OFICINA DE TWITTER AREALVA 17.11.2011

1,246 views

Published on

Apresentação integrante da Oficina de Twitter para gestores da área de cultura e educação oferecida no município de Arealva SP

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,246
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
17
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

OFICINA DE TWITTER AREALVA 17.11.2011

  1. 1.
  2. 2. <ul><li>O que é uma #REDEMIS? </li></ul><ul><li>Porque no MIS Museu da Imagem e do Som de São Paulo? </li></ul>
  3. 3. A quem nos dirigimos?  NATIVOS DIGITAIS
  4. 4.     História das Mídias Revoluções permanentes de suportes/comunicação no Planeta  educação cultura  comunicação  memória   Invenção da fala/oralidade Origem  identidade  representação  teatro  contação de histórias
  5. 5. Invenção da escrita Inscrições  códigos  alfabeto  livro  perene   Invenção da biblioteca Acervo  busca  espaço para a leitura  memória coletiva   Invenção do livro impresso  educação cultura leitura para todos  biblioteca pública
  6. 6. Invenção das Revistas científicas  comunicação pública de resultados globalização da pesquisa  imagens científicas (esquema X realismo)   Invenção da fotografia  Imagem entra no jogo da comunicação   Invenção do jornal  imagem + foto  tiragens  diário (peixaria açougue)
  7. 7. Invenção do telégrafo  a rede se projeta  abreviar é preciso (línguas semíticas)   Invenção do telefone  o mundo fica pequeno  áudio global  chat bate-papo   Invenção do radio  maior integração do planeta  era do rádio
  8. 8. Invenção do cinema  a imagem toma a cena   Invenção da televisão  mundo unificado  visão oficial  passividade   Invenção do computador  Linguagens artificiais  Algoritmos Rotinas Programas  começa a nova revolução em curso  interatividade volta da escrita
  9. 9. <ul><li>A própria sociedade é um conjunto de redes. Mesmo que você não queira organizar rede nenhuma você já pertence a rede mãe (sociedade). </li></ul><ul><li>Redes Sociais são pessoas. Desde que existam pessoas se relacionando já existe rede social. </li></ul><ul><li>A tecnologia acelera e transforma as conexões entre as pessoas. </li></ul><ul><li>Tudo que é sustentável, tem padrão de rede, exemplo: organismos vivos (redes biológicas) </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Redes sociais não são digitais, não são o facebook ou twitter, não estão no mundo digital...Como o nome está dizendo: estão na sociedade, somos nós. </li></ul><ul><li>Nenhuma tecnologia pode construir uma rede se as pessoas não constituírem uma comunidade. </li></ul><ul><li>Redes Sociais: conjunto de relações, conexões ou caminhos. Há rede quando são múltiplos os caminhos entre os nodos. </li></ul>
  11. 11. Escrita (3200 a.C.) – Correios (500 a.C.) Calculadora (1623) – Computador (1833) –Telefone (1860) – Computadores conectados (1950) – Rede Mundial (1960) – Internet (1970) – Microsoft (1975) – Mouse (1982) – Chat (1988) – Site de Busca (1990) – Linux (1991) – Yahoo (1995) – Internet Explorer (1995) – Hotmail (1996) – Web 1.0 (1996) – Blog (1997) – Google (1998) – Banco Virtual (1999) – Messenger (1999) – Blogger (1999) – Wikipedia (2001) – Download Música (2003) – Facebook (2004) – Web. 2.0 (2004) – You Tube (2005) – Twitter (2006) – Iphone Smartphone (2007) – Ipad (hoje) ...
  12. 12. <ul><li>As redes sociais podem ser utilizadas para: </li></ul><ul><li>Criar uma comunidade de aprendizagem para a escola, classe ou disciplina, grupos. </li></ul><ul><li>Compartilhar informações e ideias com outros profissionais e especialistas. </li></ul><ul><li>Aprender sobre redes sociais. </li></ul><ul><li>Criar um canal de comunicação entre estudantes de diferentes escolas e com interesses em comum </li></ul><ul><li>Encontrar conteúdo para compartilhar (em Escolas, Centros Culturais, Bibliotecas) </li></ul><ul><li>Divulgar enventos (transmissão streaming) </li></ul><ul><li>Encontrar novos caminhos para gestores </li></ul>
  13. 13. WEB 2.0 <ul><li>O termo Web 2.0 é utilizado para descrever a segunda geração da World Wide Web -tendência que reforça o conceito de troca de informações e colaboração dos internautas com sites e serviços virtuais. A ideia é que o ambiente on-line se torne mais dinâmico e que os usuários colaborem para a organização de conteúdo. </li></ul>
  14. 14. “ O grande passo das redes sociais que iniciou em 2006 e continua até hoje em constante evolução é a integração entre redes sociais. Ainda se falava muito em Web 2.0 e de fato se trabalha até hoje com ela, mas a ideia de Web 3.0 começava a ganhar força e agradar tanto desenvolvedores quanto usuários. A grande diferença da Web 2.0 para a 3.0 é justamente esta integração. Enquanto aquela é voltada ao compartilhamento de informações, esta é voltada à integração delas. Hoje, estamos no meio de um processo de transição entre estes dois [...] ”
  15. 15.
  16. 16. “ O texto no papel é escrito e lido linearmente, seqüencialmente – da esquerda para a direta, de cima para baixo, uma página após outra; o texto na tela – o hipertexto – é escrito e é lido de forma multilinear, multi-seqüencial, acionando-se links sem que haja uma ordem preferida. A dimensão do texto no papel é materialmente definida: identifica-se claramente seu começo e seu fim, (...) o hipertexto, ao contrário, tem a dimensão que o leitor lhe der.” (Soares, 2002, p. 150 Soares, 2002, p. 150). SOARES, M. B. Novas práticas de leitura e escrita: letramento na cibercultura. In: Educação e Sociedade/Centro de Estudos Educação e Sociedade – Vol. 23, n. 81. São Paulo: Cortez: Campinas: Cedes, 2002.
  17. 17. BLOGGING (Edu-blogs) Em 17 de dezembro de 1997 , Jorn Barger criou uma ferramenta onde os internautas podiam relatar notícias, desenvolver artigos ou até utilizar como diário. Foi aí que surgiu o termo &quot;Weblog&quot; que, em meados de maio de 1999 , Peter Merholz o modificou, de brincadeira, para &quot;We Blog&quot; (nós blogamos), na sidebar do seu blog Peterme.com. Pouco tempo depois, Evan Williams do Pyra Labs começou a utilizar o termo &quot;to blog&quot; ( blogar , referindo-se a postar em um weblog) e também criou uma das mais famosas ferramentas de blogs da atualidade: o Blogger, que em 2003 foi comprado pelo Google. ( O surgimento dos blogs e sua importância )
  18. 18. Skoob – rede social brasileira de livros
  19. 19. Twitter é umarede social e servidor para microblogging, que permite aos usuários enviar e receber atualizações pessoais de outros contatos (em textos de até 140 caracteres, conhecidos como &quot; tweets &quot;), por meio do website do serviço, por SMS e por softwares específicos de gerenciamento.
  20. 20.
  21. 21. <ul><li>“ Cabe a nós, professores, a tarefa de abrir os olhos para essa nova oportunidade. O processo de aprendizagem não é somente transmitir o conhecimento e sim ensinar como usá-lo, como modificá-lo e até mesmo discordar dele. Temos as ferramentas, só falta usar.” </li></ul><ul><li>( Por que não usar as redes sociais no ensino?) </li></ul>
  22. 22.
  23. 23. BORA LÁ NAVEGAR NAS REDES JUNTOS JOSÉ LUIZ GOLDFARB #REDEMIS INTERIOR @JLGOLDFARB @PUC_SP #REDEMIS #DOEUMLIVRONESTENATAL
  24. 24. Baseado em REDES SOCIAIS NA EDUCAÇÃO ANA CELIA DE OLIVEIRA FERREIRA Técnica Pedagógica de Ciências e-mail: [email_address] Blog: http://biosferams.org Twitter: http://twitter.com/biosfera_ms Tumblr: http://biosferams.tumblr.com

×