Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Poc distorcoes-cognitivas

327 views

Published on

Conheça os principais erros de raciocínio que promovem a manutenção da perturbação obsessivo-compulsiva

Published in: Health & Medicine
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Poc distorcoes-cognitivas

  1. 1. DISTOR��ES COGNITIVAS A S P R I N C I P A I S POC
  2. 2. DISTOR��ES COGNITIVAS Distor��es cognitivas s�o erros de pensamento Presentes um pouco em todas apresenta��es psicopatol�gicas, s�o enviesamentos sistem�ticos do racioc�nio, que criam problemas na forma como lemos a realidade. As distor��es mais importantes habitualmente presentes na Perturba��o Obsessivo-Compulsiva s�o as 6 que encontra aqui. 01
  3. 3. As pessoas com POC tendem a fusionar pensamento com ac��o: se penso, logo fa�o. Por ex., a imagem mental de fazer mal a algu�m importante, faz com que a pessoa com POC ache que � m� pessoa e que n�o pode ter esse pensamento sob pena de vir Demasiada import�ncia atribu�da aos pensamentos a agir em conformidade. Por isso, tendem a tentar suprimir os pensamentos o que, infelizmente, apenas faz com que eles criem mais intensidade ou surjam com mais frequ�ncia.02 PENSAMENTOS
  4. 4. As pessoas com POC tendem a achar que o risco daquilo que fazem - ou n�o fazem - � muito superior ao razo�vel. Por exemplo, que podem desgra�ar a sua imagem profissional se cometerem um erro num email, ou que o pr�dio pode Sobre-valoriza��o do risco potencial das suas ac��es explodir se n�o verificarem o g�s no fog�o e/ou esquentador. No fundo, � uma confus�o entre possibilidade e probabilidade, que as faz envidarem esfor�os excessivos para tentarem controlar as consequ�ncias improv�veis. 03 RISCO
  5. 5. As pessoas com POC tendem a sentir que s�o respons�veis por acontecimentos de uma forma que chega a ser m�gica e supersticiosa: "Se eu n�o fizer as coisas por esta ordem, posso levar a que haja um acidente com os meus pais" Sobre-valoriza��o da sua responsabilidade sobre os acontecimentos � importante referir que na POC as pessoas habitualmente est�o conscientes do car�cter il�gico da maioria dos seus racioc�nios POC - apenas que ainda n�o sabem como os contrariar e devolver normalidade de leitura da vida. 04 RESPONSABI- LIDADE
  6. 6. As pessoas com POC tendem a sentir os riscos das situa��es como imensos e a sua capacidade para lhes fazer face como insuficiente. Sobrevaloriza��o do perigo inerente � adversidade Por exemplo, se disserem a palavra errada e temida numa reuni�o profissional, acreditam que v�o ser ridicularizados e humilhados, o que os ir� destro�ar para l� de qualquer capacidade de recupera��o. 05 PERIGO
  7. 7. As pessoas com POC tendem a ser como que al�rgicos � incerteza natural da vida. A possibilidade de algo acontecer, sem que se possa obter certezas quanto a essa possibilidade � extremamente Intoler�ncia � incerteza angustiante e resulta em compuls�es que visam criar uma sensa��o de (falsa) certeza. Resulta tamb�m em v�rios comportamentos de confirma��o junto dos outros, o que desgasta as rela��es interpessoais.06 CERTEZA
  8. 8. As pessoas com POC tendem a assumir as emo��es negativas como perigosas; sinal de que poder�o endoidecer ou, de alguma forma, se fragmentarem, quebrarem, deixarem de funcionar. Intoler�ncia ao desconforto emocional As maioria das compuls�es tem por fun��o, precisamente, criar um escape � ansiedade que � gerada nas obsess�es, poupando a pessoa com POC a um incremento de emo��es negativas, que ela n�o se sente capaz de suportar. 07 DESCONFORTO

×