Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Advocacy em saúde apresentação pva

396 views

Published on

  • Be the first to comment

Advocacy em saúde apresentação pva

  1. 1. ADVOCACY EMSAÚDEPROJETO VITORIOSAS EMAÇÃOOFICINA DE ADVOCACYJunho/2012
  2. 2. “ Advocacy” quer dizer o quê ?A palavra “advocacy” é importada da língua inglesa enão tem ainda uma tradução consolidada para oportuguês. Seu significado pode ser traduzido comodefesa de interesses ou engajamento ativo - semprereferidos a uma causa, uma idéia, uma proposta.Advocacy, então envolve ação / ativismo ,isto é, nãose trata simplesmente de ser e mostrar-se favorável auma idéia ou uma causa, mas sim de atuar de modoplanejado e estratégico para alcançar os resultadosou situação almejados/ defendidos.Advocacy é a parte de um processo que envolve abusca de mudanças.
  3. 3. O Advocacy é uma ação políticaO Conceito de ação política precisa ser trabalhado, umavez que persiste ainda muita controvérsia em torno dele.A palavra política tem origem grega – polikós exprimindoas atividades relacionadas ao exercício do poder na polis,tendo, pois, relação com o que é urbano, civil, público.Para os objetivos de advocacy, é este último sentido queinteressa – política como procedimento, como modo peloqual uma sociedade e suas instituições lidam com umaquestão. Uma política, neste sentido, pode ser formal(por exemplo, a política Nacional de Assistência Integral àSaúde da Mulher – PNAISM), ou informal.Os objetos de advocay são particularmente as políticaspúblicas.
  4. 4. Elementos do Advocacy ObjetivoInformação / dadosCoalizõesPúblicos envolvidosMensagensArgumentosMonitoramento e AvaliaçãoCaptação de recursos
  5. 5. Estágios do AdvocacyO processo de preparação de umaestratégia de advocay envolve cinco etapasbásicas:1ª Identificação dos problemas2ª Criação de soluções possíveis3ª Estruturação da ação (interna e externa)4ª Ação política5ª AvaliaçãoEstágios do Advocacy
  6. 6. Indicadores de AdvocacyEXEMPLOS: Grau de consciência sobre umaquestão Contribuições para o debate Opiniões modificadas Políticas modificadasMudança política implementada Mudança política na vida daspessoas Melhora sentida pelas pessoas (semevidência)
  7. 7. Participação Popular Xcontrole socialA constituição Federal de 1988 introduziu a democraciarepresentativa e participativa na política brasileira.Para a efetivação desta democracia participativa, aConstituição de 1988 institucionalizou a figura dosConselhos de políticas públicas e de direitos.O controle social da gestão das políticas públicas não selimita à área da saúde - estende-se a todas as áreas dagestão pública, especialmente àquelas que envolvemdireitos constitucionalmente assegurados.
  8. 8. Formas de controle social Conferências de saúdeConselhos de saúdeAudiências públicasComissões de éticaManifestações públicasOuvidoriasConsultas públicasAção popularAção civil pública etc...
  9. 9. Conselhos de saúdeComposição: 50% usuários/as25% profissionais de saúde25% gestoresOs conselhos de Saúde – em nível federal,estadual e municipal – constituem um dosmecanismos de exercício do controle social dasaúde – um espaço institucional de participaçãoda sociedade civil organizada.
  10. 10. ConferênciasAs conferências de saúde acontecem no Brasil desde osanos 1940. A CF 1988 limitou-se a institucionalizá-las. AVIII Conferência Nacional de Saúde, realizada em 1986 eposteriormente denominada “Pré-Constituinte daSaúde” constitui um macro fundamental no processoque levou à criação do SUS.A Lei 8.142/90 institui as Conferências de Saúde comoinstâncias colegiadas do SUS, com a prerrogativa de“avaliar a situação de saúde e propor as diretrizes paraa formulação da política de saúde nos níveiscorrespondentes”. Este é, portanto, um espaçofundamental, de caráter consultivo, de participaçãopara controle social das políticas.
  11. 11. Responsabilidade Social xAdvocacyA experiência do Instituto AVONA experiência do Laboratório ROCHE
  12. 12. Instituições nacionais queatuam em Advocacy• A FEMAMA - Coalizão de ONG’s• ONG’s cearenses associadas FEMAMA• Oncoguia• Instituições de patologias diversas –Plano de Enfrentamento das DCNT
  13. 13. Movimentos populares xAdvocacy -luta das mulheres
  14. 14. O MOVIMENTO OUTUBRO ROSAcomo movimento social – daeducação em saúde ao advocacy• A iluminação ROSA como elementode sensibilização, conscientização emobilização• Lemas anuais como ações deAdvocacy• Conquistas através de
  15. 15. Instituições Internacionaisde apoio ao câncerIUCCACSWFRCSusan Komen
  16. 16. Projetos interessantesProjeto IracemaProjeto Boa ViagemProjeto MAOMÉ *Projeto Pavilhão do Bem / Revista do Bem Projeto 30 sim 30 não*Dia RosaKit RosaProjeto Vitoriosas em Ação – PVARCCC – Rede Cearense de combate aocâncer*Projeto Vida Nova – ACM/ Toque de vida
  17. 17. Rede de assistência oncológica noBrasil, no Ceará e em Fortaleza Manifesto pela vida A importância da Promotoria de defesa deSaúde pública A importância do Comitê Cearense deoncologiaA experiência do Estado do Ceará emAdvocacy na oncologia
  18. 18. O SUS – Conquistas e desafios– Princípios e fragilidades O câncer como patologia de altacomplexidade X alto custo
  19. 19. A causa CÂNCER DEMAMA Elementos estatísticos Câncer: doença indistinta / Personalidades
  20. 20. MENSAGEMMúsica : Moleque atrevido - Jorge AragãoAGRADECIMENTOSCONTATOvaleriamendoncapt@yahoo.com.br9663.0822 (tim)8875.0176 (oi)
  21. 21. REFERÊNCIASBRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Gestão Estratégica eParticipativa. A construção do SUS: histórias da Reforma Sanitária edo Processo Participativo. Brasília: Ministério da Saúde, 2006.CÂMARA, Cristina. Processos Decisórios de Saúde Pública no Brasil.Apresentação no Seminário de Capacitação em Advocay.ACS/FEMAMA. Gramado:2009CONASEMS. Cartilha Conferências Municipais Passo a Passo.Conselho Nacional dos Secretários de Saúde Municipais. Julho, 2003.Disponível em: http://www.femama.org.br/novo/publicacoes-news.php?menu=pub&id=4. acesso em jul/10.LegislaçãoLei 8.142, de 28.12.1990.

×