Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Empresas PúBlicas Municipais

2,342 views

Published on

Published in: Business, Technology
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Empresas PúBlicas Municipais

  1. 1. jL Saldanha Sanches <br />Universidade Católica portuguesa<br />15 de Julho de 2009<br />www.saldanhasanches.pt<br />Empresas Públicas MunicipaisRegime Fiscal<br />
  2. 2. Objectivos do curso <br />Caracterização do regime fiscal das EPM e sua relação com o IRC <br />Princípios essenciais da quantificação do lucro<br />Definição dos principais deveres de cooperação <br />www.saldanhasanches.pt<br />
  3. 3. As EPMs como sujeito passivo do IRC<br />Isenção e sujeição fiscal – O Estado, as Autarquias locais, os Institutos Públicos<br />As entidades públicas com natureza empresarial<br />O dever de declarar a actividade e de ter contabilidade organizada<br />www.saldanhasanches.pt<br />
  4. 4. O lucro das empresas<br />A determinação do lucro de acordo com a contabilidade<br />Fluxos monetários, ganhos e perdas<br />O lucro e a situação de caixa <br />www.saldanhasanches.pt<br />
  5. 5. As amortizações<br />Os activos adquiridos para utilização prolongada (não correntes)<br />www.saldanhasanches.pt<br />
  6. 6. A quantificação das amortizações <br />www.saldanhasanches.pt<br /><ul><li>Ex1: a amortização de um veículo ligeiro de transporte de passageiros</li></li></ul><li>A quantificação das amortizações <br />www.saldanhasanches.pt<br /><ul><li>Ex2: a amortização de um edifício</li></li></ul><li>Amortizações/mais e menos-valias<br />www.saldanhasanches.pt<br />Normalmente =<br />
  7. 7. A quantificação das amortizações <br />www.saldanhasanches.pt<br /><ul><li>Ex1 (cont): a amortização de um veículo ligeiro de transporte</li></li></ul><li>Amortizações/custos<br />www.saldanhasanches.pt<br />Normalmente =<br />
  8. 8. As provisões<br />Uma despesa futura provável mas incerta<br />Uma despesa de difícil quantificação<br />www.saldanhasanches.pt<br />
  9. 9. Balanço sem provisões<br />Balanço com provisões<br />www.saldanhasanches.pt<br />As provisões como custo<br />
  10. 10. As mais e menos-valias <br />Mais e menos-valias latentes<br />Mais e menos-valias realizadas<br />O reinvestimento das mais-valias <br />www.saldanhasanches.pt<br />
  11. 11. Os deveres de cooperação<br />A gestão privada das obrigações fiscais<br />As empresas como administradores dos impostos<br /> A substituição tributária <br />www.saldanhasanches.pt<br />
  12. 12. O dever de retenção no IRS<br />A retenção como substituição tributária<br />Dívida de salário e dívida de imposto <br />A retenção como uma forma de declaração<br />www.saldanhasanches.pt<br />
  13. 13. O IVA<br />Alienação de bens e prestação de serviços<br />O sujeito passivo do IVA<br />O direito à dedução do IVA suportado<br />www.saldanhasanches.pt<br />
  14. 14. IVA e consumidor final <br />A repercussão do imposto<br />A liquidação e a cobrança do IVA<br />A responsabilidade pelo pagamento <br />www.saldanhasanches.pt<br />
  15. 15. As isenções do IVA<br />As funções de soberania<br />As distorções da concorrência<br />O desporto e a cultura<br />www.saldanhasanches.pt<br />
  16. 16. As falsas isenções do IVA<br />O sujeito passivo isento como consumidor final<br />As taxas reduzidas de IVA<br />O direito permanente ao reembolso <br />www.saldanhasanches.pt<br />
  17. 17. O abuso de confiança fiscal<br />A não entrega do IRS retido<br />A não entrega do IVA cobrado<br />www.saldanhasanches.pt<br />
  18. 18. Taxas e preços<br />O poder administrativo de cobrar taxas<br />Os limites do poder de taxar<br />Existência de mercado e taxas <br />www.saldanhasanches.pt<br />
  19. 19. www.saldanhasanches.pt<br />jlsaldanhasanches@gmail.com<br />www.saldanhasanches.pt<br />

×