Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Tecnologias de transmissão e topologias de rede

0 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Tecnologias de transmissão e topologias de rede

  1. 1. REDE ETHERNETÉ uma topologia de rede local, utiliza num método de cablagem que liga dispositivos na Ethernet e os standards obedece a regras que regulam essa comunicação.Os dispositivos ethernet ligam-se a um meio físico comum, que fornece um caminho através do qual os sinais eléctricos circulam, normalmente fios de cobre ( pares trançados e fibra óptica).Ao meio físico partilhado dá-se o nome de segmento Ethernet e os dispositivos ligados a ele designam-se por nós.
  2. 2. CONSTITUIÇÃO DA FRAME ETHERNET• Preâmbulo- 7 bytes ou 56 bits necessários para o sincronismo.• SFD- byte que indica o inicio do frame dado pela sequência 101010101• MAC de Destino- endereço MAC (6 bytes) da estação á qual se destina o frame• MAC de Origem- endereço MAC da estação que enviou o frame• Tamanho/tipo- se o valor for = 1500 indica o tamanho total do campo de dados , se 1500 indica o tipo (IPv4, IPX, etc). Ocupa 2 bytes do frame Ethernet.• Dados- mínimo de 46 bytes e máximo de 1500 bytes. A informação que está a ser transmitida for maior que 1500 é repartida por fragmentos e reconstruida no final .• FCS – (frame check Sequence) de 32 bytes para verificação de erros.
  3. 3. TOKEN-RINGEsta tecnologia é baseada numa topologia em anel e foi desenvolvida pela IBM.Pode operar a 4 mbps ou 16 mbps e tem um limite de 260 estações.Quando usado o cabo STP 100 metros.No mínimo cada estação terá de estar distanciada pelo menos 2,5 metros da outra
  4. 4. METEDOS DE ACESSOO controlo de acesso ao meio faz-se através de um token .Este quando capturado por uma estação, concede acesso exclusivo ao meio, razão pela qual nunca há lugar a colisões.O tempo token que o. token permanence em cada nó é limitado
  5. 5. Quando uma estação quer transmitir espera a passagem do token livre a captura para ter acesso ao meio e altera os bits de controlo adicionam- lhe dados .O frame passa a circular no anel em direcção ao destino.
  6. 6. As estações que se encontrarem entre a de origem e a de destino apenas copiam de novo a mensagem e voltam a colocar no meio para a estação seguinte.
  7. 7. Quando o frame chegar de novo á estação de origem é capturado sendo posteriormente destruído e libertado um novo token .
  8. 8. CONSTITUIÇÃO• SD- Starting Delimiter de 8 bits indica o inicio do frame.• AC- Access Control de 8 bits trata de um token ou de um frame de dado e indica igualmente a prioridade do frame.• FC- Frame check sequence de 6 bits para controlar e 2 bits que indicam o tipo de transmissão.• MAC de destino- endereço MAC de 6 bytes da estão á qual se destina o frame.• MAC de origem- endereço MAC da estação que enviou o frame.• Dados (4Mbps) minimo de 64 bytes e maximo de 4192 .• FCS- Frame check sequence de 32 bits tarta da verificação de erros.• ED- Enddending Delimiterde 8 bits que indica o final do frame.• FS- Frame status de 8 bits que indicam se o frame foi ou não lido.
  9. 9. FDDITecnologia que permite suportar 500 estações numa distancia maxima de 100Km , utiliza os cabos UTP,STP e FO. Permite que as estações se encontremnuma distancia maxima de 2Km uma da outra. Nos nós de rede encontram-se estações ou concentradores que podem estar ligados a um ou dois anéis dependendo do tipo de nó .Existem 4 tipos de nós que são : • SAS – Single Attachament station de classe B; • DAS – dual attachament station de classe A ; • SAC- single attachament Concentrator de classe B ; • DAC – Dual attachament Concentrador de classe A .
  10. 10. TOPOLOGIA DE REDEEstrela: Todos os equipamentos de rede ligam-se através de um dispositivo central normalmente um Hub/Switch. Utiliza os cabos : UTP/STP, e cabos de pares trançados. É mais utilizado nas redes locais (LAN); Como usa um equipamento de ligação entre os computadores o cabo utilizado tem de ser maior. Numero limitado de portas. Tem como vantagem a fiabilidade e a velocidade, mas se o dispositivo avariar toda a rede fica sem funcionar.
  11. 11. Barramento: Todos os equipamentos estao ligados apenas pelo um único canal. É utilizado em LAN pois necessiota de pouco equipamento e as ligações são fáceis de configuar. Deixou de ser utilizado pela sua pouca velocidade. O terminador refere-se a um equipamento que garante a comunicação.
  12. 12. Árvore: Existem vários equipamentos de ligação que ligam os vários dispositivos numa estrutura de árvore. Usam switchs,hubs e routers. Cada switch,hub liga-se á vários computadores na sua propia zona criando LANs . A sua vantagem é o facto é em caso de avaria permitir detectar o sitio onde se deu o erro.
  13. 13. Malha: Utilizada em rede WAN , os dispositivos ligam-se entre si . A sua vantagem é que reside na possiblidade de existirem vários caminhos disponiveis para atingir um destino. A sua desvantagem é a grande complexidade da rede e o preço dos equipamentos ( routers).
  14. 14. Anel: Os diversos equipamentos encontram-se ligados entre si formando um anel fechado. É usado em LAN, CAM e MAN. Consiste em ligar os computadores em anel evitando colisões. A sua desvantagem é a fiabilidade . E se um cabo de danificar os pc’s deixam de estar ligados á rede.

×