Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Gestão das Políticas de
Incentivos à Inovação
Combinando incentivos fiscais, programas de
fomento, financiamento e regulat...
estímulo à participação de instituições de ciência e tecnologia no
processo de inovação
2
incentivo à inovação na empresa3...
Programas de apoio às empresas
ATIVO PASSIVO
Patrimônio Líquido
FundosVenture
Capital
Receita
(-) Despesas
EBIT
(-) IR e C...
Do ponto de vista da empresa, é
necessário maximizar o aproveitamento
dos mecanismos existentes de incentivos à
P&D&I
4
Le...
Contexto legal
No contexto brasileiro, criou-se em 2004 a Lei de Inovação, que foi um marco
legal na articulação do Sistem...
Decreto nº 5.796/06 Art. 2º, Inc. I
Definições na Lei do Bem
“Inovação Tecnológica: a concepção de
novo produto ou process...
Atividades inovativas
• Atividades de natureza investigativa, sem fins práticos
imediatos
Pesquisa básica dirigida
• Ativi...
Fronteiras da Lei do Bem
8
Exemplo de aplicação
9
Projeto Alfa = R$ 1.150 mil
RH próprio: R$ 1 milhão
Compra de equipamentos: R$ 150 mil
Exclusão da ...
Metodologia
10
Deve-se combinar as especialidades de engenharia/técnicas, contábeis e
tributárias, de forma a se utilizar ...
Análise técnica de projetos
• Análise técnica e gerencial das
atividades do projeto para identificação
das atividades pass...
Fomentos e Financiamentos à P,D&I
Fomentos Financiamentos
Inova Petro
Tecnologia Assistiva
Brasil Sustentável
Subvenção Ec...
Exemplo combinação mecanismos públicos
Exclusão adicional Lei do Bem: Exclusão de 60% * 34%R$ 4,1 milhões
Financiamento a ...
Discussão do P,D&I na Indústria e Serviços
Indústria Serviço
Instrumentos de apoio tem um
linguajar mais voltado à indústr...
Obrigado!
lucas.aquino@idr-technovation.com.br
(11) 9-8357-0999
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Modulo 5 financiamento_inovacao_lucas_copyright_mba

1,183 views

Published on

Apresentação extraída do curso de MBA em Gestão e Engenharia de Produtos e Serviços (http://www.pecepoli.com.br/PT/GEP/) coordenado pelo Prof. Dr. Paulo Kaminski (http://sites.poli.usp.br/p/paulo.kaminski/) no Programa de Educação Continuada da Escola Politécnica da USP - PECE

Published in: Education
  • Be the first to comment

Modulo 5 financiamento_inovacao_lucas_copyright_mba

  1. 1. Gestão das Políticas de Incentivos à Inovação Combinando incentivos fiscais, programas de fomento, financiamento e regulatórios para redução dos custos e viabilização de investimentos MÓDULO 5 GEP-040 Criação de Programas de Inovação: Open Innovation MBA em Gestão e Engenharia de Produtos e Serviços Palestrante: Prof. Lucas de Aquino Moderador: Prof. Dr. Fabiano Armellini
  2. 2. estímulo à participação de instituições de ciência e tecnologia no processo de inovação 2 incentivo à inovação na empresa3 a constituição de ambiente propício às parcerias estratégicas entre as universidades, institutos tecnológicos e empresas 1 O marco regulatório sobre inovação tecnológica no país está organizado em torno de três vertentes: 2
  3. 3. Programas de apoio às empresas ATIVO PASSIVO Patrimônio Líquido FundosVenture Capital Receita (-) Despesas EBIT (-) IR e CSLL Lucro Líquido Demonstrativo de Resultado Fundo perdido e bolsas Lei do Bem – Art. 17-II (redução IPI) Lei do Bem – Art 19 (exclusão adicional 60% a 80%) Financiamentos etc etc 3
  4. 4. Do ponto de vista da empresa, é necessário maximizar o aproveitamento dos mecanismos existentes de incentivos à P&D&I 4 Lei do bem Subven- ção Financia- mentos Parcerias Setoriais Outros Tecnologias em desenvolvimento Novos produtos Aperfeiçoamentos Processos produtivos Outros Tecnologias
  5. 5. Contexto legal No contexto brasileiro, criou-se em 2004 a Lei de Inovação, que foi um marco legal na articulação do Sistema Nacional de Inovação brasileiro. Como consequência, surgiu a Lei do Bem em 2005, que oferece uma série de incentivos fiscais para empresas que realizam atividades de pesquisa, desenvolvimento e inovação (P,D&I). 5 • Dispõe sobre as parcerias estratégicas entre entidades públicas, agências de fomento e empresas para a realização de atividades de P,D&I, como marco legal para a articulação do Sistema Nacional de Inovação. Lei de Inovação – 10.973/04 • Em seu capítulo III, dispõe sobre incentivos fiscais à inovação tecnológica. Regulamentada pelo decreto 5.798/06. Lei do Bem – 11.196/05
  6. 6. Decreto nº 5.796/06 Art. 2º, Inc. I Definições na Lei do Bem “Inovação Tecnológica: a concepção de novo produto ou processo de fabricação, bem como a agregação de novas funcionalidades ou características ao produto ou processo que implique melhorias incrementais e efetivo ganho de qualidade ou produtividade, resultando maior competitividade no mercado” Novo para a empresa, para o mercado ou para o mundo bens ou serviços Pode ser algo novo ou melhoria Não apenas para inovações radicais 6 atividades de transformação
  7. 7. Atividades inovativas • Atividades de natureza investigativa, sem fins práticos imediatos Pesquisa básica dirigida • Atividades de natureza investigativa, orientada para tecnologias ou produtos específicos Pesquisa aplicada • Fase pré-produtiva do desenvolvimento de produtos ou processos Desenvolvimento experimental • Calibração,aferição ou projeto de instrumentos específicos • Documentação técnica • Normalização • Patenteamento do produto ou processo Tecnologia industrial básica * • Instalação e manutenção de instrumentos • Consultoria técnica Serviços de apoio técnico * Decreto nº 5.796/06 Art. 2º, Inc. II * Dentro de projetos que possam ser caracterizados como de P,D&I 7 P&D Extra-P&D
  8. 8. Fronteiras da Lei do Bem 8
  9. 9. Exemplo de aplicação 9 Projeto Alfa = R$ 1.150 mil RH próprio: R$ 1 milhão Compra de equipamentos: R$ 150 mil Exclusão da base de cálculo do IR e CSLL 60% dos dispêndios = R$ 600.000 IR + CSLL (34%) = R$ 204.000 IPI Redução de 50% na alíquota Alíquota de 15% passa para 7,5% = R$ 11.250 Depreciação Integral na base do IR e CSLL Ganho de caixa = R$ 51.000 Ou Ganho Financeiro (10 anos / 1%a.m.) = R$ 21.081 GanhosTotais Ganho de caixa = R$ 266.250 Ou Ganho Financeiro (10 anos / 1%a.m.) = R$ 236.331 Ganho financeiro de 20,6% sobre o total do projeto
  10. 10. Metodologia 10 Deve-se combinar as especialidades de engenharia/técnicas, contábeis e tributárias, de forma a se utilizar os incentivos fiscais de acordo com os critérios do Ministério de Ciência e Tecnológica (MCT), Receita Federal (RFB) e legislação em geral. Identificação das atividades inovativas Parecer técnico justificando enquadramento das atividades Segregações contábeis e memórias de cálculo Atividades técnicas e de engenharia Atividades contábeis Prestação de contas MCT e RFBApuração do incentivo e relatório jurídico Análise tributária Dossiê Lei do Bem
  11. 11. Análise técnica de projetos • Análise técnica e gerencial das atividades do projeto para identificação das atividades passíveis de utilização dos benefícios • Utilização de documentos oficiais e referências consagradas para definição dos conceitos de P,D&I • Recomendação para gestores para separação do controle do projeto em alguns casos (ex: separação do desenvolvimento experimental do desenvolvimento pré-produtivo) • Elaboração de parecer técnico cuja função é fazer a ligação entre as atividades inovativas do projeto e os dispêndios enquadrados para uso dos benefícios 11
  12. 12. Fomentos e Financiamentos à P,D&I Fomentos Financiamentos Inova Petro Tecnologia Assistiva Brasil Sustentável Subvenção Econômica Fundos Setoriais Funtec Bolsa RHAE PITE PIPE etc Inova Brasil PSI Inovação Setoriais – P&G, Proaeronautica, Proengenharia, Profarma, Proplástico, Prosoft (em substituição) São Paulo Inova - Funcet Pró-Inovação etc 12
  13. 13. Exemplo combinação mecanismos públicos Exclusão adicional Lei do Bem: Exclusão de 60% * 34%R$ 4,1 milhões Financiamento a juros reduzidos: 4% a.a. - 80 meses – carência 20 meses – 0% contrapartida R$ 0,9 milhões Exclusão – aumento de pesquisadores Lei do Bem R$ 3,4 milhões Exclusão de 20% * 34% Dedutibilidade fiscal dos custos: R$ 5,9 milhões Dedução de 34% R$ 8,9 milhõesValor presente dos custos: WACC: 12% a.a. R$ 10 milhõesCusto nominal do projeto: Prazo: 2 anos Apenas Opex Subvenção Econômica: Não-reembolsável Contrapartida: 200% R$ 0,5 milhões VPL 10 vezes menor 13
  14. 14. Discussão do P,D&I na Indústria e Serviços Indústria Serviço Instrumentos de apoio tem um linguajar mais voltado à indústria Áreas de conhecimento em exatas e biológicas mais abundante na indústria Know-how ligado mais a tecnologia de produto e processo? Inovação Tecnológica normalmente associado a TI e desenvolvimento de SW Métodos de trabalho e procedimentos normalmente referem-se à inovação organizacional (ex: inovação processo para Lei do Bem) Know-how mais ligado a modelos de negócio? ? 14
  15. 15. Obrigado! lucas.aquino@idr-technovation.com.br (11) 9-8357-0999

×