Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Formação do 2o Grupo de Empresas para o  MPT  (Melhoria do Processo de Teste)  Nível 1 Abril 2011
Apresentação <ul><li>O SOFTEXRECIFE, em parceria com o SEBRAE/PE, está implementando o 2º grupo de empresas para capacitaç...
Melhoria do Processo de Teste – MPT.Br <ul><li>O  MPT.Br  é um modelo para  Melhoria do Processo de Teste  concebido para ...
Modelo de Trabalho <ul><li>Seleção das empresas do grupo, através de questionário para avaliação da maturidade de teste da...
Demonstrativo de Custos <ul><li>Apoio Financeiro: </li></ul><ul><ul><li>Subsídio de 70% dos custos de implementação e 50% ...
Modelo de Gestão <ul><li>Grupo gestor, composto pelo gerente do projeto (SOFTEXRECIFE), coordenador técnico (NEXT) e repre...
Modelo de Gestão <ul><li>Grupo executivo, composto pelo gerente do projeto e coordenador técnico </li></ul><ul><li>Atribui...
Inscrição no Programa <ul><li>Recebimento dos questionários preenchidos – 25/04/20011 </li></ul><ul><li>Divulgação das 5 e...
Metodologia de Implementação do MPT em Grupos de Empresas
Estrutura do Modelo Referencial Teórico TMM / TMMI MPS.BR CMMI  <ul><ul><li>Base de  </li></ul></ul><ul><ul><li>Conhecimen...
Diretrizes do Trabalho <ul><li>Metodologia de trabalho orientada à necessidade particular da empresa </li></ul><ul><li>Def...
Visão geral da metodologia de trabalho. <ul><li>Realização de avaliação de grau de definição e institucionalização de boas...
Visão geral da metodologia de trabalho. <ul><li>A metodologia está baseada em 3 grandes pilares, que garante a constante t...
Escopo da melhoria dos processo de teste <ul><li>O escopo inicial da melhoria é a implantação do Nível 1 do MPT </li></ul>...
MPT – Nível 1 (1/3) <ul><li>Área de Processo: Gerência de Projetos de Teste (GPT) </li></ul><ul><ul><li>GPT1 – Realizar an...
MPT – Nível 1 (2/3) <ul><ul><li>GPT11 – Planejar o ambiente de teste para o projeto </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT12 – Pla...
MPT – Nível 1 (3/3) <ul><li>Área de Processo: Projeto e Execução de Teste (PET) </li></ul><ul><ul><li>PET1 – Identificar ca...
MPT – Práticas Genéricas do Nível 1 <ul><li>Além das duas áreas de processo (GPT e PET) o nível 1 também compreende 6 prát...
Metodologia de trabalho – Fases * Horas comuns Estrutura Analítica Da Implantação da Melhoria de Processo de Teste  ID FAS...
Metodologia – Macro Cronograma Período (Meses) Atividades 01 02 03 04 05 Fase 1 - Iniciação  Fase 2  - Capacitação   Fa...
 
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Chamada para o Segundo grupo do MPT.Br (Melhoria do Processo de Teste Brasileiro)

914 views

Published on

O SOFTEXRECIFE, está realizando uma chamada para formação do 2º grupo para capacitação e avaliação para o nível 1 do MPT.Br (Melhoria do Processo de Teste Brasileiro).

Este projeto conta com o apoio do SEBRAE/PE, através do Programa de Fortalecimento do APL de TI de Pernambuco, que irá subsidiar grande parte dos custos do projeto.

Os passos para as empresas participarem do programa são:

# Preencher o questionário (baixe através do link http://bit.ly/fRJcFs)

# Enviá-lo para Marcos André Gomes marcos@recife.softex.br).

O processo irá selecionar 5 empresas.

Published in: Technology, Business
  • Be the first to comment

Chamada para o Segundo grupo do MPT.Br (Melhoria do Processo de Teste Brasileiro)

  1. 1. Formação do 2o Grupo de Empresas para o MPT (Melhoria do Processo de Teste) Nível 1 Abril 2011
  2. 2. Apresentação <ul><li>O SOFTEXRECIFE, em parceria com o SEBRAE/PE, está implementando o 2º grupo de empresas para capacitação e avaliação do nível 1 do MPT </li></ul><ul><li>O modelo de trabalho apresentado se baseia diretamente no modelo adotado pelo SOFTEXRECIFE, que já foi testado e avaliado com sucesso em outros projetos e no 1º grupo do MPT </li></ul>
  3. 3. Melhoria do Processo de Teste – MPT.Br <ul><li>O MPT.Br é um modelo para Melhoria do Processo de Teste concebido para apoiar as organizações de software através dos elementos essenciais para o desenvolvimento da disciplina de teste inserida no processo de desenvolvimento de software. O modelo é baseado nas melhores práticas do teste de software e promove a integração das atividades de engenharia  software, otimizando os processos de teste para alcançar os resultados desejados através da entrega de produtos com qualidade. </li></ul><ul><li>Maiores informações: www.mpt.org.br </li></ul>
  4. 4. Modelo de Trabalho <ul><li>Seleção das empresas do grupo, através de questionário para avaliação da maturidade de teste da empresa </li></ul><ul><li>Assinatura de Termo de cooperação técnico financeira entre a instituição organizadora e as empresas integrantes do grupo </li></ul><ul><li>O grupo será formado por até 5 empresas </li></ul><ul><li>O SOFTEXRECIFE atuará como Instituição Organizadora e o NEXT – Núcleo de Excelência em Testes de Sistemas como instituição implementadora </li></ul><ul><li>As empresas integrantes do grupo terão direito à apoio financeiro através do Programa de Fortalecimento do APL de TI de Pernambuco, desenvolvido pelo SOFTEXRECIFE com o apoio SEBRAE/PE </li></ul>
  5. 5. Demonstrativo de Custos <ul><li>Apoio Financeiro: </li></ul><ul><ul><li>Subsídio de 70% dos custos de implementação e 50% dos custos de avaliação para empresas associadas ao SOFTEXRECIFE </li></ul></ul><ul><li>Forma de Pagamento : </li></ul><ul><ul><li>7 parcelas mensais de R$ 700,00 </li></ul></ul>Custos (R$) Valor de Referência Valor do Subsídio Valor Pago pela Empresa Implementação 8.000,00 5.600,00 2.400,00 Avaliação 5.000,00 2.500,00 2.500,00 Total 13.000,00 8.100,00 4.900,00
  6. 6. Modelo de Gestão <ul><li>Grupo gestor, composto pelo gerente do projeto (SOFTEXRECIFE), coordenador técnico (NEXT) e representantes das empresas </li></ul><ul><li>Atribuições do grupo gestor: </li></ul><ul><ul><li>Estabelecer diretrizes </li></ul></ul><ul><ul><li>Definir normas e regras </li></ul></ul><ul><ul><li>Avaliar resultados </li></ul></ul><ul><ul><li>Resolver conflitos </li></ul></ul>
  7. 7. Modelo de Gestão <ul><li>Grupo executivo, composto pelo gerente do projeto e coordenador técnico </li></ul><ul><li>Atribuições do grupo executivo: </li></ul><ul><ul><li>Elaborar planejamento operacional </li></ul></ul><ul><ul><li>Executar o planejamento operacional </li></ul></ul><ul><ul><li>Controlar cronograma </li></ul></ul><ul><ul><li>Administrar recursos </li></ul></ul><ul><ul><li>Prover comunicação </li></ul></ul><ul><ul><li>Garantir que as normas, regras e diretrizes estabelecidas sejam cumpridas </li></ul></ul>
  8. 8. Inscrição no Programa <ul><li>Recebimento dos questionários preenchidos – 25/04/20011 </li></ul><ul><li>Divulgação das 5 empresas selecionadas – 29/04/2011 </li></ul><ul><li>Assinatura dos termos de cooperação – 04/05/2011 </li></ul><ul><li>Início do Projeto – 07/05/2011 </li></ul>
  9. 9. Metodologia de Implementação do MPT em Grupos de Empresas
  10. 10. Estrutura do Modelo Referencial Teórico TMM / TMMI MPS.BR CMMI <ul><ul><li>Base de </li></ul></ul><ul><ul><li>Conhecimento </li></ul></ul><ul><ul><li>ISO 29119-2 </li></ul></ul><ul><ul><li>ISTQB/CSTE/CBTS </li></ul></ul>Modelo de Avaliação Modelo Gestão <ul><li>Conselho Consultivo </li></ul><ul><li>Conselho Técnico </li></ul><ul><li>Unidade Executora </li></ul><ul><li>Instituição Avaliadora </li></ul><ul><li>Instituição Implementadora </li></ul><ul><li>Implementador MPT.Br </li></ul><ul><li>Avaliador MPT.Br </li></ul><ul><li>SCAMPI </li></ul><ul><li>Modelo de Avaliação MPS.BR </li></ul>Modelo de Referência
  11. 11. Diretrizes do Trabalho <ul><li>Metodologia de trabalho orientada à necessidade particular da empresa </li></ul><ul><li>Definição de processos personalizados </li></ul><ul><li>Framework de processos adaptáveis às necessidade específicas de cada organização </li></ul><ul><li>Sugestão de ferramentas cases de apoio a execução dos processos </li></ul><ul><li>Acompanhamento sistemático do projeto de melhoria de processo </li></ul><ul><li>Transferência de conhecimento </li></ul>
  12. 12. Visão geral da metodologia de trabalho. <ul><li>Realização de avaliação de grau de definição e institucionalização de boas práticas de testes segundo modelo MPT. </li></ul><ul><li>Elaboração e apresentação de relatório com pontos fortes e pontos de melhoria. </li></ul><ul><li>Ao longo de todo o processo, realização de reuniões periódicas para acompanhamento de atividades da consultoria e análise de riscos. </li></ul><ul><li>Acompanhamento detalhado atráves do Plano de Ação. </li></ul><ul><li>Realização de pesquisas de satisfação quanto às atividades já realizadas durante a cada etapa do processo. </li></ul><ul><li>Reuniões para definição dos processos. </li></ul><ul><li>Capacitação gradativa da equipe com as práticas de testes. </li></ul><ul><li>Compilação de lições aprendidas e sugestões de melhoria. </li></ul><ul><li>Elaboração e apresentação de relatório final do projeto. </li></ul><ul><li>Acompanhamento de um ciclo completo de utilização do processo em um projeto real da empresa – Projeto Piloto. </li></ul><ul><li>Oportunidades de melhoria de processo identificadas e incorporadas já no Piloto. </li></ul><ul><li>Mentoring da equipe de testes. </li></ul><ul><li>Detalhamento do diagnóstico. </li></ul><ul><li>Priorização dos pontos de melhoria e detalhamento de ações para alcançar os objetivos. </li></ul><ul><li>Elaboração do cronograma do projeto. </li></ul><ul><li>Elaboração e aprovação do Plano de Projeto. </li></ul><ul><li>Reunião de Kick Off (apresentação do planejamento para os envolvidos). </li></ul>Diagnóstico Planejamento Definição do processo em iterações Institucionalização do processo Encerramento do Projeto
  13. 13. Visão geral da metodologia de trabalho. <ul><li>A metodologia está baseada em 3 grandes pilares, que garante a constante troca de conhecimento: </li></ul><ul><ul><li>Treinamentos: Consta de treinamentos formais, com o objetivo de nivelar o conhecimento dos envolvidos </li></ul></ul><ul><ul><li>Consultoria: Reuniões para discutir/propor/definir os processos de teste junto com a empresa </li></ul></ul><ul><ul><li>Mentoring: Exercitar a execução dos processos junto com os colaboradores da empresa </li></ul></ul>
  14. 14. Escopo da melhoria dos processo de teste <ul><li>O escopo inicial da melhoria é a implantação do Nível 1 do MPT </li></ul><ul><li>Nível 1: Primeiro nível de maturidade do MPT, contempla duas áreas de processo: </li></ul><ul><ul><li>Área de Processo: Gerência de Projetos de Teste (GPT) </li></ul></ul><ul><ul><li>Área de Processo: Projeto e Execução de Teste (PET) </li></ul></ul>
  15. 15. MPT – Nível 1 (1/3) <ul><li>Área de Processo: Gerência de Projetos de Teste (GPT) </li></ul><ul><ul><li>GPT1 – Realizar análise de risco do produto </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT2 – Estabelecer objetivos do teste </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT3 – Definir estratégia de teste </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT4 – Definir o escopo do trabalho para o projeto de teste </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT5 – Estabelecer estimativas de tamanho </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT6 – Definir o ciclo de vida do projeto de teste </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT7 – Estimar o esforço e o custo </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT8 – Estabelecer e manter o orçamento e o cronograma do projeto </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT9 – Identificar riscos do projeto </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT10 – Planejar os recursos humanos </li></ul></ul>
  16. 16. MPT – Nível 1 (2/3) <ul><ul><li>GPT11 – Planejar o ambiente de teste para o projeto </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT12 – Planejar os artefatos e dados do projeto </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT13 – Estabelecer indicadores de desempenho de teste </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT14 – Estabelecer o Plano de Teste </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT15 – Revisar e obter compromisso com o Plano de Teste </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT16 – Monitorar o projeto </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT17 – Gerenciar o envolvimento dos stakeholders </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT18 – Executar revisões em marcos do projeto </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT19 – Analisar e registrar os problemas identificados </li></ul></ul><ul><ul><li>GPT20 – Estabelecer e acompanhar ações corretivas até a sua conclusão </li></ul></ul>
  17. 17. MPT – Nível 1 (3/3) <ul><li>Área de Processo: Projeto e Execução de Teste (PET) </li></ul><ul><ul><li>PET1 – Identificar casos de teste </li></ul></ul><ul><ul><li>PET2 – Executar casos de teste </li></ul></ul><ul><ul><li>PET3 – Reportar incidentes </li></ul></ul><ul><ul><li>PET4 – Acompanhar incidentes </li></ul></ul>
  18. 18. MPT – Práticas Genéricas do Nível 1 <ul><li>Além das duas áreas de processo (GPT e PET) o nível 1 também compreende 6 práticas genéricas: </li></ul><ul><ul><li>PG1 – Atingir os resultados definidos </li></ul></ul><ul><ul><li>PG2 – Estabelecer uma política organizacional </li></ul></ul><ul><ul><li>PG3 – Planejar a execução do processo </li></ul></ul><ul><ul><li>PG4 – Identificar e disponibilizar recursos </li></ul></ul><ul><ul><li>PG5 – Definir responsabilidade e autoridade </li></ul></ul><ul><ul><li>PG6 – Prover treinamento </li></ul></ul>
  19. 19. Metodologia de trabalho – Fases * Horas comuns Estrutura Analítica Da Implantação da Melhoria de Processo de Teste ID FASE/ETAPA/ATIVIDADE Esforço (h) Fase 1 Iniciação 16 1.1 Levantamento e mapeamento dos pontos de melhoria 8 1.2 Análise e priorização dos pontos de melhoria 4 1.3 Elaboração e validação do Plano de Ação 4 Fase 2 Capacitação 24 * 2.1 Treinamento &quot;Fundamentos de Teste de Software“ 16 2.2 Treinamento &quot;Gerenciamento de Teste&quot; 8 Fase 3 Planejamento, Projeto e Execução de Teste 20 3.1 Definição de processo e elaboração de templates 16 3.2 Exercícios e mentoring 4 Fase 4 Monitoramento e controle de Teste 20 4.1 Definição de processo e elaboração de templates 16 4.2 Exercícios e mentoring 4 Fase 5 Projeto Piloto 16 5.2 Apoio e acompanhamento 16 Total 96
  20. 20. Metodologia – Macro Cronograma Período (Meses) Atividades 01 02 03 04 05 Fase 1 - Iniciação  Fase 2 - Capacitação   Fase 3 – Planejamento, Projeto e Execução de Teste   Fase 4 - Monitoramento e controle de Teste  Fase 5 - Projeto Piloto 

×