Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Midiae politica 2012

1,286 views

Published on

Estudo da FSB sobre o que influencia os parlamentares brasileiros

Published in: News & Politics
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Midiae politica 2012

  1. 1. Mídia e PolíticaHÁBITOS DE INFORMAÇÃO E MONITORAMENTO POLÍTICO 2012 ANO 5
  2. 2. Mídia e PolíticaHábitos de Informação e Monitoramento Político 2012 ANO 5
  3. 3. M627 Mídia e política 2012: hábitos de informação e monitoramento político;5. – Brasília : FSB Comunicações, 2012. 32 p. : il. ; color. ISBN: 978-85-99776-05-6 1. Mídia e Política. 2. Câmara dos Deputados. 3. Pesquisa Parlamentar.4. Comportamento Legislativo. 5. Brasil CDU: 342.532:659.3FSB COMUNICAÇÕES MÍDIA E POLÍTICASÓCIO-FUNDADOR Coordenação-geralFrancisco Soares Brandão Wladimir GramachoSÓCIOS-DIRETORES Análise e RedaçãoMarcos Trindade Wladimir Gramacho e Max StabileTom CamargoMoisés Gomes Coordenação de campoFlávio Castro Bárbara Silva, Max Stabile e Marcelo PimentelINSTITUTO FSB PESQUISA Equipe de entrevistadores Emily Mada Araújo Rocha, Larianne Ramos deSÓCIO-DIRETOR Lacerda, Layla Tayz Rodrigues Marques, RaquelWladimir Gramacho Bartholo, Stephanie Miorim Caetano, Verônica Feliciana Gonçalves do CarmoDIRETORA DE PESQUISARachel Mello Fotografia da capa Nelson JúniorANALISTAS DE PESQUISAMax Stabile Projeto gráfico e capaMarcelo Pimentel FSB DesignESTAGIÁRIA RealizaçãoBárbara Silva Instituto FSB Pesquisa www.institutofsbpesquisa.com.br
  4. 4. SUMÁRIOApresentação 5Amostra e Metodologia 6Hábitos de uso da mídia 9Análise:A regulação da mídia, o adequado e o excessivo 20Tracking Brasília 21
  5. 5. APRESENTAÇÃOSe informação é poder, de onde vem a informação de quem tem poder? Simples,há cinco anos essa pergunta originou a pesquisa “Mídia & Política/FSB”. Estaedição 2012 aprofunda a compreensão sobre as funções políticas e governativasda mídia no Brasil. Muito além de ser fonte de informação para os políticos, naacademia sugere-se que os meios de comunicação são também um espaço dediálogo indireto entre eles, de exercício de poder, de exposição de prestígio e de(des)construção de reputações. Esta pesquisa não pretendeu comprovar estase outras funções, mas revela, sim, a capacidade de influência da mídia sobre asdecisões dos deputados federais, individualmente, e do Congresso Nacional.A edição de 2012 está dividida em duas seções. A primeira descreve os hábitosde uso da mídia dos deputados federais entre 2008 e 2012 e, entre outros dados,descreve o vertiginoso crescimento da internet, que tem ocupado espaços dosjornais (menos) e das TVs (mais) como fonte de informação dos deputados federais.Pelo hábito de quem lê ou pela reputação consolidada há mais tempo, os jornaisainda superam os portais de informação como fonte prioritária dos parlamentares.Contudo, entre os parlamentares nascidos depois de 1970, portanto com 41 anosou menos, a internet já suplantou os jornais como principal fonte de informação.A segunda seção resume alguns indicadores consolidados ao longo de 2011 noTracking Brasília, relatório mensal do Instituto FSB Pesquisa sobre a conjunturapolítica na capital. Esse documento descreve o comportamento presidencial (focodos discursos, composição da agenda, exposição midiática), elabora um rankingde importância pública da equipe ministerial e antecipa tendências decisórias doCongresso Nacional, entre outros indicadores relevantes para a compreensão doprocesso político brasileiro.Ao compartilhar as informações desta publicação, o Instituto FSB Pesquisapretende contribuir para uma maior compreensão sobre a democracia brasileira esobre o papel que nela têm os meios de comunicação. Wladimir Gramacho Sócio-Diretor Instituto FSB Pesquisa 5
  6. 6. Amostra e metodologia Amostra Distribuição dos entrevistados por partido e por UF 0% 5% 10% 15% 20% 20% 15% 10% 5% 0% PT SP PMDB MG RJ PSDB BA PSD RS PP PR PR PE PSB CE DEM MA GO PDT PA PTB SC PSC PB PCdoB ES PPS PI PRB AL AC PV AM PSOL AP PTdoB DF PMN MS PHS MT RN PRP RO PRTB Câmara Amostra RR PSL SE PTC TO6
  7. 7. MetodologiaTodos os dados desta publicação foram coletados pelo Instituto FSBPesquisa ao longo de cinco anos de pesquisas com parlamentarespublicadas desde 2008. As entrevistas, sempre pessoais, foram realizadasnas dependências do Congresso Nacional com os próprios parlamentares,nunca por escrito ou com assessores.A seleção dos parlamentares que respondem à pesquisa é completamentealeatória, respeitando a proporcionalidade dos partidos. Os pesquisadoresque fizeram as entrevistas são altamente qualificados e foram treinadospelo Instituto FSB Pesquisa a cada pesquisa.Entrevistas realizadas Mídia e Política Tracking Brasília Maio 2011 208 Edição 2008 244 Junho 2011 216 Edição 2009 235 Julho 2011 204 Edição 2010 254 Setembro 2011 208 Edição 2011 340 Outubro 2011 217 Edição 2012 209 Novembro 2011 204 Dezembro 2011 209Na atual rodada, foram feitas entrevistas pessoais com 209 Deputados Federaisnos dias 13 e 14 de dezembro de 2011. Ao longo da publicação o número deentrevistados de cada categoria será demonstrado entre parênteses (n). 7
  8. 8. Hábitos deuso da mídia 9
  9. 9. Importância da mídia nas decisões e votosMÍDIA E POLÍTICA 2012 Qual é a importância da mídia nas suas decisões e votos? Vamos utilizar uma escala de zero a dez, em que zero significa nenhuma importância e dez significa máxima importância. 35% 30% 30% Percentual de respostas 25% 20% 15% 13% 10% 11% 11% 9% 9% 5% 5% 5% 3% 0% 2% 2% 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 NS/NR E qual é a importância da mídia nas decisões e votos do Congresso Nacional? Também utilizando uma escala de zero a dez, em que zero significa nenhuma importância e dez significa máxima importância. 35% 30% Percentual de respostas 25% 24% 20% 18% 15% 14% 10% 13% 5% 7% 5% 5% 5% 3% 3% 4% 0% 1% 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 NS/NR Média Desvio Padrão Nas próprias decisões e votos 4,8 2,6 Nas decisões e votos do Congresso Nacional 6,0 2,3 10
  10. 10. Principal fonte de informação HÁBITOS DE USO DA MÍDIAQual é sua principal fonte de informação: jornais, internet, telejornais, rádioou revistas? jornais internet telejornais rádio revistas100% 80% 70% 65% 63% 60% 56% 51% 40% 34% 26% 24% 17% 20% 13% 0% 2008 2009 2010 2011 2012 2008 2009 2010 2011 2012 2012 - 2011 Jornais 70% 65% 56% 63% 51% -12 Internet 13% 17% 26% 24% 34% +10 Telejornais 12% 13% 11% 9% 6% -3 Rádio 3% 2% 4% 3% 5% +2 Revistas 0% 1% 2% 1% 2% +1 Outro 2% 2% 1% 0% 2% +2 11
  11. 11. Os meios mais utilizadosMÍDIA E POLÍTICA 2012 Soma das citações à 1ª e 2ª principais fontes de informação jornais internet telejornais rádio revistas 100% 92% 91% 89% 84% 83% 80% 58% 59% 60% 54% 50% 47% 40% 46% 26% 39% 37% 31% 20% 0% 2008 2009 2010 2011 2012 2008 2009 2010 2011 2012 2012 - 2011 Jornais 92% 91% 83% 89% 84% -5 Internet 26% 39% 47% 58% 59% +1 Telejornais 54% 50% 46% 37% 31% -6 Rádio 14% 9% 9% 7% 10% +3 Revistas 9% 8% 8% 8% 9% +1 Outro 5% 2% 2% 0% 3% +3 12
  12. 12. A Internet e os jovens Deputados Federais HÁBITOS DE USO DA MÍDIAEntre os mais jovens, a internet supera os jornais como principal fonte deinformação jornais internet telejornais rádio revistas100%80% 60%60% 51% 49% 44%40% 41% 44%20% 30% 23% 0% Até 1950 de 1951 a 1960 de 1961 a 1970 Depois de 1971 Ano de nascimento do Deputado Federal Até 1950 de 1951 a 1960 de 1961 a 1970 Depois de 1971 Jornais 51% 61% 44% 44% Internet 30% 23% 41% 49% Telejornais 12% 5% 7% 2% Rádio 5% 7% 0% 5% Revistas 0% 2% 5% 0% Outra 2% 2% 3% 0% 13
  13. 13. A forma de leitura dos jornaisMÍDIA E POLÍTICA 2012 Como o(a) sr(a) lê os jornais: jornal papel, computador, iPad, clipping web, Forma como é feita a leitura dos jornais celular, clipping papel ou alguma outra forma? e estimulada) (múltiplas repostas Jornal papel 81% Computador 22% iPad 15% Clipping papel 5% Clipping web 4% Celular 3% Outros 1% Meios eletrônicos “versus” jornal papel Meios eletrônicos (computador, ipad e celular) Jornal papel Câmara (151) 37% 81% PSD (14) 46% 80% PMDB (22) 42% 94% PT (25) 42% 71% PSDB/DEM/PPS (22) 34% 86% PSB/PDT/PCdoB (22) 33% 78% PP/PR/PTB (28) 33% 83% Outros (15) 29% 76% Nota: Pergunta feita para aqueles que responderam que os jornais eram um das fontes principais de informação. 14
  14. 14. Jornais impressos preferidos HÁBITOS DE USO DA MÍDIA Quais são os jornais de sua preferência? (espontânea e até três citações)Quais são os jornais de sua preferência? (Espontâneo e até três citações) Folha de S. Paulo O Globo O Estado de S. Paulo Correio Braziliense Valor Econômico 100% 84% 78% 78% 80% 74% 72% 60% 49% 39% 38% 38% 40% 36% 20% 0% 2008 2009 2010 2011 2012 2008 2009 2010 2011 2012 2012-2011 Folha de S. Paulo 84% 78% 74% 72% 78% +6 O Globo 49% 39% 38% 36% 38% +2 O Estado de S. Paulo 33% 30% 33% 30% 33% +3 Correio Braziliense 32% 29% 23% 18% 20% +2 Valor Econômico 12% 10% 14% 12% 12% 0 Outros 80% 43% 41% 68% 57% -11 15
  15. 15. Portais de notícias Quais são os portais de notícias de sua preferidosMÍDIA E POLÍTICA 2012 preferência? (espontânea e até três opções) E na Internet, quais são os portais de notícias de sua preferência? (Espontâneo e até três citações) UOL / Folha.com G1 Terra Estadão On-line iG 100% 80% 66% 60% 54% 40% 33% 38% 36% 20% 0% 2008 2009 2010 2011 2012 2008 2009 2010 2011 2012 2012-2011 UOL / Folha.com 33% 38% 36% 54% 66% +12 G1 13% 18% 17% 30% 31% +1 Terra 14% 16% 20% 19% 21% +2 Estadão On-line 2% 5% 10% +5 iG 5% 2% 4% 4% 9% +5 16
  16. 16. Regulação da mídia HÁBITOS DE USO DA MÍDIAO(a) sr(a) acha que deveria haver alguma regulação da mídia? Sim Não NS/NR Câmara (209) 43% 54% 3% PT (38) 87% 13%PSB/PDT/PCdoB (34) 68% 28% 4% Outros (20) 41% 59% PP/PR/PTB (33) 35% 65% PSD (21) 29% 66% 5% PMDB (27) 26% 70% 4% PSDB/DEM/PPS (36) 14% 77% 9%Se sim, qual? Responsabilização/Direito de resposta 25% Conselho/Organismo de regulação 16%Monopólio/Concessão/Democratização 9% Classificação Indicativa 4% Outros 14% NS/NR 32% 17
  17. 17. MÍDIA E POLÍTICA 2012 Avaliação da cobertura midiática Na sua opinião, a mídia em geral retrata o Congresso de forma justa, de forma crítica ou de forma benevolente? Crítica Justa Benevolente NS/NR Crítica Justa Benevolente NS/NR 89% 4%1%6% congresso Crítica Justa Benevolente NS/NR 89% 4%1%6% congresso 89% 4%1%6% E o Governo, a mídia retrata de forma justa, crítica ou benevolente? congresso 62% 8% 23% 7% governo 62% 8% 23% 7% governo 62% 8% 23% 7% governo 74% 17% 4% 5% E partido partido, a mídia retrata de forma justa, crítica ou benevolente? o seu 74% 17% 4% 5% partido 74% 17% 4% 5% partido Como a mídia retrata o Congresso, por partido Crítica Justa Benevolente NS/NR Câmara (209) 89% 4% 6% Outros (20) 90% 7% 3% PMDB (27) 89% 4% 4% PP/PR/PTB (33) 92% 8% PSB/PDT/PCdoB (34) 97% 3% PSD (21) 76% 14% 10% PSDB/DEM/PPS (36) 90% 7% 3% PT (38) 82% 18% 18
  18. 18. HÁBITOS DE USO DA MÍDIA Como a mídia retrata o Governo, por partido Crítica Justa Benevolente NS/NR Câmara (209) 62% 4% 23% 7% PT (38) 79% 3% 18% PSB/PDT/PCdoB (27) 76% 4% 6% Outros (20) 71% 7% 19% 3% PMDB (27) 63% 7% 22% 7% PSD (21) 57% 10% 33% PP/PR/PTB (33) 57% 3% 37% 3% PSDB/DEM/PPS (36) 34% 26% 32% 8% Como a mídia retrata o seu partido, por partido Crítica Justa Benevolente NS/NR Câmara (209) 74% 17% 4% 5% PT (38) 95% 5% PMDB (27) 89% 7% 4% PSB/PDT/PCdoB (34) 82% 15% 3% PP/PR/PTB (33) 70% 14% 14% Outros (20) 63% 17% 20% PSDB/DEM/PPS (36) 56% 36% 8% PSD (21) 52% 38% 10% 19
  19. 19. ANÁLISEMÍDIA E POLÍTICA 2012 A regulação da mídia, o adequado e o excessivo A regulação da mídia é um tema que divide o Legislativo. Pouco menos da metade da Câmara dos Deputados (43%) quer promover um novo marco regulatório para o setor, enquanto pouco mais da metade (54%) prefere não regular a atividade. Daquele lado, estão os partidos de esquerda ou centro-esquerda (PT, PSB, PDT e PCdoB). Deste, os demais. Na agenda desde 2004, quando o Governo Lula enviou ao Congresso projeto de lei que criava o Conselho Federal de Jornalismo, a regulação da mídia vem opondo as empresas de comunicação e os partidos de centro- esquerda, em especial o PT. Mas pouco se sabia sobre a disposição do Congresso em avançar numa regulação e que direção teria. A edição 2012 da pesquisa Mídia & Política/FSB jogou luz sobre esse debate ao identificar uma divisão no Legislativo sobre a oportunidade de estabelecer alguma regulação, mas também sobre o conteúdo prioritário de uma lei para o setor. Quase um terço dos parlamentares entrevistados não soube dizer que regulação deveria ser aplicada à mídia – fruto da falta de prioridade que o tema tem hoje na agenda do Governo e do Congresso. A principal preocupação no Legislativo centra-se na possibilidade de responsabilização da empresa ou do jornalista em caso de dano à imagem e no direito de resposta. Questões emergentes depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) declarou em 2009 a inconstitucionalidade da Lei de Imprensa. Também interessam os parlamentares temas sensíveis para as empresas de mídia, como a criação de um conselho regulatório para o exercício do jornalismo (mencionado por 16% dos entrevistados) e a revisão das regras de concessão com o objetivo de desconcentrar a propriedade dos meios (9%). Se dividido sobre a oportunidade de regular a mídia, unido na avaliação de que os meios de comunicação retratam Governo, Congresso Nacional e partidos políticos de forma crítica. Para alguns parlamentares, ser mais crítico do que justo é o comportamento adequado da mídia. Para outros, representa excessos. 20
  20. 20. foto: José Cruz - ABrBrasíliaTracking21
  21. 21. Avaliação do Governo Dilma RousseffMÍDIA E POLÍTICA 2012 Até aqui, o desempenho da presidente Dilma Rousseff tem sido melhor, igual ou pior que do presidente Lula? 38% 30% 21% 11% Melhor Igual Pior NS/NR Dilma Rousseff tem desempenho melhor, por partido Câmara (209) 30% PSDB/DEM/PPS (36) 43% PSD (21) 43% PMDB (27) 37% PP/PR/PTB (33) 33% PSB/PDT/PCdoB (34) 24% Outros 4% PT (38) 11% 22
  22. 22. TRACKING BRASÍLIADilma Rousseff tem desempenho igual, por partido Câmara (209) 38% PT(38) 71% PSB/PDT/PCdoB (34) 50% PSD (21) 38% Outros (20) 34% PP/PR/PTB (33) 29% PSDB/DEM/PPS (36) 26% PMDB (27) 15%Dilma Rousseff tem desempenho pior, por partido Câmara (209) 21% PMDB (27) 37% PP/PR/PTB (33) 30% Outros (20) 24% PSDB/DEM/PPS (36) 22% PSB/PDT/PCdoB (34) 20% PT (38) 5% PSD (21) 5% 23
  23. 23. Principal problema do PaísMÍDIA E POLÍTICA 2012 Qual é na sua opinião o principal problema do País, atualmente? Segurança 35% 24% 12% 10% 10% 8% 13% 6% 0% Mai Jun Jul Set Out Nov Dez Saúde 35% 26% 22% 21% 19% 19% 13% 10% 0% Mai Jun Jul Set Out Nov Dez Educação 35% 15% 13% 12% 12% 11% 9% 9% 0% Mai Jun Jul Set Out Nov Dez 24
  24. 24. TRACKING BRASÍLIA Economia35% 32% 22% 23% 26% 19% 16% 12%0% Mai Jun Jul Set Out Nov Dez Corrupção / Política / Gestão35% 28% 25% 18% 18% 13% 12% 9%0% Mai Jun Jul Set Out Nov Dez Aspectos Sociais35% 10% 9% 10% 9% 8% 7% 8%0% Mai Jun Jul Set Out Nov Dez 25
  25. 25. Relação do Governo com o Congresso NacionalMÍDIA E POLÍTICA 2012 Que nota, de zero a dez, o(a) sr(a) dá para a relação do Governo com o Congresso Nacional atualmente? Câmara PT PMDB 10 9 8 PT 7 6 5 4 3 2 1 0 Mai Jun Jul Set Out Nov Dez Câmara PSDB DEM PSD 10 9 8 7 6 5 4 PSDB 3 2 1 0 Mai Jun Jul Set Out Nov Dez 26
  26. 26. TRACKING BRASÍLIA Câmara PSB PDT PCdoB 10 9 8 7 PDT 6 5 4 3 2 1 0 Mai Jun Jul Set Out Nov Dez Câmara PR PP PTB 10 9 8 7 PR 6 PP 5 4 3 2 1 0 Mai Jun Jul Set Out Nov DezMédia ao longo do ano Câm. PT PCdoB PDT PTB PSD PMDB PSB PP PR DEM PSDB 6,4 8,4 7,7 6,9 6,7 6,7 6,5 6,4 6,2 5,7 4,5 4,2 27
  27. 27. Avaliação do Governo Dilma RousseffMÍDIA E POLÍTICA 2012 Que nota, de zero a dez, o(a) sr(a) dá para o desempenho geral do Governo Federal até aqui? Câmara PT PMDB 10 9 PT 8 7 6 5 4 3 2 1 0 Mai Jun Jul Set Out Nov Dez Câmara PSDB DEM PSD 10 9 8 7 6 PSDB 5 4 3 2 1 0 Mai Jun Jul Set Out Nov Dez 28
  28. 28. TRACKING BRASÍLIA Câmara PSB PDT PCdoB 10 9 8 PDT 7 6 5 4 3 2 1 0 Mai Jun Jul Set Out Nov Dez Câmara PR PP PTB 10 9 8 PR 7 6 PP 5 4 3 2 1 0 Mai Jun Jul Set Out Nov DezMédia ao longo do ano Câm. PT PCdoB PDT PTB PSD PMDB PSB PP PR DEM PSDB 7,2 8,8 8,3 7,8 7,7 7,6 7,2 7,1 7,0 6,5 5,2 4,9 29
  29. 29. Avaliação da Presidente Dilma RousseffMÍDIA E POLÍTICA 2012 De zero a dez, que nota o(a) sr(a) dá para o desempenho pessoal da Presidente Dilma Rousseff? Câmara PT PMDB 10 9 PT 8 7 6 5 4 3 2 1 0 Mai Jun Jul Set Out Nov Dez Câmara PSDB DEM PSD 10 9 8 7 6 5 PSDB 4 3 2 1 0 Mai Jun Jul Set Out Nov Dez 30
  30. 30. TRACKING BRASÍLIA Câmara PSB PDT PCdoB1098 PDT765432 10 Mai Jun Jul Set Out Nov Dez Câmara PR PP PTB109 PR876 PP5432 1 0 Mai Jun Jul Set Out Nov Dez Média ao longo do ano Câm. PT PCdoB PSD PTB PDT PSC PMDB PP PSB PR DEM PSDB 5,3 7,0 6,2 5,7 5,5 5,5 5,4 5,3 5,2 5,2 4,4 4,1 3,9 31
  31. 31. O relacionamento partidário brasileiroMÍDIA E POLÍTICA 2012 PDT PT PP PSDB PR Nota metodológica Em novembro, perguntamos com que partido, além do seu, o deputado federal tinha melhor relacionamento. A partir do cálculo das distâncias entre as legendas, organizou-se uma análise de rede e localizaram-se os partidos políticos no mapa de relacionamento. Bancadas maiores correspondem a esferas proporcionalmente maiores na figura e as setas representam relacionamentos com maior intensidade e estatisticamente significativas. 32
  32. 32. /PRODUTOS www.institutofsbpesquisa.com.br/Tracking Brasília /Pesquisa Eleitoral e GovernamentalO Tracking Brasília é um serviço de Com experiência em campanhasanálise macropolítica do ambiente municipais, estaduais e nacionais,de poder na capital do Brasil. Ele o Instituto FSB Pesquisa e suacombina dados quantitativos e equipe desenvolvem projetos equalitativos inéditos para descrever programas de pesquisa de opiniãoas condições políticas e o compor- para eleições e para governantes,tamento do Executivo, do Legislati- assegurando um canal válido cien-vo e da Mídia no processo delibera- tificamente de comunicação dostivo e indicar tendências decisórias. cidadãos com lideranças políticas./Survey 360o /Estudo de RiscoConhecer a opinião de representan- Avaliação do processo de discussãotes dos principais públicos de e decisão política de temas deinteresse de uma organização sobre interesse dos clientes em processotemas específicos da instituição é o de debate e deliberação em Brasília.objetivo desse tipo de pesquisa. O Seu objetivo é levantar toda a infor-que pensam acadêmicos, parla- mação relevante sobre o tema,mentares, executivos, líderes da organizá-la e interpretá-la estrategi-sociedade civil organizada, gesto-- camente, servindo de instrumentores públicos e jornalistas? de monitoramento e decisão.www.institutofsbpesquisa.com.br
  33. 33. www.fsbpesquisa.com.br

×