Boletim informativo do Ministério da Saúde                                                         Ano 2    nº 88 Agosto 2...
CRESCIMENTO NO NÚMERO DE TRANSPLANTES E DOAÇÕES                              PRIMEIRO QUADRIMESTRE               PRIMEIRO ...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Número de transplantes realizados no brasil cresce 37%.

1,077 views

Published on

Número de transplantes realizados no brasil cresce 37%.

  1. 1. Boletim informativo do Ministério da Saúde Ano 2 nº 88 Agosto 2012 NÚMERO DE TRANSPLANTES REALIZADOS NO BRASIL CRESCE 37% Investimentos para ampliação dos transplantes e captação de órgãos contribuem para o crescimento da assistência no SUS. Parceria com o Facebook incentiva doação de órgãos O Brasil registrou crescimento no número de transplantes realizados no primeiro quadrimestre 2012. Foram realizados 7.993 procedimentos – crescimento de 37% comparado ao mesmo período de 2011, quando foram notificados 5.842. Os órgãos que mais impulsionaram o desempenho foram coração, pulmão, rim e fígado, com índices de crescimento de 61%, 44% 35% e 32%, respectivamente. Em abril, o Ministério da Saúde possibilitou o aumento de até 60% no repasse de recursos para ampliação do número de transplantes no SUS. Os hospitais que fazem transplante de rim tiveram um reajuste específico de 30% para estimular a realização dos procedimentos e a redução do número de pessoas que aguardam pela cirurgia. Atingimos um patamar importante e hoje o Brasil é uma referência. O país possui o maior sistema público de transplantes do mundo. Hoje, 95% das cirurgias são realizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS), de forma totalmente gratuita à população Ministro Alexandre Padilha
  2. 2. CRESCIMENTO NO NÚMERO DE TRANSPLANTES E DOAÇÕES PRIMEIRO QUADRIMESTRE PRIMEIRO QUADRIMESTRE CRESCIMENTO DE 2011 DE 2012 TRANSPLANTES 5.842 7.993 37% DOADORES 564 726 29%NOVIDADES – Em julho, o Ministério da Saúde e o Facebook anunciaram uma parceria para incentivar a doação deórgãos no país. A funcionalidade tem a missão de agregar e cadastrar possíveis doadores, entre os mais de 37 milhõesde usuários do Facebook no país. A proposta visa também promover a importância de expressar sua intenção de doarusando o poder das redes sociais. O Facebook passará a ter entre suas funcionalidades na Linha do Tempo, a opção de ousuário expor seu desejo de doar órgãos. O internauta poderá adicionar a informação de que é doador e compartilharsua história sobre quando, onde e porque decidiu se tornar um. Esta é mais uma ferramenta que contribuirá para a nossa campanha de incentivo, temos que usar as redes sociais para mobilizar e engajar pessoas que apoiam a causa. Precisamos fazer com que esta ideia seja multiplicada e alcance o maior número de pessoas Ministro Alexandre Padilha

×