Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Celula

554 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Celula

  1. 1. A CÉLULA – UNIDADE NA CONSTITUIÇÃO DOS SERES VIVOS -Como são constituídos os seres vivos. -A célula como a unidade básica da constituição e funcionamento de todos os seres vivos. -O microscópio: --constituição -- cuidados a ter; -- funcionamento -Como são constituídas as células
  2. 2.  Imagem da cortiça observada ao microscópio. Robert Hooke, Cientista Inglês (1635-1703) A Descoberta da Constituição dos seres Vivos …Pude aperceber-me, claramente, que esta era toda perfurada e porosa, assemelhando-se a um favo de mel … Esses poros ou células consistiam num grande número de pequenas caixas …. 05-06-14 2 CarlosPalma
  3. 3.  Microscópio e o sistema de iluminação aumentava a imagem 270 X Microscópio óptico de Hooke Microscópio óptico vulgar O Microscópio Instrumento óptico com a capacidade de ampliar a imagem. 05-06-14 3 Carlos Palma
  4. 4. Mathias Schleiden Botânico Theodor Schwann Zoólogo Teoria Celular Entre 1838 e 1939, os dois cientistas alemães enunciaram a Teoria Celular: ” A Célula é a unidade básica da constituição e do funcionamento de todos os seres vivos. “ 05-06-14 4 Carlos Palma
  5. 5. Constituição do Microscópio Ocular – amplia a imagem Tubo óptico – Suporta a ocular Braço Parafuso Macrométrico – Movimentos rápidos na platina Parafuso Micrométrico – Movimentos lentos na platina Base Espelho Diafragma Platina Objectiva – Amplia a imagem Revólver Pinça 05-06-14 5 Carlos Palma
  6. 6. Parte Óptica Parte Mecânica Sistema de Ampliação Sistema de Iluminação Sistema de Focagem Sistema de Suporte - Objectiva - Ocular - Espelho - Diafragma - Condensador - Parafuso macrométrico - Parafuso micrométrico - Base - Braço -Tubo óptico - Revólver - Platina Quanto à sua função, as peças do microscópio podem classificar-se de: 05-06-14 6 Carlos Palma
  7. 7. No Transporte: Na Colocação Sobre a Mesa: Cuidados a ter com o microscópio - A caixa deve ser transportada sempre fechada à chave. - Retira-o com as 2 mãos: uma na base e a outra no braço do microscópio. Coloca-o na mesa afastado do bordo, para não cair 05-06-14 7 Carlos Palma
  8. 8. Limpeza Verificações Após a utilização do microscópio: Limpar a lente e o espelho com um pano apropriado Deves rodar o revólver para colocares a objectiva de menor ampliação alinhada com a janela da platina Não esqueças de tapar o microscópio com o guarda-pó e fechar a caixa à chave. 05-06-14 8 Carlos Palma
  9. 9. 1. Colocar a objectiva de menor ampliação na direcção da janela da platina 2. Olhando através da ocular, devemos abrir o diafragma e orientar o espelho Regras para fazer uma observação ao microscópio 1. Como iluminar o campo do microscópio 05-06-14 9 Carlos Palma
  10. 10. 1. 1.Colocar a preparação sobre a platina 2. Depois de iluminado o campo do microscópio, o que devemos fazer A preparação deve ser colocada na platina, centrada com o orifício 05-06-14 10 Carlos Palma
  11. 11. 2.Focar e Observar 1. Aproximar a platina da objectiva. (Utilizar o parafuso macrométrico) 2. Olhando através da ocular, utilizar o parafuso macrométrico até à visualização do objecto. 3. Focagem final, utilizando o parafuso micrométrico. 05-06-14 11 Carlos Palma
  12. 12. Objecto Imagem Características da imagem ao microscópio Ampliada Invertida Simétrica O poder de ampliação de um microscópio determina-se multiplicando o poder de am- pliação da objectiva pelo poder de ampliação da ocular. Objectiva 40X Ocular 15 X Ampliação = 40X15= 600 X 05-06-14 12 Carlos Palma
  13. 13. Como se Faz uma Preparação Temporária Deita-se uma gota de água no centro da lâmina. Coloca-se o material a observar na gota de água. Encosta-se uma lamela à gota de água e deixa-se cair lentamente Coloca-se um corante junto da lamela e na outra extremidade, com papel de filtro, absorve-se o excesso de corante 05-06-14 13 Carlos Palma
  14. 14. Observação da película das escamas do bolbo da cebola Retira-se uma película fina Coloca-se dentro de água Coloca-se uma gota de corante sobre a lâmina Tapa-se com a lamela 05-06-14 14 Carlos Palma
  15. 15. Tecido da película das escamas da cebola 1 2 3 4 1- Núcleo 2- Citoplasma 3- Membrana Celular 4- Parede Celular 05-06-14 15 Carlos Palma
  16. 16. Uma gota de azul-de- -metileno sobra a lâmina Raspa suavemente a língua com uma espátula. Coloca o conteúdo da espátula no corante Coloca a lamela suavemente sobre a lamela com a ajuda da agulha de dissecação Observação das células da mucosa bucal 05-06-14 16 Carlos Palma
  17. 17. Observação das células da mucosa bucal 05-06-14 17 Carlos Palma
  18. 18. Célula da mucosa bucal Observa as diferenças entre uma célula vegetal e animal 1 1 - membrana celular 2 - citoplasma 3 - núcleo 05-06-14 18 Carlos Palma
  19. 19. 1 – membrana celular 2 – citoplasma 3 – núcleo 4 – parede celular 5 – cloroplastos 6 - estomas  Células da folha da erva da fortuna 05-06-14 19 Carlos Palma
  20. 20.  É necessário um frasco de boca larga, água, palha, salsa, alface … Deixar repousar ás escuras durante uma semana. 1. Infusão 2. Preparação Observação, ao microscópio, de seres vivos unicelulares 05-06-14 20 Carlos Palma
  21. 21. Alguns seres vivos unicelulares que se podem observar numa infusão 05-06-14 21 Carlos Palma
  22. 22.  As células adaptam-se a uma função específica Morfologia da Célula As células nervosas são estreladas, para transmitir mensagens em várias direcções. As células musculares são alongadas para poderem contrair e distender. 05-06-14 22 Carlos Palma
  23. 23. Organização das células num ser pluricelular As células idênticas reúnem-se em tecidos. Os tecidos agrupam-se e formam os órgãos. Os órgãos agrupam-se para realizar uma tarefa específica e formam o sistema. O conjunto de todos os sistemas formam o organismo. 05-06-14 23 Carlos Palma

×