Figura 4; Samba Figura 3: Linguagem da internet
  3. 3.  Cada povo tem sua própria cultura, com um jeito singular de se vestir, alimentar-se, construir suas moradias, de fazer festas, de pensar e também de agir.  No planeta Terra há uma variedade de culturas, como cultura brasileira, cultura nordestina, cultura indígena, cultura tailandesa, cultura iorubá. Figura 6 - Quadrilha, dança típica da cultura nordestinaFigura 5 - Anatomia Nordestina Fonte: Click Imagens – Disponível em : <http://www.clickgratis.com.br/fotos- imagens/quadrilha/ > Acesso em 15 de Maio, 2015 Fonte:Blog ‘Oxente Cumpadre’– Disponível em:<http://oxentecumpadre.blogspot.com.br/20 12/06/cultura-nordestina.html) >Acesso em : 15 de Maio, 2015 Figura 7 – Escultura Iorubá tralhada em madeira na porta de um palácio iorubá Fonte: Blog Mundo Afro – Disponível em:<http://mundoafro.atarde.uol.com.br/?attach ment_id=2894>Acesso em 15 de Maio, 2015.
  4. 4. Figura 8 - Iorubás Fonte: Blog União cultural Religiosas OMO IYEMOJÁ– Disponível em: <http://candombleafro.blogspot.com.br/2010_10_03_archive. html > Acesso em 15 de Maio, 2015. Fonte: MorgueFile – Disponível em: <http://www.morguefile.com/arch ive/display/749328 > Acessa em 15 de Maio, 2015 Figura 9 - Tailandesa Figura 10 - Sany Kalapalo, nativa Xingu Fonte: Global Voices – Disponível em: http://es.globalvoicesonline.org/2012/1 0/06/brazil-sany-kalapalo-jovenes- indigenas-y-una-activistas-del-xingu/ Acesso em 15 de Maio, 2015 Fonte: Flickr – Disponível em: <https://flic.kr/p/9LoBic> Acesso em: 15 de Maio, 2015. Figura 11 – Dança Mexicana Fonte: Site Teatro Tasso – Disponível em:<http://www.teatrotasso.it/images/resource/slides/slide-7.jpg> Acesso em: 15 de Maio, 2015. Figura 12 - Tarantela, dança típica italiana. Fonte: Wikipédia – Disponível em: http://upload.wikimedia.org/wikipe dia/commons/9/97/Kurdish_wome n,_Van,_1973.jpg Acesso em: 15 de Maio, 2015. Figura 13 – Mulher Curda Figura 14 – Mulher com roupa típica Fonte: Flickr – Disponível em: <https://flic.kr/p/5LnQ 2d>Acesso em: 15 de Maio, 2015. Figura 15 – Indianas Fonte: Morgue File – Disponível em: <http://www.morguefile.com/archive/displ ay/162873> Acesso em 15 de Maio, 2015.
  5. 5. Figura 16: Correndo contra o relógio Fonte: Free Pik – Disponível em: < http://www.freepik.com/free- vector/the-time-management- concept_765207.htm> Acesso em: 18 de Maio, 2015.  O tempo controlado pelo relógio, horários e calendário é chamado tempo cronológico.  O tempo histórico é o tempo resultante da ação dos seres humanos sobre a Terra. Este tempo está relacionado às experiências humanas. Figura 17: Calendário 2015 Fonte: Vecteezy – Disponível em: <http://www.vecteezy.com/vector- art/82918-monthly-daily-planner-vector> Acesso em: 18 de Maio, 2015. Fonte: Coral X Disponível em: <http://coralx.ufsm.br/revce/revce/2007/02/img/a1 _img2.jpg> Acesso em: 18 de Maio, 2015. Figura 18: Rotina
  6. 6. Judeus Figura 19: Judeus Fonte: Florestas de Notícias - Disponível em : <http://www.florestanoticias.com/wp- content/uploads/2014/12/judeus2.jpg> Acesso em: 18 de Maio, 2015.  Cada povo possui uma cultura própria, e com base nela, muitos grupos criam seus calendários. Portanto, possuem modos de contar e dividir o tempo. Para dar início a contagem do tempo, escolheram uma data que lhes são importantes Começam a contar o tempo a partir da criação do mundo, que para eles deu-se mo ano 3760 a. C. Figura 20: Muçulmanos no período do Ramadã Começam a contar o tempo a partir da ida de Maomé, da cidade de Meca para Medina, que ocorreu no ano 622 d. C. Muçulmanos Fonte: Disponível em: <http://noticias.gospelmais.com.br/fil es/2014/05/muculmanos.jpg > Acesso em: 18 de Maio, 2015.
  7. 7. Figura 21: Cristão orando Fonte: Site Igreja Batista Viva – disponível em: <http://www.igrejabatistaviva.com.br/wp- content/uploads/2015/04/crist%C3%A3o- cruz.jpg >Acesso em 18 de Maio, 2015. Cristãos Os cristãos escolheram o nascimento de Jesus Cristo como ponto de partida para contagem do tempo. Adotamos o calendário cristão, por isso, contamos o tempo a partir do nascimento de Jesus Cristo. Assim, existem os acontecimentos antes (a. C.) e depois (d. C.) do nascimento de Cristo.
  8. 8.  O calendário que aderimos divide o tempo em dia, mês, ano, década, século, milênio. Um década tem 10 anos Um século tem 100 anos Um milênio tem 1000 anos Se estamos em 2015, significa que estamos há dois milênios e 15 anos do nascimento de Jesus Cristo O século é uma unidade de tempo muito utilizada pelos historiadores, geralmente escrito em algarismo romano 1. Quando o ano terminar em 00, é só eliminá-los e o número que sobra indicará o século. 2. Quando o ano não terminar em 00, elimina-se os dois últimos algarismos e somar 1 ao número que restou, então você obterá o século.
  9. 9.  Esse tempo histórico, como já foi dito está relacionado às experiências coletivas dos seres humanos, à história da humanidade. As mudanças ocorreram no decorrer do tempo, porque os seres humanos sofrem modificações e modificam através das suas próprias ações. Contudo, elas não ocorrem do mesmo jeito ou ritmo. Cada povo tem um tempo e um ritmo diferenciado. . Por exemplo, o povo Kayabi (indígenas do rio dos Peixes, no Mato Grosso), organizam sua vida baseada em acontecimentos naturais e guiam-se pelo tempo da natureza. Dessa forma, esse povo e os habitantes urbanos brasileiros, vivem em um tempo cronológico, ou seja, o século XXI, mas, não no mesmo tempo histórico.
  10. 10. Figura 22: Calendário do povo Kayabi Fonte: Retirada do Caderno ‘Semana para os povos indígenas 2006’ – Disponível em: <http://comin.org.br/static/arquivos-publicacao/semana-dos-povos-2006-1207077020.pdf >Acesso em 19 de Maio, 2015.
  11. 11. Figura 23: Linha do tempo tradicional da História Fonte: Blog Viva a História – Disponível em: <https://marcellehistoria.files.wordpress.com/2013/02/121.jpg?w=642 >Acesso em 19 de Maio, 2015.
  12. 12.  Boulos Junior, Alfredo. História sociedade & cidadania – Edição reformulada, 6º ano. 2 e.d. – São Paulo: FTD, 2012. p. 11-19.

×