Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Universidade Federal da Bahia Faculdade de Direito
Direito Ambiental
DISCIPLINA: DIREITO AMBIENTAL DIR034– segundo semestr...
- Perceber a importância da relação ensino, pesquisa e extensão em direito ambiental.
No que diz respeito às competências,...
Roteiro das aulas www.slideshare.net/juliorochaufba (sem download)
Avaliação
Propostas de Avaliação
1. Avaliação: primeira...
BAHIA, Carolina Medeiros. Princípio da proporcionalidade: nas manifestações
culturais e na proteção da fauna. Curitiba: Ju...
__________Direito, democracia e meio ambiente: mediação de interesses pela ação
estatal. Salvador: SRH, 2007.
__________Di...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Faculdade de direitoufba2semdirambiental

787 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Faculdade de direitoufba2semdirambiental

  1. 1. Universidade Federal da Bahia Faculdade de Direito Direito Ambiental DISCIPLINA: DIREITO AMBIENTAL DIR034– segundo semestre de 2013. PROFESSOR DR. JULIO CESAR DE SÁ DA ROCHA E-MAIL: julior@ufba.br CARGA HORÁRIA: 68 HORAS/ AULA Ementa Ecologia e meio ambiente. A crise ambiental. O movimento ecológico. Ecodesenvolvimento e Desenvolvimento Sustentável. Biodiversidade. O processo ecológico transindividual. Direito ambiental. Conceito. Fontes. Princípios. Campos de avaliação. O Direito, os recursos ambientais e o desenvolvimento. Direito Ambiental Brasileiro: sede constitucional e relevância. Direito Ambiental Comparado. A tutela administrativa e judicial do meio ambiente. Objetivos O objetivo do programa é que os estudantes possam: - Discutir o objeto de estudo, o campo de atuação da disciplina direito ambiental; -Analisar marcos teóricos metodológicos para construção do direito ambiental; - Estabelecer parâmetros para um debate acerca da interação entre o Direito, a Ecologia e as demais Ciências Ambientais -Compreender o processo de construção do Direito Ambiental e refletir criticamente sobre as bases das instituições jurídicas, do sistema normativo e seus reflexos atuais. - Permitir que o aluno visualize as transformações, rupturas e permanências dos institutos do direito ambiental; - Evidenciar como o direito ambiental se cristaliza como produto de seu tempo, demonstrando que sua legitimidade busca suas raízes mais profundas na tradição histórica da sociedade que o produz. - Estabelecer conexões entre os diversos ramos do direito correlacionados as questões ambientais na jurisprudência, doutrina e legislação em vigor.
  2. 2. - Perceber a importância da relação ensino, pesquisa e extensão em direito ambiental. No que diz respeito às competências, os estudantes devem ser capazes de: a) aplicar os conhecimentos adquiridos; b) recolher, selecionar e interpretar fontes (primárias e secundárias) da história do direito; c) comunicar os resultados da sua investigação. Conteúdo 1.Ecologia e meio ambiente. A crise ambiental. O processo ecológico transindividual 2. O movimento ecológico. Eco desenvolvimento e Desenvolvimento Sustentável. O Direito, os recursos ambientais e o desenvolvimento. 3. Direito ambiental. Conceito. Fontes. Princípios. 4. Direito Internacional Ambiental e Ordem Internacional 5. Direito Ambiental Brasileiro: Constituição e meio ambiente. Competência em matéria ambiental. Responsabilidade em sede ambiental 6. Política Nacional do Meio Ambiente. Conceitos, SISNAMA e instrumentos da PNMA 7. A tutela administrativa e judicial do meio ambiente. 8. Sistema Nacional de Unidades de Conservação SNUC 9. Biodiversidade. Fauna e Flora. 10. Proteção dos recursos hídricos SINGREH 11. Proteção jurídica do Mar, PNGC 12. Meio Ambiente urbano e Meio Ambiente cultural 13. Meio Ambiente do trabalho 14. Patrimônio Genético e energia nuclear 15. Política Nacional de Mudanças Climáticas PNMC 16.Agrotóxicos e agroecologia 17. Tutela penal do meio ambiente
  3. 3. Roteiro das aulas www.slideshare.net/juliorochaufba (sem download) Avaliação Propostas de Avaliação 1. Avaliação: primeira avaliação escrita (6,0), seis fichamentos (2,0), análise de processos administrativos do IBAMA (2,0) e X peso respectivo (4) 2. Avaliação: segunda avaliação escrita (5,0), paper/seminário Direito Ambiental (5,0) atividade de campo(2,0) X peso respectivo (6) 3. Tema do paper Texto (10 laudas, times/arial tamanho 12, espaço entrelinhas 1,5, capa/contracapa, referência, regra ABNT) entrega final semestre, com análise crítica de jurisprudência nacional e dois autores estrangeiros. Bibliografia Básica FIORILLO, Celso A. P. - Curso de direito ambiental brasileiro. São Paulo: Saraiva, 2012 MACHADO, Paulo Affonso Leme. - Direito ambiental brasileiro. São Paulo: Malheiros, 2012. MILARÉ, Edis. - Direito do ambiente: Doutrina, prática, jurisprudência, glossário. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2009. Bibliografia Complementar A TARDE.Alemanha decide fechar todas as usinas nucleares até 2022. Salvador, 31.05.2011, p. B9. ALMEIDA, Fernando D. M. de. Estatuto da cidade, São Paulo: Revista dos Tribunais, 2004. ASSIS, Olney Queiroz & KUMPEL, Vitor Frederico. Manual de antropologia jurídica. São Paulo: Saraiva: 2011.
  4. 4. BAHIA, Carolina Medeiros. Princípio da proporcionalidade: nas manifestações culturais e na proteção da fauna. Curitiba: Juruá, 2006. BUENO, Eduardo. Brasil: uma história: cinco séculos de um país em construção. São Paulo: Leya: 2010. CANOTLHO, J. J. Gomes. Direito constitucional e teoria da constituição. 2. ed. Coimbra: Almedina, 1998. DINIZ, Maria Helena. Código civil anotado. 13 ed. Sâo Paulo: Saraiva, 2008. FERNANDES, Paulo Victor. Impacto ambiental: doutrina e jurisprudência. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2005. GOMES, Mércio Pereira. Antropologia: ciência do homem: filosofia da cultura. São Paulo: Contexto, 2008. GUSTIN, Miracy Barbosa de Sousa & DIAS, Maria Teresa Fonseca. (Re)pensando a pesquisa jurídica. Belo Horinzonte: Del Rey, 2002. LAGO, André Aranha Corrêa do. Estocolmo, Rio, Joanesburgo: o Brasil e as três conferências ambientais das Nações Unidas. Brasília: MRE/IRBR e Fundação Alexandre de Gusmão, 2007 LEITE, José Rubens Morato. Dano ambiental: do individual ao coletivo extrapatrimonial. São Paulo: Saraiva, 2012. .LE PRESTRE, Philippe. Ecopolítica internacional. Trad. Jacob Gorender. São Paulo: SENAC, 2000. LORENZETTI, Ricardo Luis.Teoria geral do direito ambiental. (Trad. Fábio Costa Morosini & Fernanda Nunes Barbosa). São Paulo: Revista dos Tribunais, 2010. MEIRELLES, Hely Lopes. Direito administrativo brasileiro. 16 ed. Sâo Paulo: Malheiros, 1991. PEREIRA DA SILVA, Vasco. Verde cor de direito: lições de direito do ambiente. Coimbra: Almedia, 2002. PRIEUR, Michel.Droit de l´environnement. 4. ed. Paris: Dalloz, 2001. PÁDUA, José Augusto. Um sopro de destruição: pensamento político e crítica ambiental no Brasil Escravista (1786-1888). Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2002. ROCHA, Julio Cesar de Sá da. Direito ambiental do trabalho. 2 ed. São Paulo: Atlas, 2013. __________Democracia na gestão das águas. Salvador: EDUNEB, 2012.
  5. 5. __________Direito, democracia e meio ambiente: mediação de interesses pela ação estatal. Salvador: SRH, 2007. __________Direito Ambiental e Racismo Ambiental: Direitos Humanos e Justiça Ecológica. Temas de Teoria da Constituição e Direitos Fundamentais. Salvador: Juspodivm, 2007. __________Meio ambiente do trabalho. Trabalho & Doutrina. São Paulo: Saraiva, p. 104¬12, dez. 1996. __________Direito ambiental e meio ambiente do trabalho: dano, prevenção e proteção jurídica. São Paulo: LTr, 1997. __________Direito ambiental e meio ambiente do trabalho: considerações sobre o am¬biente de trabalho rural e a questão dos agrotóxicos. In: O novo em direito ambiental. (Org. Marcelo D. Varella & Roxana C. B. Borges). Belo Horizonte: Dei Rey, pp. 153-183,1998. __________Considerações jurídicas sobre meio ambiente e saúde. Debates Sócio¬Ambientais. São Paulo: Centro de Estudos de Cultura Contemporâ¬nea (CEDEC). Ano 111, n. 8:(10-11), nov.ldez.ljan.lfev., 1997/1998. SANDS, Philippe. Principles of international environmental Law. Manchester: University Press., 1995. SANTANA, Heron José de. Direito Ambiental - Pós Moderno. Curitiba: Juruá, 2009. SERRANO, José-Luis. Concepto, formación y autonomia del derecho ambiental. In: O novo em direito ambiental (Org. Marcelo Dias Varella & Roxana Cardoso B. Borges.). Belo Horizonte: Del Rey, pp. 33-49, 1998.

×