Calculo da cesta basica

3,090 views

Published on

Projeto do calculo da cesta basica na cidade de Bandeirantes-Pr.

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
3,090
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
80
Actions
Shares
0
Downloads
13
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Calculo da cesta basica

  1. 1. CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS, DA SAÚDE, EXATAS ETECNOLÓGICAS DO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE BANDEIRANTES ADMINISTRAÇÃOCALCULO DO CUSTO DA CESTA BASICA EM BANDEIRANTES - PARANA Prof. Me. José Antonio Marcelino Bandeirantes 2012
  2. 2. OBJETIVO DO PROJETO Avaliar o custo mensal da Cesta Básica em Bandeirantes; Verificar o número de horas de trabalho necessárias ao indivíduo que ganha salário mínimo, para adquirir a Cesta Básica; Fazer o acompanhamento da evolução de preços dos produtos da Cesta Básica em Bandeirantes, comparando com as cidades pesquisadas pelo Dieese.
  3. 3. JUSTIFICATIVA Bandeirantes está localizado a norte do Estado do Paraná, na micro-região de Cornélio Procópio. O Município tem como sua principal atividade econômica o cultivo da cana-de-açúcar com produção media ano de 941.000 (t), envolvendo com Mao de obra direta no setor segundo Ipardes (2010), 7.000 pessoas, as demais 7.400 estão alocadas nos setores de comercio 2.500 pessoas, educação 1.100 pessoas, serviços domésticos com 1.700 pessoas, setor publico e saúde 1.000 pessoas e outros serviços coletivos com 1.100. Com 32.994 habitantes, Bandeirantes apresentou em 2007 o índice de IDH-R de 0,681, para muitos o custo de vida é considerado alto. Muitos se espantam com o alto valor dos aluguéis, preços dos produtos alimentícios, prestadores de serviço, entre outros.
  4. 4. JUSTIFICATIVA É sabido que embora o cidadão mantenha determinada cesta de mercadoria, a qualidade desses produtos pode ser afetada em face da elevação do seu preço, ou seja, o indivíduo, como o preço do bem se elevou, poderia deixar de comprar aquele bem, substituindo-o por outro semelhante, mas de qualidade inferior. Entretanto ao fixarmos os produtos da Cesta Básica termos referência para comparar o custo da Cesta Básica de Bandeirantes com as cidades analisadas pelo Dieese. A quantidade de horas trabalhadas necessárias para se adquirir a Cesta Básica, nos permite comparar as cidades entre si e observar as variações regionais do custo da ração, estabelecida como mínima para um adulto repor suas energias gastas durante um mês de trabalho.
  5. 5. PUBLICO ALVO População economicamente ativa do município. Dentro de uma previsão de divulgação da informação para um grupo estimado de 8.000 famílias.
  6. 6. METODOLOGIA Para definição e especificação dos produtos (marca, tipo, etc) de cada produto, será feita uma análise junto as maiores redes alimentícias da cidade de Bandeirantes. Serão feitas duas tomadas de preços mensais, na segunda e quarta terças-feiras de cada mês. A partir das duas tomadas de preços dos supermercados, encontra-se o preço médio de cada produto. A partir do preço médio de cada produto, fazem-se as devidas conversões para as quantidades da Cesta Básica para o estado do Paraná, e a soma é o custo mensal da Cesta Básica.
  7. 7. METODOLOGIA Obtido o valor da Cesta, é feito o cálculo das horas que o trabalhador que ganha salário mínimo precisa trabalhar para comprar a Cesta Básica. Para isso divide- se o salário mínimo vigente pela jornada de trabalho adotada na Constituição (220hs/mês). Aplica-se então a seguinte fórmula: ,.,X= (custo da cesta básica/salário mínimo) x 220.
  8. 8. CONTRIBUIÇÕES DO PROJETO Com este projeto espera-se que os moradores de Bandeirantes tenho um maior conhecimento sobre a evolução do preço da cesta básica dentro do seu município em relação as cidades vizinhas. Atingindo desta maneira as 8.000 famílias que residem nesta comarca. Trazendo assim uma maior aproximação da universidade com a comunidade de Bandeirantes.
  9. 9. REFERÊNCIAS CONFORTE, Alessandra Cristina. Arranjo produtivo local da soja em Chapadão do Sul-MS. Campo Grande, 2006. 116 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Local) Universidade Católica Dom Bosco, Campo Grande-MS. DIEESE - DEPARTAMENTO INTERSINDICAL DE ESTATÍSTICAS E ESTUDOS SOCIOECONÔMICOS. Cesta Básica Nacional, Metodologia.Disponível em: <http://www.dieese.org.br/rel/rac/metodologia.pdf> Acesso em 10 Dez. 2011. IPARDES – INSTITUTO PARANAENSE DE DESENVOLVIMENTO ECONOMICO E SOCIAL. Cadernos Municipais Município de Bandeirantes, 2011. Disponível em: http://www.ipardes.gov.br/cadernos/Montapdf.php? Municipio=86360&btOk=ok Acesso em 10 Dez. 2011

×