Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Rochasmetamorficas

7,419 views

Published on

  • blessing_11111@yahoo.com

    My name is Blessing
    i am a young lady with a kind and open heart,
    I enjoy my life,but life can't be complete if you don't have a person to share it
    with. blessing_11111@yahoo.com

    Hoping To Hear From You
    Yours Blessing
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here

Rochasmetamorficas

  1. 1. Metamorfismo Blueschist, a metamorphic rock derived from basalt at high pressure and low temperature METAMORFISMO : META = MUDANÇA MORPHO = FORMA
  2. 2. O que é o metamorfismo? <ul><li>O metamorfismo consiste na transformação mineralógica, em estado sólido, das rochas, geralmente sem que mude a composição global, como consequência das variações físicas. </li></ul>http://www.childrensmuseum.org/geomysteries/faq1.html
  3. 3. Metamorfismo regional Metamorfismo de contacto
  4. 5. As rochas metamórficas são muito resistentes : <ul><li>O calor e a pressão eliminam os poros da rocha, aumentando a sua densidade </li></ul><ul><li>Os minerais instáveis são substituídos por minerais estáveis </li></ul><ul><li>A ligações entre os constituintes das rochas são fortalecidas pela recristalização </li></ul>
  5. 6. Principais zonas de metamorfismo: <ul><li>Nas zonas assinaladas com os números 1,2,3 e 4 existem condições de temperatura e de pressão que permitem a formação de rochas metamórficas. </li></ul>
  6. 7. B – Metamorfismo no fundo dos oceanos, devido ao contacto da água quente com o basalto da crosta oceânica.
  7. 8. Factores de metamorfismo <ul><li>Temperatura elevada </li></ul><ul><li>Tensão </li></ul><ul><li>Fluidos de circulação </li></ul><ul><li>Tempo </li></ul>
  8. 10. <ul><li>Temperatura elevada </li></ul><ul><li>A temperatura aumenta com a profundidade </li></ul><ul><li>Quando ocorre uma intrusão magmática, o calor vai sobreaquecer as rochas encaixantes </li></ul><ul><li>Essas temperaturas não são suficientes para fundir as rochas. </li></ul>
  9. 11. <ul><li>A temperatura favorecerá reacções químicas entre minerais aumentando assim a vulnerabilidade das rochas que serão sujeitas a pressões. </li></ul><ul><li>Normalmente no metamorfismo o efeito da pressão combina-se com o da temperatura </li></ul>
  10. 12. Tensão A pressão aumenta à medida que caminhamos para o interior da Terra
  11. 13. TENSÃO DE COMPRESSÃO – os minerais orientam-se perpendicularmente à direcção da tensão TENSÃO DE CISALHAMENTO – os minerais orientam-se paralelamente à direcção da tensão
  12. 14. <ul><li>Fluidos de circulação </li></ul><ul><li>Os fluidos transportam átomos e iões que provocam a quebra das ligações das redes cristalinas. A composição química e mineralógica das rochas é alterada pela substituição de umas partículas por outras. </li></ul>
  13. 15. temperatura pressão ROCHAS desidratam Formação de MINERAIS ANIDROS
  14. 16. <ul><li>Tempo </li></ul><ul><li>O metamorfismo e um processo muito lento (milhares de anos); </li></ul><ul><li>Quanto maior for o tempo de exposição aos factores de metamorfismo, maior e o grau de metamorfismo e mais tempo existe para se estabelecerem equilíbrios entre os novos minerais. </li></ul>
  15. 17. Mineralogia do Metamorfismo
  16. 19. Minerais Índice <ul><li>Minerais que só se formam segundo restritas variações de pressão e temperatura </li></ul><ul><li>Indicam as condições de pressão e temperatura a que ocorreu o metamorfismo </li></ul>
  17. 20. Considerando as condições de pressão e temperatura estão presentes diferentes graus de metamorfismo <ul><li>Metamorfismo de baixo grau </li></ul><ul><li>Metamorfismo de médio grau </li></ul><ul><li>Metamorfismo de elevado grau </li></ul>
  18. 22. Tipos de Metamorfismo Metamorfismo Regional Localizado geralmente junto a intrusões magmáticas Afecta áreas extensas Metamorfismo de contacto
  19. 25. Metamorfismo Regional <ul><li>A formação do metamorfismo regional está ligado a movimentos orogénicos. Como podemos observar na figura. </li></ul>
  20. 26. <ul><li>E chama-se regional porque se extende por uma grande área geográfica, com grande intensidade. </li></ul>
  21. 27. <ul><li>O metamorfismo regional é causado por pressões muito intensas e elevadas temperaturas, a que se juntam soluções aquosas a grandes profundidades da crosta terrestre. E pode ser caracterizado pelas diferentes fáceis das rochas metamórficas . </li></ul>
  22. 28. <ul><li>Sem um efeito de pressão e deformação relevantes, é somente a temperatura que actua neste metamorfismo. Existe a cristalização e crescimento dos minerais metamórficos num rearranjo aleatório, ou seja sem foliação. A rocha típica do metamorfismo de contacto é denominada hornfels. </li></ul>
  23. 29. À zona de rocha alterada adjacente á intrusão magmatica denomina-se aureola. O estudo das auréolas quanto ao seu grau de metamorfismo e espessura podem dar-nos informações sobre o tamanho da intrusão, a temperatura do magma, a profundidade, a quantidade de água presente nas rochas preexistentes e sobre a quantidade de fluidos libertados.
  24. 31. Tipo de Metamor-fismo Factores Ambiente Geológico Processos Minerais / Tipos CONTACTO TºC Alta/ Média P baixa invasão de emanações Ígneas. Vizinhança de intrusões Ígneas (auréolas de contato) Recristaliza ção e Substituição (metassomatismo) Hornfels e mármores REGIONAL DINÂMICO TºC baixa P dirigida Faixas de dobramentos Planos de falhas Trituração e rotação de minerais Micas (Clorita / muscovita) Brechas e milonitos
  25. 32. <ul><li>As rochas mais próximas da intrusão denominam-se rochas corneanas. E Estas possuem um elevado grau de metamorfismo, este decrescendo com o afastamento da intrusão. </li></ul>
  26. 33. <ul><li>Existe uma grande variedade de rochas metamórficas. E esta variedade deve-se sobretudo a: </li></ul><ul><li>Temperatura; </li></ul><ul><li>Quantidade de fluidos circulantes; </li></ul><ul><li>Tipo de rocha encaixante . </li></ul>
  27. 34. Texturas características das rochas metamórficas
  28. 35. <ul><li>Tipos de textura </li></ul><ul><li>Textura foliada – orientação de minerais laminares em camadas ou existência de bandas alternadas de diferentes minerais. </li></ul><ul><li>Textura não foliada - caracteristica das rochas cujos minerais são normalmente equidimensionais e não apresentam nenhuma orientação preferencial. </li></ul>
  29. 36. <ul><li>De acordo com a granulosidade da rocha e com a orientação dos cristais é possível caracterizar diferentes tipos de foliação: </li></ul><ul><li>Clivagem Xistenta </li></ul><ul><li>Xistosidade </li></ul><ul><li>Bandado Gnaissico </li></ul>
  30. 37. <ul><li>Clivagem Xistenta - quando a rocha tem um grão muito fino e facilmente se divide segundo planos com superfície lisa, correspondentes à orientação de minerais microscópicos . Característicos de rochas de baixo grau de metamorfismo . ( Ex. Filito e Ardósia ) </li></ul>Filito Ardósia
  31. 38. Ardósia
  32. 39. <ul><li>xistosidade - se os cristais são mais desenvolvidos, tendo sido gerados em condições de metamorfismo de grau mais elevado, notam-se perfeitamente os planos de foliação, separando-se a rocha por esses planos que podem apresentar uma superfície irregular devido ao desenvolvimento dos cristais . Médio grau de metamorfismo ( Ex. Micaxisto ) </li></ul>
  33. 40. <ul><li>Bandado gnaissico - durante um metamorfismo de grau mito elevado, os minerais podem ser segregados formando camadas alternadas de minerais claros e de minerais escuros. A foliação tem um aspecto de bandas. Alto grau de metamorfismo ( Ex. Gnaisse ) </li></ul>
  34. 43. Texturas
  35. 44. Com Foliação Xisto
  36. 46. Micaxisto: <ul><li>Composição mineralógica – rocha constituída por minerais de clorite , moscovite , biotite , granada e cianite . </li></ul><ul><li>Tipo de textura – Apresenta grão medio/ alto com xistosidade acentuada. </li></ul><ul><li>Grau de Metamorfismo – Médio Grau </li></ul>
  37. 47. Micaxistos
  38. 48. <ul><li>Composição mineralógica – Granada , Silimanite , Cianite , Felspato , Quartzo . </li></ul><ul><li>Textura – Grão médio / alto com bandas claras e escuras </li></ul><ul><li>Grau de Metamorfismo – Alto Grau </li></ul>Gnaisse
  39. 50. Sem foliação <ul><li>Quartzito </li></ul><ul><li>Mármore </li></ul>
  40. 51. Quartzito <ul><li>Estrutura - estratificação plana herdada da rocha sedimentar pré-existente. </li></ul><ul><li>Textura - granoblástica. </li></ul><ul><li>Composição mineralógica - quartzo e micas. </li></ul>
  41. 52. Mármore <ul><li>Estrutura - maciça. </li></ul><ul><li>Textura - granoblástica de grão médio. </li></ul><ul><li>Composição mineralógica - calcite e raro quartzo. </li></ul>
  42. 53. Sequências metamórficas <ul><li>Considera-se como sequência metamórfica, o conjunto de rochas derivadas de m mesmo tipo de rocha original, correspondentes a sucessivos graus crescentes de metamorfismo. </li></ul>
  43. 54. Ciclo metamórfico dos quartzitos e de alguns granitos .
  44. 55. <ul><li>Sequência Argilosa - Originada a partir de argilitos ou de siltitos é representada pela sucessão: </li></ul>ARDÓSIA > FILÁDIOS > MICAXISTOS > GNAISSES
  45. 56. Ardósia Gnaisse Micaxisto Filádio
  46. 57. <ul><li>Sequência Básica   - Originada a partir de basaltos, gabros, etc. É representada pela sucessão: </li></ul>XISTOS VERDES > ANFIBOLITOS
  47. 58. Anfibolito Xisto verde
  48. 59. <ul><li>Sequência Quartzo-feldspática - Originada a partir de rochas graníticas e riolíticas, mostra os seguintes termos: </li></ul>GNAISSES > MIGMATITOS
  49. 60. Gnaisse Migmatito
  50. 61. <ul><li>Sequência Carbonatada - Com inicio nos calcários, evolui para mármores. </li></ul>CALCÁRIOS > MÁRMORES
  51. 62. Mármore Calcário
  52. 63. <ul><li>Sequência Carbonácea - Desenvolvida a partir de carvões fósseis, é representada por: </li></ul>ANTRACITE > GRAFITE
  53. 64. Antracite Grafite
  54. 65. Rochas Metamórficas

×