Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

20m cafe introdução

986 views

Published on

Conteúdo da "miniperia.blogspot.com". Venda proibida!

Published in: Education
  • Be the first to comment

20m cafe introdução

  1. 1. 20 Minutos Café20 minutos de Língua japonesa‘Aqui você estuda enquanto toma um café’
  2. 2. Ao leitor: Olá caro Leitor! Esta apostila está sendo produzida sem fins lucrativos, apenas com ointuito de ajudar as pessoas no aprendizado da Língua japonesa. Vocêaprenderá o idioma com apenas 20 minutos de prática diária. Devo lembrá-lo que você precisará dos outros materiais para complementar seu estudo. Para você que é estudante, ou apenas curioso, tenho uma fraseimportante: a língua japonesa é fácil sim! Retire esse paradigma da suacabeça que japonês é complicado! Você apenas ainda não o aprendeu. Nocomeço pode parecer difícil, mas é assim mesmo, isso porque você aindanão se acostumou. É fundamental que você tenha constância, paciência edeterminação. Lembre-se, estudar qualquer outra língua é como uminvestimento em que você só terá retorno daqui a alguns anos. Além domais, a língua japonesa é formada por regras e palavras totalmentediferentes da língua portuguesa. Será um novo modo de falar e expressaridéias que você aprenderá. Primeiramente, não tenha pressa. Não memorize, procure entenderparte por parte. Para cada lição apresentada, leia os exemplos e suasrespectivas traduções. Não se preocupe em reter na memória o formatoexato das frases e nem de sua tradução. O objetivo é apenas compreender osignificado ou a regra de uso da palavra. Uma vez compreendido estesignificado ou sua regra, o objetivo foi alcançado. Em segundo lugar, procure ler apenas enquanto estiver interessado.Não adianta nada ler todas as lições de uma vez e esquecer tudo algunsminutos depois. Se nos forçarmos a executar uma atividade monótona pormuito tempo, depois de alguns momentos a nossa atenção se dispersa enada do que lemos é aproveitado. Eu sugiro a leitura de cada lição atéentendê-la. Lembre-se, o importante é estudar com freqüência e aprender;por isso não se importe com a quantidade de estudos.E finalmente, tenha constância. Mesmo que você já tenha aprendido, leia aslições anteriores. A revisão é extremamente importante. Nós realmenteaprendemos quando revisamos conceitos aos quais já fomos expostos.
  3. 3. Procedendo desta forma, tenha certeza de que tudo o que aprendeu seráabsorvido de forma permanente, constituindo a base fundamental de tudoque irá aprender em seus estudos da língua japonesa. Será fundamental também, que utilize este conhecimento adquirido.Caso contrário, seu cérebro irá aos poucos apagá-lo da sua memória. Paratreinar a escrita e leitura, você pode, por exemplo, escrever pequenos textosou até mesmo um diário. Ensinar outra pessoa ou praticar com um amigopelo MSN ou e-mail, também são outras formas rápidas.Já a capacidade de escuta e fala, precisam ser treinadas com outra pessoa.Ou ainda, você pode utilizar musicas e vídeos, como seriados ou filmes.Uma dica importante é não ter medo de errar. O aprendizado de qualquerlíngua passa por quatro etapas: 1) Falar errado sem saber que está errado; 2) Falar errado e saber que está errado logo depois que falou; 3) Falar certo, mas não com as melhores palavras; 4) Falar certo, com as palavras certas. Resta agora esclarecer um ponto, que é a desculpa favorita de todosnós nos dias de hoje: a falta de tempo. Tempo certamente é fácil deencontrar para fazer aquilo que nos dá prazer. Para resolver o problema detempo para este estudo, pense nesta atividade como algo prazeroso e quelhe trará benefícios enormes, tanto no campo pessoal como profissional. Ealém do mais, o aprendizado e a revisão das lições podem ser feitodiariamente em não mais de vinte minutos. Se levarmos em conta que osintervalos comerciais em programas de televisão geralmente duram entrequatro a cinco minutos, todo o tempo necessário para este estudo pode serencaixado nos intervalos de seu programa favorito, certo? E não complique, nem se proponha a metas irreais, como memorizaruma lição por dia. Ninguém, nem mesmo a pessoa mais determinada temtempo ou disposição para fazer isto todos os dias, a não ser que você sejauma pessoa superdotada. Inevitavelmente você deixará de fazer isto durantealguns dias, e estará falhando em cumprir uma parte importante da receita:a constância. É melhor estudar um minuto todos os dias do que dez horasem um único dia. Lembre-se sempre, o seu dia está cheio de buraquinhosde tempo, que você pode usar para aprender muita coisa. Aprenda avalorizá-los!
  4. 4. Sei que tudo isso parece meio óbvio, mas é meu dever relembrá-los,pois sei que todos acabam esquecendo-se disto. O mais importante é quevocê queira aprender e não desistir em meio às dificuldades que irãoaparecer. Procure ajuda ou entre em contato com a 20 Minutos Café. Qualquer crítica ou sugestão serão bem aceitas e nos ajudarão naprodução de materiais de melhor qualidade. Miniperia.
  5. 5. 20 Minutos de língua japonesa 1 くは 拍となか 拍となか 拍となか 拍となか Kana: silabário fonético japonês Utiliza-se 4 tipos de escrita na línguajaponesa: hiragana, katakana, kanji e oalfabeto latino; e estes 4 tipos podem serusados juntos em uma frase. Inicialmenteestudaremos somente o hiragana e o katakana. Kana é o termo geral para as escritassilábicas japonesas hiragana (ひらがな) ekatakana (カタカナ). O hiragana possuiformas mais arredondadas e é utilizado paraescrever palavras de origem japonesa. Já okatakana possui letras mais quadradas e éutilizado para palavras de origem estrangeira,nomes e onomatopéias. A pronúncia dohiragana e katakana é praticamente similar a • Sílabas modificadas:pronúncia das sílabas portuguesas. 1.1 Hiragana: • Sílabas comuns:
  6. 6. 20 Minutos de língua japonesa 2• Sílabas combinadas: 1.2 Katakana: • Sílabas comuns:
  7. 7. 20 Minutos de língua japonesa 3• Sílabas modificadas: • Sílabas combinadas:
  8. 8. 20 Minutos de língua japonesa 4 Em todas estas tabelas, você pode verificar especial porque é raramente usadoa escrita das sílabas e os sons correspondentes sozinho e não tem um som vogal. Ele éa língua portuguesa. As tabelas azuis anexado com outra sílaba pararepresentam a escrita comercial, e as tabelas adicionar um som nasal / n /. Porem preto representam a escrita à mão. exemplo, かん seria ‘kan’ ao invés de ka, パン seria pan ao invés de pa, e Recomenda-se que você acompanhe os assim por diante.vídeos para ouvir a pronúncia de cada sílaba. 4. Perceba que o som ぢ é essencialmenteVocê também deve gravar sua pronúncia e idêntico a じ e os dois sãocomparar com os sons do vídeo para ter pronunciados como / ji /, enquanto quecerteza que você está aprendendo づ é pronunciado como /zu/ ou/ dzu /.corretamente. Mas ぢ e づ serão usados raramente, Há uma ordem correta de traços para se por isso usem sempre o じ e o ず. Estaescrever cada sílaba. E esta ordem é muito regra é a mesma para o katakana.importante! Acompanhe as vídeo-aulas que 5. A sílaba ち / チ(ti ou chi) tem o som deensinam as ordens dos traços do hiragana e /tchi/ com na palavra “tchau”.katakana, e desde o principio, preste muita 6. O “h” japonês é aspirado como noatenção em sua escrita para evitar maus inglês. Seu som é similar ao /rr/hábitos. Seja paciente e estude frequentemente! português, como na palavra “carro”.O Kana não é difícil, apenas exige força de Por exemplo: a palavra ほ ん seráhábito. Você pode praticar com os exercícios pronunciada /rron/.que estão anexados a este material. 7. A sílaba ふ se pronuncia /fu/ e não /rru/. 1.3 Notas: 8. Os quatro caracteres シ, ン, ツ, e ソ são muito similares uns aos outros. 1. Exceto pelo し / シ (shi), ち / チ (ti ou Basicamente, a diferença é que os dois chi), つ / ツ (tsu), e ん / ン (n) você , primeiros são mais "horizontais" que os pode perceber que todas as silabas outros dois. As pequenas linhas possuem quase os mesmos sons da tendem mais horizontalmente e a linha língua portuguesa. longa é desenhada com uma curva de 2. Os sons das letras “R” e "L” são iguais baixo para cima. Os dois últimos para os japoneses. E suas pronúncias possuem as pequenas linhas quase são um pouco diferente da portuguesa. verticais e a longa é desenhada de cima Por exemplo: “Ra” ou “La” se para baixo. pronuncia /Ra/ ou /RLa/. O som /Rla/ é 9. Os caracteres ノ, メ, e ヌ também muito parecido com o nosso “La”. Mas merecem um pouco de atenção, assim você pode dizer apenas /Ra/ para os como, フ, ワ, e ウ. dois casos. 10. A letra ぎ / ギ (gi) é pronunciada como 3. A sílaba ん / ン (n) é um caractere
  9. 9. 20 Minutos de língua japonesa 5 /gui/, e a letra げ / ゲ (ge) é palavras como exemplo: pronunciada como /gue/. • Para akka, a pronúncia exige uma pequena pausa ao sair de uma sílaba 1.4 Sons Modificados: para outra. É como se você Uma vez que você memorize todos os pronunciasse o /a/ e depois ficasse umcaracteres do kana, você acabou de aprender o segundo em silencio antes dealfabeto, mas não todos os sons. Há mais 25 pronunciar a última sílaba, o KA.possíveis sons que são possíveis colocando • No caso de Anna, pronuncia-seduas pequenas linhas, parecidas com as aspas, primeiro o /an/ para depois falarmos ochamadas dakuten ( 濁 点 ), coloquialmente /na/. Respeitando um pequenoten-ten ("ponto-ponto"), ou um pequeno prolongamento de An (primeira sílaba).circulo chamado handakuten ( 半 濁 点 ), • Massao funciona da mesma forma.coloquialmente maru ("círculo"); ambos Primeiro falamos a sílaba “mas” eposicionados no canto superior direito de um depois de um segundo, terminamos decaractere kana: pronunciar a palavra com “sao”. Sempre que você ler palavras com duasDakuten: ゛Handakuten: ゜ consoantes (KK, TT, SS, etc), basta lembrar-se 1.5 Sons combinados: de pausar um segundo de silêncio, ou de pronunciar por mais tempo, no caso das Estes Kanas Duplos são formados pelo consoantes NN e SS.simples uso de dois símbolos do alfabeto Certo, já entendi como falar, mas comojaponês para formar um som. Esses sons são faço para escrever isso em kana? É bemgeralmente formados com os símbolos や, ゆ, simples. Toda consoante dupla de som mudoよ. Em todas as famílias usamos sempre a vem antecedida de um つ / ツ (tsu), só quesílaba da vogal "I" para formar os kanas duplos. este つ / ツ é bem pequeno. Veja só:Por exemplo, na família do か(ka), usamos a • つ / ツ Tamanho normalsílaba き(ki) para formar きゃ(kya), きゅ • っ / ッ Tamanho menor(kyu) e きょ(Kyo). A consoante ん (n) é a única exceção. Ela é 1.6 Duplicando consoantes: escrita normalmente junto a uma sílaba e não vem seguida por um っ (TSU pequeno). Sendo É comum encontrarmos palavras em assim, as palavras já mencionadas acimajaponês escritas com duas consoantes seguidas. devem ser escritas da seguinte forma:Em romaji (transcrição fonética do japonêspara letras romanas), normalmente • Akka = あっかencontramos palavras escritas da seguinte • Anna = あんなforma: Akka, Anna, Massao. Vamos usar estas • Massao = まっさお
  10. 10. 20 Minutos de língua japonesa 6 As dificuldades de comunicação começam Neste exato momento você deve estar sequando encontramos palavras com consoantes perguntando: Se o prolongamento da vogalduplas, porque elas geram significados ocorre com a vogal depois de uma sílabacompletamente diferentes. Ou seja, aka é uma terminada com a mesma vogal, então porquepalavra bem diferente de akka: せんせい é um prolongamento de "e" e おは せい よう é um prolongamento de "o"? • あか – Vermelho. • あ っ か – Corrupção, imoralidade, Simples. Como na língua portuguesa, no degeneração, piora ou agravação. idioma japonês existem exceções. O prolongamento da vogal え (e) é feito com a Então, cuidado com as consoantes duplas vogal い (i), e o prolongamento da vogal お (o)para não ser interpretado de forma inadequada. é eito com a vogal う (u). Mas cuidado. Nem todas as palavras, com えい ou おう, são 1.7 Prolongamentos das vogais em prolongamentos. Então conheça bem as hiragana: palavras que usa para não fazer confusão: você Assim como as consoantes duplas, as pode estar dizendo coisas como “aqui”(こvogais prolongadas evitam problemas de こ)ao invés de “Ensino Médio”(こうこcomunicação, pois podem gerar significados う)ou “tia”(おばさん)ao invés dediferentes a partir de palavras bem “avó” (おばあさん).semelhantes. Por exemplo: Há umas raras exceções quando um som • おばさん – Tia vogal / e / é estendido por um え ou um som • ばあさん – Avó おばあ ばあ vogal / o / é estendido por um お. Alguns exemplos são おねえ ねえさん, おお e ねえ おおい, Perceberam a diferença entre as duas おおきい. おおpalavras acima? É isso mesmo. おばあ ばあさん ばあpossui um prolongamento da vogal あ ( a ). Outra ressalva importante a se fazer aqui, éComo isso acontece? Sempre que aparecer em relação à pronúncia correta deuma vogal depois de uma sílaba terminada prolongamentos como せんせい おはよう せい, せい よう, ようcom a mesma vogal, ocorre o prolongamento あ り が と う . Quando se trata de umda mesma. prolongamento, falamos a vogal prolongada por um segundo a mais. Sendo assim, as Seguindo essa regra, teremos: palavras mencionadas são lidas da seguinte forma: • ばあさん – Prolongamento da vogal おばあ ばあ a; • せ ん せ い – /sensee/ • ちいさい – Prolongamento da vogal i; ちいさい (Prolongamento de e, fala-se o e • すう – Prolongamento da vogal u; すうき por mais tempo); • せんせい – Prolongamento da vogal e; せい • お は よ う – /ohayoo/ • おはよう – Prolongamento da vogal o. よう (Prolongamento de o, fala-se o o
  11. 11. 20 Minutos de língua japonesa 7 por mais tempo); de resolver estas deficiências foi a de adicionar • あ り が と う – /arigatoo/ versões pequenas dos sons das cinco vogais (ア、 (Prolongamento de o, fala-se o o イ、ウ、エ、オ). Uma nova regra também por mais tempo). foi feita para o som da consoante /w/, para substituir caracteres obsoletos. Além do mais, Em romanji você pode encontrar a a convenção de usar pequenas barras duplasvogal prolongada destacada por um mácron nos sons da vogal para indicar a consoante /v/(¯): “ohayō”, “obāsan”, “otōsan”, etc. também foi estabelecida, mas não é usado freqüentemente. Provavelmente devido ao fato 1.8 Prolongamentos das vogais em de que os japoneses continuam com katakana: dificuldades em pronunciar o /v/. Por exemplo, enquanto você pode achar que "volume" seja O prolongamento de vogais em pronunciado com um som de /v/, os japoneseskatakana é muito mais simples do que em optaram pela simples pronuncia "bolume" (ボhiragana. Todos os prolongamentos são リューム). Da mesma forma, vodka é escritorealizados usando ー . Basta colocar o ーdepois da sílaba terminada com a vogal que como "wokka" (ウォッカ) e não ヴォッカ.desejamos prolongar. Veja os exemplos: Você pode escrever "violin" tanto como バイ オ リ ン ou como ヴァ イ オリ ン . A lista • コンピュー (conpyuuta – do inglês ピュータ ピュー seguinte mostra em destaque os sons que computer) – Computador faltavam e que foram adicionados. Outros sons • テーブル (teeburu – do imglês table) – テー que já existiam são reusados apropriadamente. Mesa • Família do V • チー (chiizu – do inglês cheese) – チーズ Queijo ヴィ(Vi), ヴ(Vu), ヴァ(Va), ヴィ ヴァ ヴェ(Ve), ヴォ(Vo); ヴェ ヴォ Em katakana não existe exceção paraesta regra. • Sílabas sem família 1.9 Sons adicionais do katakana: シェ(she), ジェ シェ ジェ(je), チェ チェ(che), リェ(rye); リェ Por causa das limitações no conjuntode sons do hiragana, algumas combinações • Família do Tnovas foram criadas com o passar dos anos ティ(ti), トゥ ティ トゥ(tu);para suprir os sons que não faziam parte dojaponês originalmente. A mais notável é a falta • Família do Ddos sons /ti/ e /di/ (por causa dos sons /chi/ e ディ(di), ドゥ ディ ドゥ(du);/tsu/) e com exceção do ふ, a falta do som daconsoante /f/. Os sons das consoantes /sh/, /j/ e • Família do TS/ch/ também faltam para a vogal /e/. A decisão ツァ ツィ(tsi ), ツェ ツァ(tsa), ツィ ツェ(tse),
  12. 12. 20 Minutos de língua japonesa 8ツォ(tso);ツォ corretas em Inglês ou possuem um significado diferente da palavra original que supostamente • Família do F deveriam representar. É claro que nem todasファ(fa), フィファ フィ(fi), フェ フェ(fe), as palavras em katakana são derivadas do Inglês. Veja alguns exemplos:フォ(fo);フォ • Família do KWクァ(kwa), クィ(kwi), クー(kwu),クァ クィクェ(kwe), クォクェ クォ(kwo); • Família do GWグァ(gwa), グィグァ グィ(gwi), グゥ グゥ(gwu),グェ(gwe), グォグェ グォ(gwo). Repare que não há som para /wu/. Porexempo, a forma em katakana de "woman" éescrita como "u-man" (ウーマン). ウ Algumas palavras podem não seguir asregras. Por exemplo, enquanto o som /tu/ podetecnicamente ser produzido de acordo com asregras como トゥ, palavras estrangeiras quepassaram a ser populares antes que estes sonsestivessem disponíveis, eram simplesmentepronunciadas com o som de /tsu/. Por Apartir de agora você terá pequenasexemplo, "tool" (ferramenta) continua como lições de 20 minutos. Para estudá-las,ツール (tsuuru), assim como "tour" (excursão) será necessário que você saiba pelocontinua como menos o Hiragana.ツアー (tsuaa). 2. Palavras estrangeiras: É comum nos dias atuais o empréstimode palavras inglesas para o vocabulário japonês.Em torno de 40 % das palavras japonesas jápossuem um correspondente “inglês-japonesificado”; sem contar as palavrasemprestadas de outros idiomas. Algumas vezesas palavras em katakana podem não estar

×