Resumo fluxo de energia e ciclo da matéria

29,684 views

Published on

Published in: Education
2 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
29,684
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
14
Actions
Shares
0
Downloads
388
Comments
2
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Resumo fluxo de energia e ciclo da matéria

  1. 1. Resumo teórico de Ciências Naturais – 8º Ano FLUXO DE ENERGIA E CICLOS DE MATÉRIAOs seres vivos de uma comunidade são ligados através de sua alimentaçãoCadeia Alimentar: é uma sequência de organismos interligados por relações de alimentaçãoNo ponto de origem de todas as cadeias alimentares está sempre umprodutor que, ao servir de alimento a um animal herbívoro, inicia a cadeia e com ela os processos detransferência de energia e de circulação de matéria no ecossistemaNível trófico - Cada ser vivo ocupa uma determinada posição, de acordo com a fonte principal de alimento  Produtores: são seres que produzem o seu próprio alimento.  Consumidores Primários ou de Primeira Ordem: são os organismos que se alimentam dos produtores, são heterotróficos e geralmente herbívoros.  Consumidores Secundários ou de Segunda Ordem: alimentam-se dos herbívoros, sendo representados por carnívoros.  Consumidores Terciários ou de Terceira Ordem: são os carnívoros maiores que se alimentam de carnívoros menores (e assim por diante).  Autotróficos - Seres vivos capazes de produzir a sua própria matéria orgânica, a partir de matéria mineral, água e CO2 e utilizando a luz solar como fonte de energia. Ex. plantas, algas e bactérias fotossintéticas.  Heterotróficos - Seres vivos que obtém matéria orgânica e energia, alimentando-se de (ou seja, consumindo) outros seres vivos. Ex. protozoários, fungos e animais.  Decompositores: finalizando a cadeia alimentar, aparecem os decompositores, microorganismos representados por bactérias e fungos que decompõem a matéria orgânica e transformam-na em inorgânica. São muito importantes, tendo-se em vista que realizam a reciclagem da matéria, devolvendo os elementos químicos ao ambiente.Teias Alimentares: São conjuntos de cadeias alimentares num ecossistema que se interligam.Fluxo de Energia e de matéria: todo ser vivo necessita de energia, que é utilizada para: a) “Construção” do organismo; b) Realização das suas actividades (movimentos, manutenção de temperatura, reacções químicas etc.), Pág. 1Prof. Helena Casanova _ CN
  2. 2. Resumo teórico de Ciências Naturais – 8º Ano  Num ecossistema o fluxo de matéria mantém-se constante ao longo da cadeia alimentar, enquanto que, o fluxo de energia diminui. É por esta razão que quanto maior for a cadeia alimentar ou mais complexa a teia alimentar, maior é a fragilidade do ecossistema.A energia flui unidirecionalmente ao longo do ecossistema e é sempre renovada pela luz solar. A matériaorgânica, porém, precisa ser reciclada e nesse processo participam os seres vivos. Em qualquer ciclo existea retirada do elemento ou substância de sua fonte, utilização por seres vivos e devolução para a sua fonte.Os mais importantes ciclos da matéria são o da água, o do carbono e o do Azoto.O Ciclo da ÁguaOs processos chave do ciclo hidrológico são: a) evaporação, b) condensação, c) solidificação d) precipitação e) infiltração. f) Transpiração.A água no estado líquido está continuamente a evaporar-se. A energia solar aquece a água dos oceanos edas águas das massas terrestres (rios, lagos, lagoas...). Uma vez na atmosfera transforma-se em vapor eforma as nuvens, de onde resulta a chuva. A água, pode ainda, precipitar na forma de neve ou de granizo.As nuvens são transportadas na atmosfera por padrões de clima e pelo relevo.A precipitação forma lençóis subterrâneos nascentes de rios. Os rios drenam para os mares. Pág. 2Prof. Helena Casanova _ CN
  3. 3. Resumo teórico de Ciências Naturais – 8º AnoParte dessa água é absorvida pelos seres vivos e utilizada em seu metabolismo. Através da transpiração,respiração e excreção os seres vivos devolvem a água para o ambiente. SUCESSÃO ECOLÓGICASucessão Ecológica - evolução gradual que ocorre no ecossistema, desde uma comunidade inicial,simples, até outras comunidades mais complexas, duradouras e estáveis.A sucessão ecológica que se inicia numa área anteriormente estéril, como é o caso das ilhas vulcânicas, daareia das dunas, de rochas nuas ou de um lago recém-formado, é chamada sucessão primária.Por vezes, devido a catástrofes naturais, uma comunidade pode ser destruída ou, pelo menos, parcialmenteaniquilada. Uma nova comunidade pode surgir nesse local e evoluir no tempo, constituindo este processouma sucessão secundária.Espécies pioneiras  Primeiras a instalarem-se (exemplos: musgos, líquenes) Primeiros seres vivos a fixarem-se numa região anteriormente não habitada.  Em geral organismos pouco exigentes (produtores).  Vão “transformar” um meio inóspito num meio habitável por outros seres vivos.Ao longo do tempo ocorre a formação de uma camada de solo que permite a instalação de comunidadesmais exigentes e complexas. A comunidade clímax é a comunidade final a instalar-se. Pág. 3Prof. Helena Casanova _ CN

×