Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Revista kátia boroni idiomas edição 1 abril 2017

839 views

Published on

Revista digital gratuita, a cada dois meses uma nova edição. Voltada para os aprendizes de inglês, espanhol e português para estrangeiros, a Revista Kátia Boroni Idiomas traz muito conteúdo e diversão!

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Revista kátia boroni idiomas edição 1 abril 2017

  1. 1. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 1 Revista Kátia Boroni Idiomas CAPA
  2. 2. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 2
  3. 3. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 3
  4. 4. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 4 Quem sou eu Meu nome é Kátia Boroni e sou professora de línguas estrangeiras há mais de 20 anos. Tudo começou quando eu tinha oito anos e ganhei um joguinho de computador na década de 80, chamado King Quest III da Sierra. O jogo era um grande avanço para a época, porém tinha um detalhe que me impedia de jogá-lo: era todo em inglês! Meu tio me presenteou com um pequeno dicionário Collins, e ali começou minha história com a língua inglesa, onde logo pedi para fazer um cursinho e acabei me apaixonando pelo idioma. Mas não parei no Inglês, aos 14 anos comecei a estudar Espanhol e hoje sou fluente e leciono ambos os idiomas, além de português para estrangeiros. Ah, e estou aprendendo Francês, e não irei parar nesta língua! Minha trajetória acadêmica é extensa, de tão apaixonada pelo curso de Letras eu o fiz duas vezes! Primeiro Português/Inglês pela PUC-MG (2000-2004), e depois Português/Espanhol pelo UNI-BH (2006- 2009). Fiz duas especializações pelo programa PREPES da PUC-MG, uma em língua inglesa e uma em língua espanhola. Em 2015 fiz o ELMC (especialização em ensino de línguas mediado por computador) pela UFMG. Recentemente terminei minha quarta pós em jornalismo digital, pela Estácio. Comecei a dar aulas aos 15 anos em um projeto do colégio Padre Eustáquio de reforço escolar, onde os melhores alunos eram convidados a ajudar os mais novos a fazerem o para casa, e estudar para as provas. Foi aí que eu decidi que queria estudar Letras e ser professora. O Kátia Boroni Idiomas surgiu em 2000 com a proposta de aulas VIPS ou em pequenos grupos, presenciais ou via Skype para todo o Brasil e o mundo. Sou também blogueira do site Diário de Falcoaria, e do site Corujando por aí de educação ambiental. E a minha coruja Sophia me ajuda em todos os meus projetos, e participa dos vídeos do Kátia Boroni Idiomas. Sejam bem vindos! Kátia Boroni
  5. 5. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 5 Who am I My name is Kátia Boroni and I have been a foreign language teacher for more than 20 years. It all started when I was eight years old, and I won a computer game from the 80's called King Quest III from Sierra. The game was a breakthrough for the time, but there was a detail that prevented me from playing it: it was all in English! My uncle gave me a small Collins dictionary, and then my story with English language started: I soon asked my family to learn English and I fell in love with it. When I was 14 years old I started learning Spanish and today I am fluent and I teach both languages, besides Portuguese for foreigners. Oh, and I'm learning French, and I will not stop at this language! My academic trajectory is extensive, I have two majors in language, the first was in Portuguese/English at PUC-MG (2000- 2004), and then Portuguese/Spanish at UNI-BH (2006-2009). I did two specializations in the PREPES program of PUC-MG, one in English and one in Spanish. In 2015 I took the ELMC course (specialization in computer-mediated language teaching) by UFMG. I recently finished my fourth post-graduation in digital journalism, at Estácio. I started teaching at the age of 15 in a project at Padre Eustáquio High School, where the best students were invited to help the youngest ones to study for exams and do the homework. That's when I decided that I wanted to study Language and become a teacher. Kátia Boroni Idiomas was launched in 2000, with the proposal of VIPS classes or in small groups, at my home office or through Skype for all over Brazil and the world. I am also a blogger on the Diário de Falcoaria (Falconry journal) website, and in the site Corujando por aí (Owldering around) of environmental education. And my owl Sophia helps me in all my projects, and participates in the videos of Kátia Boroni Idiomas, too. Be welcome! Kátia Boroni Quien soy yo Mi nombre es Kátia Boroni y yo soy profesora de lenguas extranjeras desde hace más de 20 años. Todo comenzó cuando tenía ocho años y gané un juego de ordenador de los años 80 llamado King Quest III, de Sierra. El juego fue un gran avance para la época, pero había un detalle que me impedía de jugarlo: ¡era todo en inglés! Mi tío me dio un pequeño diccionario Collins, y así empezaba mi historia con el idioma Inglés. Pronto pedí a mi familia para aprender inglés y me enamoré por este idioma. Pero no me detuve en el inglés, a los 14 años comencé a estudiar español, y ahora soy fluente y enseño los dos idiomas, además de portugués para extranjeros. Ah, y estoy aprendiendo francés, ¡y no me detendré en este idioma! Mi carrera académica es muy amplia, ¡me encanta tanto la carrera de filología que la hice dos veces! Primero en portugués/inglés por la PUC-MG (2000-
  6. 6. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 6 2004), y luego portugués / español por el UNI-BH (2006-2009). Hice dos especializaciones por el programa PREPES de la PUC-MG, una en inglés y otra en español. En 2015 hice el pos grado llamado ELMC (enseñanza de idiomas a través del ordenador) en UFMG. Recientemente he terminado mi cuarto pos grado en periodismo digital, por Estácio. Empecé a enseñar a los 15 años en un proyecto de tutoría en el colegio Padre Eustaquio, donde se invitaron a los mejores estudiantes para ayudar a los más jóvenes a hacer el deber de casa y estudiar para los exámenes. Fue entonces cuando decidí que quería estudiar Filología y ser profesora. El Katia Boroni Idiomas surgió en 2000 con la propuesta de clases VIPS o en pequeños grupos, en mi oficina o por Skype para todo el Brasil y el mundo. Y además soy también bloguera de un sitio de cetrería llamado “Diário de Falcoaria” (diario de Cetrería) y del sitio de educación ambiental llamado “Corujando por aí” (Lechuzando por allí). Y mi lechuza Sophia me ayuda en todos mis proyectos, y también participa en los videos de Kátia Boroni Idiomas. ¡Sean bienvenidos! Kátia Boroni
  7. 7. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 7 Editorial Aprender idiomas não é difícil, mas requer uma mudança importante no dia a dia do aprendiz. É necessário que ele incorpore a língua estrangeira estudada na sua vida, em vários momentos e não apenas durante as aulas. Para ajuda-los no seu processo de aprendizagem estou lançando a Revista Kátia Boroni Idiomas, um espaço para os aprendizes de inglês, espanhol e português para estrangeiros. Na revista vocês irão encontrar artigos sobre o aprendizado de idiomas, dicas de estudo, seções de vocabulário e gramática, histórias em quadrinhos e jogos. Tudo feito com muito carinho por mim para motivá-los, e mostrar que aprender um idioma pode ser divertido e prazeroso. A revista terá uma nova edição a cada dois meses e seu download gratuito poderá ser feito no meu blog: www.katiaboroniidiomas.blogspot.com Espero que vocês aprendam muito comigo! Um grande abraço, Kátia Boroni Editorial Learning languages is not difficult, but requires a major change in the learner's everyday life. It is necessary for him to incorporate the foreign language studied in his life, at various moments and not just during the classes. To help students in their learning process I am launching the Kátia Boroni Idiomas Magazine, a space for learners of English, Spanish and Portuguese for foreigners. In the magazine you will find articles on language learning, study tips, vocabulary and grammar sections, comics and games. All done with a lot of affection for me to motivate you and to show that learning a language can be fun and enjoyable. The magazine will have a new edition every two months, and its free download can be done in my blog: www.katiaboroniidiomas.blogspot.com I hope you learn a lot with me! Best regards, Kátia Boroni Editorial El aprendizaje de lenguas no es difícil, pero requiere un cambio importante en el día a día del estudiante. El estudiante debe introducir la lengua extranjera estudiada en su vida, en varias ocasiones y no sólo durante las clases. Para ayudarles en su proceso de aprendizaje estoy lanzando la Revista Kátia Boroni Idiomas, un espacio para los estudiantes de inglés, español y portugués para extranjeros. En la revista se encontrarán artículos sobre el aprendizaje de idiomas, consejos para estudiar, secciones de vocabulario y gramática, cómics y juegos. Todo hecho con gran afecto por mí para motivar a ustedes, y para demostrar que el aprendizaje de un idioma puede ser divertido y placentero. La revista tendrá una nueva edición cada dos meses y su descarga gratuita puede ser hecha en mi blog: www.katiaboroniidiomas.blogspot.com ¡Espero que aprendan mucho conmigo! Saludos, Kátia Boroni
  8. 8. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 8 Índice Conteúdo x Ferramenta - p. 9 Aprendendo inglês com o Netflix – p.11 Mamão com açúcar Piece of cake Pan comido – p.14 Grammar Notes – p. 16 Rincón de la Gramática – p. 17 Cantinho da Gramática – p. 18 Comics Sophia and Friends – p. 19 Tebeo Sophia y amigos– p. 20 HQ Sophia e amigos – p. 21 Puzzles - Passatempo Pasatiempos p. 22
  9. 9. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 9 Aprendendo a Aprender Dicas de Estudo Conteúdo X Ferramenta Eu sempre vejo as pessoas falando que aprender línguas estrangeiras é chato, difícil, leva muito tempo, entre outras coisas. E muita gente faz aulas, mas quando chegam em casa não tem disposição de estudar e fazer o temido para casa!! Bem, na verdade isso é porque vocês estão considerando a língua estrangeira, que pode ser inglês, espanhol, alemão, italiano ou árabe, como um conteúdo, e aí que mora o perigo. Quando vemos a língua estrangeira como conteúdo a diminuímos, aprendê-la passa a ser um estudo enfadonho, chato, pesado. Mas quando vemos este aprendizado como uma forma de adquirir uma nova ferramenta, tudo muda! Mas como assim uma ferramenta? Se analisarmos os motivos que levam as pessoas a aprenderem uma língua estrangeira, normalmente é por que o mercado de trabalho exige, por que precisam passar em uma prova, e mesmo quando dizem que é para conversação, no fundo os alunos veem o aprendizado deste idioma como um conteúdo a ser adquirido. Mas a verdade é que aprender um idioma, seja ele qual for, é adquirir uma ferramenta, uma chave que abrirá portas comunicativas, que permitirá que você tenha acesso à informação e que mudará sua vida para sempre. Quando encaramos assim o aprendizado de um idioma tudo fica mais claro. Sentimo-nos mais motivados e animados para estudar e buscar formas de interação. Uma ferramenta sem uso enferruja, e não poderá nos ajudar quando mais precisamos, o mesmo acontece com as línguas estrangeiras, não basta aprende- las, é necessário integrar o seu uso à sua vida diária. Por isso que, por mais importante que seja frequentar um curso ou uma aula e fazer os deveres, o essencial é colocar o idioma no seu dia a dia, inclusive no seu tempo de lazer, por exemplo. Então eu convido vocês a refletir: o que vocês gostam de fazer no final de semana? Vamos ver alguns exemplos: Eu gosto de ler: ótimo, que tal tentar ler um livro do seu interesse e no idioma que você está aprendendo? Eu gosto de praticar esportes: bacana, que tal entrar em um grupo do facebook sobre esportes e interagir com as pessoas falando sobre este tema? Eu gosto de viajar: eu também! Então quando for planejar a próxima viagem
  10. 10. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 10 visite blogs de turismo internacionais, assim você conseguirá fazer um roteiro super interessante, e ao mesmo tempo utiliza a sua “ferramenta”. Eu gosto de ouvir música: perfeito, músicas são uma excelente maneira de aprender idiomas, e em breve escreverei um texto sobre como usar as músicas no aprendizado de uma língua estrangeira. E no dia a dia? Eu sempre leio as notícias antes do trabalho. Então porque não acessar os sites de jornais internacionais e ler as manchetes? Eu participo de um grupo de amigos no whatsapp: porque não reunir todos os que também estudam inglês em um grupo e conversar só neste idioma? Quando a gente descobre que a língua estrangeira é uma chave ou uma ferramenta, tudo fica mais fácil, e você vai querer utilizar ela diariamente, de maneiras que você nem imaginava antes. Não se esqueçam de que no meu canal no youtube há vários vídeos, que ajudarão vocês a utilizarem esta ferramenta incrível que é uma língua estrangeira. Beijos, Kátia Boroni
  11. 11. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 11 Aprendendo Inglês com o NETFLIX Aprender uma língua estrangeira unindo diversão ao estudo é sempre uma ótima escolha. Um grande aliado ao aprendizado de línguas estrangeiras é sem dúvida o Netflix! Eu vou ensinar a vocês como usar o Netflix para aprender inglês, então preparem a pipoca e vamos lá! Como funciona? Esta técnica funciona para alunos básicos, intermediários e avançados. O primeiro ponto que vale para todos é colocar o áudio e a legenda em inglês, pois o foco aqui não é na tradução e sim na compreensão auditiva. A língua inglesa é desafiadora, já que sua pronúncia não segue a ortografia, então quando o aluno escuta e lê a palavra, ele indiretamente vai associando a pronuncia com sua grafia. Os benefícios desta atividade são vários: melhora na compreensão auditiva, na pronuncia e na entonação; consolidação de estruturas gramaticais e de vocabulário. Graças a esta atividade a sua fluência em inglês irá aumentar, e você terá contato com diálogos mais próximos da vida real (diferentemente dos diálogos artificiais dos livros didáticos) e mais desafiadores por terem ruídos de fundo, serem mais longos, uso de gírias, etc. Mas porque a legenda e o áudio são sincronizados? Porque quando o idioma original do programa é inglês, as legendas são chamadas de closed caption (CC), ou seja, são legendas para deficientes auditivos, então elas trazem a transcrição do áudio sem alterações. Para funcionar com outros idiomas, o idioma original do programa deve ser o mesmo da legenda. Como utilizar a técnica Alunos básicos: Escolham um seriado ou filme que já tenham assistido, assim vocês já saberão o enredo e não ficarão perdidos na história. Escolham um trecho do programa, pode ser inicialmente uns 15 minutos, com o tempo vocês vão aumentando. Coloquem o áudio e as legendas em inglês e foquem apenas na língua, escutando e lendo juntos, e não se preocupem com o significado das palavras que não conhecem. Quando terminarem os 15 minutos, vocês podem voltar e rever o trecho com o áudio em português e a legenda em inglês para tirarem as dúvidas do significado, mas lembrem-se que a atividade foca na compreensão auditiva e não na tradução! Alunos intermediários e avançados: Vocês podem escolher um programa novo para assistirem. Comecem com seriados, e quando já estiverem acostumados podem partir para os filmes. Caso achem cansativo dividam o seriado ou filme por etapas também. Frequência No mínimo uma vez por semana, mas garanto que vai se tornar uma atividade tão divertida que rapidamente vocês farão
  12. 12. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 12 ela com maior frequência, e com maior duração. Qual seriado escolher? Além das preferências pessoais, devemos levar em conta alguns fatores ao escolher os seriados ou filmes: Accent (sotaque): O sotaque é importante na hora de escolher o seriado. Comece com seriados do mesmo sotaque que estão estudando, e depois assistam com sotaques variados para melhorem sua compreensão. Gênero: O ideal é que você vá experimentando vários seriados e gêneros de filmes até achar um que te interesse, e ao mesmo tempo seja mais fácil para começar nesta atividade. Duração: Comece com pequenos trechos e vá aumentando até conseguir assistir um seriado inteiro. Depois façam o mesmo com filmes. Cultura: É sempre melhor aprender o idioma aliado à sua cultura, então escolham seriados históricos também para assistir. Sugestões de seriados Todos os seriados a seguir possuem a opção de Closed caption, então são perfeitos para a atividade proposta. The Fall –Série policial britânica, com uma interpretação brilhante de Jamie Dornan (50 shades of Grey) e Gillian Anderson (X files). A detetive Stella Gibson (Gillian Anderson) vai a Belfast investigar um caso de assassinato e descobre que há um serial killer envolvido. Wynonna Earp. Seriado americano- canadense que une sobrenatural com o velho oeste, baseado nos quadrinhos de Beau Smith. A série traz a atriz Melanie Scrofano no papel de Wynonna Earp, a escolhida que livrará a cidade de Purgatório de demônios. Divertida e uma boa opção para quem quer aprender e se divertir com cowboys e demônios. Jack Taylor – Drama policial irlandês, baseado na obra de Ken Bruen. Jack Taylor é um ex-policial que se torna um detetive particular, e se envolve em vários mistérios, agindo sempre de forma não ortodoxa. Sherlock – Seriado policial Britânico, baseado na obra de Sir Arthur Conan Doyle. Esta adaptação super premiada conta com Benedict Cumberbatch como Sherlock, e Martin Freeman como Dr. Watson. Shadow Hunters – Seriado Americano sobre anjos e seres sobrenaturais, baseado na obra Instrumentos mortais, de Cassandra Clare. Aventura e mitologia se unem neste seriado divertido e interessante.
  13. 13. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 13 Miss Fisher´s Murder Mysteries – seriado policial australiano. A melhor série que já assisti, para quem gosta de seriados policiais e se encanta com a década de 20, esta é uma grande escolha. Miss Fisher, interpretada por Essue Davis, é uma inglesa que se muda para a Austrália após a guerra, e recebe uma herança milionária. Ela se torna detetive particular e passa a resolver casos misteriosos em conjunto com a polícia local. Excêntrica e divertida, há muito romance, intrigas, suspense e ação neste seriado, que apesar de ser de época, traz o tema do empoderamento feminino de forma divertida e interessante. Agents of SHIELD – Seriado americano. É a história de agentes secretos que convivem com os heróis da Marvel. A série gira em torno do personagem de Phil Coulson, interpretado por Clark Gregg. Ele e seus agentes precisam lidar com vários casos e inimigos incomuns. Ação e suspense garantidos! Desventuras em série – série dramática americana, adaptação da coleção homônima que conta a triste história dos órfãos Baudelaire. Apesar da tristeza a serie consegue entreter e divertir. Ela conta a história de três irmãos: Violet, Klaus e Sunny. Quando seus pais morrem eles passam a morar com vários tutores, e o primeiro deles é Conde Olaf, que tentará roubar a enorme herança deixada pelos seus pais. Stranger Things – O Seriado americano que arrebentou no ano passado. Uma mistura de ficção científica, drama e suspense, ambientado nos anos 80, e que traz muitas referências da época, deixando a minha geração extremamente saudosista! As referências às obras de Steven Spielberg, John Carpenter e Stephen King deixam o seriado ainda mais especial. Ele conta a história de Will Byers, filho de Joyce interpretada por Winona Ryder, que desaparece inesperadamente e fica preso no “mundo invertido”. Seus amigos ao tentarem encontra-lo se deparam com a misteriosa “Eleven”. E a segunda temporada estreia este ano em Outubro! Espero que vocês se divirtam seguindo estas dicas, e melhorem assim a sua fluência em inglês. Na próxima edição teremos como Aprender Espanhol com o Netflix, não percam!! Um grande Abraço, Kátia Boroni
  14. 14. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 14 Parabolé Aprenda Vocabulário Mamão com açúcar As expressões coloquiais são muito importantes, pois sintetizam ideias em poucas palavras. Quando pensamos no aprendizado de idiomas, há uma expressão que é perfeita para acabar com a ideia que muitos tem, de que aprender uma língua estrangeira é muito difícil: aprender idiomas é mamão com açúcar! A expressão mamão com açúcar surgiu na culinária, onde mesmo um doce simples e com poucos ingredientes é capaz de agradar aos mais diversos paladares. Em inglês se muda o mamão pelo bolo, mas a ideia é a mesma: “a piece of cake” ou seja, “um pedaço de bolo” é a expressão usada para demonstrar a facilidade de algum tema ou atividade. Já em Espanhol a facilidade de realizar alguma ação é comparada à facilidade de se mastigar, pois se usa a expressão “pan comido”, ou seja, pão comido ou mastigado. Em português também usamos o termo “mastigado” para algo que já foi previamente facilitado para nós. Piece of cake Idioms are very important, because they synthesize ideas in a few words. When we think of language learning, there is an expression that is perfect to change the idea that many people have, that learning a foreign language is very difficult: learning languages is “mamão com açúcar”! The expression “mamão com açúcar” has appeared in cooking, where even a simple desert with few ingredients is able to please the most diverse palates. In English the papaya is changed by the cake, but the idea is the same: "a piece of cake" which is used to demonstrate the ease of some theme or activity. In Spanish the ease of performing some action is compared to the ease of chewing, as we use the expression "pan comido" that is, chewed bread. In Portuguese we also use the term "mastigado” (chewed) for something that has been previously facilitated for us. Parabolé Aprenda Vocabulário
  15. 15. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 15 Pan comido Las expresiones coloquiales o refranes son muy importantes, ya que sintetizan ideas en pocas palabras. Cuando pensamos en el aprendizaje de idiomas, hay una expresión que es perfecta para poner fin a la idea de que muchos tienen que aprender un idioma extranjero es muy difícil: el aprendizaje de idiomas es “mamão com açúcar” o en español “pan comido”. La expresión “mamão com açúcar” surgió en la cocina, donde mismo un simple dulce con pocos ingredientes es capaz de complacer a todos los gustos. En inglés cambiamos la papaya por el pastel, pero la idea es la misma: "a piece of cake", es decir, "un pedazo de pastel" es la expresión utilizada para demostrar la facilidad de cualquier tema o actividad. Ya en español la facilidad de llevar a cabo algún tipo de acción se compara con la facilidad de la masticación, ya que utiliza la expresión "pan comido". En portugués también se utiliza el término "mastigado" para algo que fue facilitado para nosotros. #KB Exemplos de uso * Examples of use *Ejemplos de uso Aprender idiomas é mamão com açúcar. Learning languages is a piece of cake. Aprender idiomas es pan comido. Passar no exame foi mamão com açúcar. Passing the exam was a piece of cake. Aprobar en el examen fue pan comido. O professor já deixou o conteúdo mastigado para a prova. The teacher left all the exam contents handed on a plate. El profesor dejó facilitado el contenido del examen.
  16. 16. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 16
  17. 17. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 17
  18. 18. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 18
  19. 19. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 19
  20. 20. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 20
  21. 21. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 21
  22. 22. Revista Kátia Boroni Idiomas 1ª edição – Abril 2017 22 PUZZLES – PASSATEMPOS - PASATIEMPOS OVELHA NEGRA Ache a palavra que não pertence ao grupo 1. BOLSA - MALA - CARTEIRA - SACOLA 2. BRACELETE - MEIA - BRINCOS - COLAR 3. VASSOURA - RODO - ESPONJA - PENTE 4. GRAVATA - CHAPÉU - BONÉ - TOUCA 5. This bird of prey flies very high and hunts mostly other birds

×