Ed35

1,803 views

Published on

Published in: Travel, Health & Medicine
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,803
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
20
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Ed35

  1. 1. edição 35 novembro . dezembro 2010 • • REVISTA VAMos cElEbrAr Saiba como confraternizar com muita saúde sAÚDE Álcool e diabetes: dicas de consumo com segurança VIAGEM Punta del Este: charme e encanto no litoral uruguaio VIDA ATIVA Ana Carolina revela que tem diabetes tipo 1 e dá um show de solidariedade com o projeto Ensaio de CoresEsta publicação é autorizada e apoiada por REVISTA FARMAMELLITUS 1
  2. 2. Revista FarmaMellitusedição 35 • novembro . dezembro • 2010 08 10 12 1806 SOB MEDIDA 12 CAPA 20 SAÚDE Conheça as novidades para Saiba como confraternizar Álcool e diabetes: dicas de facilitar o seu dia a dia com muita saúde consumo com segurança08 EDuCAçãO 14 de novembro: o mundo 16 ENTRE ASPAS A coluna vertebral e a 22 CRÔNICA Alessandro Dreyer -Dia unido pelo diabetes influência do diabetes Mundial do Diabetes10 VIDA ATIVA 18 VIAGEM 23 LOJAS Ana Carolina dá um show Punta del Este: charme e Encontre a FarmaMellitus de solidariedade com o encanto no litoral uruguaio mais próxima de você projeto Ensaio de Cores REVISTA FARMAMELLITUS 3
  3. 3. editorial Vamos celebrar! Fale com a FarmaMellitus Não poderíamos fechar o ano e iniciar 2011 com uma edição melhor que esta. Ao pro- Você pode participar da próxima duzirmos ela, percebemos que estamos celebrando o privilégio do seu hábito de leitura, da participação de vários profissionais da área da saúde elaborando matérias e da equipe edição sugerindo assuntos, tirando FarmaMellitus trabalhando para que ela fique cada vez mais agradável e prazerosa de ler. dúvidas ou ainda anunciando. É uma edição comemorativa. Em 2010, firmamos nosso compromisso de promover cada Fone: 0800.6481122 (RS) e vez mais educação e saúde para os diabéticos, ao propagar um estilo de vida saudável, 0800.6456455 (SC) com sugestões de lazer, rotinas, comportamento, gastronomia e dia a dia. farmamellitus@farmamellitus.com.br Nesta edição preparamos uma revista com sugestões especiais que vão tornar as celebra- ções de fim de ano inesquecíveis. Vamos descobrir um Natal simbolizado por costumes tradicionais e também pela introdução de hábitos alimentares mais coloridos e leves à mesa. É possível celebrar com muita saúde. Para quem pretende viajar nas comemorações, que tal Punta del Este? O destino encanta pelo charme de suas ruas, belas praias, gente bonita e atrações que variam de cassinos a museus, passando por bares e restaurantes com cozinha típica e contemporânea, tudo no melhor estilo do vizinho uruguai. Confira a matéria com a cantora e compositora Ana Carolina. Diabética tipo 1, dona do vozeirão que encanta plateias de todas as idades, ela conta que também é artista plástica e que a venda de seus quadros ajuda a promover qualidade no tratamento e auxílio junto à Associação de Diabetes Juvenil. Na seção Saúde, os destaques ficam para dois assuntos importantes: como evitar que as bebidas alcoólicas prejudiquem seu organismo, principalmente nas festividades de final de ano; e quais cuidados o diabético deve ter para preservar sua coluna saudável. Desejamos um Feliz Natal e um ano novo repleto de saúde e realizações. Que venha 2011! Direção FarmaMellitus Diretora de Varejo Vanessa Susin Diretor Executivo e Editorial Pedro A. Remonatto • marketing@farmamellitus.com.br Projeto gráfico e diagramação Dax Comunicação • dax@daxcomunicacao.com.br redação Gilmara Gil revisão Flávio Dotti Cesa Fotos: arquivo FarmaMellitus colaboraram nesta edição Dra. Marisa Helena César Coral - Endocrinologista - (48) 3223- 1413 • Dr. Astor Sergio Campos Riesinge – Endocrinologista – (48) 3222-6893 • Dr. Sergio Zylbersztejn – Ortopedista - (51) 3019-6136 • Dra. Elena Goñi Ermida - Nutricionista - (51) 3321-3672 • Dr. Marcello Bertolucci – Endocrinologista SBD/RS - (51) 3334-9925 • Dra. Da- Esta publicação é autorizada niela Freitas – Nutricionista • Alessandro Dreyer – Maratonista patrocinado pela FarmaMellitus e apoiada por • Fernanda Tavares Barisch – Farmacêutica • Bruna Schwalb Pasquali – Farmacêutica • Ana Cristina Ferrão – Representante FarmaMellitus SC • Francine Quintanilha – Representante FarmaMellitus RS • Fábio Borges – Negociação Comercial/Publicidade. Tiragem 12.000 exemplares. Venda proibida. Os artigos assinados e imagens cedidas são de total responsabilidade de seus autores, bem como o con-4 teúdo do material publicitário.
  4. 4. espaço do leitor você faz a revista! Escreva para a gente Envie seus comentários, dúvidas ou sugestões para farmamellitus@farmamellitus.com.brAplicação de insulina resultadosFui recém diagnosticado diabético tipo 1 pelo meu médi- Gostaria de saber se quando faço o exameco endocrinologista e ainda estou me adaptando à nova de glicose com o meu aparelho devo anotarrotina de aplicação de insulina. Ele explicou alguns locais o resultado, ou o aparelho grava o resul-para aplicação. chegando em casa me surgiu uma dúvi- tado para depois o médico acompanhar?da: devo adotar apenas um local, ou devo revezar com o Quantos testes devo fazer por dia?tempo? Qual seria o ideal? Luiz Castro Rostirolla – Itajaí (SC)Anderson Pozza Filho – Novo Hamburgo (RS)Anderson, o ideal seria você revezar os locais de aplicação. Esse Olá, Luiz, você não precisa anotar o resultado darodízio é indispensável, pois com ele é possível prevenir as de- sua glicose, o aparelho grava e ficam armazena-formidades do tecido subcutâneo que prejudicam a absorção da dos na memória, em média, 500 testes. Então,insulina e causam a hiperglicemia. Você pode dividir cada região com isto, não precisa ficar preocupado.em pequenas áreas, com distância média de dois dedos entre Em relação a quantidade de testes de glicemia, oelas. Após a aplicação da insulina em um determinado ponto, ideal é conversar com seu médico a respeito doeste deve ser evitado durante 14 dias, período que correspon- seu caso. Ele lhe dará melhores informações dede ao tempo de cicatrização do tecido. Se você fizer mais de quantos testes você deverá realizar. É importanteuma aplicação ao dia seria interessante escolher uma região de seguir as orientações dele para que o tratamentoaplicação para cada horário e alternar os pontos de aplicação. ocorra de forma satisfatória.Espero ter esclarecido sua dúvida. Fernanda Tavares barischbruna schwalb Pasquali Farmacêutica Farmamellitus - Loja Miguel TostesFarmacêutica FarmaMellitus - Centro - Florianópolis CRF-RS I-0-8271CRF-SC 8023 REVISTA FARMAMELLITUS 5
  5. 5. sob medida FAzEnDo PonTos no controle do diabetes Quem tem diabetes ou quem possui algum familiar ou conhecido que seja portador da doença sabe o quanto é importante o acompa- nhamento do nível de glicose no sangue. O teste de glicemia é um dos principais instrumentos que o diabético tem para saber como se portar diante da doença, nas mais variadas situações. Os níveis de glicemia elevados são responsáveis pelas complicações do diabetes. Portanto, o acompanhamento da glicemia, ou auto- monitorização, é recomendado a todas as pessoas com diabetes, seja do tipo 1, tipo 2 e no diabetes gestacional (aquele que ocorre em algumas mulheres durante a gravidez). Apesar de necessário, o teste muitas vezes se torna oneroso se feito com frequência, o que exige uma verba extra destinada para reali- zá-los. Pensando nisso a Johnson & Johnson Medical elaborou um programa para estimular os testes de glicemia e educar o diabético. Diabetes conTato é um programa que tem como objetivo levar conhecimento e acessibilidade ao diabético de uma forma fácil, prá- tica e divertida. Ele ajuda no aprendizado do controle do diabetes e ao mesmo tempo permite acumular pontos. Os pontos podem ser trocados por tiras reagentes para medições de glicose realizadas exclusivamente com OneTouch ultra, além de outros prêmios como livro de receitas, um aparelho de medir glicose novo e lancetas. Para ingressar no programa Diabetes ConTato e acumular pontos, é necessá- rio ter o medidor OneTouch, comprar uma caixa de tiras reagentes OneTouch ultra® e se cadastrar no website. O cadastro é bem simples e serve para que o sistema contabilize o número de pontos que cada pessoa irá fazer. Cada vez que forem adquiridas tiras OneTouch ultra®, é necessário registrar na sessão "Ganhar e compensar os pontos" do site o número que vem dentro da caixa. Assim, o diabético acumula pontos de acordo com o sistema de pontuação do programa. uma vez que você tenha suficientes pontos na sua conta poderá trocá-los e re- ceber seus prêmios no endereço que você informar de forma gratuita. É possível realizar a troca de seu prêmio online! O website do Programa Diabetes ConTato é www.diabetescontato.com. como pontuar O sistema de pontuação é super simples e estimula o diabético a participar de forma efetiva, exercitando seus conhecimentos sobre a doença, e educando ao mesmo tempo. Também é possível pontuar por indicação de um novo membro no programa. Veja no quadro abaixo como funciona: • Pela compra e registro de: uma caixa de 50 tiras Você Acumula: 10 pontos E se você responde: 2 perguntas educativas você terá: 5 pontos adicionais por cada uma • Pela compra e registro de: uma caixa de 25 tiras Você Acumula: 5 pontos. E se você responde: 2 perguntas educativas, você terá 2 pontos adicionais por cada uma Pontos extras Adicionalmente, quando você tiver respondido 8 perguntas educativas, o sistema formula uma pergunta especial que, se for respondida, será concedido 25 pon- tos na sua conta. Mais informações Serviço de Atendimento ao Cliente OneTouch: 0800 701 5433 ou www.diabetescontato.com6
  6. 6. sob medida CHOCOLATE de verdade! A CarobHouse, pensando em uma deliciosa alternativa para aos amantes de chocolates portadores de diabetes, lançou o Chocolate Tri Gostoso Branco. Ele é o único chocolate no mundo branco sem lactose ou qualquer outro ingredien- te de origem animal. O Tri-Gostoso Branco não possui em sua receita adição de açúcares (sacarose), é diet, sem glúten e tem baixo valor calórico se comparado com o similar. Nós provamos e recomendamos! Você encontra essa delícia em embalagem individual de 6g, ideal para uma porção de docinho a qualquer hora do dia, ou no display com 50 bom- bons como na foto. Compre nas lojas FarmaMellitus, ou peça a caixa com 50 bombons pela tele-entrega: 0800.6481122 / 0800.645.6455 / (51) 3269.4000. ANUNCIO FARMAMELLITUS HUMAPEN LUXURA_alta.pdf 26.09.08 14:53:16 CHEGOU! Uma nova opção discreta e elegante para aplicar sua insulina de maneira simples e segura © Copyright Eli Lilly do Brasil. Julho de 2008. Todos os direitos reservados.P2HP110 C Disponível M em 2 cores YCMMYCY Suavidade na aplicação Fácil de usar DiscretaCMY K Ajuste perfeito Fácil visualização ACOMPANHA ESTOJO da dose - precisão Sofisticação do refil PORTÁTIL EXCLUSIVO Fácil de ajustar a primeira dose. Fácil de trocar o refil. Indicador de dose de fácil leitura. Pergunte ao seu médico as opções de insulina para Humapen Luxura www.inovacaoemdiabetes.com.br REVISTA FARMAMELLITUS 7
  7. 7. educação O mundo unido pelo diabetes Você sabia que existe o Dia Mundial entidades públicas e privadas, empresas, betes na população estão a obesidade e do Diabetes? profissionais de saúde, voluntariado e o sedentarismo. Mais de 160 países, incluindo o Brasil, formadores de opinião. O diabetes tipo 1, que se caracteriza pela celebram essa data em 14 de novembro. Esta iniciativa bem-sucedida visa chamar falta de produção de insulina no corpo, Todos se organizam e se mobilizam para a atenção da sociedade sobre a epidemia também está aumentando de forma alar- alertar a população sobre o aumento de mundial, e tem como objetivo oferecer mante. Ao contrário de outras doenças casos da doença autoimune. O Diabetes mecanismos de educação, conscientiza- crônicas, os portadores de diabetes são Mellitus é considerado uma epidemia e ção e detecção do diabetes. responsáveis por 95% dos seus cuidados estima-se que afeta cerca de 285 milhões e muitos realizados sem a devida prepa- Por que educação? de pessoas no mundo. Dados do Ministé- ração e conhecimento. A população em geral, quando bem ins- rio da Saúde indicam que 10 milhões de truída, saberá quais os fatores de risco A implantação de programas eficazes brasileiros têm diabetes. para desenvolver a doença. Ao mesmo de prevenção e controle da doença pe- Neste ano, a campanha aborda o tema tempo, para quem já é diabético a educa- los governos é medida que contribui “Educação e Prevenção” e dá continui- ção é fundamental para um tratamento para minimizar o avanço do diabetes no dade ao mote “Vamos assumir o controle correto. O tratamento bem orientado e mundo. “É cada vez mais evidente que do diabetes agora”. As diretrizes da cam- seguido corretamente reduz as complica- a explosão do diabetes irá sobrecarregar panha foram definidas pela Federação ções crônicas do diabetes e faz com que os sistemas de saúde tanto nos países de- Internacional de Diabetes (IDF, na sigla os diabéticos tenham melhor qualidade senvolvidos quanto nos países de econo- em inglês) e a Organização Mundial da de vida. mia enfraquecida e subverter os índices Saúde (OMS). de desenvolvimento econômico”, alerta Nos últimos 30 anos houve um acelerado A data foi especialmente criada em 1991 aumento do diabetes tipo 2. Em 1985, a IDF. em resposta à necessidade de alerta so- cerca de 30 milhões de pessoas tinham O Dia Mundial do Diabetes também é bre o aumento do diabetes no mundo. diabetes. um pouco mais de uma década importante para divulgar uma mensa- Desde lá, a cada ano é deflagrada uma depois, os números subiram para mais de gem consistente de que o investimento campanha em nível global, sob a respon- 150 milhões de portadores da doença. na educação e prevenção traz benefícios sabilidade da IDF, que promove ações Atualmente, de acordo com a IDF, 285 a curto e longo prazos, propiciando o re- compartilhadas com cerca de 200 asso- milhões de pessoas têm diabetes, sendo torno significativo em termos de qualida- ciações de diabetes em mais de 160 pa- que 90% dos diabéticos têm o tipo 2 da de de vida dos portadores de diabetes e íses. As ações contam com o apoio de doença. Entre as principais causas do dia- às pessoas com alto risco de diabetes.8
  8. 8. dia mundial do diabetes o DIA Azul International Diabetes Federation lançou, em 2007, a ideia de iluminar de azul alguns monumentos de várias cidades espalhadas pelo mundo no dia 14 de novembro. Já no primeiro ano, centenas de locais aderiram à ideia e em 2008 um bom número de monumentos - dos mais famosos a luzes de residências - se somaram ao projeto. Não há mais dúvidas do sucesso da campanha. A mobilização foi geral: população, governos, entidades, empresas privadas, e o sucesso foi absoluto, como é possível acompanhar na programação de 2007, no Brasil e no mundo. Em 2008, o Brasil foi um dos destaques com número de locais iluminados. Dentre os inúmeros eventos programados em nível global, uma das ati- vidades de destaque que acontecerão no Brasil é a realização gratuita de testes de glicose nas lojas FarmaMellitus durante todo o mês de no- vembro. A ação acontecerá em Porto Alegre, Caxias do Sul, Florianópolis e Joinville, entre outras cidades, e tem como objetivo estimular o moni- toramento da glicemia nos diabético, e detectar possíveis alterações do nível de glicose na população em geral. O teste é indolor, rápido e não necessita jejum. No mundo todo, a Fundação Mundial do Diabetes (World Diabetes Foun- dation, na sigla em inglês) coordenará a tradicional Caminhada Mundial pelo Diabetes para divulgar os benefícios de uma atividade física simples, que ajuda a prevenir o diabetes tipo 2 e outras doenças não transmissíveis. Mais Informações e fontes • World Diabetes Day www.worlddiabetesday.org • Dia Mundial do Diabetes www.diamundialdodiabetes.org.br • sociedade brasileira de Diabetes www.diabetes.org.br Para controlar o diabetes de forma simples e rápida, nada Simplicidade no manuseio e leitura melhor que glicosímetro que • Fácil navegação e configuração cabe na palma da sua mão e • Números grandes e display luminosoainda carrega funcionalidades Precisão e segurança que se adaptam às suas • Exclusiva tira-teste com tecnologia TrueMeasureTM necessidades. Optium Xceed • Tiras-teste embaladas individualmente: garantia de integridade é o glicosímetro que facilita a dos reagentes • Único com testes de glicemia e cetonemia* no mesmo monitorvida do portador de diabetes. Economia • Menor custo: único com opção de caixa com 100 tiras-testeAbbott On-Line Care * Com tira-teste específica0800 703 0128De 2a a Sábado, das 08h00 às 20h00www.abbottdiabetes.com.br REVISTA FARMAMELLITUS 9
  9. 9. fotos divulgação/Ensaio de Cores vida ativa ana carolina Paixão pela música, pela pintura e pela arte de fazer o bem Por Gilmara Gil Ensaio de cores, novo projeto de Ana Carolina, vai além de um espetáculo de mú- sica aliando sensibilidade e solidariedade. Não necessariamente nesta ordem. Aliás, tanto faz qual deles vem em primeiro lugar na percepção das pessoas, porque os dois sentimentos caminham o tempo todo lado a lado tanto na magia do palco quanto no cotidiano da cantora e compositora. Mas o que tem a ver a solidariedade com Ensaio de Cores? Na verdade, quase tudo. E a razão é muito simples. É que a inquieta e ou- sada Ana Carolina decidiu mostrar, pela primeira vez, o seu talento de artista plástica como pintora, firmando uma nova parceria de sucesso com a Associação de Diabetes Juvenil (ADJ), com sede em São Paulo. Além da gratificante iniciativa em benefício da entidade que atende gratuitamente cerca de 20 mil portadores de diabetes tipo 1 por PArA sAbEr MAIs ano, o público também é protagonista desta ação social idealizada por Ana Carolina. Ensaio de cores As 26 telas em técnica mista de acrílico e óleo que foram espalhadas pelos corre- www.ensaiocoresac.com.br dores do teatro, no lançamento do projeto, em São Paulo, literalmente estavam à Associação de Diabetes Juvenil venda. O mesmo acontecendo nas apresentações no CityBank Hall, em setembro no www.adj.org.br Rio de Janeiro, onde Ana Carolina acrescentou mais obras para a exposição carioca.10
  10. 10. Parceria de sucessoA primeira iniciativa de Ana Carolina com a ADJ aconteceu em 2006, por oca-sião do Show da Vida. Na época, a cantora, que começou a pintar aos 27 anos,doou quatro telas para a entidade fazer um leilão. A partir de então, ela ficousensibilizada pela causa da entidade, vindo a se tornar uma grande parceira,afirma Sérgio Metzger, diretor da ADJ.Segundo Sérgio, a repercussão social é grande porque os quadros de Ana Ca-rolina são muito bons. Embora o percentual da venda das telas seja financei-ramente bem-vindo, ele é insuficiente para manter os custos de apoiar 20 milpessoas gratuitamente/ano que não têm recurso para o tratamento da doença.Em apenas dois shows, Ensaio de Cores, vendeu cinco telas com valores altos, oque resulta numa ação exemplar de como outros artistas podem ajudar a causa Tela “Carta sobre os trilhos”do diabetes, por meio da conscientização e da responsabilidade social. pintada por Ana CarolinaParte da renda da venda dos quadros, com preços que variam de Bem-humorada, ela completa: “Quando algoR$ 3 mil a R$ 30 mil, é revertida para a ADJ. não tem jeito, a melhor forma de reagir é le-Ana Carolina é portadora de diabetes tipo 1 desde os 16 anos. Hoje, var com alto-astral, boa vontade e conheci-com 35 anos, revela que está muito feliz com a recepção a este tra- mento.”balho colaborativo, que é muito importante para ela. Ana Carolina recomenda medidas preven-“Eu faço uma parceria com a ADJ já faz muito tempo e agora é um tivas que devem ser incorporadas na rotinaprazer enorme poder contribuir dessa maneira”, declarou em entre- dos diabéticos, tais como: medir a glicose evista ao apresentador Amaury Jr.; na Rede TV, na estreia do novo fazer exame de 6 em 6 meses. “Não queroshow, em São Paulo. A cantora contou que queria fazer algo especial fazer um drama, não quero assustar, mas euhá algum tempo e que não conseguia achar a forma de fazer uma conheço uma pessoa que caiu de um barco einiciativa que unisse a música, a pintura e a parceria com a ADJ. começou a se afogar. Foi salva, passou cincoSegundo Ana Carolina, é um prazer enorme poder contribuir dessa dias, ela começou a sentir-se mal e neste sus-maneira. Em 2009, ela doou algumas telas para a ADJ.“De lá para cá, to, ela ficou diabetes tipo 2”.venho fazendo este tipo de parceria, com parte da venda dos meusquadros para a entidade”, destacou.Perguntada sobre quando descobriu que tinha diabetes, Ana Caro-lina contou que é portadora de diabetes Tipo 1 desde os 16 anos. o alerta O diabetes é uma complicação geral,“Eu levo uma vida muita boa, muito normal, com os cuidados que afirma a cantora. “A minha sorte é quetem que se ter com o diabetes. Eu me preocupo muito com o avanço eu descobri a doença muito cedo, comda doença, principalmente porque mais de 34 milhões de brasileiros 16 anos. Eu emagreci muito, 15 kg.têm diabetes e não sabem”, disse a cantora mineira de Juiz de Fora. Tomava água o dia todo. Na época, euPara ela, a ADJ faz um trabalho muito bacana nos seus shows. “Os comecei a notar que eu fazia exercíciovoluntários fazem o teste de glicemia, ali mesmo, na fila. Funciona e me sentia melhor. Gastava caloria,assim: as pessoas vão entrando, fazendo o exame e já ficam sabendo baixava a glicose e me sentia melhor.o resultado”, conta satisfeita Ana Carolina. Mas muito novinha, eu não conseguia“Tudo é imediato, engraçado, inclusive observar a reação das pes- saber o que estava se passando comigo.soas. Elas saem de casa para se divertirem e são convidadas a tiraralgumas gotinhas de sangue dentro do teatro”, explica. um dia fui internada em Juiz de Fora,Segundo Ana Carolina, na última vez que a ADJ fez uma ação des- minha terra natal. Fui internada numte tipo — há cerca de cinco anos — duas pessoas da sua equipe fim de semana. Entrei à meia-noite eque fizeram o teste de glicemia estavam acima do limite, uma com meia na Santa Casa e não tinha pessoas340mg/dl e a outra com 200mg/dl. para fazer o exame. Eles colocaram soro glicosado, isto é, um perigo. A minhacontrole da doença glicose subiu muito; eu estava com 600 mg/dl de glicose. Eu recordo, como sePara a cantora, que é um dos ícones da juventude brasileira, o im- fosse hoje, vários enfermeiros entrando,portante é seguir um bom controle da doença para levar a vida com tirando o soro, aplicando soro fisiológicoqualidade. “Nada melhor do que ter uma doença crônica para viver e insulina. Os enfermeiros estavam ner-cem anos”, diz a irreverente Ana Carolina, que toma insulina diaria- vosos, o médico apareceu.”mente e mantém uma dieta disciplinada. REVISTA FARMAMELLITUS 11
  11. 11. fotos: divulgação Dicas de alimentação capa Dr. Marisa Helena coral CRMSC 2059 Endocrinologista e professora. Faculdade de Medicina uFSC Texto Gilmara Gil Festividades PArA coMEMorAr com todos “As festas de fim de ano pedem um exercitar para compensar a quantidade cardápio especial. É tempo de festejar de carboidrato”, afirma. em grande estilo com variações à mesa Outra dica da médica para manter o que marcam a tradição natalina. O Natal equilíbrio e o bem-estar nas festas de é uma data de tradição e reunião com fim de ano é a hidratação. O diabético a família, uma celebração e única para deve tomar muito líquido, especialmen- partilhar e compartilhar alegria, decorar te água, “o máximo que puder”, avalia a casa e comemorar o espírito de união e Dra. Marisa. Apesar da liberação do tra- fraternidade em volta de uma boa mesa. dicional peru, que reina na mesa natali- Pratos mais leves, coloridos e saudáveis na, a médica aconselha a dar preferência da culinária brasileira são bem-vindos, às frutas e saladas naturais. principalmente para as pessoas com dia- “O essencial é que o diabético procure betes, que podem compartilhar as delí- manter o equilíbrio da sua saúde, não cias dos assados à sobremesa.”A afirma- esqueça de ingerir o que está orientado ção é da endocrinologista Dra. Marisa no seu plano alimentar, e que ele preste Helena Coral, da universidade Federal atenção nos cuidados da doença, caso de Santa Catarina. necessite tomar mais doses de insulina Conforme explica, em todas as ocasiões ou redobrar a prescrição de medicamen- especiais, com os familiares e os amigos to”, sentencia Dra. Marisa Cesar. reunidos, não poderia faltar uma ceia re- uma importante contribuição que a fa- pleta de opções gastronômicas criativas mília do diabético pode dar é a adap- e saborosas. tação da ceia, optando por ingredientes “Faz tempo que o banquete de Natal e o mais naturais e com preparos mais sau- jantar do Réveillon eram refeições exclu- dáveis. Com certeza, além de auxiliar o dentes e limitadas para os diabéticos”, diabético a manter o diabetes controla- salienta Dra. Marisa. Segundo a espe- do, vai promover saúde entre todos que cialista, você, diabético, deve ficar bem confraternizarem na ceia. alerta, caso se exceda na alimentação. É mais gostoso confraternizar com saú- “Prevenção é tudo”, destaca. de, e nada mais importante do que o en- Entre as recomendações, a médica enfa- volvimento e consciência de todos para tiza a importância da monitorização gli- com seus familiares. Assim, será fácil cêmica antes e depois das refeições e a aproveitar as festas com muita disposi- prática da atividade física. “Quanto mais ção e alegria. o diabético comer, mais ele precisa se12
  12. 12. festividadesMistérios de natalO Natal é uma tradição cultural universal.No Brasil, a data originou-se como heran-ça da cultura católica portuguesa, porémhistoricamente esta era uma celebraçãode inverno pagã. Por isso existe toda estaconfusão com neve e Papai Noel.As comemorações de inverno eram co-muns no continente europeu. Antes doNatal, alguns povos antigos da Europacostumavam celebrar o solstício de inver-no, que é a chegada da luz e das noitesmais longas do ano.O retorno do sol era uma festividade semdata fixa, comemorada em dias diversos, sorte, saúde e fartura para 2011no mundo inteiro. No século 4 a.C., o uma ideia criativa para a Ceia do Ano-Novo é compartilhar com a família e amigosentão Papa Julius 1 escolheu o dia 25 de momentos de descontração e alegria com uma mesa repleta de alimentos consi-dezembro com data fixa para a celebra- derados símbolos de sorte e prosperidade. Para você entrar com o pé direito emção das festividades e o seu ato mudou 2011, selecionamos algumas superstições tradicionais que, ao longo do tempo,para sempre a história do Natal. A ideia foram incorporadas no cardápio brasileiro de fim de ano. É sempre bom observarera substituir os rituais pagãos que acon- e adaptar o cardápio para o diabético, e assim além de sorte promovemos saúdeteciam no solstício de inverno por uma de todos que confraternizam da ceia. Afinal, como mal não faz, por que não acei-festa cristã. tar uma mãozinha da sorte?O simbolismo da data foi incorporado pela Arroz: O cereal simboliza a prosperidade. Prefira o arroz integral, que só apresen-igreja católica na assimilação do Natal en- ta vantagens em relação ao arroz branco. Enquanto o integral tem grãos intactos,tre seus rituais, como o dia em que Jesus preservando assim a película e o gérmen, onde se encontra a maior concentraçãoCristo nasceu, em Jerusalém (estudiosos de nutrientes, o arroz branco polido não tem a película, por consequência temestimam que Jesus nasceu em 9 de setem- menor valor nutricional. Os cereais integrais e seus derivados contêm fibras, quebro do ano 5 antes de Cristo), portanto o dentre outros efeitos benéficos retardam a passagem de glicose derivada da di-motivo gera controvérsia. gestão do amido para o sangue.Com o passar do tempo, outros costumes carne de porco: A simbologia está ligada ao fato de o porco fuçar para frente.foram sendo introduzidos nas tradições Segundo superstição, o consumo do pernil ou do lombo seria uma garantia denatalinas. um exemplo é a figura emble-mática do Papai Noel, que é uma repre- sucesso durante o novo ano. Já a carne do peru e do frango, animais que ciscamsentação de São Nicolau. Já o presépio foi para trás, não são recomendadas para a ceia da virada do ano. Em todos os casos,inserido por São Francisco. prefira sempre as carnes sem gordura e sem o couro, pois é importante ter sorte, mas manter a saúde é mais importante ainda.Os responsáveis pelo mito de São Claus,nome que o Papai Noel recebeu nos Es- cereja: A crença popular diz que a fruta é ideal para quem está em busca de umtados unidos, são dois escritores de Nova novo amor ou gostaria de manter o atual com sentimento vivo e ardente. A cerejaIorque. Ao longo do século 19, São Claus desperta a paixão, além de simbolizar afeto e carinho. É recomendável o consu-foi representado de muitas maneiras pela mo da deliciosa fruta somente in natura, evitando os doces em calda.publicidade. Porém, foi no século 20, em Frutas: Os frutos secos significam boa sorte. As nozes trazem felicidade e fazem1931, que surgiu a imagem do Papai Noel aumentar o espírito de fraternidade entre as pessoas. Embora o mais saudáveltal como ele é até hoje — de um velhinho seja consumir frutas frescas, sem calda, na FarmaMellitus há inúmeras opçõesde barba branca, estilo bonachão e sorriso de frutas em calda diet e que são uma delícia. Assim todos podem consumir umlargo, que transmite bondade, generosida- delicioso produto que apropriado ao diabético.de, alegria e felicidade, através da criaçãode um anúncio da Coca-Cola feito pela ar- lentilha: O grão tem formato de moeda. Por esse motivo, a lentilha é o principaltista Habdon Sundblom. Nasceu assim, de talismã da sorte na entrada do ano novo. Simboliza riqueza e fartura. Os entendi-uma propaganda natalina de refrigerante, dos afirmam que basta um prato pequeno de lentilha, na ceia, para garantir umo Papai Noel que a gente conhece. 2011 com dinheiro no bolso e fartura à mesa durante todo o ano. REVISTA FARMAMELLITUS 13
  13. 13. capa Cardápio delicioso bebida refrescante nutricionista Dra. Elena Goñi Ermida - CRN 0896 - Especialista MAMão slInG em Nutrição Clínica pela Asbran, Associação Brasileira de Nutrição de • Suco de ½ mamão papaia São Paulo (SP). • 2 colh. (sopa) de suco de limão • Água tônica diet Em época de comemorações é o momento de celebrar com saúde, sem deixar • Água mineral com gás de lado pratos por não serem recomendados para o consumo do diabético. É importante saboreá-los sem pensar que estamos cometendo uma infração e Preparo que depois vai custar caro não termos resistido. Bata o mamão com água mineral e o Que tal preparar delícias que todos vão degustar por igual, sem restrições e sem suco de limão no liquidificador. Colo- culpa? Vai facilitar bastante na contagem de carboidratos também! que em um copo bem alto. A seguir, As receitas preparadas serão dignas de elogios de quem não tem diabetes. Cer- junte gelo, e encha o copo com água tamente irão repetir o prato. Recomendo as receitas abaixo. É só caprichar com tônica. a decoração e o visual dos pratos, o restante está garantido! Informação nutricional Valor Energético: 57 kcal/porção Carboidratos: 13,2 g/porção Rendimento: 1 copo de 250ml Farofa Funcional Além de deliciosa, é crocante e com ingredientes ricos nutritivamente. Ingredientes Arroz Exótico • 1 cebola picada • 2 dentes de alho Ingredientes • 1 colher de sopa de azeite de oliva • 1 xíc. (chá) de arroz cozido 7 cereais (1/2 xíc. de arroz cru) extravirgem • 1 colh. (sopa) de margarina light • 1 xícara de farinha de mandioca • 1 colh. (sopa) de cebola ralada • ½ xícara de farinha de maracujá • 1 xíc. (chá) de cenoura ralada fino • ¼ de xícara de farelo de aveia • 1 couve-flor picada miúdo • 1 colh. (sopa) de semente de linhaça • ½ pimentão verde cortado em tiras finas • 1 colh. (sopa) de semente de gergelim • ½ pimentão vermelho cortado em tiras finas • Sal e pimenta a gosto • ½ pimentão amarelo cortado em tiras finas • 1 xícara de salsinha picada • 1 xíc. (chá) de água • 2 colh. (sopa) de passas de uva Preparo: • 1 colh. (café) de anis estrelado ralado Refogar a cebola e o alho no azeite, • 3 colh. (sopa) de cebolinha verde picada e sal a gosto adicionar as farinhas e sementes, me- xendo até dourar um pouco. Tempe- Preparo rar com sal e pimenta a gosto, adicio- Em uma panela antiaderente, derreta a margarina e junte a cebola e o sal. Acres- nar e a salsa picadinha. cente a cenoura, a couve-flor e os pimentões e regue com água até que fiquem macios e com um pouco de caldo. Junte as passas de uva e o anis-estrelado e Informação nutricional: misture bem. Transfira a uma vasilha, adicione o arroz quente e misture com um Valor Energético: 96,11 kcal/porção garfo delicadamente. Em uma forma de 20 cm de diâmetro de furo no meio, Carboidratos: 13,84 g/porção coloque o arroz e aperte delicadamente com uma colher. Desenforme e polvilhe Rendimento: 12 porções com a cebolinha na base do prato, intercalando com o anis-estrelado. Porção de 2 colheres de sopa Tempo de Preparo 40 minutos Informação nutricional Valor Energético: 70,7 Kcal/porção Carboidratos: 11,6 g/porção Rendimento: 12 porções Porção de 4 colheres de sopa14
  14. 14. festividades Receita diet e sem glúten!Tartelete de Banana HuÉnutricionista Daniela Freitas - Nutricionista Hué InForMAçõEs nuTrIcIonAIs (porção de 33g) Qtd por porção % VD*Ingredientes• 200g de Cookie de Soja Banana com Canela Valor calórico 100 kcal 5• Zero Hué triturado Carboidratos 32g 10• 100g de manteiga Proteínas 7g 9• 350ml de leite desnatado Gorduras totais 10g 18• 150g de adoçante culinário Gorduras saturadas 6g 27• 4 gemas Gorduras trans 0 ND• 50g de amido de milho Fibras alimentares 5g 20• 4 bananas pratas cortadas na diagonal Sódio 83mg 3• Canela em pó para polvilhar * Valores diários de referência com base em dieta de 2000 calorias. Seus valores diários podem ser maiores ou menores, dependendo de suas necessidades energéticas.Modo de PreparoEm um recipiente faça uma farofa utilizando o cookie e a manteiga.Disponha a mistura em forminhas individuais e leve ao forno a 200°C por 15 minutos.Retire do forno e reserve. Em uma panela, ferva o leite e metade do adoçante. Separadamente, misture as gemas, o amido eo restante do adoçante. Vá adicionando a mistura do leite, aos poucos, e volte para a panela até engrossar. Recheie a massareservada com o creme e finalize com as bananas cortadas em rodelas por cima. Polvilhe com a canela antes de servir.Tempo de Preparo 60 minutos REVISTA FARMAMELLITUS 15
  15. 15. entre aspas Texto: Dr. sergio zylbersztejn - crM 6770 Ortopedista e Traumatologista coluna vertebral O que você precisa saber para proteger sua da influência do diabetes Existem pesquisas clínicas que identificaram frequentes mudanças estruturais na coluna vertebral em pacientes com Diabete Mellitus e, em especial, nos pacientes que já foram submetidos à cirurgia de hérnia de disco lombar. Para início de conversa, já se sabe que os ossos e que as anormalidades minerais, em sua estrutura, na presença de diabetes podem sofrer efeitos dire- tos da deficiência ou resistência da insulina, assim como da hiperglicemia que atua na parte enzimá- tica dos ossos. Dados do Ministério da Saúde indicam que o Dia- bete Mellitus chega a 10% da população do Brasil. Ao associar o Diabetes Mellitus como fator meta- bólico que fragiliza o sistema musculoesquelético, percebemos a importância que o médico deve dar para este fato. Por isso, a recomendação para que a pessoa com diabete faça atividade física regular, uso orientado da medicação e de uma alimentação balanceada. Estes fatores são muito importantes para uma vida de mais qualidade para o paciente diabético. Existem pesquisas clínicas que identificaram fre- quentes mudanças estruturais na coluna vertebral em pacientes com Diabete Mellitus e, em especial, nos pacientes que já foram submetidos à cirurgia de hérnia de disco lombar. As doenças de coluna que são conhecidas por sua relação com o Diabete Mellitus são: doença dege- nerativa do disco intervertebral, fraturas por osteo- porose e estenose do canal vertebral.16
  16. 16. coluna vertebralA explicação para esse fato é que o diabetes é um fator alta- tebral relacionadas às condições in- Amente sugestivo de deteriorização da coluna vertebral. Por- trínsecas dos pacientes.tanto, o que o paciente necessita de saber é que o diabetes é Além da estenose do canal vertebral, lombalgia éuma doença sistêmica que pode ser controlada com o uso deuma orientação saudável alimentar, física e de medicamentos a osteoporose também pode cau- sar períodos de incapacidade e as um sintomaadequados para os dois tipos de DM, tipo I e II. fraturas espontâneas ocorrem com frequenteCom relação a dor e alterações degenerativas na coluna ver- frequência nas pessoas com diabetes.tebral de pacientes diabéticos, é importante que o paciente e uma pesquisa relacionada com mu- em 80% dossua família reconheçam que a doença Diabetes Mellitus pode lheres na pós-menopausa e com o adultos nacomprometer múltiplos órgãos do tipo conjuntivo. Entre eles diabetes tipo I apresenta que é 12temos os ossos e as cartilagens. vezes mais frequente uma fratura ao faixa etária nível do quadril. Entretanto, em mu- A lombalgia, por exemplo, por si só, significa dor na região lheres com o tipo II também apre- entre 20 alombar. Ela é um sintoma frequente em 80% dos adultos nafaixa etária entre 20 a 40 anos. O que nos leva a concluir que sentam 1.7 ponto como fator de 40 anos. risco para fratura de quadril quandoum adulto apresentará um episódio de dor lombar incapaci- comparado com pacientes mulherestante para as suas atividades diárias. sem o diabetes tipo II.Ao pensarmos no tratamento de um paciente com lombalgia, Devemos ficar atentos ainda paranecessitamos conhecer a causa da dor. Porém, somente 20% alguns aspectos socioeconômicosdas causas são conhecidas e podemos tratá-las de modo efe- e culturais, entre os quais estão otivo. Entre elas estão os tumores, as infecções na coluna, as aumento da expectativa de vida, adoenças reumáticas, as doenças metabólicas e as síndromes baixa atividade física das pessoas eradiculares. Entretanto, as outras 80% das causas de dor são a alto consumo de alimentos calóri-denominadas de causa inespecífica. Em geral, elas estão re- cos, como fatores que favorecem a lacionadas com as estruturas anatômicas da coluna verte- progressão do diabetes e da osteo- bral, tais como: discos, facetas, sacrilíacas, ligamentos porose na população mundial. e músculos. A orientação clássica é a de sempre O aspecto mais importante na avaliação da dor manter o acompanhamento com o lombar relaciona-se com a história que o paciente seu médico para uma pacífica con- nos conta sobre a sua doença ou os sinais clínicos, vivência com a rotina do diabetes, os quais não costumam se correlacionar com a a qual poderá resultar em uma vida dor referida de modo estrutural ou funcional. saudável, com a presença de ossos que terão uma duração maior de so- uma questão importante é saber que a longa brevida. convivência com o diabete, entre outras com- plicações, pode produzir alterações circulatórias Exercícios indicados para melhorar e neurológicas. a massa óssea serão com os pés no chão: caminhar, correr, andar e sal- No caso da coluna vertebral, em geral as quei- tar, e nunca se esquecer de comple- xas estão associadas à neuropatia diabética e mentar a sua alimentação com vita- as manifestações degenerativas da coluna ver- mina D e cálcio diário. Dr. sergio zylbersztejn - crM 6770 Professor Assistente da Disciplina de Ortopedia e Traumatologia da uFCSPA. Presidente do Comitê de Coluna Vertebral da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT). Vice-presidente da Sociedade Brasileira de Coluna (SBC) REVISTA FARMAMELLITUS 17
  17. 17. viagem fotos Mario Gonzalez Emoção e beleza em Punta del Este Texto Gilmara Gil / Dicas Vanessa Susin O eterno ir e vir das ondas do mar que molda a paisagem de O mais interessante que é La Fiesta foi Punta del Este, no uruguai, não é o atrativo que mais impres- idealizada por um grupo de brasileiros, siona o visitante. O que encanta no balneário é a sua paisagem na verdade, cinco jovens gaúchos, que diversificada traduzida na sua natureza, naturalmente bela. na década de 80 se reuniam para festejar A arquitetura sofisticada, jardins bem cuidados com plantas exó- juntos o Réveillon na bela praia uruguaia. ticas de todo o mundo, largas avenidas e boulevards, além da Outra atração imperdível em Punta é ar- limpeza e da segurança, seduzem o turista, que é bem-vindo riscar a sorte nos cassinos, Conrad, que em Punta em qualquer época do ano. Mas é na temporada de funciona no estilo Las Vegas e o Nogoró verão que o balneário de 10 mil habitantes recebe cerca de 250 by Mantra, construído em 1938, na Ave- mil turistas e se transforma num território povoado de gente nida Gorlero, na zona central. bonita e famosa em toda a sua extensão litorânea. São turistas Localizada em Punta Ballena, a Casapue- do Brasil, Argentina, Estados unidos e da Europa. Localizada em blo é um dos locais mais visitados de Pun- sua maior parte sobre uma península que divide o Rio da Prata e ta e também uma dessas raras obras de o Oceano Atlântico, Punta del Este está entre os dez balneários arte em que se pode entrar. A escultura de luxo mais famosos do mundo. é uma criação do artista plástico Carlos A maior movimentação acontece no Réveillon e no mês de ja- Páez Vilaró, que reside no local, e é re- neiro, época em que a agenda de eventos é pura efervescência. conhecida mundialmente pela ousadia No Serena Hotel, localizado na Parada 24 da Praia Mansa, um de suas formas. Está fincada nas falésias dos hotéis mais charmosos do balneário, ocorre o La Fiesta, que junto ao mar. Milhares de visitantes per- No alto, Casapueblo, e na é o evento mais badalado e divertido da virada do ano. Além correm anualmente as salas desse museu página 19 a penín- de um cenário cinematográfico, com vista para o mar, a festa é onde são exibidas pinturas, cerâmicas e sula de Piriapolis considerada a mais concorrida do “verano”, pelos turistas que esculturas do artista uruguaio. É neste vista do alto. frequentam Punta. local mágico que acontece a cerimônia18
  18. 18. Punta del Estedo sol no final da tarde. um espetáculo Praia José Ignácio - A 20km de Punta encontra-se a praia de José Ignácio. Com to-“inolvidable”, ao som de um poema de das as suas casas voltadas para o mar, tipo pé na areia, a praia é um reduto ocupadoPablo Neruda. por endinheirados que gostam da simplicidade. As ruas, sem asfalto, levam nomes deA cada ano, Punta del Este traz novidades pássaros.que agradam aos turistas de todas as ida-des. Além dos passeios rotineiros como ir onde comer Finca narbonna – Pertinho da ponte da Barra. O ambiente é aconchegante. As mesasà praia, caminhar pela orla ou observar o dispostas nos corredores fazem com que o visitante se sinta em casa. Os vinhos sãopôr do sol, que em Punta ocorre por volta produzidos no local. Ruta 21, Km 267das 20h45min, o balneário também apre-senta opções de visitas a museus e sítios cactus y Pescados – O restaurante é parada obrigatória na saída da praia Bikini ouhistóricos. Para os amantes do verde, o volta de José Ignácio. um dos pratos de maior sucesso do cardápio é chipirones a laparque Lussich, em Punta Ballena, revela plancha. Vale também degustar um Clericot, olhando para o mar.a exuberância da sua vegetação. O local Heladería Vuelta – Sorveteria Volta (Un’altra Volta) – É a mais nova sorveteria de Laé considerado a sétima reserva florestal Barra. Sabores tradicionais e inusitados agradam aos paladares mais exigentes.mundial. si, Querida – Com apenas 8 mesas decoradas de forma diferente e com objetos ga-Punta del Este é também referência de rimpados pelo proprietário, o pequeno restaurante é especializado em frutos do mar.glamour pelos seus hotéis de luxo, lojas Peça: Tortinha de Mariscode grifes internacionais, galerias de arte,antiquários e artesanato. Isto sem falar como chegar O turista brasileiro não necessita de visto para entrar no país, para uma permanênciada gastronomia, que em Punta é muito de até 90 dias. Para entrar no Uruguai, basta apresentar a Carteira de Identidade, quepeculiar. Quer um exemplo? Quem for a deve estar em bom estado de conservação.Punta e não provar uma medialuna, nãofoi a Punta. No caso de viajar de carro, os motoristas devem estar de porte da Carta Verde, um seguro que deve ser feito antes da entrada do motorista no país. Este documento poderoteiro de passeios ser feito em alguns bancos e seguradoras. Seu valor depende do tempo de permanên-A Ilha dos lobos – A 11 km da costa, cia no país vizinho.essa ilha de 11 hectares é habitada pelamaior colônia de lobos marinhos da Amé- recomendações de saúderica do Sul. Os guias que acompanham Praia – Ao caminhar pela praia, tome cuidado. Água-viva (mãe d’água), caravela, crus-os turistas no barco são biólogos ou es- táceos e algumas espécies de moluscos podem ser encontradas nas areias típicas dotudantes. A população total é de cerca litoral uruguaio. O cuidado com os pés deve ser redobrado.de 160 mil lobos, 10 mil leões-marinhos, Água – Beba muita água, de preferência água mineral para evitar diarreias.além de focas gigantes. O turista fica a Medicamentos – Adquira com antecedência a medicação habitual em quantidademenos de 50 metros dos animais. suficiente para toda a duração da viagem. Incluir doses extras para mais alguns dias.Praia Mansa – Tem esse nome porque Lembre que os medicamentos devem ser mantidos na embalagem original e, em casotodas as praias desse lado de Punta del de urgência facilita; a identificação dos mesmos.Este são banhadas pelo Rio da Prata. Insulina – Leve sempre o dobro da quantidade necessária, pois pode de surgir umaPraia la barra – Esse é o lado do bal- eventualidade. Canetas de insulina extra e seringas de insulina para o caso de extravioneário voltado para o Oceano Atlântico. ou perda ou estrago das canetas.Antiga vila de pescadores que se tornou sol – Em lugares muito quentes e com muito sol, utilize pequenas caixas ou bolsaspoint nos últimos verões. À noite é mui- térmicas que permitam manter a insulina em ambiente fresco, sem exposição solar.to movimentada, com seus barzinhos, Proteja sua pele com filtro solar.restaurantes e lojas de decoração. Possui lembrete: Antes de viajar, faça a sua lista de medicamentos e desfrute das facilidadesuma linda vista do skiline de Punta e as da Farmamellitus. utilize o nosso serviço de tele-entrega ou visite uma de nossas lojas.casas são feitas de pedra ou em estilo me- Durante a viagem, carregue os seus documentos e os medicamentos na sua bolsa dediterrâneo. mão. E não deixe de medir a glicemia.o Porto – É nessa região que estão con-centrados a maioria dos bares, discotecase restaurantes.beverly Hills – O bairro homônimo doterritório das estrelas em Hollywood jus-tifica o nome. O lugar abriga as maioresmansões de Punta.Estátua la Mano – Essa obra de artefoi criada pelo chileno Mario Icarrazabal,que quis simbolizar a América Latina queemerge. Popularmente é chamada de “amão do afogado”. REVISTA FARMAMELLITUS 19
  19. 19. saúde Dicas de Dr. Astor sérgio campos riesinger CRMSC 8205 - Endocrinologista Texto Gilmara Gil Álcool x DIAbETEs beba na medida certa Natal e Ano Novo são datas significativas e emotivas para todos nós e que merecem Mas como uma pequena taça de vinho celebração especial. É tempo de confraternização, esperança e alegria entre os po- ou uma garrafa de cerveja pode trazer vos, na busca de um mundo mais fraterno e, por que não, mais saudável. um dos tanto estrago à saúde do diabético? En- símbolos tradicionais nesta época é brindar a chegada do Papai Noel e a virada do tre os fatores que podem desencadear ano com uma taça de champanhe. problemas no nível do açúcar no sangue está o fato de o diabético comer ou não Beber é o mais antigo e disseminado dos hábitos, porém poucos sabem beber de enquanto bebe, por exemplo. modo controlado. E para quem não sabe beber, até água faz mal, diz o verso do poeta desconhecido. Para os diabéticos, as bebidas alcoólicas podem ser degustadas O álcool não é um carboidrato, uma pro- somente com segurança, conforme recomendação médica. teína ou uma gordura, que são as prin- cipais fontes de energia do nosso corpo. Todo esse rigor tem sentido porque o efeito do álcool no diabetes pode ser surpre- Ao contrário, o álcool é uma toxina, uma endente. Pode inclusive causar complicações graves, como hiperglicemia ou hipo- substância que precisa ser metabolizada glicemias. um alerta importante: o álcool, além de complicar o diabetes, é a causa e removida do organismo o mais rápido de 20% a 30% dos casos de câncer de esôfago e de fígado, cirrose hepática e possível para evitar que ele se acumule e epilepsia, causando anualmente 2 milhões de mortes. destrua as células e órgãos.20
  20. 20. bebidas alcoólicasQuando bebemos, o álcool passa muito rapidamente peloestômago e vai para o intestino e é absorvido pela corren- o que fazer?te sanguínea, sem ser metabolizado. Assim, as enzimas no beba somente se o diabetes estiver bem controlado - ofígado fazem o trabalho de metabolização do álcool a uma álcool pode provocar alguns problemas associados à doença.velocidade que não tem nenhuma relação com a quantidade A substância pode se acumular nas células nervosas, intensifi-que foi ingerida. cando os danos causados pelos altos níveis de glicose e piorar a neuropatia. Ela também aumenta os triglicérides, a pressãoA velocidade com que o álcool é metabolizado varia de acor- arterial e o risco de catarata. Casos frequentes de hipoglicemiado com o peso da pessoa, mas de maneira geral, cada uni- ou histórico anterior de hipoglicemia grave, o álcool pode serdade (14 gramas) de álcool leva menos de uma hora para um risco muito grande, portanto evite.ser eliminada do nosso corpo. Se bebemos muito rápido, beba moderadamente - a metabolização do álcool pelo seuo álcool não será metabolizado e permanecerá na corrente fígado é um processo lento, então, a quantidade de álcool quesanguínea. As nossas células cerebrais são afetadas por esse você bebe deve ser controlada para evitar intoxicação. Beberexcesso, impedindo que o cérebro funcione normalmente, moderadamente significa não mais que dois drinques por diacom a pessoa apresentando o quadro típico de embriaguez. para os homens e não mais que um drinque por dia para asPor isso, o fato de comer ou não pode influenciar na rapi- mulheres. Para pessoas com mais de 65 anos ou mais, essesdez com que o álcool será absorvido pelo corpo. Além da valores caem pela metade.intoxicação que a substância pode causar, o processo de comida - não pule uma refeição ou diminua a quantidademetabolizar o álcool atrapalha outros processos que devem de ingestão de comida quando estiver bebendo — tome aser realizados pelo fígado. Se o nível de glicose no sangue bebida com uma refeição ou logo após comer. Nunca beba decomeça a cair, o fígado responde liberando para o sangue a estômago vazio.glicose estocada no seu interior, aumentando o nível sérico eglicose. Essa glicose liberada no sangue pelo fígado corrige cartão de identificação - sempre carregue um cartão dea hipoglicemia. identificação que indique que você é diabético. Essa medida de prevenção auxilia as pessoas a identificar que comporta- mento confuso ou perda de consciência pode não ser causadosituação de risco pela intoxicação alcoólica, mas por uma hipoglicemia grave.O seu corpo enxerga o álcool como um veneno, por isso,ele quer retirá-lo do organismo o mais rápido possível. Na nunca beba sozinho - informe as pessoas ao seu redor queverdade, ele está tão ocupado processando o álcool que não você tem diabetes e ensine os sinais e sintomas da hipoglicemia.produzirá ou liberará glicose estocada até que o álcool te- Fique sóbrio - o álcool possui efeito relaxante. Você precisanha sido eliminado do corpo. Essa incapacidade de produzir fazer suas refeições, tomar seus remédios e testar seu sangueglicose poderá colocar o diabético em uma situação de ris- dentro da programação feita pelo seu médico.co. Pode levar a uma grave reação de hipoglicemia, ou de Teste a glicose do seu sangue com frequência - como o ál-hiperglicemia no caso de ingestão muito grande de comida cool afeta o seu corpo, testar a glicose antes de beber, depoise bebida alcoólica com muitos carboidratos, como a cerveja, de beber e no dia seguinte.por exemplo. Antes de dormir - certifique-se de sempre testar a glicoseSe o seu diabetes permitir beber, beba uma taça de espu- do sangue antes de dormir. E nunca aplique insulina extra oumante ou um copo de cerveja para celebrar. Isso sem que os tome comprimidos para a diabetes para tratar valores eleva-efeitos do álcool no seu organismo prejudiquem os seus ní- dos de glicose no sangue antes de ir dormir. Você pode ficarveis de controle glicêmico. Selecionamos algumas dicas para perigosamente hipoglicêmico enquanto dorme e o quadro dacomemorar e celebrar sem complicações, afinal todos nós sua saúde pode evoluir para um coma hipoglicêmico.merecemos festejar. Beber entre amigos é um ato de so- além se hidratar, dilui a quantidade de álcool. O que interessa para qualquer cialização. Tanto é assim que pessoas pessoa que for beber é a quantidade, bem como a velocidade com que se está que se fecham em sua casa para be- bebendo. Alguns casos, em diabéticos, por ex., onde o metabolismo está mais ber sozinhas tem maior tendência à lento, este álcool pode demorar a ser metabolizado, e o acetaldeído, resíduo depressão ou até mesmo ao suicídio. final da bebida alcoólica, pode trazer resultados danosos ao fígado. De qualquer Proibir o diabético de beber pode re- forma, dê preferência à ingestão de bebidas fermentadas, em vez das destiladas. sultar em fracasso. Recomendo que o faça, alternando com um copo de Dr. Astor sérgio campos água natural entre as bebidas. Isto, riesinjger REVISTA FARMAMELLITUS 21
  21. 21. Alessandro Dreyer é crônica apoiado pela FarmaMellitus e tem um blog com dicas sobre corrida e treinos olongenaoexiste.com.br alessandro@dreyer.com.br DIA MunDIAl do Diabetes No dia 14 de novembro, celebramos o Dia Mundial do Diabetes. A data é um pou- durante a prova, já que eu passaria horas co estranha, porque ninguém quer comemorar o Diabetes, mas nela aproveitamos consumindo energia em um nível muito para conscientizar todas as pessoas – diabéticas ou não de que o Diabetes não nos maior que eu gasto normalmente. Além impede de nada. de diminuir a basal, a insulina rápida foi cortada em 100% durante a corrida. Desde que descobri o diabetes, em 2007, aproveito o dia 14 para fazer algo espe- cial, documentar e mostrar para outras pessoas o quão prazerosa e compensadora Durante as 12 horas tive momentos de pode ser a atividade física. dor, cansaço, garra e emoção. Cheguei a pensar em parar com aproximadamente No ano passado, o Dia Mundial foi especial para mim, já com a parceria com a Far- 10 horas de prova, já que naquele mo- mamellitus, aproveitei o dia para participar de uma prova em Caxias do Sul fazendo mento meus músculos estavam comple- minha estreia em ultramaratonas. Depois de meses de treinamento, chegou o dia tamente rígidos e qualquer movimento de ficar 12 horas correndo em uma esteira, o objetivo da prova era fazer a maior precisava de um esforço enorme, mas distância possível durante as 12 horas. com concentração e apoio das pessoas Para minha surpresa, o Dia Mundial já começou na sexta-feira. A pedido da que estavam lá consegui voltar a correr FarmaMellitus conversei com um grupo de senhoras que se reúne semanalmente e fechar as 12 horas mais desafiantes para conversar e conviver mais facilmente com a chegada da idade, a experiência da minha vida. Reunir forças para fe- foi ótima, porque não fui eu que contei minhas experiências para elas, foram elas char aqueles 95,1km foi um dos maiores que passaram muitas experiências ótimas para mim. Para encerrar, além de ser pre- aprendizados da minha vida. senteado por um livro escrito por elas mesmas, umas delas recitou um poema em Depois do grande Dia Mundial de 2009, minha homenagem. A singela homenagem tornou-se inesquecível, me emocionou vamos para o de 2010, o desafio não demais. Me emocionou tanto que me fez mudar um ritual que sempre realizo na poderá ser tão grande neste ano porque noite anterior de qualquer prova, antes de dormir eu sempre leio algum trecho de participarei uma semana depois – dia 21 um livro de algum atleta importante, serve para me motivar um pouco mais no pré- de novembro – da maratona de Curitiba. prova. Mas naquele dia, a emoção foi tão grande que resolvi ler o livro do Grupo de Mas com certeza alguma coisa farei, pois Senhoras, foi gratificante demais. não podemos deixar o dia passar “em Depois da sexta-feira que já valia como uma experiência inesquecível, chegou o dia branco”. Espero que todas as pessoas, 14. A prova começou exatamente às 9h06 do sábado, eu teria 12 horas para correr diabéticas ou não, façam alguma ativi- a maior distância possível, isto é, teria até as 21h06 para correr o que conseguisse. dade física no dia 14 para convivermos Neste tipo de prova é permitido parar quando necessário para o que precisar, porém mais facilmente com este problema. durante este tempo a esteira para, mas o tempo não, portanto quanto mais tempo Aproveito o momento para lançar um parado, menor a distância que conseguirá correr. desafio para todos: no dia 14 de novem- A experiência foi única, consegui correr 95,1km durante as 12 horas. Foram 12 bro faça alguma atividade física, seja so- horas de muito aprendizado, tanto para o esporte quanto para o Diabetes, porque zinho, com os amigos ou com a família durante este tempo, além de regular o desgaste físico que não podia ser maior que para conscientizar as pessoas de que o o programado para eu conseguir correr durante todo o tempo, eu precisava contro- Diabetes não nos impede de nada. Regis- lar perfeitamente a glicose, sem deixar subir muito e causar uma desidratação, nem tre com foto e texto e envie para o e-mail baixar muito, o que seria suficiente para eu abandonar a prova. alessandro@dreyer.com.br, seleciona- Para conseguir este controle, tudo começa no dia anterior, com uma alimentação remos algumas experiências para colocar especial e diminuição no nível de insulina basal, evitando uma hipoglicemia severa aqui na revista na próxima edição.22
  22. 22. nossas lojas www.farmamellitus.com.br ou nos siga no twitter @FarmaMellitusSempre tem uma FarmaMellitus perto de vocêMATO GROSSO DO SuL lajeado sapirangacampo Grande R. Carlos Von Kozeritz, 462 loja 104 Av. João Corrêa, 1050 | (51) 3559.1300Av. Mato Grosso, 2647 (51) 3707.0070(67) 3327.0909 Taquara nova Petrópolis R. Julio de Castilhos, 2762PARANÁ R. Frederico Michaelsen, 148 sala 02 (51) 3541.1688Pato branco (54) 3281.4511Rua Itacolomi, 361 sala 02 SANTA CATARINA novo Hamburgo balneário camboriú(46) 3225.0505 R. Bento Gonçalves, 2742 Terceira Avenida, 271 loja 01 (51) 3594.8000 (47) 3363.3686RIO GRANDE DO SuLcaçapava Passo Fundo criciúmaR. XV de Novembro, 342 Av. Teixeira Soares, 839/122 R. João Cechinel, 194 sala 7(55) 3281.1965 (54) 3311.8085 (48) 3443.9140 Porto Alegre Florianópoliscaxias do sul • R. Miguel Tostes, 534 • R. Maestro Tullo Cavalazzi, 25R. Visconde de Pelotas, 922 (51) 3378.2020 (48) 3224.3759(54) 3225.7575 • Praça Dom Feliciano, 22 • R. Conselheiro Mafra, 539cidreira (51) 3286.2323 (48) 3225.0607R. Jorge Moises Gil 3058 - loja 01(51) 3681.3131; Joinville • Av. Presidente Roosevelt, 1344 R. Lages, 570 loja 01 | (47) 3025.2266Dois Irmãos (51) 3346.5431Av. São Miguel, 728 | (51) 3564.1165 rio Grande LIGuE GRÁTISErechim R. Cristovão Colombo, 347 A FarmaMellitus oferece mais umaAv. Maurício Cardoso, 137/139 (53) 3235.3317 facilidade para você! Ligue grátis(54) 3321.0300 0800.6481122 (RS) ou santa cruz do sul 0800.6456455 (SC).Estância Velha Avenida do Imigrante, 260R. Teodomiro Porto da Fonseca, 420 (51) 3711.5001(51) 3561.8888 REMESSA VIA SEDEXFeliz santa Maria Todos os produtos são acondicionadosAv. Maurício Cardoso, 305 Av. Presidente Vargas, 2146 adequadamente. As insulinas são envia-(51) 3637.1012 (55) 3222.7150 das em embalagem térmica. Entrega em 24/48h.Gravataí santa rosaAv. José Loureiro da Silva, 1330 Av. Rio Branco, 139 | (55) 3512.6141(51) 3488.1065 santana do livramentoIjuíR. 13 de Maio, 140 | (55) 3332.8300 Rua dos Andradas, 36 | (55) 3242.4714 TElE - EnTrEGA santo ÂngeloIvotiAv. Presidente Lucena, 3465 R. Antônio Manoel, 1060 (55) 3314.2444 (51) 3269.4000(51) 3563.1188 REVISTA FARMAMELLITUS 23
  23. 23. Accu-Chek Performa Nano: moderno como você. Accu-Chek Perfoma Nano é uma marca registrada Roche. Reg. ANVISA: 10287410821. Tamanho real Incomparável na tecnologia. Insuperável no design. Visor iluminado Marcadores de teste antes e depois das refeições Lancetador praticamente indolorExperimente transformar situações da vida em oportunidades:www.meujeitonanodeveravida.com.br

×