Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Os sete banhos de naamã

3,662 views

Published on

Os sete banhos de naamã

  1. 1. Os sete banhos de Naamã-Tema: BATISMO II Reis 5.1-19-Introdução: Onúmero sete na Bíblia traz o simbolismo de completo ou inteiro. QuandoEliseu mandou Naamã se banhar sete vezes certamente a mensagem seria queprecisava de uma lavagem por inteiro. Ele desejava curar-se da lepra em seu corpo,mas Deus queria restaurar sua vida inteiramente. O General Naamã andava com vestes finas. Provavelmente estaria fardado vistoque levava cartas do rei e deveria se apresentar oficialmente (II Reis 5.6). O queninguém sabia era que embaixo daquela suntuosidade toda havia o mau cheiro dasferidas da lepra. A princípio, o general Naamã não entendeu o propósito de Deus e depois quandoaceitou obedecer, entregou-se por inteiro dispondo-se a servir ao Senhor. A cadamergulho na água, sua mente refletia e sua vida era lavada por Deus. Você gostaria de ser lavado por Deus?Vamos comparar os sete banhos que Naamã teve que passar com os momentos que passou, comparando comum processo de mudança em sua vida em sete etapas:1º banho - RENÚNCIA: “homem... de muito conceito... porém leproso” v.1 A vida de Naamã era muito ocupada, cheio de cerimônias e compromissos sociais.Todos o respeitavam por onde fosse. Era reconhecido por suas vitórias. Mas no fundo,debaixo daquele luxo todo haviam feridas dolorosas. Para entrar na água Naamã teve que assumir sua condição de miséria eenfermidade. Abriu mão de sua pose para expor sua necessidade. Muitas pessoas estão como Naamã, demonstrando-se bem exteriormente, mascheios de feridas por dentro. Para ser curado é preciso primeiro renunciar a aparênciaexterna e mostrar sua verdadeira condição de carência. Como um paciente que nãotem vergonha de mostrar suas feridas para o médico para ser tratado. Você está disposto a fazer renuncias para ser curado? Mostre suas feridas para o Médico Jesus e ele te curará!2º banho - FÉ: “assim e assim falou a jovem que é da terra de Israel” v.4 Havia uma menina na casa de Naamã que sabendo de sua necessidade, contousobre as curas realizadas pelo profeta Eliseu. Naamã acreditou no testemunho dajovem escrava. Impressionante a disposição de um homem importante em acreditar noassunto de uma pessoa inferior. Provavelmente já teria procurado os melhores recursos da medicina e nada haviasurtido efeito. Como não teria nada a perder, resolveu dar crédito ao que ouviu.Contou tudo para seu rei, não escondeu sua fé. O trabalho que teve em sair de suaterra em busca da cura foi um ato de fé naquela palavra que ouviu. A palavra de Deus garante que “a fé vem pelo ouvir” (Romanos 10.17). Por isso devemos darcrédito às palavras de esperança que ouvimos. Não podemos julgar de onde vem,mas receber como Palavra de Deus. Existem pessoas que estão precisando de ummilagre, mas não acreditam quando ouvem que Deus curou alguém. Ou não estãodispostas como Naamã em assumir publicamente sua fé. Você está disposto a assumir sua fé? Se ouvir uma palavra de bênção, receba como Palavras de Deus para sua vida!
  2. 2. 3º banho - DEDICAÇÃO: “levou consigo dez talentos de prata, seis mil siclos de ouro e dezvestes festivais”v.5 Ao sair de sua terra, não quis ir de mãos vazias. Já tinha gastado muito tentandoalcançar uma cura, mas estaria disposto a dar tudo para ser restaurado. Naamã não queria apenas receber, mas estava disposto a doar o que tivesse comoatitude de gratidão. Preparou uma oferta especial de gratidão a Deus pelo milagre quereceberia. Se os médicos puderam receber pagamento sem sucesso, muito maispoderia ofertar ao Senhor. Jesus ordenou aos discípulos ministrar cura e libertação com a condição “de graçarecebestes, de graça dai” (Mateus 10.8). Mesmo assim nada impede que façamosofertas voluntárias ao Senhor em gratidão pelas bênçãos recebidas (II Coríntios 9.7).Não podemos ser ingratos como pessoas que só querem receber e não estãodispostas a dedicar o seu melhor ao Senhor. Você estaria disposto a dedicar o seu melhor? Seja grato ao Senhor pelas bênçãos que receber!4º banho - OBEDIÊNCIA: “vai, lava-te sete vezes no Jordão e a tua carne será restaurada eficarás limpo” v.10 Enquanto Naamã não se banhou as sete vezes que foi requerido não recebeu a curacompleta. Ele contava: um, dois, três ... e olhando para sua pele. Quatro, cinco, seis...e vendo as feridas no corpo. Mas quando se levantou do sétimo banho, sua pele foitotalmente restaurada. Não adiantaria fazer uma parte do que foi pedido. Precisava cumprir totalmente aordem para receber o milagre completo. Ele tomou um banho de obediência. Naamã estava acostumado a dar ordens para seus subordinados. Como general,não recebia muitas ordens a não ser de seu rei. Ele sabia que ao obedecer estariareconhecendo o profeta com seu superior. Com este ato precisou aprender aobedecer. Sua obediência seria indispensável para receber o milagre que desejava. Para receber a bênção do Senhor, precisamos aprender a obedecer. Obediêncianão é fazer o que quer e sim o que lhe é ordenado sem questionar. Também não podeser parcial, precisa ser completa. Você está disposto a tomar um banho de obediência? Obedeça à vontade de Deus completamente e sem questionar!5º banho - HUMILDADE: “pensava eu que ele sairia a ter comigo... não são porventura... riosde Damasco melhores que todas as águas de Israel?” v.11,12 Imagine um homem muito rico, despindo sua capa e chapéu, retirando distintivos ejoias. Diante de várias pessoas inferiores a ele, desceu às águas e ficou todo molhado.Talvez nem tivesse coragem de encarar as pessoas que o observavam. Foi assim quetomou um banho de humildade. Naamã aprendeu que de nada adiantava todo aquele aparato. Nada resolvia suamaior necessidade. Precisou reconhecer sua carência para se igualar com as outraspessoas que eram inferiores a ele. Várias situações da vida servem para nos ensinar a serem mais humildades.Problemas e dificuldades, bem como relacionamentos difíceis, podem ser ferramentasúteis para quebrar o orgulho. Humildade tem a ver com aceitar humilhação. Onde háarrogância não há espaço para receber o milagre de Deus. Você está disposto a tomar um banho de humildade? Deixe Deus lavar todo orgulho de vida!6º banho - COMPROMISSO: “reconheço que em toda terra não há Deus, senão em Israel ...peço-te uma carga de terra de dois mulos; porque nunca mais oferecerá este teu servo holocausto nemsacrifício ao outros deuses” v.15 e 17
  3. 3. Naamã assumiu publicamente sua fé no Deus de Israel. Pediu uma carga de terrapara ter simbolicamente um lugar da terra santa para buscar ao Senhor. Além disso,prometeu abandonar os outros deuses de sua nação. Para um general seria muito grave deixar de servir aos deuses de seu rei para aderira uma nova fé. Mas diante do milagre que recebeu nada seria difícil. Em gratidão porsua cura, resolveu dedicar sua vida ao Senhor. Também quis ofertar presentes aoprofeta, mas Eliseu não quis aceitar (v.16). O que não falta hoje é pessoas querendo receber bênçãos. Raramente há pessoasdispostas a assumir compromisso. Estão tão acostumadas a usar descartáveis e aconsumir serviços, que isso se assimila em sua espiritualidade. O compromisso comDeus deve ser o resultado de uma experiência milagrosa. Se Jesus doou sua vida pornós, o melhor que temos a lhe oferecer é entregar nossas vidas a Ele. Você já fez um compromisso com Deus! Comprometa-se com o Senhor e sirva-o de coração!7º banho – PERDÃO e PAZ: “... perdoe o Senhor ao teu servo. Eliseu lhe disse: Vai empaz!” v.18,19 Quando Naamã ia embora se lembrou de algo que o preocupou. Sempre queacompanhava seu rei para o templo do seu deus teria que se abaixar para ajudar o reilevantar. Não queria deixar mal entendido de que estaria com isso adorando ao ídolo. Um detalhe pequeno para uma pessoa tão acostumada a rituais e cerimônias. Masagora sabia que não poderia servir a dois senhores (Mateus 6.24). O general que seindignou com o detalhe de se banhar sete vezes no rio Jordão (v. 12) agora é umhomem submisso e interessado em servir a Deus até nas mínimas coisas. A resposta do profeta Eliseu foi “Vai em paz!” (v.19). E foi isso que aconteceu comNaamã. Sua alma foi cheia de paz. O homem ferido e sofredor volta para sua casacom olhos brilhantes de alegria. Não sentia mais as feridas no corpo. Seria aceitopelas pessoas. Poderia abraçar seus familiares. E principalmente serviria a um Deusverdadeiro. A Palavra de Deus promete que “o que confessa e deixa alcançamisericórdia”(Provérbios 28.13). Pecado precisa ser confessado. Quem esconde algonão fica em paz e sim confuso. Uma pequena contradição faz muita diferença. Porisso é preciso sempre pedir perdão mesmo que seja algo simples. Você tem facilidade de pedir perdão? Peça perdão e receba a paz que precisa! Deixe Deus lavar sua vida!-CONCLUSÃO: “então desceu e mergulhou no Jordão sete vezes, consoante a palavra do homemde Deus e a sua carne se tornou como a carne de uma criança e ficou limpo” v.14 Não somente a pele de Naamã foi limpa, sua alma também foi lavada. Ele se tornouum novo homem. Cada um dos sete banhos foram necessários para purificar a vida deNaamã de dentro para fora. Enquanto se banhava, meditava. Este processo foi aforma que Deus quis usar para curar Naamã. Deus poderia ter curado imediatamente, porém preferiu fazer aos poucos para quesua vida fosse purificada. O mesmo acontece conosco quando Deus quer realizar ummilagre e não estamos preparados. Por isso não devemos ser relutantes em obedecer. Você já foi lavado por Deus? Deixe o Senhor purificar totalmente seu viver!

×