B    I     M   n     e     tDESAFIOS DA COORDENAÇÃO E NORMALIZAÇÃO      DO PROJECTO PARQUE ALQUEVA                SAIP Tur...
B    I     M   n     e     t                  RONCÃO D’EL REI      Campo de Golfe                              Estabelecim...
B    I     M   n     e     t        OBJECTIVO          receber         actualizar          distribuirtoda a informação de ...
B    I     M   n     e     tPRINCÍPIOS ORIENTADORES      exclusividade     responsabilidade       flexibilidade           ...
B    I     M   n     e     tMATERIALIZAÇÃO DOS PRINCÍPIOS        MS Sharepoint               XREFs          BYLAYERs      ...
B    I     M   n     e     tSHAREPOINT       quem       o quê      quando      17   NOVEMBRO   2010
B    I     M   n     e     tXREFs    17   NOVEMBRO   2010
B    I     M   n     e     t   BYLAYERsINSERT + EXPLODE         17   NOVEMBRO   2010
B    I     M   n     e     tEVOLUÇÃO     17   NOVEMBRO   2010
B    I     M   n     e     t                PONTOS DE SUCESSO                                                             ...
B    I     M   n     e     t               ACÇÕESPreventivas              Manual de Procedimentos              Guia de Ref...
B    I     M   n     e     t           DIFICULDADES          curva de aprendizagem   resistência ao upload de informação  ...
B    I     M   n     e     tObrigadoPerguntas    &Respostas     jma@saip.pt     17   NOVEMBRO   2010
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Desafios da Coordenação e Normalização do Projecto Parque Alqueva

318 views

Published on

Presentation given at the BIM Networking and Project Standartization. Organizer TECAD Integrated Solutions for Project. Portugal, 2010.

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Desafios da Coordenação e Normalização do Projecto Parque Alqueva

  1. 1. B I M n e tDESAFIOS DA COORDENAÇÃO E NORMALIZAÇÃO DO PROJECTO PARQUE ALQUEVA SAIP Turismo Arqº Joaquim Agostinho 17 NOVEMBRO 2010
  2. 2. B I M n e t RONCÃO D’EL REI Campo de Golfe Estabelecimento Hoteleiro Clubhouse Infraestruturas Primárias Casa de Manutenção Vias de Comunicação Centro náutico Centro desportivo Centro náuticoAldeamento turístico Parque radical Observatório de avifauna Centro equestre Porto de recreio Residência sénior Campo de férias Zona balnear 17 NOVEMBRO 2010
  3. 3. B I M n e t OBJECTIVO receber actualizar distribuirtoda a informação de projecto 17 NOVEMBRO 2010
  4. 4. B I M n e tPRINCÍPIOS ORIENTADORES exclusividade responsabilidade flexibilidade 17 NOVEMBRO 2010
  5. 5. B I M n e tMATERIALIZAÇÃO DOS PRINCÍPIOS MS Sharepoint XREFs BYLAYERs 17 NOVEMBRO 2010
  6. 6. B I M n e tSHAREPOINT quem o quê quando 17 NOVEMBRO 2010
  7. 7. B I M n e tXREFs 17 NOVEMBRO 2010
  8. 8. B I M n e t BYLAYERsINSERT + EXPLODE 17 NOVEMBRO 2010
  9. 9. B I M n e tEVOLUÇÃO 17 NOVEMBRO 2010
  10. 10. B I M n e t PONTOS DE SUCESSO % conf. % não conf. Estrutura de montagem de ficheiros (gestão xrefs) 33% 67% Conteúdo de layers 81% 19%Sintaxe de layers de acordo com NP EN ISO 13567 54% 46% CELTSCALE = 1 87% 13% Formatação de Blocos (BYLAYER, Layer 0, etc.) 98% 2% Cor BYLAYER 72% 28% Tipos de linhas BYLAYER 84% 16% Espessuras BYLAYER 82% 18% 17 NOVEMBRO 2010
  11. 11. B I M n e t ACÇÕESPreventivas Manual de Procedimentos Guia de Referência Rápida Templates Linha SOSCorrectivas Auditorias 17 NOVEMBRO 2010
  12. 12. B I M n e t DIFICULDADES curva de aprendizagem resistência ao upload de informação (direitos de autor e direitos morais) AutoCAD 2004 SHAREPOINT vs. AUTOCADcópia offline -> sincronização / trabalho realtime 17 NOVEMBRO 2010
  13. 13. B I M n e tObrigadoPerguntas &Respostas jma@saip.pt 17 NOVEMBRO 2010

×