Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Escarlatina aula

829 views

Published on

Apresentação em Power Point sobre doença exantemática pediátrica,escarlatina.

Published in: Health & Medicine
  • Be the first to comment

Escarlatina aula

  1. 1. Internos: José Victor Rabelo Rodrigues Murillo Macêdo Pinto Roberto Miller Pires Figueredo 9º período Medicina Unievangélica
  2. 2.  Exantema: erupção cutânea generalizada aguda de curta duração,sendo:  A-Rubeoliforme/Morbiliforme;  B-Escarlatiniforme:  Particularidades: -eritema difuso puntiforme; uniforme; -desaparece sob digitopressão; Introdução
  3. 3.  “Erupção eritêmato-papulosa difusa, iniciada no cotovelo, região inguinal e superfície interna das coxas” Resulta de Infecção bacteriana:  Streptococcus pyogenes (estreptococo beta-hemolítico do grupo A – SGA)  Produção de exotoxina eritrogênica (A, B ou C) Conceito
  4. 4.  Relaciona-se com diversas síndromes infecciosas que acometem trato respiratório; Ex:Faringite;Piodermites; Impetigo; Erisipela; Celulite; Fasceiite Necrotisante.  Mais comum em pré-escolar e escolares (3 aos 15 anos);  Raro em lactentes ( ação dos anticorpos circulantes); Epidemiologia
  5. 5.   Transmissão: o Contato pessoa/pessoa:gotículas do infectado o Adesão do Streptococcus às células epiteliais respiratórias o Propagação da infecção (enzimas digestivas extracelulares) o Formação exsudato com processo inflamatório local Etiopatogênese
  6. 6. Anamnese: Início Súbito:  Febre, vômitos, cefaléia, dor abdominal  Faringite estreptoccócica  Odinofagia  Recusa Alimentar Exantema: após 12 a 24h Quadro Clínico
  7. 7.  Exame físico:  Orofaringe: -Edema e hiperemia com exsudato, evoluindo até úvula e pilar amigdaliano; petéquias em palato;  Linfonodos: -Adenomegalia cervical e submandibular;  Eritema difuso da face, com palidez perioral (Sinal de Filatov);  Linhas transversais de hiperemia que não empalidecem à compressão, nas pregas articulares (Sinal de Pastia)
  8. 8. Língua em FramboesaLíngua Saburrosa Após 1 a 2 dias
  9. 9.  Pele Áspera (lixa)
  10. 10. Exantema Maculo-papular eritematoso Inicia no tronco e se dissemina para MMSS e MMII;
  11. 11.  Sinal de Filatov: Palidez Perioral
  12. 12.  Sinal da Pastia Linhas pigmentadas em: -SUPERFÍCIE FLEXORAS o Braços o Raízes de Coxas
  13. 13.  Descamação Lamelar
  14. 14. 1. Clínico: 2. Exames subsidiários  Laboratório: -Leucocitose c/ desvio à esquerda;  Detecção rápida do antígeno estreptocócico ASO- detecção infecção faríngea Anti-Dnase B – mais específico faringe e pele;  Cultura: Swab de orofaringe em meio-ágar Sensível= 90~95% Diagnóstico
  15. 15.  Antibioticoterapia  1ª escolha :Penicilina G benzatina (dose única) <25kg e >25kg ̶ Alternativo: Amoxicilina 50 mg/kg/dia ,12/12 hs por 10 dias  Sintomáticos:  antitérmicos; analgésicos(paracetamol)  antieméticos(metoclopramida; bromoprida) Tratamento 1.200.000 UI600.000 UI
  16. 16.  Se alérgico a penicilina:  Eritromicina (40mg/kg/dia), 10 dias;  Claritromicina (15 mg/kg/dia), 10 dias;  Azitromicina (10 mg/kg/dia), 15 dias;
  17. 17.  OBRIGADO! “Nem sempre terás o que desejas, mas enquanto estiveres ajudando aos outros encontrarás os recursos de que precisas” Chico Xavier
  18. 18.  1. Clínica Médica FMUSP,Vol7,cap.3 Estafilococcias p.472,ed.Manole,2013; 2. Nelson, Tratado de Pediatria, 18ªed,2008; Referências Bibliográficas

×