O que é uma Assessoria de Comunicação? <ul><ul><li>Setor que realiza atividades na área de comunicação de uma instituição ...
Objetivos: <ul><ul><li>Manter o bom relacionamento com os diversos públicos; </li></ul></ul><ul><ul><li>Divulgar um evento...
Diferenças entre Assessoria de Comunicação e Assessoria de Imprensa <ul><ul><li>Não está a serviço da imprensa, mas faz o ...
<ul><ul><li>Esse novo modelo integra jornalistas, relações-públicas, publicitários e especialistas em marketing que passam...
<ul><ul><li>O Manual da FENAJ pontua que “a assessoria de imprensa não é departamento de vendas. Sua função não é vender p...
Produtos e Serviços da Assessoria
<ul><li>Divulgação interna </li></ul><ul><ul><li>Estratégias de divulgação interna são necessárias e precisam ter continui...
Planejamento de Divulgação Jornalística O planejamento de uma assessoria é constituído por diversos planos, que são provid...
 
<ul><li>Agendamento  </li></ul><ul><ul><li>Enviar sugestão de pauta para os principais meios de comunicação (jornais,rádio...
<ul><li>Release  </li></ul><ul><ul><li>O release deve conter  todas  as informações que o jornalista pode precisar para es...
Nova 'Fraude' à vista: Vem aí o próximo número da Revista Fraude   A sétima edição da  Revista Fraude  será lançada em 27 ...
O que:  Lançamento da Revista Fraude 7, com participação da banda  Quarteto de Cinco , do   Coletivo Muito Barulho por Nad...
<ul><li>Press Kit </li></ul><ul><ul><li>É um conjunto informativo composto de textos, artigos, fotografias e outros materi...
<ul><li>Brindes  </li></ul><ul><ul><li>Fazem parte de uma tentativa de  consolidar a marca “Fraude” na cabeça do leitor; <...
<ul><li>Cartazes: </li></ul><ul><li>Relação criativa entre conteúdo e imagem; </li></ul><ul><li>Chamar atenção para o títu...
 
<ul><li>Mailing </li></ul><ul><li>Mailing é a lista de jornalistas e veículos de interesse de determinada assessoria e pod...
 
<ul><li>Clipping </li></ul><ul><ul><li>Consiste em identificar, rotineiramente na imprensa as citações sobre a organização...
 
<ul><li>Acompanhamento da exposição da marca </li></ul><ul><ul><li>Comerciais (VT) para TV – Youtube; </li></ul></ul><ul><...
Matéria do programa Soterópolis (TVE - BAHIA) sobre a festa de lançamento da sexta edição da revista Fraude
<ul><ul><li>E-mail: </li></ul></ul><ul><li>Utilizar e-mail institucional Ex.:  [email_address] </li></ul><ul><li>Usar semp...
Blog da Fraude
<ul><ul><li>Criação e atualização frequente de perfis em redes sociais: orkut, Twitter, Flickr, Myspace, Facebook, Youtube...
 
 
 
Contato:  [email_address] www.petcom.ufba.br www.revistafraude.com
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Jornalismo de Revista: Assessoria

3,193 views

Published on

Oficina ministrada pela equipe Petcom no Intercom Nordeste, em Campina Grande (PB), em 2010.

Published in: Education, Technology
0 Comments
4 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
3,193
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
26
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
4
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Jornalismo de Revista: Assessoria

  1. 2. O que é uma Assessoria de Comunicação? <ul><ul><li>Setor que realiza atividades na área de comunicação de uma instituição e desenvolve ações e estratégias previamente estabelecidas; </li></ul></ul><ul><ul><li>Objetiva formar e consolidar uma imagem positiva da instituição junto a seu público-alvo e/ou a sociedade; </li></ul></ul><ul><ul><li>Comunicação Integrada; </li></ul></ul><ul><ul><li>A chamada comunicação mercadológica “utiliza o composto de comunicação ou o mix de comunicação (propaganda, relações públicas e assessoria de imprensa), para tornar conhecido o produto ou serviço, apresentar os seus benefícios e criar a imagem positiva na mente do consumidor.” (FILHO, 2009, p. 6). </li></ul></ul>
  2. 3. Objetivos: <ul><ul><li>Manter o bom relacionamento com os diversos públicos; </li></ul></ul><ul><ul><li>Divulgar um evento ou instituição de maneira interessante e criativa no intuito de atrair o público e seu interesse; </li></ul></ul><ul><ul><li>Gerar notícia; </li></ul></ul><ul><ul><li>Tornar uma marca ou serviço conhecido na busca pela consolidação de uma boa imagem e pela credibilidade; </li></ul></ul>YANAZE. Mitsuro Higuchi et al. Gestão de marketing: avan ç os e aplica ç ões . São Paulo: Saraiva, 2007
  3. 4. Diferenças entre Assessoria de Comunicação e Assessoria de Imprensa <ul><ul><li>Não está a serviço da imprensa, mas faz o contato a partir da empresa e se relaciona permanentemente com ela; </li></ul></ul><ul><ul><li>  A AI é um intermediário entre as informações disponíveis em uma organização e os veículos de comunicação; </li></ul></ul><ul><ul><li>&quot;A assessoria de imprensa está dentro do negócio maior da comunicação. E o jornalista deve aprender a trabalhar com conceitos e as ações de relações públicas, publicidade, design, recursos humanos e outras ferramentas poderosas de construção de imagem&quot; (CHINEM, 2003, p.15); </li></ul></ul>
  4. 5. <ul><ul><li>Esse novo modelo integra jornalistas, relações-públicas, publicitários e especialistas em marketing que passam a atuar incorporando novas estratégias e ferramentas de comunicação; </li></ul></ul><ul><ul><li>O assessor de imprensa é um intermediário entre as informações disponíveis em uma organização e os diversos públicos que ela atinge; </li></ul></ul><ul><ul><li>De acordo com o Manual de Assessoria de Comunicação – Imprensa da FENAJ (2007), a Assessoria de Imprensa trabalha </li></ul></ul><ul><li>“ tanto [com] a publicação de notas, como o agendamento de entrevistas e a publicação posterior de informações, [que] são gratuitas. [...] Não se paga por publicação. Se paga para a assessoria trabalhar de forma a conseguir esse resultado.” </li></ul>
  5. 6. <ul><ul><li>O Manual da FENAJ pontua que “a assessoria de imprensa não é departamento de vendas. Sua função não é vender produtos, mas sedimentar marcas e idéias” (FENAJ, 2007, p. 14); </li></ul></ul><ul><ul><li>“ Cabe ao profissional de comunicação não privilegiar nenhuma ferramenta em detrimento de outras e elaborar estratégias integradas, coerentes com uma orientação sistêmica, que propiciem sinergia entre as várias ações de comunicação” (YANAZE. Mitsuro Higuchi et al,, 2007, p. 360); </li></ul></ul><ul><ul><li>As sugestões de pauta elaboradas pelas assessorias visam englobar os seus clientes em temas sociais atuais e relevantes, para que, então, sejam fontes de possíveis matérias e devam ser procurados pelos veículos de comunicação; </li></ul></ul>
  6. 7. Produtos e Serviços da Assessoria
  7. 8. <ul><li>Divulgação interna </li></ul><ul><ul><li>Estratégias de divulgação interna são necessárias e precisam ter continuidade; </li></ul></ul><ul><ul><li>Faculdade de Comunicação (UFBA): primeiro público da revista </li></ul></ul><ul><ul><li>Ferramentas:  </li></ul></ul><ul><ul><li>- Jornal mural: Funciona como uma espécie de porta-voz das atividades do Programa. Edicões especiais próximas ao lançamento da Fraude; </li></ul></ul><ul><ul><li>- Boletim eletrônico: Divulgado com periodicidade regular com conteúdo essencialmente informativo sobre o PETCOM. </li></ul></ul>
  8. 9. Planejamento de Divulgação Jornalística O planejamento de uma assessoria é constituído por diversos planos, que são providências a serem tomadas para se atingir metas estabelecidas. Geralmente indicam o onde, o como e o porquê. Dois meses antes Um mês antes Uma semana antes Durante o evento Depois do evento Patrocínios e parcerias x Sugestão de Pauta x Distribuição de Releases    x x x x Distribuição de Press Kits x x x Cartazes x Cobertura do evento x Clipagem x x x x
  9. 11. <ul><li>Agendamento  </li></ul><ul><ul><li>Enviar sugestão de pauta para os principais meios de comunicação (jornais,rádios, televisões). O objetivo dessa fase é agendar o tema na mídia e tentar publicar alguma notícia sobre o evento; </li></ul></ul><ul><ul><li>Desenvolver  a pauta e não apenas mandar uma sugestão. O ideal é mandar a matéria pronta, que contenha fontes (e respectivo contato); </li></ul></ul><ul><ul><li>Procurar ganchos interessantes; </li></ul></ul><ul><ul><li>Sugerir imagens, fotos ou, no caso da televisão, vídeo; </li></ul></ul><ul><ul><li>Colocar telefone e e-mail dos organizadores do evento, caso o jornalista queira entrar em contato; </li></ul></ul><ul><ul><li>Esse passo deve ser repetido toda a semana até o evento. </li></ul></ul>
  10. 12. <ul><li>Release  </li></ul><ul><ul><li>O release deve conter todas as informações que o jornalista pode precisar para escrever uma matéria sobre o evento; </li></ul></ul><ul><ul><li>Não pode faltar horários, programações, nomes dos palestrantes, várias sugestões de imagens e fotos em alta definição. Também deve estar presente os contatos da assessoria e dos envolvido no evento, além de sugestões de outras fontes relacionadas ao tema; </li></ul></ul><ul><ul><li>O release deve ser mandado por email, fax ou ser entregue impresso na redação. Quando o release é enviado, é recomendado ligar para os editores e jornalistas de cada veículo para confirmar recebimento, convidá-lo e reforçar a importância da sugestão de pauta (follow-up); </li></ul></ul>
  11. 13. Nova 'Fraude' à vista: Vem aí o próximo número da Revista Fraude   A sétima edição da Revista Fraude será lançada em 27 de novembro, às 19 horas, no River’s Pub. A ssim como seus outros números, a revista vem repleta de novidades. Sem deixar de ser essencialmente baiana, a revista traz enfoques locais e mais amplos sobre cultura, em uma variedade de temas como literatura, música, cinema, mídia, tecnologia e quadrinhos. Desde o primeiro número da publicação, lançado em 2004 a revista já visava movimentar o cenário de revistas baianas, diante da escassez de produtos locais.   A Fraude custa apenas 2,00 reais e é produzida pelos 12 bolsistas do Programa de Educação Tutorial de Comunicação ( Petcom ) da UFBA, fomentado pelo Ministério da Educação. A festa terá o show da banda Quarteto de Cinco , as intervenções poéticas e musicais do Coletivo Muito Barulho por Nada e também o som do DJ Ox. Não deixe de dar uma passadinha e adquirir o seu exemplar! Mas aos que não podem ir, ainda resta a alternativa de passar na sala do Petcom, na Faculdade de Comunicação da UFBA , campus Ondina ou conferir os pontos de distribuição através do blog da Fraude .  
  12. 14. O que: Lançamento da Revista Fraude 7, com participação da banda Quarteto de Cinco , do Coletivo Muito Barulho por Nada e do DJ Ox Quando: 27 de novembro, às 19h Onde: River’s Pub (Rua da Paciência, 123, rio Vermelho) Entrada gratuita Mais informações: Blog da Fraude [ http://www.revistafraude.blogspot.com ]
  13. 15. <ul><li>Press Kit </li></ul><ul><ul><li>É um conjunto informativo composto de textos, artigos, fotografias e outros materiais destinados à divulgação do fato jornalístico ; </li></ul></ul><ul><ul><li>Quando o press-kit se apresenta em outra linguagem que não a jornalistica é contraproducente, uma vez que se destina a jornalistas que dele vão extrair alguma informação complementar para redigir suas reportagens. (CHINEM, 2003, p. 73); </li></ul></ul><ul><ul><li>Devem constar os patrocinadores e a clipagem do que saiu sobre o tema nos últimos meses; </li></ul></ul><ul><ul><li>Todos os logotipos e imagens da instituição devem ser arquivados em um cd ou pen drive. </li></ul></ul>
  14. 16. <ul><li>Brindes </li></ul><ul><ul><li>Fazem parte de uma tentativa de consolidar a marca “Fraude” na cabeça do leitor; </li></ul></ul><ul><ul><li>Constante referência à “macaquicha” – o mascote da revista; </li></ul></ul><ul><ul><li>Bom-senso é fundamental, já que trata-se de um produto jornalístico; </li></ul></ul><ul><ul><li>Camisa, adesivo, marca texto, por exemplo, são boas estratégias de proximidade com o público-alvo e jornalistas; </li></ul></ul>
  15. 17. <ul><li>Cartazes: </li></ul><ul><li>Relação criativa entre conteúdo e imagem; </li></ul><ul><li>Chamar atenção para o título do evento a ser divulgado; </li></ul><ul><li>Deve conter informações essenciais (tema, local, data, horário); </li></ul><ul><li>Deve conter um email/telefone para contato; </li></ul><ul><li>Pode conter um site/blog (nos quais pode-se encontrar mais informações); </li></ul><ul><li>Pode ser impresso numa folha A4 comum, sem muitos gastos. Mesmo se não imprimir, pode ser utilizado para divulgação na web, em formato JPG. </li></ul>
  16. 19. <ul><li>Mailing </li></ul><ul><li>Mailing é a lista de jornalistas e veículos de interesse de determinada assessoria e pode ser subdividida de acordo com critérios particulares: jornalistas locais, de interesse nacional, especializados, colunistas, pauteiros. O mailing deve ter atualização e avaliação permanentes para que mantenha sua eficiência; </li></ul><ul><li>Contatos estratégicos da área: lista de todos tanto vinculados ao público-alvo, como vinculados à grande imprensa; </li></ul><ul><li>A nova organização do mailing faz parte de um projeto de resgate da memória do grupo, com manutenção de bancos de dados; </li></ul><ul><li>Arquivado em blog e organizado por tags. </li></ul>
  17. 21. <ul><li>Clipping </li></ul><ul><ul><li>Consiste em identificar, rotineiramente na imprensa as citações sobre a organização ou temas previamente determinados, organizá-las e encaminhá-las para conhecimento dos interessados; </li></ul></ul><ul><ul><li>Geralmente, os recortes são colocados em folhas padronizadas, acrescidos de informações sobre veículo, data, página de publicação, algum tipo de classificação e outros dados que sejam considerados importantes; </li></ul></ul><ul><ul><li>Análise do material jornalístico: Importante analisar a forma com que o produto/empresa foi noticiado; </li></ul></ul>
  18. 23. <ul><li>Acompanhamento da exposição da marca </li></ul><ul><ul><li>Comerciais (VT) para TV – Youtube; </li></ul></ul><ul><ul><li>Spots para rádio: sonora de poucos segundos em que o produto deve ser divulgado: Fraude 2009! </li></ul></ul><ul><ul><li>Outdoor: no espaço da Ufba é gratuito; </li></ul></ul><ul><ul><li>Monitoramento da marca no Twitter sobretudo na época do lançamento da revista; </li></ul></ul><ul><ul><li>Conteúdos especiais para o blog: produção de &quot;extras&quot; multimídia com complementação das matérias da versão impressa; </li></ul></ul><ul><ul><li>Tracker: medidor de visitação a um site; identifica interesses do público; </li></ul></ul>
  19. 24. Matéria do programa Soterópolis (TVE - BAHIA) sobre a festa de lançamento da sexta edição da revista Fraude
  20. 25. <ul><ul><li>E-mail: </li></ul></ul><ul><li>Utilizar e-mail institucional Ex.: [email_address] </li></ul><ul><li>Usar sempre a opção cópia oculta (Cco) quando enviar e-mail em massa para divulgação de algum evento; </li></ul><ul><li>Anexar cartaz no corpo do e-mail e abaixo colocar o texto. </li></ul>Ações de Assessoria Online
  21. 26. Blog da Fraude
  22. 27. <ul><ul><li>Criação e atualização frequente de perfis em redes sociais: orkut, Twitter, Flickr, Myspace, Facebook, Youtube </li></ul></ul><ul><ul><li>Twitter: atualizar com conteúdos de outros sites, retwittar, manutenção de um ambiente conversacional; marcar presença </li></ul></ul><ul><ul><li>Design gráfico na web - escolha do template, organização da página, elaboração de cronograma de postagens do blog </li></ul></ul><ul><ul><li>Disponibilização da versão online da revista no Issuu </li></ul></ul>Ações de Assessoria Online
  23. 31. Contato: [email_address] www.petcom.ufba.br www.revistafraude.com

×